segunda-feira, fevereiro 20, 2012

História simples de uma derrota que complica muito o futuro.

Vamos ser justos: os jogadores foram medíocres e perderam no campo, mas Jesus começou a perder antes, quando resolveu ser genial e deixar Witsel de fora. Com Javi o Benfica sofre sempre um golito - de preferência numa bola parada... -, imagine-se com Matic no seu lugar e Pablito ao lado! Enfim, os desígnios do Senhor e de Jesus são imperscrutáveis...:). Parabéns ao Vitória que se bateu muitíssimo bem!

P. S. Acabo de ver a entrevista de JJ. Errar? Eu?????:))))).

88 comentários:

andorinha disse...

Júlio, perder uma batalha não é perder a guerra. Continuamos na frente e com todas as condições para lá nos mantermos até ao final.
Não agoire, homem!:)

E dá os parabéns ao Vitória????????????
Eu não o entendo...Lol

P.S. Amanhã não deixe o Miguel Guedes levantar cabelo...:)

Pedro@eondoicspot disse...

Concluindo e resumindo: Neste momento duas equipas só dependem de si para ganhar o campeonato.

Interessada disse...

Julio

Na realidade não percebo nada do desporto futebol, mas olhe que o Sporting é um bom exemplo para os de fora de campo perceberem que treinador é só um, o que trabalha com os jogadores.

Interessada disse...

Menina

"E já agora que sejamos principalmente muito bonzinhos:))) para com os outros! que infelizmente é o que mais falta:("

Quer dizer ser condescendente, com quem à falta de atinjir o significado de um argumento o apelida de frase feita?
Nunca com provocadores ignorantes. Isso já era falta de amor próprio.
Tenho condescendido com tanta baboseira e mesquenhice! – não é suficiente?
Se tivesse o seu mail acessível, teria condescendido mais uma vez.
Como vê, não chega a boa-vontade. Somos humanos.

Fora-de-Lei disse...

Pedro@eondoicspot 11:37 PM

"Concluindo e resumindo: Neste momento duas equipas só dependem de si para ganhar o campeonato."

Mas o Braga é capaz de ainda ter qualquer a dizer...

Concluindo e resumindo: a média de edição de posts deste blog sobe subitamente sempre que o Glorioso escorrega em qualquer lado.

Eu sei que o Professor foi o próprio a dizer no "Trio de Ataque" que estava bastante receoso dos jogos de Guimarães e de Coimbra. Não era o único. Mas também disse que receava - e de que maneira - as lesões em São Petersburgo. Também não era o único. Mas, como se viu, nenhuma lesão resultou do frio extremo ou, acima de tudo, do mau estado do relvado. A única lesão resultou daquilo que todos sabem. Fico, pois, curioso por ver o que é que o Professor irá amanhã dizer sobre estes seus receios antecipados.


"Parabéns ao Vitória que se bateu muitíssimo bem!"

Não percebo esses parabéns porque, sem quaisquer filtros, o resultado mais justo até era o empate...

rainbow disse...

Boa noite:)

Abstenho-me de comentar, pois de futebol nada entendo.

Mas posso deixar o som da Vanessa Mae:

http://www.youtube.com/watch?v=5xyUSJ33mEs&feature=related

Interessada disse...

@FDL "Não percebo esses parabéns porque, sem quaisquer filtros, o resultado mais justo até era o empate..."
Reconheça que o facciosismo não lhe permite ver o filtro, meu caro.
Segundo entendi, o Julio só elogiou o esforço.

Rain

Fez a melhor jogada da noite.
Os meus parabéns pelo bom gosto.

Fora-de-Lei disse...

Interessada 12:17 AM

"Reconheça que o facciosismo não lhe permite ver o filtro, meu caro. Segundo entendi, o Julio só elogiou o esforço."

Elogiar é uma coisa; dar os parabéns, é outra !

Uma equipa que perde merece, tantas vezes, um elogio pelo esforço desenvolvido. Mas não merece os parabéns, como é óbvio. "Parabéns pela derrota" seria algo caricato, não acha ?!

A não ser que, quando a Interessada fizer anos, considere normal que alguém lhe diga: "parabéns pelo esforço de ter(es) chegado até aqui"... ;-)

Interessada disse...

FDL

Obviamente que sim.
Já a caminho dos sessenta, olhe que tenho muita obra feita ;)

Under Pressure

Interessada disse...

E muita obra desfeita :))) Depende do ponto de vista.

Cê_Tê ;) disse...

(Pooooooooooooortinho!!!! ;))) "Até os comemos, carago," ,D)

É um mistério como os homens (em geral) herdam essa capacidade que dá ares de inata para analisar as lides futebolísticas!!!!! E a falta de empatia sólida para com os "seus" líderes: este Jesus, por exemplo, já foi crucificado nx, coitado e ainda nem entrámos na quaresma e já tem os pregos nas mãos... tsts

Cê_Tê ;) disse...

E até acho que o Jesus deve ser para aí professor de EVT!

Interessada disse...

CT

e frequentador deste site?

