domingo, janeiro 27, 2013

Our Lady Peace, "Are You Sad?"


212 comentários:

1 – 200 de 212   Mais recente›   Mais recente»
andorinha disse...

A ouvir...e a curtir.
Não conhecia...
Bela surpresa!

João Pedro de Barbosa disse...

De uma coisa se pode estar certo
Não vão morrer sós

João Pedro de Barbosa disse...

A musica é sempre a mesma
Só muda a tecnologia

Quanto á fotografia
Faz lembrar o ilhéu da cabras

Quem vai do porto pim
Á baía da salga

Devidamente patrulhado
E um estreito a navegar

andorinha disse...

We aren't sad anymore:)

Pedro,

A fotografia é bonita, basta ter mar...
E eu imagino-me lá...:)

João Pedro de Barbosa disse...

Falta o "s" de Sabedoria!

The Mamas & The Papas - Monday Monday

http://www.youtube.com/watch?v=h81Ojd3d2rY

andorinha disse...

I don't like Mondays:)
Mas gostei de ouvir os The Mamas & The Papas.
Canções da minha meninice...:)))

João Pedro de Barbosa disse...

Onde ainda contínuas!

Agora vou-me pôr invisivel no chat...

rainbow disse...


Uma canção que me deixou sad.
Às vezes é difícil ser sempre forte...

Andorinha

Vai ser um aniversário muito especial:)
With close friends, and singing in public. Que mais posso desejar?!
Esta em troca da tua:

http://www.youtube.com/watch?v=JOIo4lEpsPY

Pedro

Este presente é para ti e para quem quiser ver, é belo demais:

http://www.youtube.com/watch?v=mcbHKAWIk3I


Anfi e Bea

Eu vi "Blade Runner". E tenho o filme. É um daqueles imperdíveis.


bea disse...

Boa noite :)

Venha a segunda! cá estaremos para a receber.
Obrigada pela música.

João Pedro de Barbosa disse...

bea,

Nunca percebi como é que uma semana pode arrancar sem primeira.

Só mesmo com tração ás quatro.

andorinha disse...

Pedro,

Continuo onde? Na meninice? Pensei que era na adolescência:)

Mandei-te mail, pá:)

Rainbow,

Pois vai, já te disse:)
Tu mereces...
Gostei da "troca".

E ainda bem que temos connosco o Pedro. Assim aproveitamos também essas maravilhas.

João Pedro de Barbosa disse...

Aniversariante,

Há uma história fantástica!!!

Em 98 no Varadouro era mais um dia de férias de dois cumpinchas que se conheceram nos Ribeirenses.

Fiz um primeiro mergulho para medir a luz e fazer o foco. No segundo mergulho voltei á mesma rocha enquanto o Maior mergulhava e subia até á superficie.

Esta fotografia foi dada a uma amiga, a Maior. Estudou no Porto depois em Glasgow até que se estableceu em NY. E ainda continua com a fotografia do Maior a perseguir-lhe nos frigoríficos.

Eles gostavam muito um do outro sem nenhem deles o saber.

Eu achava que ainda eram muito novos.

P.S. Varadouro é a Foz do Faial.

João Pedro de Barbosa disse...

bea,

Já estamos todos na segunda!

Sua distraída!

bea disse...

the voice, celtic women

http://www.youtube.com/watch?v=nX2anEXG0eE

bea disse...

não teremos o mesmo fuso?

mas de certa forma, sim.já estaremos em 2ª

bea disse...

eu por vezes arranco em 2ª.
e bem sabes que o domingo é a primeira.
boa noite.vou receber a 2ª

João Pedro de Barbosa disse...

Terceira,

Boa Noite!

João Pedro de Barbosa disse...

Hoje lembrei-me desta!

O PcP fala tanto no proletariado que faz lembrar o patronato.

Cat Stevens - The Very Best of Cat Stevens (2003,UK Edition) Full Album

http://www.youtube.com/watch?v=jxD6faPrY1M

João Pedro de Barbosa disse...

Nos sonhos há coisas que parecem reais e na realidade há coisas que parecem sonhos.

Sonhar com a própria morte é sinónimo de longevidade e pensar nela deverá corresponder ao mesmo.

João Pedro de Barbosa disse...

