quarta-feira, março 26, 2008

Jantar.

A tribo reunida no Franganito. Devoro aquele bife há quase quarenta anos. Entretanto o senhor Manuel reformou-se e o Sebastião, seu filho, abriu outro restaurante. O bife definhou, mas eu não gosto de trair rituais, continuo a ir. E de repente o Sebastião apareceu e o je agarrou-se a ele como ao Redentor - "Sebastião, salve o bife do antigamente!". Ele sorriu. Foi à cozinha e regressou com o sorriso cúmplice que sempre me deliciou - "peço desculpa, mais dez minutos". Esperei, descarregando a fome de cão nos "moletes" e no Montevelho. E de repente - ó milagre! - bifes gémeos dos avós:). A algazarra, a ternura, os abraços de despedida que o não são, esta certeza que me conforta, empurra, mantém vivo - as amizades verdadeiras sobrevivem ao ritmo alucinante das nossas vidas, a telemóveis silenciosos, a promessas de encontros não cumpridas. Porque não albergam a dúvida que enferruja...

25 comentários:

Fora-de-Lei disse...

Como surgiram os moletes

Quando o General Junot, chefe das tropas invasoras de Napoleão, esteve no Porto, tinha sob as suas ordens um oficial de alta patente chamado Molet.

Este Molet tinha trazido de Paris o seu próprio padeiro que fazia pão muito bom a que os locais rapidamente chamaram os "Moletes". Com o tempo, hoje já ninguém sabe esta história, mas os pães ainda se chamam moletes!


http://www.portalimentar.pt/

andorinha disse...

Já compara o Sebastião ao Redentor?!
Como isto anda!!!!:))))

Mas gostei de ler e de imaginar a cena.

"...as amizades verdadeiras sobrevivem ao ritmo alucinante das nossas vidas..."

Há excepções que se limitam a confirmar a regra:)

FDL,
O importante é o bife e tu falas nos "moletes"?!!!
Ó homem! Andas com as prioridades todas trocadas...:))))

Fora-de-Lei disse...

andorinha 12:04 AM

Os bifes são um pouco como as mulheres: nem sempre os que têm melhor aspecto são os mais apetitosos.

Quanto aos moletes, foi só para traduzir o seu significado de "Tripeirês" para Português...

andorinha disse...

FDL,

Digo o mesmo dos homens...:)

Pensando melhor, foi bom teres traduzido. Eu só há pouco tempo é que soube o que são "moletes".
Chamam cada coisa ao pão!
"Carcaça" é muito mais fino:)

Hasta mañana.

Fragmentos Culturais disse...

Vivem-se tempos em que os afectos não imperam...

Gostei imenso da sua 'versão' de Madalena!
Levou-me um pouco até 'Mary' [2005] de Abel Ferrara.

... há algum tempo não o lia!

thorazine disse...

"Declarações do presidente do INML
Arranque da base de dados de perfis de ADN para fins civis e criminais poderá ser antecipado
26.03.2008 - 17h01 Lusa

O período para entrada em funcionamento da base de dados de perfis de ADN para fins civis e criminais poderá ser antecipado, disse hoje à Lusa o presidente do Instituto Nacional de Medicina Legal, Duarte Nuno Vieira.

A base de dados de perfis de ADN para fins civis e criminais deverá entrar em funcionamento este ano e o primeiro passo para a sua efectivação decorrerá amanhã numa reunião em Coimbra com o ministro da Justiça.

Quinta-feira reúne-se em Coimbra pela primeira vez o Conselho Médico-Legal, com os seus 20 membros efectivos, composto por médicos e juristas, sob a presidência do ministro Alberto Costa, para discutir o projecto de regulamento da primeira base de dados de perfis de ADN para fins de identificação civil e investigação criminal.

A lei que cria a base de dados entrou em vigor no passado dia 12, estabelecendo um prazo de seis meses para a regulamentação do seu funcionamento, que o presidente do Conselho Directivo do Instituto Nacional de Medicina Legal (INML) e do Conselho Médico-Legal, Duarte Nuno Vieira, espera poder ver antecipado.

Com o regulamento criado e com a comissão de fiscalização nomeada pela Assembleia da República, a base de dados de perfis de ADN poderá entrar em funcionamento, disse hoje Duarte Nuno Vieira à Agência Lusa.