Pedro@eondoicspot disse...

Bea,

Concerteza que aprendeu muito com o seu avô. (fixe)

Pedro@eondoicspot disse...

FDL,

A "BOLA" também é da mesma opinião: "Vitória relança o campeonato". Também não me desagadaria ver o Braga a disputar o titulo.

Um Bom Carnaval para Todos.

Pedro@eondoicspot disse...

Concertaza que no subconsciente do Pintinho a reconciliação com o Guimas é uma realidade:)

Pedro@eondoicspot disse...

Mas a noticia de hoje é que a Famosa "Troika" está cá e o nosso Primeiro tem metade do país parado um sinal de obdiência que o Passitos queria dar á Troika. Mas sai-lhe furado.

Eu vou contribuir com oque posso para o páis ainda ganhar algum.

Ora Bem: PIB a dividir 365 e multipicado por dois. É dinheiro! Mas pelos vistos temos que dividir por dois. Passos a fazer contas dessa maneira nem num Governo de Gestão.

Mascarem-se o Ano Inteiro que isto de andar vestido faz perder muito tempo.

Bom Almoço.

bea disse...

Pedro

Aprendi que a vida não tem que se viver com muito artefacto; e outras coisas pequenas que são de viver.

Pedro@eondoicspot disse...

Bea:)

Concordoissumamente!

Quem me mandou a mim meter com pessoal da pesada. (uma reposição) :

http://youtu.be/RS3iB47nQ6E

Manuel disse...

Prof.
Parece que finalmente está a descolar do «pequeno-grande treinador JJ».
Mais vale tarde do que nunca.
Com o plantel deste ano, muito melhor do que o de há dois, qualquer bom treinador fazia maravilhas, podia fazer desta equipa um (quase) verdadeiro Barca (apesar da falta de um Messi).
Mas enfim, cada um tem o Pepe Guardiola que merece. E também o Sandro Rossel.
Com menos equipa do que esta do SLB viu-se o que o Mourinho fez no FCP.

Cê_Tê ;) disse...

@Interesada, ;))) quem sabe?! Interessante o site.;P a coincidência de 90 minutos está bem apanhada!;)

Pedro@eondoicspot disse...

Cê_Tê ;)

Você apanha cada uma! Eu nem sei oque é EVT!

Como ainda é cedo para mandar fazer as fachas de campeão e nem tudo é "bola".

O pensamento liberta
A humildade preserva
O desporto enrriquece

Votos de uma boa tarde para todos!

free culture lisbon disse...

eu vou esperar por outro post do julio para comentar, é que o futebol a mim faz-me espécie.

free culture lisbon disse...

Pedro

EVT-Educação Visual e Tecnológica

Pedro@eondoicspot disse...

Free,

Obrigada!

...

Pedro@eondoicspot disse...

Professor,

Também já tive um médico a quem disse: " Quando as coisas correm bem o mérito é da medicina. Quando as coisas correm mal a culpa é do doente ". Para meu espento a sua resposta foi: " Mal seria se não fosse assim! ". Por isso J. Jesus não fez mais doque lhe é exigido. Como no outro post e com alguma razão as palavras da Mindinha: "Teimam!":)

bea disse...

Anphy

Numa curta folga de trabalho e sobre o citado livro:

Continuo a não encontrar motivo para o seu baba e ranho…e mais me deu a ideia da sabedoria da minha mãe, que se opôs à minha ida mais cedo para a escola. Eu uma das mãos no avental dela – diga-se que de braço esticado, parecia-me imensamente alta - e para uma prima, “aos sete tem muito tempo, fica a brincar mais um ano, só lhe faz bem”. E lembro-me da mão descida ao meu cabelo e dos meus dedos no fundo do bolso a mexerem-se, contentes, e sei que foi um dos momentos em que treinámos para uma só, sendo estreitas e duas.

Conheço algumas histórias como a do professor, talvez mais discretas e de maravilhosa normalidade: um dos meus amigos tem um filho que com ano e meio tirávamos-lhe a chupeta e o garoto, mal sabendo falar, lia todas as matrículas dos automóveis…na escola os professores chamaram inúmeras vezes os pais, queriam avançá-lo para a classe ou ano seguinte. E sempre chocaram com o não mais rotundo. A infância é o chapéu que melhor nos protege nas outras idades, por que cerceá-la?

E isto digo eu que ajuízo num guardanapo de papel; mas lendo o livro há coisas que saltam à vista e aquele alter ego tb não viu.

Fiquem bem, biépi

rainbow disse...

Boa noite:)

Bea,

Hoje fui ver o mar e o rio. Vi uns miúdos a andar de skate e lembrei-me de ti:)

Andorinha e Anfi,

"...Depois do pôr-do-sol, há sempre um período em que a luz e a côr do céu são esplêndidas, quando o sol acabou de se pôr, mas ainda espalha a sua luz pelo céu.
Francesca não respondeu, intrigada com aquele homem..."

Falaram do filme, aqui estou de novo a ler o livro:)
É uma perspectiva diferente e gosto de ambos.