Vou ficar à espera que a gravidade da força me leve a dormir:)

Caidê simplesmente disse...

Rain
Aniversário? Ouvi bem? Tu? Marota! Diz.
Jocas (mas conta)

João Pedro de Barbosa disse...

Masturbar é uma palavra para antisépticos e céticos.

Yes! Our Lady Peace is Pleasured for Today

A animação tem destas coisas:

(só me resposablizo pela primeira página)

http://www.youtube.com/watch?v=QlMexmo8CM4

João Pedro de Barbosa disse...

Bom dia!

E vamos lá! Chegar aos 3 digitos!

João Pedro de Barbosa disse...

bea,

Folgo em saber que não continua igual:

http://1.bp.blogspot.com/-dsPIksDmp5Y/UQZRZ_ItU_I/AAAAAAAABAg/7gfkg0FVSk4/s1600/DSC_0168.png

João Pedro de Barbosa disse...

Quer
Seja
Cato
Gato
Cão
Ou
Sapato

Há uma reciprociade

João Pedro de Barbosa disse...

Esqueci-me do d: de deve e haver.

João Pedro de Barbosa disse...

Radiohead - No Surprises

http://www.youtube.com/watch?v=u5CVsCnxyXg&feature=em-subs_digest-vrecs

João Pedro de Barbosa disse...

Anfitrite,

Qualquer semelhança entre estes dois endereços:(não é pura coincidência)

http://www.youtube.com/watch?v=P2NB_U_sgDo&feature=endscreen&NR=1

http://1.bp.blogspot.com/-76XUxdY4_Ks/UP_a9FAtp3I/AAAAAAAAAzE/3WZqA3PgCFc/s1600/DSC_0101.png

João Pedro de Barbosa disse...

Ryuichi Sakamoto-Aqua

http://www.youtube.com/watch?v=OrkcXL94zDw

bea disse...

Rain

mas tenho uma data de filmes para ver que me interessam. E essa obra de arte, prescindo :) quer dizer, fica para quando não tenha mais nada.
É sacrilégio? paciência.

Olha barbosa pára de implicar comigo que tens por aqui mais gente. Mas não te coíbas, continua. Resolvi não te ligar.

Bom sol

João Pedro de Barbosa disse...

bea,

Perseguição da mania?!

João Pedro de Barbosa disse...

BEA!

Eu só brinco com as pessoas que não conheço porque com as que reconheço, já sei que levo troco!

João Pedro de Barbosa disse...

A Y B,

Está uma musiquinha lá fora!

João Pedro de Barbosa disse...

Bea,

Não basta ter o génio!
O anti-génio
É fundamental

Led Zeppelin - Battle of Evermore

http://www.youtube.com/watch?v=-21AtiWV3TE

João Pedro de Barbosa disse...

Três Letrinhas Apenas,

O Anti-génio e o génio com a admirável fórmula de os dois fazerem parte do mesmo...

http://e-o-n-d-o-i-c.blogspot.pt/?view=snapshot#!/2013/01/blog-post_8795.html

João Pedro de Barbosa disse...

Sobre o cão de que aqui já se falou. Independentemente dos simbolismos. Certo seria que se habituou a estar bem acompanhado e a vontade de passar de cavalo para burro não era nenhuma(ponto final)

João Pedro de Barbosa disse...

Os
Meus
Pensamentos
Pertencem-me
As
Memórias
Estão
Condicionadas
Por
Todas
As
Variaveis
Permitidas

João Pedro de Barbosa disse...

As ondas até estavam paradas

Mas com a musica

Parecem avançar

Até o alguém

De procurar

As conchas

João Pedro de Barbosa disse...

O Murcon foi atacado por um virus benéfico. Temos mesmo que ouvir a cotonete depois de fazer "play"!!!

João Pedro de Barbosa disse...

Estou com problemas de visão periférica.

João Pedro de Barbosa disse...

Hoje regresso para o outro lado do ecran que.

João Pedro de Barbosa disse...

Hoje regresso para o outro lado do ecran que.

Caidê simplesmente disse...

Para um sono leve, feliz e muito bem autogerido. A semana ainda balbucia:
http://www.youtube.com/watch?v=y2-SPfCdu-4

Manuel disse...

