sábado, dezembro 24, 2011

Gente...

Que o vosso Natal seja galgo ou tartaruga e Segunda alívio ou saudade. Fiquem bem. E tenham cuidado na estrada...

126 comentários:

... disse...

E despertem um sorriso onde menos se espera:

http://youtu.be/s7RSfj4aUFQ

... disse...

Enganei-me! (descubram um sorriso onde menos se espera)

... disse...

Esta é fácil!

Boa Noite para todos...

Celia disse...

Thank you very much sir. All the very best to you and your family and looking forward to hear more radio programs (podcasts) next year.
YOu're a national treasure and I hope the people in Portugal know it!
Abracos, Celia (Australia)

Celia disse...

Thank you very much sir. All the very best to you and your family and looking forward to hear more radio programs (podcasts) next year.
YOu're a national treasure and I hope the people in Portugal know it!
Abracos, Celia (Australia)

Fora-de-Lei disse...

"Que o vosso Natal seja galgo ou tartaruga e Segunda alívio ou saudade."

Tenho impressão que o Professor nos anda a vender galgo por lebre... ;-)

==================================

Fora-de-Lei disse...

Até os bichinhos gostam...!

12:30 AM

==================================

Cê_Tê ;) disse...

FDL, LOOOOOOOOOOOOOOL ---» +00
Não era suposto baterem os cascos?;D

Eu a pensar que ia ver cenas de procriação!;X

12:42 AM

==================================

Fora-de-Lei diz...

São vacas, mas são muito contidas... ;-)

1:59 AM

... disse...

;-)

Anfitrite disse...

Professor:

O meu natal será o de uma crisálida, que nunca chegará a ganhar asas.

Para si desejo-lhe um Natal de Saudade aliviada e com o coração cheio de calor.
☺☺☺☺☺

Anfitrite disse...

FDL

Nada de distorcer sentidos.

Nunca ouviu dizer que as vacas gostam de música e que até dão mais leite se tiverem música de fundo? Ou será que é duro de ouvido e não deu por isso?


TUDO DE BOM PARA QUEM O MERECER.

Os outros que comam o pão que o diabo amassou, se entretanto restar algum.

... disse...

Bom Dia Anfy,

O Natal nunca me atraiu muito. Recordo-me que era especial porque juntava os avós, os pais e os irmãos e falava-se de coisas que não se falavam durante o resto do ano, o Diabo ficava á porta. As prendas nunca correspondiam aquilo que eu imaginava e ainda tinha que sorrir e agradecer. As melhores prendas vêm em qualquer dia, nem que seja um sorriso que muitas vezes vale tudo.
Ter cuidado na estrada talvez seja a melhor prenda. Cada um tenha oque merece e dê consuante a sua imaginação. Há poucas coisas importantes na vida e o Natal não é concerteza. É apenas uma tradição.

Peace and love.

Anfitrite disse...

http://www.youtube.com/watch?v=QcwpYesiQcE&feature=player_embedded

Riam-se à vontade, porque "life is a tale told by an idiot, full a sound and fury, signifing nothing!
"Macbeth-act5-scene5"


Agora oiçam e vejam que vale a pena

http://www.youtube.com/watch?v=uKWcKbgLQSU

Depois virá o pai natal para nos salvar

http://www.youtube.com/watch?v=fUi28MiJV8U&feature=related

bea disse...

Pedro

não vale estar neura nesta quadra.

Redacção
O Natal

Eu gosto muito do Natal porque é quando as famílias se juntam, mas o meu pai vai sempre não sei para onde e acabamos sozinhos com a minha mãe o que até é bom porque fazemos mais brincadeiras e ela não ralha e podemos falar alto que ela está distraída e não se importa. Por isso eu gosto muito do Natal. É verdade que o meu pai chega sempre fora de horas mas deve ser por estar com o menino Jesus a escolher os gatinhos de chocolate que põe no nosso sapatinho e nos sabem sei lá a quê que eu até acho que não gosto muito de chocolates porque não sabem aos gatinhos. E depois a gente alisa as pratinhas e põe no livro de leitura primeiro para fazer inveja na escola e depois para trocarmos com os outros meninos por um rebuçado seivomel. Na noite de Natal é um bocadinho aborrecido não termos chaminé, nunca temos a certeza se o Menino Jesus acerta nos sapatos, é verdade que temos de pôr a mão toda no sapato e ir até ao fundo senão não achamos a prenda. Mas gostamos todos muito. No dia de Natal vamos à missa com a mãe e vale a pena só por ouvi-la cantar, ver a maneira como mexe a boca a rezar e os olhos com que ela olha não sabemos para onde; eu fico logo ao lado e viro-me para a mesma banda, e juro que não acho graça nenhuma ao santo por detrás do senhor padre. Depois há aquele bocadinho de estar em fila para dar um beijo na perninha fria do Menino e que o senhor padre limpa com um pano branquinho logo a seguir, mas a gente não baba nada e não percebo para que é tanta coisa. E depois vamos todos olhar para o presépio que está lindo e é o único que se faz na minha aldeia e a D. Olímpia é uma senhora que tem tudo do presépio, sem que a gente imagine onde. vou à casa dela e os lagos não estão lá, nem os reis magos, nem o burrinho, nem a ponte, onde é que se guarda uma ponte dentro de casa? santo deus que não imagino, é que nem o menino Jesus vejo. Se eu tivesse um presépio e fosse como a D. Olímpia viúva e sem filhos, punha-o à mesa comigo todos os dias do ano, espalhava o presépio pelas divisões da casa e vivia acompanhada por estrelas e pastores o ano inteiro. Nos degraus da porta deixava mesmo era os reis que vieram de muito longe mas não estão habituados a casas normais e depois não sabemos o que é que havemos de dar a um rei.
(con)

bea disse...