Interessada,

Se gostou da Vanessa Mae, aqui fica outra dela, desta vez com Vangelis.
Para si e para quem quiser:

http://www.youtube.com/watch?v=FTui4w67XTc&feature=related

Bons sonhos

Impio Blasfemo disse...

“ …. A ciência dos futuros — disse Platão — é a que distingue os deuses dos homens, e daqui lhes veio sem dúvida aquele antiquíssimo apetite de serem como deuses. Aos primeiros homens, a quem Deus tinha infundido todas as ciências, nenhuma lhes faltava senão a dos futuros, e esta lhes prometeu o Demónio com a divindade, quando lhes disse: Eritis sicut Dii, scientes bonum et malum (sereis como deuses conhecendo o bem e o mal). Mas ainda que experimentaram o engano, não perderam o apetite. Esta foi a herança que nos ficou do Paraíso, este o fruto daquela árvore fatal, bem vedado e mal apetecido, mas por isso mais apetecido, porque vedado………” (In– História do Futuro - Padre António Vieira - http://www.triplov.com/letras/historia_do_futuro/index.htm)

Definitivamente o Padre António Vieira era da opinião que "o futuro a Deus pertence". A Deus e ao JJ, pelo que vejo.....

Saravá
Ímpio

Anfitrite disse...

O professor fez o que lhe pediram.
O pobre do Miguel até estava corado.

Mas o professor como já estava mais calmo, deixou jesus em paz. Não se esqueçam que amanhã já começa a quaresma. Vão receber as cinzas na testa para ficarem na graça de deus.

Interessada,

Anime-se!

http://www.publico.pt/Cultura/professor-de-direito-diz-que-novo-acordo-ortografico-e-inconstitucional-1533456

Mas ou muito me engano mas você já escreveu aqui de acordo com o AO que não tem valor legal, porque uma determinação do governo tem menos valor do que um decreto, ou portaria.

Anfitrite disse...

A Cristas tem fé e acredita que deus nos vai mandar chuva. foi esta a resposta que deu ppara a resoluçaõ do problema. Se não vier chuva- acrescentou que continuará a ter fé.

andorinha disse...

Anfitrite,

"O professor fez o que lhe pediram.
O pobre do Miguel até estava corado."

Fez? Uahu!!!! Boa!
Não vi hoje o programa porque uma amiga ligou-me a dizer que no programa do Futre na TVI24 ia estar o Rui Costa.
Não podia perder, é e será sempre o meu ídolo no mundo do futebol. Tenho uma foto com ele que está no meu quarto:)

Quanto ao AO é uma complicação. Sempre fui contra, mas na escola temos que o adotar, por isso fica uma confusão escrever nuns sítios de uma forma e noutros de outra.

A Cristas disse isso mesmo ou és tu que estás a inventar?:)))))))))
O que é que ainda iremos ouvir?

Durmam bem:)

Anfitrite disse...

Andorinha,
Juro pela minha saúde que ela diz isto, sem qualquer outra inter pretação, e ainda meteu mais umas palavras pelo meio.
Eu já disse que só falo da realidade. Não vou ppôr na boca dos outrso o que eles não disseram.
Quando dou a minha opinião é outra história.
Gosto muito do Rui Costa, mas por causa da selecção de 2004 o meu querido ficou a ser o Fernando Couto.
Não sei como tu consegues ouvir o Futre amandando sons pela boca fora.
Além disso a TVI está fora das minhas opçoes, pelo que foi e pelo que apresenta e representou.

Anfitrite disse...

Este é para os desportistas. Belos tempos em que os árbitros os tinham no sítio.

bea disse...

Bom Dia!

Andorinha

poissss...por decisão e hábito não assino petições. Julgo que a única que assinei até hoje e de imediato foi a do AO (poderei ter assinado outra, mas não tenho memória). Fui contra até poder. Em seguida, informei-me das novas regras com, julgo, a isenção e boa vontade possíveis. E dei conta dos casos práticos que não tinham sido pensados em termos de funcionamento da língua e estavam ao regime do acaso, das condições em que o mesmo foi tecido e acordado... e dos países que ficticiamente fazem parte; de, em vez da aproximação desejada por alguns - como se já não fossemos próximos ou o mesmo nos chegar mais - o AO refletir desconhecimento acerca da evolução natural de uma língua falada que sendo mãe de outra lhe é próxima sem ser igual, como os portugueses são próximos dos brasileiros mas não são eles, e parecer ele algo semelhante ao papel de Assunção Cristas que escorrega sem estranheza. E talvez ambos tenham razão: a sua função é passar sem entender onde pisam.
Um pouco idiota.

Anfitrite disse...

E eu que não gosto dos ingleses?!
Mas até aqui fomos reles e mesquinhos. Este coelho é que não os tem mesmo. É coelho e basta. Como será que ele pensa em como sair da crise e diminuir o desemprego? O problema é que ele não pensa mesmo, e tem mais medo da Angie do que da fisioterapeuta.

De qualquer maneira uma boa quarta-feira de cinzas, não tóxicas.

Anfitrite disse...