Que maravilha!
Não deixem de «ouver», como diria o Dr. Instantâneo Miguel Relvas
A Capella – Vivaldi (4 estações)
http://youtu.be/Uxs5O6hMBvg

bea disse...

Bolas, como será que se gere o sono?!
Mas obrigada pela música de Strauss e Sakamoto.

E Boa Noite

bea disse...

Obrigada Manuel, mas tem de ficar em espera que.pronto. moí-me hoje.

João Pedro de Barbosa disse...

Não estou expirado nem inspirado!

Prefiro ficar a comentar, por aqui!

andorinha disse...

Boa noite:)

Caidê,

A ouvir Strauss. Obrigada:)
Hoje tive um dia aborrecido, nada como esta valsa para o aconchego:)

Manuel,

Vou ouver. Obrigada, também:)

Bea,

Também não sei como se gere o sono. Sou uma péssima gestora dele...:)

Fiquem bem.

andorinha disse...

Pedro,

Vai uma receita?
Olha, por mim até marchava...:)

João Pedro de Barbosa disse...

Caidê simplesmente,

(Vou ouver o teu endereço se a excepção não fugir da rágua. Vai-me dar pica para voltar)

João Pedro de Barbosa disse...

Caidê, simplesmente a Andorinha do Mar estragou a surpresa.

Mas sim, já ìa uma receita e três sandes de presunto.

João Pedro de Barbosa disse...

Andorinha do Mar!

Tu tem cuidado! Com o já marchava! Numa apresentação de fotografias, o professor tinha um tique que era precisamente isso dizer.

Quando chegou a minha vez. Todos se começaram a rir menos eu e ele. Eram só três fotografias!

João Pedro de Barbosa disse...

La Creme de La Creme!

Muitas vezes ouvi esta K7:

O Fortuna


Oh, fortuna,

Variável como o

Estado da lua,

Sempre crescendo

Ou decrescendo;

Vida detestável

Agora oprime

Depois alivia

Brinca com o desejos das mentes,

Pobreza,

Poder

Dissolves como gelo.


Destino monstruoso

E vazio,

Tu, roda volúvel,

és malevolente,

Bondade em vão

Que sempre leva a nada,

Obscura

E velada

Também me amaldiçoaste;

Agora - por diversão -

Trago o dorso nu

à tua vilania.


O destino da saúde

E virtude

Me é contrário,

Dás

E tiras

Sempre escravizando;

Então agora

Sem demora

Tange essa corda vibrante;

Já que o destino

Extermina o forte,

Chorais todos comigo.

...

Carmina Burana

http://www.youtube.com/watch?v=m5901x7jen8

bea,

Agora! Não implique você, comigo!

João Pedro de Barbosa disse...

Bea,

Mais vale perder uma noite na vida
Que a vida numa noite

andorinha disse...

Pedro,

Estou a ouvir Vivaldi, não perturbes:)


Manuel,

Simplesmente genial! Levei para o meu mural...

Pronto, Pedro, um dia combinamos e vamos à receita e às sandes de presunto. E se quiseres até ao paraíso de novo.
Paraísos não me importo de repetir:)

Agora vou...

Fica bem, miúdo:)

João Pedro de Barbosa disse...

Em resposta ao comentário tipo creche!

Fica uma homenagem á costa vicentina!

E aos fins de tarde de um outro paraíso de nome Arrifana!

Vincent -- Don McLean (in HD)

http://www.youtube.com/watch?v=PsxfvwuCqxo

João Pedro de Barbosa disse...

Também há o miudo que vai com os pais ao Super e a senhora da caixa no fim lhe dá um saco de gomas. Ele já sabia que tinha de agradecer mas disse o que mais lhe convinha: "Só um!"

João Pedro de Barbosa disse...

bea,

Prefiro as boas notícias como os lugares.

"Beatriz abdica a favor de Guilherme"

http://www.publico.pt/mundo/noticia/rainha-beatriz-da-holanda-abdica-a-favor-do-filho-guilherme-1582418

Porque a invenção
É o abrigo da opressão

João Pedro de Barbosa disse...

Eu ia dizer que as putas e os cabrões que nos criaram estão muito orgulhosos de nós mas prefiro não dizer. Porque o control de qualidade é fundamental quer nas sociais quer nas antisociais.