(cont.)Onde é que eu ia? ah... e depois de olharmos para o presépio nós falamos uns com os outros a esquecer-nos de propósito que estamos na igreja e a D. Olímpia de dedo em riste, pchui! Shshsh…......, entre o queridinho e o zangado, para servir a todos os gostos, e nós às cotoveladas uns aos outros, com a mão à frente da boca feitos bacôcas a medir uns com os outros os avanços dos trabalhos de casa, quantas cópias da escola já fizeste? E o Luís atrás de mim, eu não fiz nenhuma faço tudo na véspera e dá e nunca lhe digo nada mas fico um bocado ofendida com o estilo de quero lá saber. E depois a mãe vem e diz, vamos embora. E nós vamos, ainda com restos de conversa atrás não sei se pegados às saias ou assim.
E começa o dia a ser normal, apesar do almoço diferente. E eu gostei muito que a professora me tivesse mandado fazer esta redacção, porque quando nasce o Menino Jesus é outra coisa. A gente não dá beijos na perna de bebé nenhum. E aquilo do musgo no presépio é muito bonito e também é mais bonito porque vamos apanhá-lo com a professora nas horas da escola. E a senhora professora fora da escola é uma rapariga normal. E gostamos muito dela.

... disse...

Bea, tens razão:)

http://youtu.be/g7Q_bq07GVs

Ainda no outro dia senti que me sentia bastante mais seguro junto de uma mulher que de um homem.

Vocês teem qualquer coisa!

Hoje parece que não dormi!

Beijos e que que a Mãe Natal seja generosa;)

bea disse...

Prontos, Pedro, estiveste até às tantas a fazer as prendinhas...dá para dormires um bocadinho agora, talvez. Vá...caminha (de cama). Ou preferes um café? hoje é dia de exceção :) Há bocado queria só desejar uma boa noite e saiu uma redação :)
E obrigada por reconheceres o qualquer coisa das mulheres. Elas podem até pensar como tu, no sentido inverso :)

a TODOS: MUITO OBRIGADA.Pela companhia e o mais.
E um sorriso grande, gracioso e grato

rainbow disse...

Bom dia per tutti,

http://www.youtube.com/watch?v=1NXOcpYmjh0

:)

rainbow disse...

Pamina,

Enviei um mail em resposta ao teu. Apesar de te ter dado erro, recebi em duplicado. E espero que consigas ler o meu.
Mais uma vez, um Bom Natal.

rainbow disse...

Pedro,

Concordo que as melhores prendas não são materiais.
A minha melhor prenda é comcerteza a companhia dum miúdo de vinte e um anos que também pensa emigrar. Mas entretanto, está cá:)

Um abraço

A Menina da Lua disse...

Desejo a todos um Feliz Natal e claro com a melhor companhia...que é sempre a daqueles que nos querem bem!
Mesmo sem neve :) está um lindo dia sol para se comemorar o Natal, aproveitem-no com alegria e saúde que o resto sempre aparece...

Aqui fica o meu presentinho com esta musiquinha de Natal numa versão que eu gosto muito.

Beijinhos

Christmas Time is Here ~ Sarah McLachlan

http://www.youtube.com/watch?v=FBAJoF_ndbY&feature=share

AQUILES disse...

Bom Natal Para todos os meus bons amigos.
Deixo-vos com a memória do futuro

Abreijos

Aquiles


LADAINHA DOS PÓSTUMOS NATAIS


Há-de vir um Natal e será o primeiro
em que se veja à mesa o meu lugar vazio

Há-de vir um Natal e será o primeiro
em que hão-de me lembrar de modo menos nítido

Há-de vir um Natal e será o primeiro
em que só uma voz me evoque a sós consigo

Há-de vir um Natal e será o primeiro
em que não viva já ninguém meu conhecido

Há-de vir um Natal e será o primeiro
em que nem vivo esteja um verso deste livro

Há-de vir um Natal e será o primeiro
em que terei de novo o Nada a sós comigo

Há-de vir um Natal e será o primeiro
em que nem o Natal terá qualquer sentido

Há-de vir um Natal e será o primeiro
em que o Nada retome a cor do Infinito


In “OBRA POÉTICA” de David Mourão-Ferreira

... disse...

A era de Gutembergue. Ou seja a era da informação. Tornou-se obsuleta. Nada como a companhia e a partilha do tempo com quem está próximo.

Abraço

E que a Mãe Natal seja muito generosa:)

Interessada disse...

Vem com a malta, toca a andar.
Quadra natalícia não é para esquecer tudo o mais!

... disse...

Interessada,

o josé barata-moura, foi o meu primeiro idolo musical com a aldeia dos penteados.

Bom natal para todos. Mesmo para todos:)

http://youtu.be/av5EAWVOVZo

ana b. disse...

Murcons:

Votos de um Natal feliz junto dos que mais amam:)

http://youtu.be/0HPW32xb1nI

Anfitrite disse...

Aquiles,

Também já foi o meu aqui.

Sempre que o leio vem-me às narinas
um cheirinho a tabaco de cachimbo. E não é Mayflower, do qual eu nunca gostei.

Mdlua

Embora os tempos já não sejam o que eram, a minha mãe ensinou-me este provérbio:
Natal na Praça/Páscoa ao fogo/
Abril chuvoso e Maio ventoso/Fazem o ano formoso.
Mas isto era lá para as bandas do Sul.

Bea

A alegria não se inventa e mesmo o riso cultivado à força só fará bem aos músculos. Para mim, por diversas razões, as épocas ditas festivas sempre foram as mais tristes. Que alegria pode ter uma pessoa que passa o natal, sozinha em casa, dentro dum casulo?!
Pode parecer estranho, mas este ano recebi o convite do meu psi, que queria à força vir buscar-me aqui a casa para eu passar com a família dele, mas que eu não conheço de lado nenhum. Já foi uma alegria breve que me fez chorar. Ele sabe que não são os antidepressivos que resolvem problemas, porque a minha memória é mais forte do que tudo, embora às vezes possam ajudar. Mas para eu tomar um antidepressivo tenho de tomar um diazepina. Não há volta a dar-lhe.

:):):):):):):):) )))))))) BIÉPI:D:D:D:D:D:D:D

Viva a internet, ao menos posso falar por alto, sem ver as caras de gozo.

E agora vou dormir porque hoje ainda não me deitei.

Anfitrite disse...

