terça-feira, junho 02, 2009

Na Baixa.

Experiência esotérica: uma sessão de autógrafos com os livros perdidos pelo caminho ou simplesmente atrasados:). O habitual desenrascanço português, "assine-me este, doutor". E eu dei comigo a assinar livros com fórmula curiosa, "um abraço para... e um pedido de desculpas a...", que os autores e Deus me perdoem!
Estava na Baixa à hora de jantar, coisa rara. As oportunidades devem ser aproveitadas, demandei o Buraco e os braços do Senhor Manuel, que me acolheu com ternura imerecida, há muito que lhe devia a visita. As recordações de meu Pai e da sua tertúlia. A gratidão devida - ensinaram-me a ouvir e conversar. (Ao que parece, vem a caminho placa na parede com os nomes dos convivas daqueles almoços ao Sábado.) O meu velho acariciando com o garfo o empadão - definido como prato favorito por já mastigado:) -, antes de brandir humor com tanto de afiado como de terno, os outros aceitavam o desafio com enorme gozo; eu aprendia. Aparentemente, nos intervalos da cavaqueira com o Senhor Manuel, jantei sozinho. Mas não é verdade, senti-lhes o aceno aprovador. Não a todos... Sou psi, as minhas paranóias moldam realidade e fantasmas, quase podia jurar ter ouvido a voz de meu Pai, gentil e firme, como sempre - "já não era sem tempo, meu filho". Com razão, mas a saudade transforma cada visita num prazer doloroso. Vocês sabem, não é?
Chegado a casa, assisti ao desespero de clientes de um Banco, exasperados por terem abusado da sua confiança e agora também da paciência. Salvo as devidas comparações, esses amargos de boca não me são desconhecidos. O último exemplo foi paradigmático de um determinado tipo de sociedade. Um senhor que nunca vira propôs-me um programa de televisão em nome de uma empresa chamada Capital Mix. A hipótese agradou-me e à Ana Mesquita, ao prazer da conversa juntava-se a habitual gentileza de Serralves, que punha jardins e exposições nas nossas mãos. Quanto a condições materiais, aceitei as propostas e ponto final.
Mergulhei no programa e abstraí de tudo o resto. Semana após semana ouvia dizer que o contrato seria assinado na seguinte. Foram passando... E chegámos à última gravação sem um euro pago ou papel assinado, as mulheres pensam melhor e mais rápido, a Ana foi transparente - "sem contrato não gravo". E um outro senhor chegou de Lisboa, nosso admirador de imediato confesso, não menos rápido a culpar terceiros, quartos e quintos pelo atraso do preto no branco, em punho um contrato ainda virgem mas já com uma adenda que atrasava os pagamentos, a Capital Mix era vítima e não algoz. Adenda aceite.
Primeiro pagamento sem problemas, segundo incompleto, inexistente o último. E as responsabilidades de novo distribuídas por quem sabíamos ter cumprido as suas. O que pacientemente salientei. Ainda recordo a resposta: "só lamento que outros não cumpram e seja eu a passar por mentiroso". Exausto, rendi-me à evidência e entreguei o caso ao meu advogado. Que gastou latim e cordialidade. Para receber silêncio em troca. Tribunal e mais silêncio. Acção ganha, como seria inevitável. Vocês adivinham o episódio seguinte da telenovela - tentativa de penhora, nada passível de ser penhorado... Passaram quinze meses e uns milhares de euros, destinados a pagar o meu trabalho, acoitaram-se em outros bolsos que não os meus.
Talvez sejam estes comportamentos a justificar triste frase - o mundo é dos espertos. Devo confessar que a palavra me parece... raquítica:(.
Vou repetir - salvo as devidas comparações!, porque vi pessoas desesperadas no ecrã e esse não é o meu caso. Desejo-lhes justiça. Mas talvez precisem também de sorte e influência política...

36 comentários:

thorazine disse...

Uiii..nem a indústria televisiva foge às garras da impostoríce! Visto que não há nada para penhorar, a empresa já deve estar dissolvida, é caso para dizer que "berraram" :S.