João Pedro de Barbosa disse...

Igor Stravinsky - Жар-птица / L'Oiseau de feu / The Firebird,

http://www.youtube.com/watch?v=U0og_wlEcO8

João Pedro de Barbosa disse...

QUANDO OSKAR PASTIOR REPENTINAMENTE, EM 2006, EU TINHA QUATRO CADERNOS CHEIOS DE ANOTAÇÕES MANUSCRITAS, ALÉM DE ESBOÇOS DE TEXTO PARA ALGUNS CAPÍTULOS. DEPOIS SA SUA MORTE FIQUEI COMO QUE PARALISADA. A PROXIMIDADE PESSOAL QUE EMANAVA DOS APONTAMENTOS TORNAVA A PERDA AINDA MAIS INCOMPORTÁVEL.
SÓ UM ANO DEPOIS CONSEGUI CONVENCER-ME A RENUNCIAR AO «NÓS» E A ESCREVER SOZINHA UM ROMANCE. CONTUDO, SEM OS PORMENORES DE OSKAR PASTIOR SOBRE O QUOTIDIANO DO CAMPO, NÃO TERIA SIDO CAPAZ.

HERTA MULLER
MARÇO DE 2009

TUDO O QUE TENHO TRAGO COMIGO

D.QUIXOTE

João Pedro de Barbosa disse...

Na rádio "x" os doid radialistas irrealistas, fizeram-me lembrar esta musica.

Matheus Paraízo - Canção do beijinho

http://www.youtube.com/watch?v=2W7Q1QnmIDs

P.S. Estou ao abrigo da lei de ouro do jabardanço que li nos regulamentos do blogue.

João Pedro de Barbosa disse...

Outra vez preso por ter o "d" em vez do s:(Quando é que a dislexia é ensinada?)

Agora vou ali que.

João Pedro de Barbosa disse...

Anfitrie!

Emigras-te de um espaço que também é teu! Faz aqui falta, dureza e flexiblidade...

http://e-o-n-d-o-i-c.blogspot.pt/?view=mosaic

João Pedro de Barbosa disse...

Até que me tentei a digitar os meus 36 na vertical!

Tanita Tikaram - Play Me Again.

http://www.youtube.com/watch?v=UkJd5MHEDjU

João Pedro de Barbosa disse...

From the Internet & Intermeet

What Remains: The Life and Work of Sally Mann - Part 1 of 3

http://www.youtube.com/watch?v=13sr1-7Yl7s

João Pedro de Barbosa disse...

The Infinits Bring Up The Creation

http://intermeetings.blogspot.pt/

João Pedro de Barbosa disse...

Entre

João Pedro de Barbosa disse...

68

João Pedro de Barbosa disse...

E 70!

João Pedro de Barbosa disse...

c

João Pedro de Barbosa disse...

o

João Pedro de Barbosa disse...

n

João Pedro de Barbosa disse...

t

João Pedro de Barbosa disse...

r

João Pedro de Barbosa disse...

a

João Pedro de Barbosa disse...

n

João Pedro de Barbosa disse...

s

João Pedro de Barbosa disse...

t

João Pedro de Barbosa disse...

i

João Pedro de Barbosa disse...

t

João Pedro de Barbosa disse...

u

João Pedro de Barbosa disse...

c

João Pedro de Barbosa disse...

i

João Pedro de Barbosa disse...

o

João Pedro de Barbosa disse...

n

João Pedro de Barbosa disse...

a

João Pedro de Barbosa disse...

l

João Pedro de Barbosa disse...

m

João Pedro de Barbosa disse...

e

João Pedro de Barbosa disse...

n

João Pedro de Barbosa disse...

t

João Pedro de Barbosa disse...

e

João Pedro de Barbosa disse...

João Pedro de Barbosa disse...

João Pedro de Barbosa disse...

João Pedro de Barbosa disse...

João Pedro de Barbosa disse...

Sol

João Pedro de Barbosa disse...

João Pedro de Barbosa disse...

João Pedro de Barbosa disse...

João Pedro de Barbosa disse...

Caetano Veloso - Sozinho

https://www.youtube.com/watch?v=j9UbE1slI-Q

Miosotis disse...

Gostei!

bea disse...

olá João Pedro
já li que tás bem.

fui ali ver umas gaivotas.