E depois quer esta gente que eu seja feliz se até uma santa casa , que eu conheço, recebeu durante anos milhares de contos, por ter feito um contrato para vinte e tal crianças quando não tinha lá nenhuma. Mas as técnicas do Serviço Social, para não levantarem o rabo da cadeira, acreditam no papelinho manuscrito, que lhes mandavam a dizer qual a frequência mensal. E isto passava-se com todas. ninguém ía verificar. Agora para receberem umas coimas vão verificar os lares
clandestinos, quando muitos deles têm muito melhor condições do que os que têm alvará. E também dão para muitos enriquecerem, Aqui ao pé de mim mora um médico que arranjou uma vivenda e tem lá mais de uma dúzia de pessoas das quais recebe uma fortuna, que serve para pagar o ordenado à filha. Tempos houve em que até a que fazia de cozinheira, que era analfabeta, era a pessoa que dividia os os medicamentos pelas caixas dos utentes. Não não estou louca. Este mundo é que está insano.

http://www.rtp.pt/noticias/?t=IPSSdo-Porto-acusada-de-ter-falsificado-listas-de-utentes.rtp&headline=20&visual=9&article=512710&tm=8

Anfitrite disse...

Desculpem lá mas ainda aqui estou. Não tenho que fazer rabanadas.

"Assunto: Moisés, Jesus e um Velhinho...


Moisés, Jesus e um Velhinho jogavam golfe...

Moisés colocou a bola no pino e deu a primeira tacada; a bola caiu num lago.
Moisés chegou à beira do lago e, levantando o taco, as águas abriram-se. Ele entrou, deu a segunda tacada e a bola foi directamente para o buraco.


Na vez de Jesus jogar, a bola também foi parar no lago, mas caiu sobre a folha de uma vitória-régia. Então, Jesus caminhou sobre as águas, foi até a planta e deu a segunda tacada, mandando a bola para o buraco.


Aí foi a vez do velhinho.


Ele, todo trémulo, preparou-se para dar a tacada inicial. A bola voou para fora do clube e começou a cair na direcção de um riacho. Nesse instante, um sapo engoliu-a. Pouco depois, uma cobra engoliu o sapo e foi agarrada por um gavião; a ave apertou demais a cobra que regurgitou o sapo ao sobrevoar o campo de golfe. Ao cair, o sapo bateu com o peito no chão e cuspiu a bola directamente para o buraco.


Ao acompanhar toda aquela cena, Moisés olha para Jesus e diz:


- É pá! É muito chato jogar golfe com o teu Pai..."

andorinha disse...

Bom Natal, malta:)

"Nada como a companhia e a partilha do tempo com quem está próximo."
Diz o três pontinhos lá em cima e diz muito bem.


Bea,

Deixa lá as redações por hoje e vai mazé fazer as rabanadas...

Fiquem bem, amigos.

AQUILES disse...

Anfitrite

Eu cumpro uma tradição de alguns, que é a de colocar na Net, em vários pontos, este poema. Aqui no Murcon, também o faço já há alguns anos. E mando por mail para todos os da minha lista. Este ano dediquei-o como memória do futuro. A cupidez e a ganância não justificam nada no tempo, nem têm alicerces nesta dimensão actual. Harmonioso Natal.

bea disse...

Anphy

a alegria nasce de onde menos se espera, mas temos que ser nós a querer olhá-la, né? diazepinas... tá bem, tá. E todos gostamos de si aqui no Murcon. Eu gosto. E de certeza mais gente. Um menino Jesus para si.

Andorinha

Tá tudo controlado :)não sejas resmungona. O que eu já fiz depois da redação não tem conta nem medida:)


Bonito. assim é que é. Family, family.

Um anjo de Natal a guardar-vos a noite e o sonho

Pamina disse...

Rainbow,
Recebi sim. Boa Noite de Natal e até para o ano. Um bj.

Renovo também os desejos deixados para todos no post anterior e se quiserem descer até ao andar de baixo encontram lá alguns presentes que reuni para vocês.

... disse...

http://youtu.be/_goEernujW8

... disse...

A musica que deixei era a musica que passava quando entrei a essa hora.

Deixo-vos um blog também bastante antigo porque alguém um dia disse: "Um dia tudo oque está ao nosso alcançe será geometrizável". Enquanto esse momento não chega, vai-se tentando. Mas sem duvida uma linguagem belissima:

http://geometrias.blogspot.com/2011/12/o-geometrias-esta-entrar-no-oitavo-ano.html

rainbow disse...

Bom dia:)

E porque me sinto feliz, apetece-me distribuir uns presentinhos:

Para o Professor
http://www.youtube.com/watch?v=wzxq24YYJ3U&feature=related

Andorinha,
http://www.youtube.com/watch?v=ZfyAsj4_ZDI

Bea,
http://www.youtube.com/watch?v=k6Q-BByM9hQ

Pamina,
http://www.youtube.com/watch?v=0NdmIpHKfgk

Pedro,
http://www.youtube.com/watch?v=13LGwE67ZRY

FDL,
http://www.youtube.com/watch?v=8Pa9x9fZBtY&ob=av2e

Interessada,
http://www.youtube.com/watch?v=H2XCgcxsvTg

Anfi,
http://www.youtube.com/watch?v=4Hqc-NWlNJQ

Ana b,
http://www.youtube.com/watch?v=p8_eVQBN63U

Ímpio,
http://www.youtube.com/watch?v=_d94WJj6OWQ

Menina,
http://www.youtube.com/watch?v=Ojre8-jtfbY

Caidê,
Porque me deste esta canção como boas-vindas no murcon:

http://www.youtube.com/watch?v=887TXY9O2Eo

Manuel,
Porque, tal como a Caidê tb me deu as boas vindas no murcon com uma canção:

http://www.youtube.com/watch?v=LTk-t8s_R0Y

Se me esqueci de alguém, não foi por mal.
Um abraço:)

Impio Blasfemo disse...

Murcons

Bom Natal para todos e que a memória não nos aflija quando ouvirmos as 12 badaladas da entrada do próximo ano 2012.

Isto anda um frio dos Diabos e à noite, frente á lareira é que se está bem,

E por aqui fico, pois vou aproveitar este espírito natalício para ver se consigo olhar para uns tantos assuntos com um olhar menos ímpio.

Saravá
Ímpio

Moon disse...

Um Natal feliz para todos!:))

Beijinhos

Prof., um abraço!

bea disse...

Malta
parece-me que o sennhor professor merece um agradecimento extra:)

Por nos aturar sem dizer uma nem duas;
por nos deixar invadir um espaço que é seu de pleno direito;
por repartir com quem quiser o que entende que é de;
por, apesar de ter uma linha, aceitar todas as outras;
por às vezes se dever rir com o que escrevemos mas não o dizer.