Faltou o link

http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?id_news=559677



Ainda temos de pagar a água que estes burros bebem.

http://www.publico.pt/Sociedade/parlamento-rejeita-beber-agua-da-torneira-porque-sai-30-mais-cara-do-que-a-engarrafada-1534706

Este pais não existe. É uma miragem, ou será um pesadelo?

Anfitrite disse...

Tá difícil. também faltou o endereço dos desportistas

http://www.ionline.pt/desporto/coroado-os-tres-benfiquistas-expulsos-ainda-faltou-aquele-penalti-neno

bea disse...

Rain

quando andava na primária vi pela primeira vez uns patins.
A professora gostava de levar para a escola umas primitas que eram o nosso enlevo, tudo as distinguia. Dentro da pobreza as distinções marcavam-se pelos pés - descalços, com chinelos, ou calçados com sapatos e botas que tinham tido outros donos. As primas da professora eram meninas, usavam meia branca e sapatinho de verniz com presilha. Para os nossos olhos de encanto, princesinhas. Depois havia os lanches embrulhados em papel de alumínio que nunca tinhamos visto uma prata tão grande, um pão que não conhecíamos barrado com manteiga e que tinha, glória das glórias, fiambre, peça desconhecida que nos apresentavam em desdenho de pequenas rainhas: tiravam-no da sandes e mostravam aos boca abertas que éramos. Mas o lanche tinha mais. Havia um frasco com sumo de laranja que achávamos o máximo; vivíamos num mundo de pomares guardados por cães e hortelões ciosos que não nos deixavam apanhar as que caiam ao chão. E as meninas de sainha rodada, enfastiadas de tanto alimento, dentadinhas pequenas na sandes e um bebe-me o sumo, nos momentos em que a professora se afastava da janela. Nunca quis provar aquele sumo que estará talvez na base do meu gosto, mas lembro-me da sofreguidão do João a puxar do frasco e um trago que o deixou lá em baixo, interrompido por brusquidão autoritária a retomá-lo, "eu disse um bocadinho, ouviste?". Quando as meninas queriam puxar as meias, nós segurávamos o lanche como se isso uma benesse e comíamo-lo com os olhos. Mas o êxtase aconteceu no primeiro dia em que uma trouxe os patins. Era um enxame sobre ela enquanto atava umas correias vermelhas aos pés com rodinhas por baixo, e ela superior, isto são uns patins, e mostrava os pés. Depois, a majestade no gesto, saiam da frente que quero patinar. E nós a ouvir o rodado no pátio como se fosse música, os olhos em circunvolução.
Uns anos mais tarde uma amizade límpida ofereceu-me a oportunidade de também eu calçar patins e depois do terceiro trambolhão desisti. Por razões que não interessam aqui, hoje não posso patinar. Não vou aprender. O skate é sonho :)

Bom dia para quem chega. Ao trabalho pessoal!

A Menina da Lua disse...

Ontem finalmente consegui ver uma parte do Trio de Ataque e achei o Miguel Guedes muito interessante, não necessariamente sob o ponto de vista do futebol!...:) mas o Professor esteve muito bem! cabelos e barba crescidos, todo giraço!:) principalmente ponderado mas picando bem o Guedes!:) contudo respondendo com maturidade que chegava para distribuir pelos três.:)
Quanto ao assunto da Bola propriamente dito, enfim! pouco percebi mas isso tambem não interessa para nada ...agora não sei é se conseguirei ver mais programas. Mas pronto gostei!:)

andorinha disse...

Bom dia:)

Anfitrite,

Eu não ouço o Futre, vi foi o Rui Costa. Nunca vejo o programa, mas por saber que eu idolatro o Ruizinho é que a minha amiga me ligou.


Essa da água também li. Pois, eu nem sei se isto é um país...:(

Bea,

Também assinei. Na minha opinião, tens toda a razão no que dizes. Também fui contra até poder. Agora é difícil pelos motivos que já expliquei.

"O skate é sonho"

E nunca ouviste dizer que é pelo sonho que o mundo pula e avança?:)))

E agora vou apanhar um solzinho que amanhã recomeça a labuta.

Fiquem bem:)

Interessada disse...

@Anfi "Mas ou muito me engano mas você já escreveu aqui de acordo com o AO que não tem valor legal, porque uma determinação do governo tem menos valor do que um decreto, ou portaria."

Não me trate por Vossa Mercê, que me arrepia :)))
Está enganada, porque eu nunca escrevi consoante o novo Acordo Ortográfico.
E já expliquei aqui que NINGUÉM é obrigado a fazê-lo, e porquê.
Quem se agacha, sabe porque o faz.

Menina

Não há dúvida que o Miguel Guedes é um homem interessante. Está aprovado.
...apesar de ter idade para ser filho de muita gente :))))
E concordo consigo, quando diz "não necessariamente sob o ponto de vista do futebol".
Mas não é só pela figura; o rapaz tem muita cabecinha.