Anfitrite disse...

Bea e Andy,

Será por isto que não gostam do filme? Por terem gostos diferentes de quem sabe apreciar?

Comentários Principais


"ALLDARKGRAVES há 1 mês

I don't think you understand, this movie was praised for its production design and neo noir theme. Its suppose to be slow and allows the environment the characters are in to really portray their own personalities. Its not suppose to be like Star Wars with action scenes all the time. Its suppose to make you think, and also the main story of this is Life and Death, what better plot for a movie?
Responder · 23 em resposta a halpyman (Mostrar o comentário)


allanhouston22 há 1 mês

Possibly the greatest movie ever!
Responder · 13"

bea disse...

Então, Anphy, está prometido, vou pôr em campo o meu staff para adquirir o filme :)) life and death parecem-me bons temas. Que isso de fazer pensar depende também muito de cada um de nós. Eu penso como um disco riscado, mas mesmo assim não desisto.

As gaivotas estavam um bocadinho tontas de sol,com as patitas de molho, mas pareceu-me que uma lhe atirou um beijito. sentiu? :)

PS: "termos gostos diferentes de quem sabe apreciar"...tá bem, tá; escusava de armar em antipática, né?

João Pedro de Barbosa disse...

Entre
Gaivotas
E
Carragos
Calafates
E
Alfaiates
E
Calafates
Pede
Ao
Óscar

João Pedro de Barbosa disse...

Neata
Publicação
Sinto-me
Um
Sultão

João Pedro de Barbosa disse...

Os tubarões - Bida di Gossi

http://www.youtube.com/watch?v=cifQIXsLzJ4

João Pedro de Barbosa disse...

As boas notícias ficam para o fim!

http://www.publico.pt/multimedia/video/mcnamara-insiste-em-bater-recordes-na-nazare-20130129-174848

Anfitrite disse...

GENTE

Hoje às 21:55 vai dar na RTP2 o filme AMACORD de Fellini. Nãp percam!

João Pedro de Barbosa disse...

http://intermeetings.blogspot.pt/#!/2013/01/esprimente-voce-mesmo.html

João Pedro de Barbosa disse...

Filme Portugues - Aniki Bobo [1942]

http://www.youtube.com/watch?v=sbrIliU_1mU

Anfitrite disse...

Bea
Eu gosto muito de ser antipática. É a minha forma de ser doce. Aos outros, aqueles que não me dizem nada, não lhes paço cartão.

E, a partir de agora, ainda vou ser mais antipática, porque me foi descoberta mais uma doença Auto-imune, e acho que não tenho corpo nem cabeça para aguentar tanto.

Pedro,

Com tantas entradas eu acabo por perder o essncial, porque já te disse que vou logo directamente ao fim para não perder tempo.
Só agora me puseste a imaginar o que seria um fim de tarde, sem maralhal, na Arrifana a ouvir o Vincent. Há coisa estranhas. Este CD tornou-se famoso por causa da primeira música e do filme, quando todas as outras faixas são superiores e com letras fabulosas.

Anfitrite disse...

Afinal dou-lhes tanta importância, que até os torno reais!

Dei um passo maior do que a perna. Há muitos Paços, mas os meus são muito plebeus.

Caidê disse...

Por agora foi apenas uma diagonal muito apressada. Por isso:
PPPPPPPEEEEEEEDROOOOOOOOOOOOOOOOO!

:)))

Caidê disse...

Estou a precisar de energia:
http://www.youtube.com/watch?v=ic4PQ-tnwJw

Alguém aí? :)))

andorinha disse...

Anfy,

Tu não me lês com atenção...:(
Eu não disse que não gosto do filme. Não podia dizer porque nunca o vi.
Li agora a sinopse e parece-me aliciante. Portanto é mais um a ver.
E não vejo um filme pelo facto de os críticos gostarem ou não.

"Só agora me puseste a imaginar o que seria um fim de tarde, sem maralhal, na Arrifana a ouvir o Vincent."

Enganaste-te, de certeza. Não querias dizer "com"?:)

Não vou perder. Obrigada pela dica:)


Caidê,

Tango? Arrasta o Pedro...:))))

João Pedro de Barbosa disse...

Caidê,

Tranquila!