Obrigada, professor.Bem Haja e Bom Dia de Natal

Cê_Tê ;) disse...

Bom dia! ;)
(O pessoal promete cuidado, professor.;))

FDL, está mais do que visto que não percebe nada de "animais"!!! :))))
Eu até pensei que a Anf. lhe ia recomendar uma viagem à India. ;D

Que o Pai Natal lhe (re-)carregue o Bom Humor (ao seu jeito e que muitos de nós apreciamos) e a Mãe Natal que seja generosa no que mais precisar:tipo meias e assim ;P

Bom Natal a todos!

Manuel disse...

Rainbow:

Muito obrigado pelo Rainbow (belo trocadilho) e pelo grande Ray.
Aqui vos deixo:

«Spring in Norway»: Eduard Grieg
http://youtu.be/-aWREFoIZbA

Lavinia Meijer: Harp (Monteverdi)
http://youtu.be/8q0nrX-P4_4

«Mozart: "Mass in C Minor»: William Christie and Patricia Petibon
http://youtu.be/cJGvyfzN9Yo

«Vorrei spiegarvi, oh Dio»: Patricia Petibon
http://youtu.be/mdH5-Yv7NAc

Interessada disse...

Rain

Muito obrigada pelo presentinho matinal.
E não é que ele veio mesmo?:)
Há momentos mágicos em que a realidade segue as pesadas do sonho.

Ímpio

A realidade de 2012 será bem mais dolorosa que a do passado, pelo que a memória não me afligirá, mas antes me ajudará a enfrentar, a suportar, e a solucionar o futuro.
Um abraço

Manuel

Uma mão cheia de tudo? =D
Agradeço o que pude desfrutar.

Fora-de-Lei disse...

rainbow 11:26 AM

Obrigado pelo grande Mark Knopfler / Dire Straits. Espero que não se zangue com a minha retribuição... ;-)))


Cê_Tê ;) 1:29 PM

"Eu até pensei que a Anf. lhe ia recomendar uma viagem à India. ;D"

Nem era preciso. Eu passo muitas vezes ali pelo Martim Moniz... ;-)

... disse...

Retrospectiva de 2012:

http://youtu.be/QsEM3TF4wds

Não, não me enganei, queria mesmo escrever "2012".

...

diz que disse...

http://youtu.be/ELOuc2XHQLM

:)

Pedro disse...

Há uma campanha que está a passar nas televisões que foi feita para Portugal. Não encontrei neste meio restrito. Deixo a versão Brasileira:

http://youtu.be/y9BGzDKilzw

cycle disse...

Feliz Natal para galgos e tartarugas!!!

(O quê,
já passou?!)
:)))

Eu só vim dar os parabéns ao professor por ter recebido um colete vermelho no Natal. Espero vê-lo em breve (ao colete, claro) no trio.

E bom Ano Novo, ainda dá para desejar?
Que seja!
;)

cycle disse...

Feliz Natal para galgos e tartarugas!!!

(O quê,
já passou?!)
:)))

Eu só vim dar os parabéns ao professor por ter recebido um colete vermelho no Natal. Espero vê-lo em breve (ao colete, claro) no trio.

E bom Ano Novo, ainda dá para desejar?
Que seja!
;)

bea disse...

Olá Bom Dia!!!
pronto, os dias iguais. Bolas, pá. O mesmo frio, o mesmo sol doentinho, os mesmos gestos maquinais. Ainda o cansaço que não se esvai num estalar de dedos, mas é grato o aconchego morno desta canseira feliz. Na família, as prendinhas foram quase todas o resultado de imaginativas respostas à crise. E foi bonito; talvez até mais que nos anos anteriores. E todos os anos o mesmo pedido instante na hora da despedida "que a vida nos reuna a todos para o ano. De novo". E lá vamos para mais 365. Ano Novo em 1 de Janeiro? ahnnn... cada um conta os anos como quer: se o Natal é quando um homem quiser, o resto também.
Fiquem bem. Sejam felizes. Agora, com tempo, vou ver o que têm por aqui deixado. Um bem haja antecipado pelo que vou ver e ouvir :)

rainbow disse...

Bom dia

http://www.youtube.com/watch?v=IgERaBJCHfc

Bea,

Aqui também está frio, mas com muito sol.
Um abraço:)

bea disse...

Fora (12.30)
De verdade que a lebre é um bocadito convencida e merece. Mas afinal também não esteve parada, foi uma mostra de habilidades…e da tartaruga, o que ficaste a saber? Que resulta não desistir. Talvez a tartaruga, por andar mais devagar, tenha apreciado o caminho, enquanto a lebre entretida a mostrar-se. Bem imaginado.

O jazz é um sucesso entre as vacas :)

… (8.47)
Desculpa?... Ninguém pensa por ninguém a importância das coisas. As que são importantes para ti podem não o ser para mim. É distinto que afirmes não gostar de alguma coisa, o Natal por exemplo, ou que a afirmes não importante. Perco-me dentro das afirmações categóricas. O valor não está nas coisas, portanto…

…, (2.28)
a informação é obsoleta em tudo que não seja ela :). Podes viver desinformado, é só um adjetivo que te quadra. Mas viverás muito pior se não fores amado(a). Se perderes a informação, a esqueceres, é pena, mas ainda assim se tenhas quem te goste, vives ainda. A informação complementa a tua realidade interior, é condição suficiente.

bea disse...

Anphy(9.30)

Obrigada pelas gargalhadas, gostei especialmente do senhor que ria com um martelo na mão, de tão entusiasmado é capaz de ter dado uma martelada no joelho. Está mais relaxada? Rir é sempre o melhor remédio :) mas parece que nos cobram o riso, como se, nos tempos que correm, fosse um ousado levantar de saia. Rio-me no emprego e as pessoas franzidas como se estranho. E rio à mesma. Rir. Sempre que consigamos :)

Não brinque. Só nós nos podemos salvar de nós mesmos.

Rain

Obrigada, os votos da comercial estão fixes e o Nuno Markl sabe.

Ofertas musicais: digo, parabéns, boas escolhas.
Obrigada pela cor que me coube:) Penso que a da andorinha tem a dose certa para o importante de todos em cada um; boa ideia a do Jorge Palma.
A do Fora lembrou-me tempos em que dava boleia a um garoto que me pedia sempre a cassete dos Dire Straits. Encontro-o na rua com um tão outro olhar que talvez já os tenha esquecido.