PS (moralista) - Devia ter dado ouvidos à Ana! O mulherio tem olho clínico para estas coisas.

PPS - Não sei se é bem olho clínico, pode ser mesmo o caso de desconfiarem sempre de tudo e algumas vezes hão-de acertar.. :))

andorinha disse...

As pessoas não honram os seus compromissos e estão-se nas tintas.
É absolutamente deplorável o que se passa neste país.
De facto, é a chico-espertice em acção...

Eu ia agora escrever um chorrilho de palavrões, mas como este é um blogue decente não o faço; deixo-os à vossa imaginação:)

Mas fico mesmo furiosa com estas m....., esta e outras que são o pão nosso de cada dia.

Quanto ao restaurante o Buraco e à sua pergunta, sabemos, sim.
:)

Fora-de-Lei disse...

thorazine 11:18 PM

"Devia ter dado ouvidos à Ana! O mulherio tem olho clínico para estas coisas."

Eu gostava de saber se também lhe davas ouvidos ou se te perdias "noutras linhas de raciocínio". É muito fácil falar... ;-)Quanto à situação actual da "Capital Mix", basta fazer uma visita ao seu website...

andorinha disse...

Thora,

As mulheres são mais precavidas porque já estão habituadas a ser exploradas, não sei, penso eu de que...:)

E somos mais argutas, também:)

Su disse...

prof...mas desde qd alguem faz algo gratuito.............

--sem contrato---------------ops isso foi um desvairo............

justiça..ok brinca, gosto desse seu bom humor

para a frase..o termo raquitico até é rasteirinho:))))))))))


jocas maradas.......sempre "pro bono"

andorinha disse...

FDL (11.51)

Sempre o mesmo brincalhão.

Não sabia que agora se chamavam "outras linhas de raciocíno":)Loooool
Bem digo eu que contigo aprendo sempre.
:)

thorazine disse...

FDL,
realmente eu acho que também trabalhava sem contrato.. :))

Andorinha,
olha que isso nem sempre é sinal de evolução. :)). Os animais prevêem os terramotos e nós não.. :D

A Su tem razão, em último caso trabalhou para o vocalista dos U2, "Pró Bono". ;))

thorazine disse...

"Com razão, mas a saudade transforma cada visita num prazer doloroso. Vocês sabem, não é?"

Prazer doloroso. À falta de melhores palavras é isto!
O desafio é mesmo saborear o passado sem exigir o presente..pfff

cabecinhapensadora disse...

A saudade é um bom sintoma de algo que foi ou é. Não sei se será apenas português tal sentir. Ainda que admita a novidade do vocábulo.
Su
tem razão.

A Menina da Lua disse...

A TV não paga???

Incrível! Não fazia a mínima ideia que isso fosse possível nesta instituição que trabalha inclusive com imagem pública, a começar por ela própria!:(

"- o mundo é dos espertos. Devo confessar que a palavra me parece... raquítica:(."

A mim tambem:)

Claratje disse...

Quando falou em desenrascanço só me lembrei da publicação do site norte-americano "Cracked" com um um artigo, em genero de Top 10 com as melhores expressões estrangeiras, e que em primeirissimo lugar tinha:
Desenrascanço (Portuguese) means: to pull a MacGyver.
(http://www.cracked.com/article_17251_p2.html)
Será que há um MacGyver escondido algures dentro de si?

lobices disse...

...ouvi dizer que em relação ao caso do BPP, o M das Finanças já tem a solução (positiva) para os clientes reclamantes, só que está à espera da altura das eleições..........
(sic ouvido ontem na tv)

Acordem disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mar disse...

"..., mas a saudade transforma cada visita num prazer doloroso. Vocês sabem, não é?
Acho que sim.
Este prazer tem 2 dimensões: Porque é que já não estás aqui?/ Que bom que te tive aqui! No princípio, a pergunta asfixia a afirmação. Depois, com o tempo, é a afirmação que asfixia a pergunta. É uma transição muito lenta. Só o tempo... tudo cura.

Fora-de-Lei disse...