Vou já ao Timor Leste. Não é que precise de mim.

Gosto de me sentir ùtil!

João Pedro de Barbosa disse...

Anfitrite,

Foi-lhe diagnosticado o ùltimo desejo.

Agora vou tomar um Chá antioxidante que a Tosca me dá uma moleza!

andorinha disse...

Seleção de docentes por ordem de chegada de emails.

http://www.publico.pt/sociedade/noticia/fenprof-afirma-que-professores-vao-ser-seleccionados-por-ordem-de-envio-de-emails-1582499

Esta gente endoideceu de vez! E o pior é que há gente que aceita tudo!:(

andorinha disse...

Pedro,

Não me chames Tosca...num gosto:)

Podes-me chamar Detinha. Há amigos que me chamam assim. É mailindo!

João Pedro de Barbosa disse...

Agora passei pelo telémovel e lembrei-me da Cê_Tê ;)

João Pedro de Barbosa disse...

http://e-o-n-d-o-i-c.blogspot.pt/?view=snapshot#!/2013/01/the-second-as-first.html

AQUILES disse...

Amanhã têm a última sessão os cinemas, 4 salas da Castello Lopes, no centro comercial Parque Atlântico em Ponta Delgada. Vai deixar de haver cinema nos Açores.
O cinema mais acessível para nós fica algures em Lisboa. Já nada mais digo sobre isto.

A sema na passada precisei de aviar um antibiótico para minha mãe, que ontem fez 88, e não havia, nem sequer o genérico. Desemrasquei-me na farmácia do hospital. Porque senão a farmácia mais acessível com o produto era em Lisboa.

Hoje alguns cidadãos manifestararm-se nas Calhetas, Ilha de S. Jorge, pelo facto da repartição de finanças só funcionar à Terças, e com duas funcionárias, o que não dá para atender todos os que necessitam de lá recorrer.

Isto é Portugal ao abandono? Só existe a Grande Lisboa? Há quantos anos o Eça disse que Portugal era Lisboa e o resto era só paisagem?

João Pedro de Barbosa disse...

CONTINENTS - Music for flute and marimba with Natalia Gerakis and Zhe Lin

http://www.youtube.com/watch?v=qNRpQBVv5Cc

João Pedro de Barbosa disse...

Vou ver se aguento para a sessão das 2h para ouvir o comunicado direto do Relvas e do Coelhon na frequência Rádio X.

Caidê disse...

Andorinha
Ai qu'eu já fiz asneira. Num gostas? Ma foi só uma vezita. E foi com mimo. Eu nunca mai digo :))).

João Pedro de Barbosa disse...

A
Pintura
Não
Acabou

Continua A Ser Para
Apaixonados e Admiradores (refrão)
A fotografia
Não acabou
(refrão)
O teatro não acabou
(refrão)
A televisão não acabou
(refrão)
A internet não acabou
(refrão)
O mundo não acabou

João Pedro de Barbosa disse...

"Nature Evolution"

http://e-o-n-d-o-i-c.blogspot.pt/#!/2013/01/nature-evolution.html

Caidê disse...

Aquiles
A falta de medicamentos já foi noticiada há bastante tempo. Já por aqui me aconteceu com medicamentos do mais corrente - nem genérico!

E nem cinema????!
Para onde caminhamos?????

Gente que parte, bens que vão faltando, dinheiro para aceder a bens essenciais faltam cada vez a mais famílias.
País desertificado de gente, de empresa, de bens...
Teremos um dia de começar de novo?

Andorinha
O pior do Concurso de Professores ainda está para chegar, temo! Agora está a decorrer o c. externo para a vinculação extraordinária.
A notícia de hoje também era que vão taxar os subsídios de alimentação. Pode? Nem um grão de arroz querem deixar?

Dia 2 de março temos de sair à rua em força. Volta a ser por cá e pela Europa.

Anphy
Não sei se já vi o filme. Tenho uma memória terrível para moovies. Já está a gravar para o fds.

Este murcon sem ti é um vazio, ouviste?

Posso não dizer nada, mas estou sp atenta ao q escreves.

Então para todos, uma noite suave e uma voz que aconchega:
http://www.youtube.com/watch?v=O9dZ-EJaTd4

Força para amanhã.




andorinha disse...