Menina (11.26)
Piano e Natal rimam a valer. Thank’s

bea disse...

Interessada

Gostei de rever o Barata das cantigas que ensinei. Ainda é o mesmo Barata Moura, inflamado por ideais da esquerda verdadeira, a clamar pelo que (ainda) não há: a união entre os portugueses.

Pedro
Temos que acreditar que é verdade. Que o bem se sobrepõe ao mal. Mesmo se nada é assim tão simples.

Rain
:) Bom Dia para ti também.

E saúde da boa. Continuem a festa que tenho de ir trabalhar.

PAH, nã sei! disse...

E pronto chefinho... venho atrasada, mas cheia de vontade de lhe dar um abraço virtual e desejar que tenha tido o mais calma, feliz e envolvente Natal!!!

Continuo sem ter nome...
Ah!
Pah... nã sei (como me chamo ;)

Interessada disse...

Rain
Aqui também está frio (ma non troppo), mas o sol brilha =D
Subscrevo e acrescento

Pedro

Sabe bem acreditar, e leva-nos mais longe. Porém, nem sempre é possível.
Good knews or bad knews? Tu escolhes, e nunca estão a mais :)

http://www.boasnoticias.pt/categorias_Bem-estar_14.html
http://www.goodnewsnetwork.org/
http://www.globalgoodnews.com/
http://www.happynews.com/index.aspx

rainbow disse...

FDL,

Obrigada pelo Tom Jones.Há "séculos" que não ouvia essa canção.

Bea,

A vida é feita de pequenas nadas, que podem ser muito importantes, consoante o olhar que lhes dermos.

Interessada disse...

Atenção Murcons!!!!!!
Querem arriscar?

rainbow disse...

Interessada,

Obrigada por "Gracias a la vida". Gosto muito dessa canção.

Exilado disse...

http://exiladonomundo.blogspot.com/2011/12/o-jantar-de-natal-com-o-madeira.html

rainbow disse...

Bea,
"A vida é feita de pequenas nadas..."

Eu queria dizer "pequenos nadas", como é óbvio. Isto é efeito de tanto açúcar:)

bea disse...

Entendi. E nem dei pelo lapso :)) pensava que o Natal não me ia surpreeender, que a surpresa de natal já tinha sido. Mas não é que?!

pah, não sei!
eu gosto do nome...há quem se chame reticências e tudo bem na mesma. tem um o a menos em não? estranho. Não existe tal pronúncia.

Pedro disse...

Quando somos os melhores da nossa rua:

"3. Marc Chagall on Pablo Picasso:
“What a genius, that Picasso… It’s a pity he doesn’t paint.”

Hoje num passei veio-me uma frase á cabeça ou pelo menos foi lá que ganhou forma secalhar já se vinha formando com o rebentar das ondas:

"Lider não é o primeiro é oque espera pelo ultimo" (e o meu pai começou a nadar mais devagar)

Bea, já tens uma leitora que se riu imenso com as tuas redacções. Deve ter a tua idade. Ainda não fizemos o teste de ADN mas ela diz muitas vezes "o meu filho", referindo-se a mim.

Bons Loopings

Pedro disse...

Errata:
passei ... passeio
nadar ... andar
disse ... escreveu

bea disse...

Exilado

a empregada, ai enganei-me, estava a pensar na questão laboral, a namorada do Madeira anda a fazer experiências na área de trabalho :)
Desculpa, não era uma adivinha, mas pronto, vai uma resposta para o exílio. Tudo ok contigo?

Pedro disse...

Este é demasiado bom para a internat mas aqui fica:

http://youtu.be/ngrZ7r0XA7M

Pedro disse...

internet

bea disse...

Pedro
Essa do Chagall sobre Picasso seria o quê? é que se nós reconhecemos os artistas eles melhor se reconhecem. Achas que era dor de cotovelo? não precisava.

A do líder - o líder é o que as mais desvairadas gentes chamam ao Lidl - também não está mal, ainda que não tenha referências acerca.

tu és um querido, a mostrar as redações à mãe :) ok. Acredita que se divertir uma pessoa, é bom. Vou incluir nas minhas prendinhas de Natal - de ti para mim, entenda-se.

Para que são tantas erratas? Não sabes que existe uma lei qualquer acerca da escrita, que diz que podes comer letras, desde que não as fundamentais, que se lê tudo tal qual?
Porta-te

andorinha disse...

Bom dia:)


Rainbow,

Acertaste em cheio!
Penso que já aqui disse que Jorge Palma é o meu cantautor preferido.
Esta música 'mata-me'.
Penso que ele a escreveu para mim:))))) Looooool
Associo-a a alguém muito especial, por isso ouço-a muitas vezes.
Mas nunca é demais...
Obrigada:)


Bea,

Não queres dois quilitos a mais?:)
Parece-me a mim que o pecado da gula aumenta com a idade...

E agora vou ler, ver e ouvir o que por aqui deixaram:)

rainbow disse...

Bea,

Ainda bem que continuas a surpreender-te, seja lá com o que for.

rainbow disse...

Andorinha,

Tinhas mencionado isso um dia acerca dessa canção do Jorge Palma. Lembra-te da minha memória de elefante:)
E acho que também "engordeci" um pouquinho nestes dias.

Bea,

Essa da lei da escrita que se pode comer letras, é fixe. Tinha poupado letras a emendar uma só letra.

Pedro disse...

Rainbow, não ligues á Bea. Foi uma lei que ela inventou agora.

rainbow disse...

Pedro,

LOL!

cycle disse...

Quando eu era pequenina (quer dizer, não era muito pequenina. Era mais novinha do que pequenina) fazia muito croché. Não fazia coletes, é certo, mas fazia umas blusinhas jeitosas, muito coloridas, que me ficavam a matar :))

Pedro disse...

Bea, hoje é você que está inspirada como quase sempre. Mas a tal lei diz que "mantendo a primeira e a ultima letra as restantes podem-se trocar". Outra coisa é tirar pelo sentido: mas perna/pena-baço/braço-frio/fio...

:http://youtu.be/r4p8qxGbpOk

"You" eu digo como quem está á minha frente e quem está á minha frente ouve como se fosse eu.