O grupo de trabalho que irá elaborar a regulamentação do funcionamento da base de dados é composto por três elementos do Conselho Médico Legal: a docente da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra Helena Moniz, o director da Delegação Centro do INML e vogal do Conselho Directivo, Francisco Corte-Real, e o universitário Rui Nunes, membro do Conselho Nacional de Ética para as Ciências da Vida.

A base de dados será uma importante ajuda à investigação, nomeadamente no caso de crimes de tendência repetitiva, ao reunir amostras de ADN de condenados. No âmbito civil cadáveres que aparecem sem identificação poderão vir a ser identificados por comparação com perfis de ADN de supostos familiares.

O Conselho Médico-Legal inicia amanhã a sua reunião por volta das 9h30, na Faculdade de Medicina de Coimbra, e às 11h00 dá-se início a uma reunião aberta com a chegada do ministro da Justiça, que a passa a presidir.

Às 15h30 no Pólo III, da Saúde e Ciências da Vida, da Universidade de Coimbra, o ministro da Justiça, Alberto Costa, preside à apresentação do projecto de nova sede do INML, que aí ficará instalado, e que assinalará o arranque para o lançamento de uma obra que custará 8,5 milhões de euros na sua estrutura física.

Mais tarde, por volta das 17h00, na Reitoria da Universidade de Coimbra, Alberto Costa assina um protocolo para a cedência de parte do espólio do extinto Instituto Nacional de Criminologia à Biblioteca da Faculdade de Direito."


E para já é só a criminosos (e seus familiares), mas daqui a uns anos como o que é preciso é PREVENÇÃO!!!, generaliza~se!! Mal um gajo nasce vão sacar-lhe logo o binário e traçar a carta astral. Se o puto for estrebuchar muito fica logo retido e vai para a linha de aprendizagem para delta ou gama.

QUE MEDO!!

P.S. - Sorte a vossa que qd isto acontecer vocês já não estão cá..:))

P.S.2- Kidding..mas tb estava a ser positivo demais ao atrasar tanto as previsões do Huxley! :(

PAH, nã sei! disse...

Já não há vacas como "no antigamente" ... :(

Ou então há... mas estão reservadas aos poucos sortudos ;)

ariana luna disse...

Acredite, que eu que nem como carne vermelha, me apeteceu do seu (ou melhor, do Sebastião) bife!

Xelim's Skull disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nuno Guimas disse...

"Todos deviam ter ido há dez anos a Fátima agradecer a invenção do Viagra".
Júlio Machado Vaz, em declarações à Lusa, 27-03-2008

Ai que o Professor ainda provoca uns "xiliques" lá para os lados de Fátima :)

E não coloca esta brilhante frase no blog? :)
Desculpe o atrevimento mas achei que valia a pena partilhar aqui.

Afectos disse...

é também o meu sentimento. mas há que caminhar sem atraiçoar.

CêTê disse...

Boa Nuno! É bom que se saiba que o nosso prof ;)))) anda a alimentar o Mito. Já estou a ver velas fálicas a arderem como as velas mágicas na capelinha.;P E outras nem acenderiam... (ai valha-me Deus);#

Esses pensamentos não põe o professor aqui! ;))) Ganda maluco;)

********

Quanto aos Amigos é de facto como diz- sobrevivem a tudo. Eu acho que sobrevivem por telepatia. Digo isto meio a brincar meio a sério: quando as pessoas são se facto amigas há um qualquer canal de comunicação que funciona e se mantém sem voz mantendo os laços e os nós.

Resto de boa noite

(pah, hoje não, que estou toda rotinha, mas amanhã vou-te mandar um mail- não estranhes, pois;))bjcs

thorazine disse...

Ainda há dias se falou...e aqui está:

http://www.youtube.com/watch?v=MjxFu_NXET4

Que power de som!! :)

PS- FDL confessa lá, quando eras mais novo curtias o som como aquele gajo de camisa e gravata, ner? ;)))))))))

lobices disse...

Cidades de 35 países apagam sábado as luzes em defesa do ambiente
28 de Março de 2008, 11:01

Sydney, Austrália, 28 Mar (Lusa) - Mais de 370 cidades de 35 países vão desligar as luzes durante uma hora no sábado, no âmbito da iniciativa "Earth Hour" (Hora da Terra), que visa alertar para as mudanças climáticas.