Rain

Agradeço-lhe muito o seu miminho, mas tenho que a informar que não gosto dos Vangelis.
Acho mesmo que têm o condão de estragar músicas de que eu gosto.
Registo a sua boa intenção, e agradeço.

Deixo-vos uma proposta
E esta,
musical

bea disse...

Andorinha da primavera

tens razão "o mundo pula e avança pelo sonho". Não pelo devaneio do skate.Há outras formas de diversão que não prejudicam:)

Alguém colocou aqui, já nem sei quando, mas talvez no post anterior,um vídeo com uma garota perdida numa floresta e uma espécie de espírito a tomar conta e aquilo acaba tudo em bem, ela encontra o miudo com que tinha entrado e tudo normal.
esta noite sonhei-me perdida na mesma floresta. Não me lembro de ter sonhado com um vídeo.desci na minha própria consideração.

Ontem fiquei esparvecida com the girl of dragon tattoo. Quero ver a versão sueca. O que será que o mundo tem hoje para os filmes abordarem cada vez mais o insólito. nas pessoas, ou a normalidade é fictícia ou está submersa. Contudo, no final são elas: as mulheres são mulheres e os homens homens.

abismo perante o extraordinário que somos.

free culture lisbon disse...

opahh agora fiquei com curiosidade a respeito do trio de ataque, que droga...agora vou ter que ir ver.

Bea

eu só tenho visto os filmes do milenium suecos, e pelo que tenho lido a versao americana em termos de filme é melhor( os dos suecos foram feitos para passar na tV e só depois foi decidido passa-los para o cinema) Mas a Lisbeth versao sueca, é absutamente estraordinaria(e mais uma vez pelo que li) muito superior à americada. É ela que controla todo o filme , todos os outros actores passam a ser secundarios ou terciarios. Quando vir as versoes suecas conte, para ver a comparaçao.

A respeito do AO, eu como estou ainda a aprender a escrever com o antigo acordo (como devem ter reparado, ortografia não é o meu forte) vou demorar umas decadas a assimilar o novo, mas tenho tempo, o mundo roda bem sem esperar por mim

Cê_Tê ;) disse...

Esta é mais para a Andorinha e para a anf.:
Para que fique mais claro o disparate das "aulas de substituição" vejam quando se aplica fora das escolas
http://www.correioalentejo.com/?diaria=4428
É que também há entre os professores quem não saiba nadar e há aulas de natação e quando a outra senhora se lembrou das substituições era o que acontecia.

Quanto à mobilidade- há muito tempo que os professores andam de quarto às costas SEM QQ compensação monetária acrescida. Nem cheques de gasóleo, nem telemóveis de graça nem férias pagas. E há os que dão aulas em 2 e mais escolas. Digamos que já estamos na TROIKA há muito tempo.
Só tenho pena de não ido para a CP- assim tinham-me pago os cortes de cabelo e se calhar de depilação. Assim qualquer dia com tantos cortes fico sem corte nenhum ;))))

andorinha disse...

Bea,

Andas a ver muitos filmes...
Muita diversão significa pouca produtividade. Não tens em consideração o estado em que está o país?


:)))


Cêtê,

Tu não me fales em "aulas de substituição". Cada vez que vou para uma fico podre:)

O caso dessa senhora é absolutamente RIDICULO!
Já me é difícil comentar disparates destes, de tal forma tudo isto me enoja.

Pedro@eondoicspot disse...

@Andorinha,

Hoje deu-me um enjoo diferente. Acho que a informação deixa de ser para informar mas apenas para chocar. E temos o televisor que em vez de mudar, chocou o mundo será que se passa o mesmo com a internet?
Hoje somos todos jornalistas (no bom sentido) como talvez sempre fomos, nem que seja nas conversas de rua e o instinto de informar o outro. Mas mais uma vez temos que moderar a informação que recebemos e que transmitimos. Desde á uns tempos que penso que foi a atividade que deu ao ser humano uma profissão. E como tal merece algum repouso e as devidas precauções. Que de tanto informados acabamos por perder a noção do chão que nos sustenta.

Uma Boa Noite Para Todos.

andorinha disse...

Pedro,

Concordo contigo em parte.

"Hoje somos todos jornalistas (no bom sentido) como talvez sempre fomos, nem que seja nas conversas de rua e o instinto de informar o outro."

Sim, hoje qualquer um de nós pode transmitir notícias à velocidade da luz. Fazemo-lo aqui e em muitos outros locais.

"Acho que a informação deixa de ser para informar mas apenas para chocar."

A má informação, sim...e há muita.
A boa informação é imprescindível...ainda vai havendo, é uma questão de selecionarmos.

A televisão e a internet mudaram o mundo. O uso que se faz das novas invenções é que pode ser bom ou mau e isso já depende do homem.
(A mulher está isenta de culpas...) :))))))))))

Boa noite tb para ti:)

free culture lisbon disse...