Por isso:

All we need is love.

Queiramos ou não.

Pedro disse...

Como felizmente há coisas que ultrapassam a narrativa.

Uma Boa Noite Para Todos

Cê_Tê ;) disse...

(Pedro, muito bom o link "Ocean of Truth", !)

cycle disse...

Mas depois vieram as leis da troca, o Jorge Palma, os kilos e as gramas, o lider,o pai, o filho e o espírito santo, as erratas, os nadas e a vida, grandes e pequenas, a esqureda e a direita. O centro.
Depois de tudo isto, larguei as agulhas. Mas continuo a vir.

Pedro disse...

Cycle: Você a escrever e eu a fotografar. Vendia mais que a Biblia...

cycle disse...

Pedro,
somos uma team? :)

Fora-de-Lei disse...

rainbow 3:35 PM

"FDL, obrigada pelo Tom Jones. Há 'séculos' que não ouvia essa canção."

E eu a pensar que a Rainbow ia ficar pior que uma barata com a minha oferta natalícia... ;-)

Mas esta agora é que é mesmo a sério...! (para todos aqueles que gostam de caca-cola e/ou da respectiva publicidade televisiva)

Pedro disse...

Cycle,

Nunca se sabe:)

Pedro disse...

Quem nunca bebeu Coca-Cola que atire a primeira pedra;-)

Além de que é bom para desentopir canos. E para a prisão de ventre. Depois da Marlboro é a marca mais espalhada pelo mundo ocidentalisado.
Do mal o menos.

Nesta segunda Rota das cedas em que o extremo Oriente está a precisar de escoar. Os contentores não voltariam vazios. Lutar sempre!

Pedro disse...

FDL:

Oque mais me faz atazanar é a hipocrisia que tem acompanhado a especie a que eu e tu pertencemos.

Bem Haja...

Pedro disse...

Há muita hipocrisia tanto de um lado como do outro. Por isso éque escrevi á cycle. Estou fartinho de slogans que mudam consoante as estações. Ora a primavera começa mais cedo são de uma forma ora começa mais tarde são de outra forma. Estamos em constante looping.

http://youtu.be/r1bWVukc5Qs

Claro que é triste tanto um como o outro.

FDL: com todo o respeito, estamos em circunstâncias distintas. Tu já és pai, eu não posso sequer pensar nisso.

Fica bem.

Cycle, noutro dia haverá oportunidade para acertar agulhas...

Pedro disse...

FDL, sou politicamente consciente desde os 14-15 anos. Contas feitas 20 anos a ouvir "que o pior ainda está para vir". Só me faltava vires mais tu! (desculpa Andorinha) mas se eu acreditar que a bola não entra buraco, concerteza que só entra com sorte. E nem toda a gente teve a sorte que cada um que aqui está teve. E por isso também algum respeito porque de tanto olhar para a esquerda somos atropelados pela direita.

E para não haver duvidas e porque haverá sempre muito que falar. A marca é o menos importante:

http://youtu.be/g41TJlvNq6U

Interessada disse...

FDL

Para lutar é necessária a capacidade de encarar o porvir com esperança.
Picasso dizia que a nossa maior perda não é a morte, mas aquilo que morre em nós enquanto vivemos.

Pedro disse...

Interessada,

É muita água para o seu cântaro:)

Interessada disse...

Seriously?
Pedro, vai fotografar os três pontinhos ;)

Pedro disse...

Interessada. Gosto sempre que me convidem a entrar e a sair. Ou seja ver o filme todo.

Fique Bem

(E não sabe o bem que faz (fotografar os trêz pontinhos) porque a Interessada numa mão tem os ideais noutra a vaidade)

As melhoras. E cuidado que nem tudo é moldável.

Não se esforçe, tanto que a montanha ainda não saiu do lugar.

Mas como a escrita pode ter dois sentidos. Vou tomar como boas as suas palavras.

Um Bom Dia.

Acho que vou ter que meter a minha participação aqui no MUrcon no IRS do próximo ano.

Fiquem Bem

Pedro disse...

FDL e Interessada, para amenizar as hostes e nos apercebermos que nem todos são iguais. Deixo aqui uma musica que não me importaria de ouvir de cada vez que entro no Blog:

http://youtu.be/P7mHf-UCZp0

Pedro disse...

Interessada,

A sua fotografia de perfil está a descolar...

Pedro disse...

Camaradas, está na altura de deixarmos de ser como temos sido até agora. Quando o Governo é de Direita os Sindicatos amenizam e a esquerda mais renvindicativa desgoverna-se. Quando o Governo é de Esquerda vira tudo "bicho".

Deixo aqui uma boa matriz para os próximos anos:

http://www.portaldoeleitor.pt/Paginas/TipoDeEleicoeseReferendos.aspx

Cegos, o Saramago já descubriu que estávamos. Mas agora estamos mesmo surdos.

E só queria deixar um abraço á CT que desde o inicio soube ler e ouvir porque de resto com a excepção da Andorinha, Caidê, Anfy e muitos outros há malta que só sabe falar, nunca aprendeu a ouvir.

cycle disse...

Pedro,

"morreu em contra mão atrapalhando..."

Deveremos provocar a contra mão ou fugir-lhe? Não sei. É uma questão que atormenta. Deveras. E se chamassem o Chico para fazer publicidade para Coca Cola :) talvez o mundo fosse diferente e não existissem tantas contra mãos.

A mim faz-me bem brincar aos despojos.

Pedro disse...

"É o Planeta em que vivemos"

http://youtu.be/ngrZ7r0XA7M

Pedro disse...

Bom Dia Cycle!

Também acho, faltam mais Chicos para atravessar tanto Mar.

Abraço
Pedro

(Ontem quando escrevi aquilo, foi porque oque escreves-te não me fez pensar no que tinhas escrito mas noutras coisas. Não sei se gostas de escrever assim (sem presunção) mas eu gostei. Se quiseres podes-me escrever para o mail que está no meu perfil.

...

bea disse...

Viva Andorinha

Toda a gente engorda um pouco no Natal:); ínfimo facto, pormenor de somenos. E sinal vário: que se esperou a data e se guardou uma espécie de abstinência de doces para depois o sabor inédito de todas as coisas (eu); que se esteve com quem se gosta em portuguesa cavaqueira: comendo; que, na inesperada mesa , os nossos doces preferidos. Que não falta à boca o que o coração deseja.