Mar 6:09 PM

É uma transição muito lenta - É uma muito lenta transição

Só o tempo tudo cura - Só tudo cura o tempo

Muito obrigado a todos - A todos muito obrigado

Nuno Guimas disse...

Professor...

Bem vindo ao Portugal de 2009!

:(

thorazine disse...

Hoje ao reouvir (e a deliciar-me n') o Manifesto Anti-Dantas reparei que ele fala "Nos Vaz"! Pela lógica só pode ser o seu bisavô!

"E os Vaz, o Estrela, os Lacerda, os Lucena, os Rosa, os Costa, os Almeida, os Camachos, os Cunhas, os Carneiros, os Barros, os Silva, os Gomes, os velhos, os idiotas, os imbecis, os párias, os ascetas, os arrangistas, os impotentes, os acelerados, os Lopes, os Peixotos, os Mota, os Godinho, os Teixeira, os Camar, o diabo que os leve, os Constantino, os Grave, os Mantua, os Bahia, os Mendonça, os Brazão, os Alves, os Albuquerques, os Sousa, e todos os Dantas que houver por aí!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!"

:)

Cê_Tê ;) disse...

Boa noite;)
O bom de todo o Benfiquista é que não tem nada a declarar no IRS.
(;))

thorazine disse...

Mary Roach: 10 things you didn't know about orgasm
http://www.youtube.com/watch?v=7jx0dTYUO5E

Factos muito curiosos.. :))

lobices disse...

Ora leiam aqui, faxavôre:
http://www.ionline.pt/conteudo/7366-homossexualidade-nao-e-uma-doenca-mas-trata-se

Fora-de-Lei disse...

lobices 11:21 AM

A homossexualidade não é uma doença mas ninguém gosta de a ter... ;-)

lobices disse...

Artigo redigido por uma menina de 8 anos e publicado no Jornal do Cartaxo. Uma delícia!
-----------------------------
'Uma Avó é uma mulher que não tem filhos, por isso gosta dos filhos dos outros. As Avós não têm nada para fazer, é só estarem ali. Quando nos levam a passear, andam devagar e não pisam as flores bonitas nem as lagartas. Nunca dizem 'Despacha-te!'. Normalmente são gordas, mas mesmo assim conseguem apertar-nos os sapatos. Sabem sempre que a gente quer mais uma fatia de bolo ou uma fatia maior. As Avós usam óculos e às vezes até conseguem tirar os dentes. Quando nos contam historias, nunca saltam bocados e nunca se importam de contar a mesma história várias vezes. As Avós são as únicas pessoas grandes que têm sempre tempo. Não são tão fracas como dizem, apesar de morrerem mais vezes do que nós.
Toda a gente deve fazer o possível por ter uma Avó, sobretudo se não tiver Televisão'.

Mar disse...

lobices,
"Uma Avó....". Uma delícia.
Obrigado.

paula disse...

lobices, «As Avós são as únicas pessoas grandes que têm sempre tempo», já conhecia o texto, mas é tão verdade!!! já não tenho avó, mas os meus filhos sim, e sempre aquele sem pressa, aquele saber não se importar com o tempo que passa, e que às vezes tanto nos desespera sempre com horários para cumprir.

«As Avós usam óculos e às vezes até conseguem tirar os dentes», a minha, metia os dentes ao bolso quando a incomodavam :)))... e ria-se com isso... a minha avó fazia-me torradas com manteiga e lanchavamos na sala de estar, como se o tempo não fosse passar...

A minha avó, esta de que falo, chamava-se Dulce Esperança - nunca ouvi nome mais bonito...

Obrigada lobices, obrigada vovó, obrigada mãe, avó dos meus filhos!

thorazine disse...

Alguém viu o vídeo sobre " estimulação suína"? :)))

PS - «As Avós são as únicas pessoas grandes que têm sempre tempo» ! É verdade! As minhas ainda são vivas.. :)

thorazine disse...

São ou estão? :D

yulunga disse...

Bom dia maralhal.

Sem contrato, pois...
Acredito que com o pai que teve a palavra de honra lhe foi ensinada como valendo por vezes mais do que um papel escrito e assinado.
Também achava. E continuo a achar.
O mundo, ou esse mundo, não é dos espertos`; é dos "filhos da puta" mesmo.
Desculpe, sim Dr.?