Na lista de participantes na iniciativa "Earth Hour", lançada pelo Fundo Mundial para a Natureza (WWF) australiano, constam, entre outras, cidades de países como Espanha, Reino Unido, Argentina, Bolívia, Brasil, México, Uruguai, Venezuela, Canadá, Dinamarca, ilhas Fiji, Estados Unidos e Tailândia.

Nenhuma cidade portuguesa aderiu à iniciativa, segundo a lista divulgada no "site" da organização na Internet (www.earthhour.org).

O evento, que se realizou o ano passado apenas na Austrália, visa alertar e consciencializar as pessoas para as mudanças climáticas.

A iniciativa, que consiste em apagar sábado, às 20:00 (hora local em cada cidade), as luzes e electrodomésticos durante uma hora, tornou-se num acontecimento mundial "maior do que a organização esperava".

"São quase 400 cidades e povoações, 18.876 empresas e 257.165 cidadãos os que aderiram ao evento através da página na Internet", adiantou o director executivo do movimento "Earth Hour", Andy Ridley.

Na lista de adesões à iniciativa, constam sete empresas portuguesas.

Sydney será a primeira de mais de 370 cidades australianas e localidades de todo o mundo a desligar as luzes.

No ano passado, participaram no "Earth Hour" mais de dois milhões de pessoas, 2.100 empresas, cinemas, teatros, restaurantes, bares, discotecas, clubes desportivos, escolas e igrejas.

Segundo a organização, a iniciativa conseguiu em 2007 uma redução 10,2 por cento nas emissões de gases com efeito de estufa na cidade de Sydney.

Os organizadores consideram que se esta redução fosse conseguida durante um ano seria o equivalente à retirada de 48,616 carros das estradas.

Na sua página na Internet, a organização salienta que se os cidadãos em todo o mundo adoptarem diariamente o hábito simples de desligar electrodomésticos quando não estão a ser utilizados ou usarem lâmpadas de baixo consumo estão a contribuir para o objectivo de "reduzir as emissões anuais em cinco por cento".

"Até algo tão simples como desligar a luz quando não está num quarto e mudar para fontes mais limpas de electricidade como a 'energia verde' fazem uma grande diferença", sublinha.

DD

Lusa/Fim

lobices disse...

Auto-imunidade na origem das tentativas de suicídio
Suicídio é responsável por 2% dos óbitos a nível mundial


Um estudo realizado no Hospital São Francisco Xavier, entre Agosto e Dezembro de 2007, analisou a auto-imunidade como um factor que está na origem das tentativas de suicídio entre os doentes com perturbações mentais. Da autoria de Amílcar Silva dos Santos e Jaime Traça Almeida, internos de Psiquiatria deste hospital, o estudo baseou-se na pesquisa de auto-anticorpos nos doentes com doença bipolar e perturbações de personalidade.

«Os auto-anticorpos são anticorpos produzidos pelo nosso organismo, que atacam as próprias células do nosso corpo. Existe uma forte componente de impulsividade nas doenças auto-imunes, que se podem traduzir em tentativas de suicídio e/ou auto-mutilação», explica o comunicado divulgado.

Estudos anteriores demonstraram que algumas doenças físicas crónicas constituem importantes factores de risco para o suicídio. Em doenças auto-imunes, como o lúpus eritematoso sistémico e a artrite reumatóide, a percentagem de suicídio é superior à média. No caso desta última, a percentagem de impulsividade também é considerável.

Tendo em conta que um número significativo de doentes internados nas enfermarias de psiquiatria apresenta alterações da impulsividade, os autores decidiram investigar uma eventual correlação entre a auto-imunidade, a doença bipolar e as perturbações da personalidade.

«Concluímos que há uma tendência para uma correlação positiva entre auto-anticorpos anti-tiroideus e a existência de tentativas de suicídio prévias. Apesar do número de doentes da nossa amostra ser relativamente modesto, os resultados encorajam-nos a prosseguir com o estudo», sublinhou o responsável pela ideia e concepção da investigação, Amílcar Silva dos Santos.

O médico interno afirma ainda que «caso a associação entre a impulsividade/tentativas de suicídio e a auto-imunidade seja definitivamente comprovada, o presente trabalho, pioneiro nesta vertente, pode contribuir para o desenvolvimento de uma nova linha de investigação e tratamento em psiquiatria».