Pedro e Andorinha

A mim o que me choca é a falta de investigação nos trabalhos jornalisticos, não sei se é por os prazos estarem cada vez mais curtos (noticias 24h sobre 24h)ou se qdo alguns jornalistas começam a fazer algum trabalho mais profundo lhes cortam as asas . A verdade é que as noticias sao sempre as mesmas em todos os jornais/escritos e falados, sai tudo da mesma fornada da agencia reuters. E quando não vem da agencia reuters, sao mal investigados e mal escritos.
É uma pena porque tornou-se uma classe proficional adormecida, quando o seu papel no mundo actual é tao importante.

Se o jornalismo estive-se mais apurado e exigente, talvez a populaçao em geral nao sentisse a necessidade de tomar esse papel para si, na forma de blogs ou até wikileaks.

rainbow disse...

Boa noite:)

Bea,

"...E o novo bailado dizia:
Ser humano é isto: ver a futilidade existencial absoluta de qualquer acção, de qualquer luta - e agir, e lutar. Ser humano é isto: eternamente tentar chegar para além da possibilidade de alcance. Ser humano é isto: viver eternamente ou morrer a tentar(...)
Ser humano é isto: persistir.
E o novo bailado ria-se, tanto do amanhã como do ontem e, principalmente do hoje..."

Gostei da história dos patins. Já calculava que a parte do skate fosse ficção:)

Pedro@eondoicspot disse...

Andorinha e Free,

É tão dificil filtrar informação hoje em dia. Que tem que ser um processo quase instintivo de estar disponivel ou não para estar informado. Mas ainda há muito boas fontes de informação. Chamamos sem querer de Amigos.

bea disse...

Free
foi o que me disseram, que a Lisbeth era bem melhor, querendo eu avaliar o que isso seja. se não escreves português escorreito, estás bem situado/a :)

Cê_Tê
o que é a CP? não são os comboios... nem a casa dos pais...

ou é da minha vista ou é tudo demasiado estúpido.

Andorinha
Tu não sejas má para mim, ouviste? A diversão roubou-me horas de sono, mas a produtividade não me assenta, queres o quê? Hoje não estou para ninguém e muito menos para o país, quero que ele se lixe (ai senhor professor, desculpe, desculpe, mas saiu-me assim parvo, pode ser que a sua diagonal não passe por aqui. Oremos)
Andorinha, não me provoques com essa da mulher estar isenta de culpas :) nós até já nascemos culpados e cheios de pecados originais. vá lá que originais, ao menos não há cópia.
Pedro
Como tens razão! Se bem que a desinformação total, seja um perigo. A andorinha apontou, há que seriar; incluindo o tempo que lhe dedicamos ou seremos comedores de ruins notícias.
Rain
E de onde veio esse texto do bailado? É mais ou menos o que penso, a dizê-lo em menos bonito. Tentar: boa palavra para o esforço do homem.

Boa noite a todos. Durmam bem.

Cê_Tê ;) disse...

Bes, o que é estúpido é andarmos todos a apertar o cinto enquanto outros nunca o usaram e foram ganhando barriga.
Ora espreita se quiseres:
http://www.agenciafinanceira.iol.pt/empresas/metro-cp-ferias-carris-regalias-agencia-financeira/1327197-1728.html

Cê_Tê ;) disse...

Bes, não!!! ;))) Bea (desculpa, enganei-me;D)

Também não tinha confirmado a notícia dos "cabelos" confiei na minha fonte e se calhar não devia. Mas também ninguém terá sido despedido por minha causa, por isso não vou precisar de Angelicalm.
(Se não perceberes não te preocupes ;))

andorinha disse...

Rainbow,

O texto é lindíssimo!
Persistir é a palavra chave, sem dúvida:)


Bea,

Eu má para ti, miga?
Claro que o nosso pecado teria que ser original, nós mulheres somos muito criativas:))))))


Cêtê,

Looooooooooool

Dorme lá então na paz dos anjos:)

Interessada disse...

Jesus Christ !!!!

http://www.tvi24.iol.pt/politica/assuncao-cristas-tvi24-seca-chuva-ultimas-noticias/1327386-4072.html

Pedro@eondoicspot disse...

"Seus tagarelas!"

Interessada disse...

Também no filme HUGO

Interessada disse...

Para a Rain
Eu estava em dívida :D

Pedro@eondoicspot disse...

Interessada,

Esta só para si:

http://youtu.be/BOvZjoiwJBc

Porque eu reconheço tanto mérito ao Quim Barreiros como ao Wim Martens.

Interessada disse...

Gostei e achei piada à fantasia.
Muito obrigada.
Uma boa noite.

Interessada disse...

Isso quer dizer que o vais ouvir em Março?

Pedro@eondoicspot disse...

Inté,

Basta uma corda para aprender a tocar:)

http://youtu.be/3KhFv1qJcao

http://en.wikipedia.org/wiki/Amadou_%26_Mariam

bea disse...

Cê_Tê
a confundir-me com um banco...tststs

Manuel disse...

Parece que foi ontem... mas já passaram 25 anos.
Mas continua (e continuará) sempre bem presente na nossa memória:

«Que amor não me engana»: José Afonso
http://youtu.be/IAVkRT_h1wI

Manuel disse...