Range-o-Dente disse...

Caro Machado Vaz,

Desculpe entrar por aqui dentro. Não sei se terá abordado a coisa a que venho, dei uma vista de olhos no Murcon e não encontrei.

Ouvi-o um dia destes na RDP sobre a história da distribuição que aparentemente se anuncia de pílulas, preservativos, pílulas do dia seguinte, em moldes de pazada.

Posso ter entendido mal, mas parece-me que o Júlio começa a suspeitar que o processo da “educação sexual” vai descambar completamente.

Eu sou atacado de renitência às modernidade pelo simples facto do seu anúncio se fazer sempre pela régua das intenções e se apontar o que ela substitui pelo prumo dos efeitos nefastos.

Acontece que antigamente se ‘importavam’ sopeiras para, entre outras coisas, permitir que os jovens se “iniciassem” (as pálpebras resolviam, como ainda resolvem, muita coisa).

Pois, a verdade é que já por várias vezes oiço papás (sou macho - mesmo) de catraios referirem que os respectivos rebentos lhe contam, quase sempre de forma despreocupada, que uma ou outra teenager da escola onde andam os convidou para “curtir”. Parece que os putos, pelo menos pelo que me foi contado, perceberam exactamente onde elas queriam chegar mas levaram a coisa na desportiva dando tampa e contando ao(s) pai(s).

Os tempos mudaram, os ‘paradigmas’ são outros, mas continuo com a impressão que pouco a coisa mudou. Em boa verdade, se alguma coisa mudou foi a desfaçatez com que se tornaram perfeitamente aceitáveis coisas que até os que defendiam a régua recusavam em tempo corte do fio de prumo.

Enfim, gostaria que opinasse sobre este assunto aqui mais consubstanciado:

http://fiel-inimigo.blogspot.com/2009/05/quanto-mais-estado-mais-chamuscado_26.html

Serão casos de excepção?

RoD

Julio Machado Vaz disse...

Caro Range,

Há trinta anos que me bato por um modelo de educação sexual. Que fala de abstinência e inclui as DST e a contracepção nos currículos (com avaliação obrigatória!). E explica aos jovens e menos jovens que a liberdade é incompatível com a exploração de corpos e almas. Se isto é ser reaccionário, so be it:).

Cê_Tê ;) disse...

Professor
Ainda não tive a oportunidade de consultar o que foi aprovado mas professor, sobre DST, contracepção e modificações fisicas/fisiológicas que acompanham em particular a Adolescência há muito que faz parte dos curricula. CNaturais - 9º ano é disso exemplo. São temas obrigatórios cujas aprendizagens são avaliadas como todas as outras. Se é disso que fala é uma falsa nova-medida.
(Mas confesso que ainda não tive tempo parã ler nada- só confirmei a existência de informação nos sites que gentilmente divulgou)

Range-o-Dente disse...

JMV:

"a liberdade é incompatível com a exploração de corpos e almas."

É essa, justamente a razão porque lhe não vão dar ouvidos. E serão justamente os "progressistas", mais que os padres, que o sabotarão.

Os tempos são de 'what does your gut tell you?'.

Chapelada.

asas disse...

range-o-dente (só um?)
até parece que o JMV vai fazer sozinho a 3ªrevolução sexual do planeta ahahahah, já muitos e bons o ouviram e continuam a ouvir.
.....
neste caso não são os progressistas (?)(não estaremos a sintonizar a mesma ideologia, talvez!), mas sim,
os cabrões dos hipócritas e falsos moralistas, que, juntamente com a igreja continuam a sabotar todo e qualquer modelo que interfira com os cânones instituidos por eles e para eles(?)!

esses, estão escancarados à vista de todos! a hipocrisia e a desonestidade intelectual!
depois, pedem desculpa, idiotas de merda!

nunca foram os Progressistas a comerem os meninos ao pequeno almoço, não, nem a manipularem as massas para o medo do inferno!