Responsável por 2% dos óbitos a nível mundial, o suicídio está entre as dez principais causas de morte nos países desenvolvidos, sendo a principal causa entre jovens do sexo masculino com idade inferior a 40 anos. Classificado como um comportamento complexo, é muitas vezes considerado como uma alteração da impulsividade. Mais de 90% das vítimas de suicídio apresentam perturbações psiquiátricas, como ansiedade, depressão, doença bipolar, perturbações da personalidade ou psicoses.

O estudo “Autoanticorpos na doença bipolar e nas perturbações de personalidade do Cluster B” foi o vencedor do Prémio APIP/AZ 2008, atribuído pela AstraZeneca (AZ) em conjunto com a Associação Portuguesa de Internos de Psiquiatria (APIP). Este prémio de investigação é atribuído a cada dois anos aos internos de psiquiatria de Portugal.

SSD

28 de Março e 2008

Filomena disse...

Lobices (11:32)
Obrigada! Já fui ao site e já me inscrevi.
Sábado, das 20H00 às 21H00 estarei às escuras, ou melhor, à luz das velas senão também não vejo o bife ;-)
Quanto ao resto, já faço. Os electrodomésticos (com excepção do frigorífico) ficam sempre desligados de noite ou quando não há ninguém em casa. Há umas tomadas eléctricas boas para isso, é só desligar o botão e desligam-se todos ao mesmo tempo. As lâmpadas também têm vindo a ser substituídas.
Por falar em ambiente, não sei se o Professor recicla, mas, a avaliar pelo barulho de papel a amachucar no final de cada programa, dá-me ideia que não. Pode ser tolice minha mas quem recicla não costuma amachucar; não dá jeito deixar os papéis em forma de bola no papelão, digo eu.

CD disse...

Há alguns anos atrás todas as 6ªs ia jantar ao franganito.
Mas, para mim nunca perdoava uma de cabidela.
Ás vezes encontrava lá o J.M.B.

thorazine disse...

FDL,
peço desculpa se ofendi o Sr. Engº! :)

Xelim's Skull disse...

...estava a dizer que já estava à espera deste pueril momento bife,

Às vezes apetece-me saborear um bife. Por que Diabo não hei-de partilhar o meu momento bife com as minhas ovelhas?

CêTê disse...

Lobices, muito interessante a notícia que partilhou!
As doenças autoimunes (algumas, pelo menos) são muito debilitantes e trazem muito sofrimento- dor física e psicológica- internamentos prolongados... não admira pois que estas pessoas sejam mais frágeis e tentadas a cometer suicídio.
Se alguma coisa de bom trouxe o HIV foi o investimento no estudo do sistema imunitário! Que foi durante muito tempo ignorado (e aqui falo em termos académicos/ ensino- Quem de nós dá importância ao Timo, por exemplo? ;)

Fora-de-Lei disse...

thorazine 4:13 AM

Não era propriamente o meu estilo de visual. Basta dizer que a primeira vez que usei gravata foi na tropa...

A propósito da JJ, vai lá ver este:

http://www.youtube.com/watch?v=5FMhnl0__Vo

Cristina Seabra disse...

"...as amizades verdadeiras sobrevivem ao ritmo alucinante das nossas vidas, a telemóveis silenciosos, a promessas de encontros não cumpridas"
há muito que não visitava este cantinho-nem sequer o meu, mas há alturas em que temos de pensar mais em nós, sob pena de o resto das nossas vidas ruir...
Os AMIGOS com maiusculas são também uma das melhores coisas que a vida me deu-nisso sou feliz :-)
um abraço e continuação de bom apetite -para os bifes e não só- e muito calor humano, desse, assim, simples,genuino, intemporal e são :-)

Su disse...

gostei desse sentir:)o das amizades

jocas maradas

Angélika disse...

Eu gostei mesmo foi do bife... Não sei se por estar a ler este texto na hora de almoço, ou se a descrição do entusiasmo pela vinda do tão esperado bife do "antigamente" estar tão bem conseguida que eu imaginei logo um belo bife suculento, quentinho e muito tenro daqueles que derretem na boca.

Bem, acho que vou mesmo almoçar que a minha produção salivar está a aumentar sempre que me lembro de bifes Hehehehe

P.S.s
Obrigada pela tradução da palavra "moletes" que eu não conhecia.
Não acho que "carcaça" seja uma palavra mais "fina"... lembra-se sempre algo que já foi vivo mas que agora jaz sem vida.
Prefiro chamar pão, ao pão :D

PILAR disse...

Um brinde à Amizade!