Lembrei-me agora de mais esta. Olha que 3 se juntaram.
«Não canto porque sonho»: Fausto & Zeca Afonso (poema de Eugénio de Andrade)

Interessada disse...

Saudade.
Que viva o Zeca

Manuel disse...

E esta (tal como muitas outras) é irresistível:

«Era um redondo vocábulo»: José Afonso
http://youtu.be/Q805gD44PnY

A Menina da Lua disse...

Manuel:)

Tivémos a mesma escolha:)

Foi essa música e o video que eu escolhi hoje para o lembrar e que coloquei na minha página.:)
É lindíssima música e imagens.

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=Q805gD44PnY

Pedro@eondoicspot disse...

Manuel e Menina,

Não me identifico muito com a letra. Mas a melodia é uma das melhores que já ouvi. Senão a melhor. Muitas fico a murmurar toda a melodia.

Parabéns: José Afonso

Obrigada, Manuel pela oportunidade de relembrar esta melodia.

Uma Boa Tarde Para Todos

Pedro@eondoicspot disse...

Bea:)

Se nós achassemos que era um banco: NÃO ESTARIAMOS AQUI. Ou temos todos pinta de Cristiano Ronaldo ou CR7!?

Pedro@eondoicspot disse...

Andorinha,

Não é uma discordância. Apenas uma opinião e acho que todos temos exemplos disso:

"mais vale não eatar informado que mal informado"

http://youtu.be/Q48aFXRjBCo

Pedro@eondoicspot disse...

No meio de tanta informação. Acabamos por ficar mal informados. Mas sempre nos vale a possiblidade de não estarmos informados e sabermos apenas aquilo que os olhos veem. Sem duvida um homem que não precisa de grandes homenagens. Soube viver no seu tempo enquanto que outros continuam a viver sem tempo nenhum.

andorinha disse...

Pedro,"

"mais vale não eatar informado que mal informado"

Concordo, penso eu...:)
Uma má informação, informação tendenciosa e que distorce a realidade é péssima.
Quem não está informado, pode sempre, se o quiser, tentar procurar informação credível, o que também não é fácil.
Se não se tem por hábito estar informado, como se distingue informação credível de informação tendenciosa?

Grande Zeca!
Esse excerto de entrevista deve ser ouvido por todos. Tão atual!
Obrigada:)

A melhor forma de o homenagearmos é nunca desistirmos.


Manuel,

Obrigada por todas as belas canções que aqui nos deixaste.

bea disse...

Que viva a vontade dos homens em não deixar que morra o que o Zeca desejou sem cansar. Que viva em nós a vontade de conseguir. Que o legado se não perca

Pronto, eu vinha só lembrar, mas já não é preciso :)

Pedro@perspectivechangesspot disse...

Andorinha,

Entre a credivel e a "personalizada" deve ser como encontrar uma agulha no palheiro (claro que estou a exagerar (há muito bom jornalismo))

Como o Obama disse e realçou o papel dos jornalistas para os tempos que vinham. Sem duvida que é uma classe importante. Por exemplo:

Hoje na Antena 1, ouvi: "Que em Beja já se pede ajuda ao governo pelo facto de não ter chovido nos ultimos tempos. E se não fôr feita qualquer coisa, vai-se repetir o cenário de á uns anos atráz. Em que muito gado morreu de cede.

Benha a Chuvinha!

Fora-de-Lei disse...

Depois da UEFA poder lixar o FCP por razões alegadamente legítimas do Manchester City e depois da UEFA poder lixar o Manchester City por vingançazinha do FCP, agora é a vez da UEFA poder lixar Mourinho por queixinhas da EGLSF... ;-)

rainbow disse...

Boa noite:)

Bea,

O texto do bailado pertence ao livro "O bailado das estrelas". Estrelas mesmo, as do céu.

Andorinha,

Persistir, nunca desistir daquilo em que acreditamos. Sim, é a chave.

Manuel,
Obrigada pelas músicas do Zeca.

Pedro,
Muito actual os temas focados por Zeca Afonso nessa entrevista. Obrigada.

Interessada,
Grata pela música que me deixou.

Anfi,
Gosto desse seu novo visual. "Tempos Modernos" de Chaplin. Gostei muito desse filme. Aposto que viu "O grande ditador" e "As luzes da Ribalta".
Sobre a M. da Agricultura,e as suas "sábias" palavras, ainda acabamos todos a dançar a dança da chuva como os índios...

Caidê disse...

http://www.youtube.com/watch?v=XI0R0Hrow6E&feature=related

Caidê disse...

http://www.youtube.com/watch?v=2sB_-YLTaNY

Caidê disse...

http://www.youtube.com/watch?v=eKm70oGj-JI&feature=related

Anfitrite disse...

Em especial para Rain e não só:

Como acho que nunca é tempo perdido, penso que merecem ser lidos, ou relidos, o postal do professor e os nossos comentários. Há para todos os gostos, incluindo o meu "exitaria".

http://murcon.blogspot.com/2008/08/das-brumas-da-memria-sem-hino.html

Ó CAIDÊ!