Não me preocupa o peso que perco mal o quotidiano “olá, cá estou eu”. Mas pesa-me um pouco o afã de encher a mesa. Assisti às compras mais variadas em termos de doçaria e não só. Será que as pessoas esqueceram como fazer bolos e doces de colher? Compra-se tudo?! Espanta-me. Para nós (família) Natal é as nossas mãos por detrás, o amor ao fogão em lume brando, o planear a ceia em pormenor, a acertar nos gostos de todos e cada um. E todos contribuem, até os mais novos. E em cada prato um desafio assinado :) Conseguimos criar um Natal a sério, de que não havia hábito; é possível que deixe semente. E se não? Também não interessa.

rainbow disse...

Bom dia,

Só para deixar um abraço.

Peace

bea disse...

Rain

O mérito é de quem consegue surpreender-me com o encanto das pequenas coisas. Julgo que a minha gratidão com a voz a falhar foi recompensa:)

Cycle!!!

Tu fazias crochet…blusinhas em crochet? Isso é fazer renda, certo? Com uma agulhita fina e com barbela? Ahnnn…fiz carradões de blusas e casacos em tricot. Gosto que se veja o progresso e o crochet é muito demorado não dá para o meu tempo :) Deixei-o para a reforma que não há-de tardar;aí, gastar muito tempo não fará diferença. Talvez me torne uma expert. Quem sabe lá…(e cá) :)

Pedro

8.03 a lei não diz isso. o eu não a saber não significa que não saiba o que ela não é :)
Não é inspiração, ela atira-me para outros lados.

"You" eu digo como quem está á minha frente e quem está á minha frente ouve como se fosse eu.”
Não é o normal?

Obrigada pela água Evian, acredito nos homens quando vejo cenas assim; right, a marca é o de menos :) E não sejas rude com a Interessada, ok?
Nunca soube de uma montanha que saísse do lugar. Logo, não há fé. Ou a lava dos vulcões conta? :))

Fora
É tudo a sério e sem cachecol. Mas ainda a sério para poucos. Porque muitos não sabem e foram treinados para não quererem saber. Pelos governantes que tivemos, com a preciosa ajuda da natureza que nos pertence.

Bom Dia!!!
Fiquem Bem
tenho que ir ali. a um sítio. que não é do pica pau amarelo :)

Pedro disse...

Viva a Bea:)

Bea, também já bati muita clara em castelo á mão! E só parace fácil para quem nunca fez. Aqui juntan-se várias experiências. Mas só impiliquei com a Interessada por alguma razão eu desconheço. E por isso peço desculpas.

Não estará a NASA em em decifrar estas conversas vindas do Além?

E repetindo-te mas de outra forma "há falhas que geram riqueza. O Professor Julio além de não saber apagar comentários. Não perde tem a nos ler. De vez enquando passa pelos comentários só para contar os smiles"

:) (tu prendes moça!)

Pedro disse...

"Portugal em primeiro plano a nivel mundial"

http://noticias.sapo.pt/internacional/artigo/peninsula-iberica-e-imagem-do-di_2025.html

...

Interessada disse...

Pedro

Bom dia =D
Eu sei que não estavas a implicar comigo.
Já te conheço e gosto muito de ti. Penso que sabes isso.
Apanhei a crítica para quem não sabe ouvir, e coloquei-a a amadurecer.
Surpreendeu-me, pois então, mas se tu me vês assim alguma verdade haverá.
Também eu gosto muito do poema e da música "Construção", do Chico Buarque.
Em contra-mão também, mas muito mais optimista, tens um poema lindíssimo de Vinicius de Moraes.
Deixo-te o link para que nele tropeces sem agonizares, e voes, voes bem alto com a esperança que sempre morou nesse teu coraçãozinho.
Fica bem :)*

Interessada disse...

Malta

Amanhã é o dia. Boa confraternização em Almoçageme.
Não deixem que o Impio blasfeme em demasia ;)

Interessada disse...

Pedro

A fotografia online colocada pela NASA, é linda. Obrigada.
Tu tens algumas que não lhe ficam atrás.

bea disse...

Quero morrer sem atrapalhar o tráfego. O Chico que me desculpe. gosto de sem barulho ou reparo. Como se nada fosse. Por ser nada mesmo. E já alguém disse que a morte é um ponto no fim de uma frase, que importa o ponto? Ser ponto. É que não há frases sem pontos.

Pedro

eu descubro cada coisa em ti que nunca visto. Bates claras em castelo e à mão...imaginem. Prontos, é assim, eu bato uma clara à mão; é que sendo só uma, a máquina nega-se, deve achar que é de menos para ela. No resto, a varinha é mesmo mágica.

Não sei se o professor passa para contar os smiles (a andorinha ganha todos:), mas penso que às vezes sorri do que escrevemos. De apagar comentários não sei.
Um bom dia para ti

Pedro disse...

Bea eu por vezes escrevo sem terminar com pontuação

"É o chamado (ponto de caramelo":)

rainbow disse...

Boa tarde:)

Bea,

"O mérito é de quem consegue surpreender-me com o encanto das pequenas coisas..."

É isso mesmo. E esse encanto ou essa surpresa às vezes emociona.

http://www.youtube.com/watch?v=mDX_s0N9KRo&feature=related

Pedro disse...

Olá Interessada,

Vi agora o Link. Tropeçei mas ainda me chegaram as mãos.

Hoje ao ver o Mar: e fechados nós em sete continentes. nunca mais chega a hora de voltar a essa mãe que nos dá todos os dias uma luz diferente.

...

cycle disse...

bea,
pois é, a perfeição morreu na falta de um ponto. E ninguém ouviu. Esqueceu-se de sussurrar que ia morrer.

No entanto, agrada-me que te dês ao trabalho de me corrigir. Podes continuar. Sempre tem de haver artistas neste mundo.

Interessada disse...

Cycle

Cuidado com as imitações :)

Pedro disse...

"e estão divertidissmos", foram estas as palavras do Julio Machada Vaz no "Amor é...) quando falava da internet e passou por uns segundos pelo Muron. É nisto que eu me baseio.
Escrever um post e ao fim de uma semana ter quase 300 comentários. Não dá mesmo para ler. Ou ainda acreditas que é o Cristiano Ronaldo que responde ás cartas das fans.