Anfy,

Valeu...:)

Aquiles,

Li hoje essa notícia em relação às salas de cinema nos Açores. Lembrei-me logo de ti...
Já não sei o que diga em relação a este país.

Caidê,

Tu podes-me chamar essa palavra feia:), o Pedro é que não. Ou paga direitos de autor:)

www.youtube.com/watch?v=m5TwT69i1lU

Fiquem bem.

Eu sei que foi com mimo, tosquinha:)

bea disse...

Anphy!

tá bem, pronto. vou pensar nisso de ser antipática sendo doce, não é fácil.
não pode estar doentinha. não pode mesmo, ok?

joão pedro
a tua ultima foto lembrou-me uma pessoa.

Caidê

a canção ajuda a dormir. vou aproveitar o balanço e tentar a sorte

João Pedro de Barbosa disse...

Andorinha,

Não são direitos de autor!

Direitos de propriedade intelectual:

http://e-o-n-d-o-i-c.blogspot.pt/#!/2013/01/blank-windows.html

João Pedro de Barbosa disse...

Será
Chuva
Será
Vento
Vento
Não
É certamente
Fui ver
Eram as hertezianas

João Pedro de Barbosa disse...

Sonhos Siameses

http://1.bp.blogspot.com/-EajQ7rKO6HA/UQhzOyRDefI/AAAAAAAABFQ/cEl_Sm-uQ4o/s1600/DSC_0183.png

João Pedro de Barbosa disse...

Smashing Pumpkins - Siamese Dream (Full Album)

http://www.youtube.com/watch?v=2HeGu6-Ji7E

João Pedro de Barbosa disse...

Sam The Kid - Viva!

http://www.youtube.com/watch?v=XF5fa4bWr-E

There a light that never goes out!

João Pedro de Barbosa disse...

The Smiths - There is a light that never goes out

http://www.youtube.com/watch?v=INgXzChwipY

João Pedro de Barbosa disse...

Relvas,

O despertador já está para as 9:15 AM. Para não perder uma gota do Estado de Gracia:

http://e-o-n-d-o-i-c.blogspot.pt/?view=classic#!/2013/01/alquimia-da-cor.html

João Pedro de Barbosa disse...

um

João Pedro de Barbosa disse...

Zero - Sonhos Violentos 4.

http://www.youtube.com/watch?v=VZLpEdgCvGA

João Pedro de Barbosa disse...

Já se falou aqui de tanta coisa que acho que está a mercer uma ida a Vilar de Perdizes.

http://e-o-n-d-o-i-c.blogspot.pt/#!/2013/01/globe-teapot.html

João Pedro de Barbosa disse...

Caralhomarrafoda â moda transmontana

Ou

Vaya Con Dios à moda da casa

http://www.youtube.com/watch?v=1ezoHD_FynQ

João Pedro de Barbosa disse...

O Primeiro milho vai para os pardais

Dár muito ao pedal

Há mais marés que marinheiros:

http://e-o-n-d-o-i-c.blogspot.pt/?view=snapshot

ZERO, Tudo ou nada, Vídeo oficial, 1994

http://www.youtube.com/watch?v=OfbY2Yfn25s

bea disse...

Bom dia :)

João Pedro de Barbosa disse...

Pra o Relvas e o Coelhone!

http://e-o-n-d-o-i-c.blogspot.pt/#!/2013/01/dois-sobreviventes.html

Manuel disse...

Aquiles:

Mas a coisa vai melhorar, vamos passar a ter cinema em todas as aldeias.
Com empreendedores patriotas como este.
http://youtu.be/Zakt1Ae2mYg

João Pedro de Barbosa disse...

Mais ou com mais molho?!

Sam the Kid - Bons Bocados

Sam the Kid - Bons Bocados

http://www.youtube.com/watch?NR=1&feature=fvwp&v=tx2re36Jl58

João Pedro de Barbosa disse...

Cuidado com os radares!

bea disse...

Eu não acredito que envias flores para aquelas aberrações da natureza, joão pedro. Ainda estou embaçada com o exibicionismo estupidamente maldoso de Relvas na reunião com a rtp. Tem razão Sousa Tavares, pôr a raposa a guardar as galinhas que quis comer...
bolas. Vou ali apanhar um arzinho. E pensar outra coisa.