Há coisas que mexem mesmo cagente.
Muito gosto por ter aparecido, enquanto fui buscar o link. Ainda não vi tudo. Abraço especial.

rainbow disse...

Anfi,

Obrigada:)
Pode não acreditar, mas eu lembro-me desse post e de alguns comentários. Já vos leio há anos.

Bons sonhos para todos:

http://www.youtube.com/watch?v=dIXKvPWFpEg&feature=related

Anfitrite disse...

Não sei se esta já foi posta aqui.
Aqui está o Zeca paciente, sempre presente e sempre livre. Bastava-lhe uma camisa de pescador, aos quadrados, os pés para andar e uma voz para espalhar ao vento os seus sentimentos.
Sempre quis ser livre, nunca se deixou amarrar a partidos, mas quis o maldito destino que o corpo ficasse preso pela doença.

http://www.youtube.com/watch?v=Xo1N1EAThrc&feature=player_embedded#!

Interessada disse...

Principalmente por respeito ao Zeca,mas também para o caso de alguém estar eventualmente distraído, gostava de chamar a vossa atenção para o facto de as palavras utilizadas pelo Zeca terem sido "insubordinação" e "subversão".
Agora já poderei dormir mais descansada :)

FDL

Gostava de poder perceber porque é que a UEFA lixou o FC Porto.
Provavelmente não interessa muito....
Quanto ao Sr. Mourinho, se utilizou expressões homofóbicas, e portanto ofensivas, acho muito bem que seja castigado.
Todos sabemos bem que ele tem a mania que pode e manda.
Devemos separar as águas e não permitir ofensas.
Eu também não gosto que me ofendam.

Anfitrite disse...

Rain,

Claro que vi todos esses filmes e mais alguns do Charlot.
Lembrei-me de pôr aqui a música de "A Condessa de Hong-Kong" que até não foi dos melhores, mas esta música foi um sucesso.

http://www.youtube.com/watch?v=V8XmLuTmKIM

andorinha disse...

Caidê:)

Bem aparecida, moça:)
Ai o tempo que nos trama muitas vezes...

Beijinho...com saudade.

Fiquem bem.

bea disse...

pois...sei lá...vou deixar aqui na mesma, que ontem já não deu

Caidê
boa noite! e obrigada pelo bom gosto no regresso, entra pelos sentidos e vai onde quer.

Anphy
acerca do post de 2008 :)

como os anos passam e somos e não somos os mesmos :)
ao contrário da Rain, tinha uma ideia vaga. E houve muito comentário que não devo ter lido na altura. Opiniões muitas e diversas… Penso que em todas há alguma faísca; para cada, uma situação. Estamos todos a comentar o mesmo filme sendo ele diferente em cada um.

Teria entre dezasseis e dezoito quando vi um filme “Três horas de amor”(?). Era mesmo isso, um romance passado num comboio vazio – apanhei-o a meio e nunca soube como aqueles dois ali foram parar e porque razão estavam sozinhos. Fiquei numa tristeza sem destino quando se separaram e cada um voltou à sua vida. Pensava então que deviam lutar contra tudo para ficarem juntos.

Mau grado a atração de tais filmes, a idade ou a vida já me dificultam a crença; não acredito, a não ser por excepção, que um romance de quatro dias leve a deixar para trás uma vida em que tudo de se construiu, os filhos, a casa, o quotidiano que tantos detestam mas outros amam, ainda e quando esse quotidiano implica cedências muitas e faz de nós a pessoa que não pensámos ser, que quem sabe nos desanima, mas outros amam assim mesmo e talvez por isso que nos não apetece... a arte do quotidiano é feita de cedências, onde não se conta quem mais cede. Se há amor, posições extremadas e irredutíveis anulam-se. E é puro devaneio dizer “o amor existe mas somos incompatíveis e temos diferentes objetivos”, talvez não tenha sido ele se assim separa; e por isso mesmo haja portas por abrir. Ou por aí. Amor cede para criar a compatibilidade. Não cede uma, mas setenta vezes sete. E não está de malas prontas sempre a partir, o amor não é sozinho. E se alguém o é, como diz a minha mãe, melhor será continuar sendo, a vida hoje permite tanta forma diferente de estar…interessa que cada um tenha alguma da sua verdade presente, se não atraiçoe na totalidade, faça o outro ou os outros mais felizes (?), se possível.

E só os jovens pensam que o bom é o que não se tem. Com os anos aprendemos que não vale ir além dos limites. Não pelo que outros ajuízem (ainda que também isso conte, é de somenos), mas porque a sanidade mental pode perigar, nem todos conseguem viver sobre a infelicidade dos mais próximos. Naquilo que somos, uma parte é querer e a outra é o que a vida de nós foi fazendo nos entrelaços do que quisemos ou que, sem querermos, nos surgiu.

Continuo a concordar que o meu avô foi um homem tranquilo com uma grande paixão e que ninguém se define apenas pela parte, vale o conjunto.
Acrescento ao comentário de 2008: é da sua substância que o homem concreto seja um indefinível. Aí o belo.

Biépi.