Bea,

A Google disponibizou esta plataforma que muitos utilisaram e o professor foi um deles. Cada um que comenta também está a disponiblisar um serviço gratuito.
Nós éque estamos educados em pensar em piramide. Por isso esgotava-me ás vezes. Era quase tão mal como bater claras em castelo.

...

Interessada disse...

Como estou sem inspiração para outra, e sem querer aqui vim parar, peço que tapem as membranas timpânicas mais sensíveis.
É só enquanto vou acolá e o Manuel não nos presenteia com as suas boas propostas musicais.

cycle disse...

Interessada,
pois é, mais vale ser genuíno. É coisa que não se compra. Nasce cagente.

Que dia é hoje?
25 de Abril?!

cycle disse...

Pedro,
é preciso permissão para enviar um e-mail?! Estamos em Cuba, pá?! :)))

cycle disse...

Masondéquêstava quando se formou o clube de fãs...

Pedro disse...

Cycle y Interessada,

Encontrei algo em comum entre vocês. É imposivel aceder ao endereço do vosso email.

P.F. Deixem aqui os respetivos endereços.

Ou enviem-me um email com o vosso Nick.

A Mar at the sea

...

Pedro disse...

Cycle, não foi uma permisão, foi um pedido.

Pedro disse...

http://youtu.be/GaVNfZWBVhQ

rainbow disse...

Boa noite,

http://www.youtube.com/watch?v=p-EkXucRMlc

Manuel disse...

Boas músicas:

«Beloved»: Anoushka Shankar
http://youtu.be/zNKF3_teII4

«Turn Me On»: Norah Jones (meia-irmã de Anoushka Shankar)
http://youtu.be/mHff55AeEAQ

«Easy»: Anoushka Shankar / Nora Jones / Karsh Kale
http://youtu.be/316xH6tgobQ

Fora-de-Lei disse...

Pedro 1:13 AM

"Contas feitas, 20 anos a ouvir 'que o pior ainda está para vir'. Só me faltava vires mais tu! Mas se eu acreditar que a bola não entra buraco, concerteza que só entra com sorte. E nem toda a gente teve a sorte que cada um que aqui está teve."

«Em 1988, Flach assinala os pontos de bifurcação que ocorrem nas estruturas homeostáticas durante o ciclo normal da vida: infância, adolescência, juventude e fase adulta de solteiro, início do casamento, paternidade, meia idade e velhice. Existe ruptura, caos, capacidade, resiliência, reintegração e uma nova estrutura homeostática. Todo ser humano tem que ser resiliente para poder sobreviver.»

Pedro disse...

FDL,

Obrigada pelo momento tântrico que me proporciunou. Sinto-me prazeroso em lhe retribuir:

http://youtu.be/v-HQrzqZkhE

:)

Interessada disse...

João Pedro

Vocês lá se entendem :)))))

Tenho as pestanitas a penderem e vou-me deitar. Amanhã conversamos.
Aqui fica a lullaby

cycle disse...

Pedro,
a próxima vez que comer borreguito, estarei atenta aos possíveis foguetes no prato :))

bea disse...

Pedro

(3.11)Às vezes também escrevo sem o ponto, mas mudo de linha ou assim, não está, mas é como se estivera. O ponto de caramelo não dá para a escrita :). Mas sim, tens fins de não acabar.

Muitos de nós não pontuam a última frase :) julgo que indicia um inadvertido desejo de continuidade - a qualquer momento, hora, dia. Se olho os comentários dou-me conta de que só o professor tem uma data, nós somos de quando haja tempo, de recreio – para mim – diferente de um café, de sabermos coisas, de trocarmos algumas ideias desconhecendo o particular de cada um, como se caídos no limbo vindos do nada. Situação mais fictícia não existe, mas pode ser por isso que também atrai, sem ser evasivo, é também evasão :) depois dos primeiros comentários os dias baralham-se e desinteressam.

(5.36) Sim, sim, eu acredito que é o Cristiano Ronaldo a responder; ele tirou o curso da antiga escola comercial e faz caligrafia e tudo nos intervalos da publicidade e dos treinos; E o Zé (Mou) este Natal ofereceu-lhe uns aparos novos e um tinteiro sépia.

A NASA o quê?

Cycle

Ainda bem que lhe faltou o ponto:), a perfeição é uma chateza. E os perfecionistas uns aborrecidos, sendo que alguns nos deixaram obras extraordinárias. Como tudo é vário!

Foi? Não me lembro de te ter corrigido. Espero que, ao menos com suavidade.

bea disse...

Interessada

Tão bonito o poema do Vinicius!Bigada. Pena que quase nenhuns se dêem conta desse sentido na força subterrânea do humano no mundo; os operários não o sabem, mas a poesia é o seu trilho difícil, a consciência de si. E também assim com as mulheres. Talvez que todos nós operários numa teia de Penélope.

Manuel

Obrigada, não conhecia Anoushka Shankar (menos sabia que era irmã de Norah Jones) e andei a cuscar outras coisas da menina. É bom sinal tocar de olhos fechados; como diz, sabe aquilo tudo. Julgo que por isso é capaz de improvisar. E a maioria não entende que improviso e insights são também fruto da perseverança no trabalho. Que talvez quase tudo assim.
Temos que reaprender o trabalho. Ok, não estou a fazer campanha pelo governo.

Fora

As tuas mães Natal têm a justa medida. Parei na dos bombons :). Apesar de encontrar um pouco parvo, (não terão os homens mais que fazer?) as ovelhas do Pedro fazem-lhes frente.

Que a noite vos sorria :)

cycle disse...

bea,
hoje trouxe suavidade. Nem sempre o faz. E a artista (que se entrega à sua 'obra' sem pensar muito) sou eu, não os perfeccionistas. Mas tb deve de haver alguns, sim.

Cê_Tê ;) disse...

Partindo do princípio que todos animais são inteligentes há muitos que acharão certos Humanos muito estranhos! ;P
Mas gostei de (re-)ver as ovelhas;) a comporem quadros dinâmicos. Os humanos só costumam alinhar por dinheiro e/ ou se despirem! (Ver Spencer Tunick)

rainbow disse...

Boa noite

http://www.youtube.com/watch?v=Ai6FhyF1a8g