sabemos bem, os que vemos, ouvimos e lemos, que a liberdade sempre foi incompatível com exploração dos corpos e das almas e sabemos porquê! também sabemos a quem isso não serve mesmo nada, e o porquê, também sabemos!

por isso, os Progressistas em consciência, continuam a exigir que a liberdade seja cumprida em prol dos direitos que cada ser humano tem, de viver o seu corpo e a sua alma, sem sentir culpa de habitar um corpo VIVO em consciência, negando a exploração
de ajoelhar aos pés (do monsenhor), e ter de rezar! ou quem sabe, fazer penitências levadas da breca no confessionário e depois, desfiar terços em catadupa para não ir para o Inferno!

hás-de apresentar-me os "teus amigos" progressistas que não darão ouvidos a quem sempre teve a ética de defender olhos nos olhos aquilo em que acredita e de ter uma postura justa e imparcial perante os algozes do obscurantismo sexual em que o país de encontra mergulhado!

querem buracos com chamas a arder? metam-se lá todos de uma vez! "corja de charlatães e de vendidos que só sabem, parir (moral) abaixo de zero"!
Morra o Dantas Morra PIM, já dizia o Almada!

É preferível que os nossos jovens andem por becos e ruelas (ignorando), a viver o que lhes é de direito, que as mulheres continuem a morrer como tordos às mãos dos "curiosos" porque a despenalização do aborto foi mais uma pedrinha no saco da hipocrisia para calar as gentes...que as doenças infectocontagiosas continuem a propagar-se, porque os VARÕES DA LEI, são conta o uso do preservativo, que os homossexuais sejam olhados como doentes, com os quais se tem de ser tolerante! FILHOS DA PUTA!
PANELEIROS DE MERDA! FOMENTADORES DA IGNORÂNCIA E DA MISÉRIA HUMANA!

EXPLORADORES DE ALMAS E DE TANTOS CORPOS INOCENTES! E Deus, DEUS, serve para tudo...DEUS, nada tem a ver com os vendilhões do Templo. deviam ter vergonha! Grandes Demagogos!

Range o dente, só por curiosidade; onde te situas no meio disto?

Sabes, a Juventude e as pessoas em geral, estão mais atentas do que possas imaginar e acredita que se isto não mudar a bem vai mudar a, muito mal!

E sabes, as coisas que estão escritas e bem ditas, comprovadas cientificamente, fazem eco nos tempos e nas ideias. é uma questão do tempo ter tempo para sintonizar as memórias.

vai...vai...
disse Salomão

Vai em Paz e que um Senhor te acompanhe
Ámen

*)

noiseformind disse...

Eu continuo na minha... prefiro os traficantes de pedras preciosas brasileiras aos empreendedores lusos: ao menos com os primeiros basta levar 3 ou 4 capangas armados para se ter a certeza de que se sai do negocio sem se ser enganado. :)


E por causa destas e de outras e que o unico sistema legal valido que indico nos meus negocios passivel de resolver as disputas e: "nao cumpres, mando alguem partir-te as pernas ao teu filho recem-nascido". E uma selva la fora...

Range-o-Dente disse...

Asas:

"neste caso não são os progressistas (?)(não estaremos a sintonizar a mesma ideologia, talvez!), mas sim,
os cabrões dos hipócritas e falsos moralistas, que, juntamente com a igreja continuam a sabotar todo e qualquer modelo que interfira com os cânones instituidos por eles e para eles(?)!"

Bem isso leva-nos à velha mania: a nossa ideia é excelente mas, se der mau resultado a culpa é dos outros.

asas disse...

Velha mania só se for para ti!estás então mal habituado! a culpa é sempre nossa, coisinha, em qq dos casos!

falta de ética ou honestidade moral tanto faz!chama-lhe o que quiseres e olha: aspira-te!

André Couto disse...

Professor, já agora só mais uma acha para a fogueira:

O que nos diz sobre o facto da candidata à Presidência da Câmara do Porto ter sido eleita para... Estrasburgo?

Confiança na vitória? :))

Dar uma dimensão mais europeia ao Porto? :))))))

Ou "tachismo" hardcore?

Abraço.