Caidê disse...

Enquanto duram as febres intestinas do PS, enquanto se programam alternâncias de poder, os que são minorotários nos órgãos de poder continuam a apresentar os números reais e a clamar que haja outra "ética social", outra que sirva a maioria, ou sejam, os empobrecidos pela política seguida pelos maioritários por sufrágio.

É irónico - os maioritários por sufrágio defendem as minorias poderosas e são colaboracionistas com os interesses não nacionais.

Já os minoritários por sufrágio não defendem outra coisa que não sejam os interesses da maioria ( a mais numerosa em números absolutos) e aquela que a cada dia se encontra mais empobrecida.

Vem aí o Carnaval, o curto período do calendário anual escolhido para serem vividas as inversões.

Só na política e no governo se vive a inversão todo o ano e ano após ano. O maior dos Carnavais está rotinizado na sua prática, é quotidiano.

http://www.youtube.com/watch?v=EUOdJv9DfGQ

bea disse...

Já tinha ouvido esta intervenção de João Semedo.

E o PS continua a ser a decepção esperada.

Caidê disse...

Trouxe da nossa Cê Tê do lado da ionosfera:
http://www.youtube.com/watch?v=y8IfkvTo2Dw

Bora jantar?

João Pedro de Barbosa disse...

Caidê,

As "refeições" fora da AR. Nem o David Linch teria estômago!

P.S. Algumas!

andorinha disse...

Caidê,

Já jantei mas fiquei com fome de novo:)

Que escandaleira!

Manuel disse...

Um dueto improvável... hoje.
Mas tanto a poesia como a música são imperdíveis.
http://youtu.be/6mFKFnKyDEk

Caidê disse...

Manuel
Estamos à vista das autárquicas, não das presidenciais :)))! Valeu pela beleza dos poemas.

Andorinha
Na minha escola proibiram a sopa no bar dos professores porque é contra a lei. Sandocas, bolinhos a seco; leite, iogurte e sumo de laranja a molhado. Para quem tem de almoçar 4 vezes por semana, por ter 2 turnos, a dieta é boa e aconselha-se. E, para não dizermos que os pobres estão excluídos de sobremesa - há peças de fruta à venda. Ora bolas! Isso leva-se de casa...
Já toda a gente tem de cozinhar (se tiver tempo) para levar caixa de plástico artilhada com almoçarada.

E tudo isto liga com a pretensão do governo de ir agora taxar subsídios de refeição...

Ah, não! Não é o Estado Social pobreta que nós temos que é o luxo!... O nosso Estado Social é o espelho da nossa miserabilidade. Refundá-lo é apropriar-se do que faltava ser apropriado quanto ao que à força de trabalho diz respeito.Isto se refundação for projeto da direita a levar avante.





rainbow disse...


Boa noite:)

Ainda sobre "Blade Runner", e fazendo côro com a Anfi, é um filme imperdível, pela estética, pela realização e pelo tema, a vida e a morte, e o medo da morte.
Como em tudo, há a boa e a má ficção científica. Filmes como "2001 Odisseia no Espaço, "Blade Runner", "Contacto", são exemplos de filmes de excelente qualidade.
Livros bons do género há muitos.
Para quem não sabe, "Um estranho numa terra estranha" é SÓ o livro que influenciou toda uma geração da década de 60 nos Estados Unidos e no resto do mundo. Coisa pouca:)

"Este livro é sem dúvida a peça mais conhecida de Heinlein. Magistralmente bem escrita e concebida - brilhante, espectacular e uma das mais populares, além de ser um best seller sem paralelo nesta área editorial, com milhões de exemplares vendidos em todo o mundo. Intruduziu novos conceitos na língua inglesa, influenciou a imaginação e talvez a vida dos seus leitores. É um fenómeno sociológico que tem sido estudado atentamente.(...)
Em meados dos anos 60, milhões de jovens em rebelião contra os valores mais "sagrados" do sistema americano, adoptaram esta obra como um dos estandartes do movimento beatnik(...)
É assim que a geração dos "filhos das flores" descobre, espantada, que a história desta obra reflecte a sua própria história, os seus desejos e angústias."


Fiquem com as estrelas, as flores,os sonhos, os abraços, os beijos, a música:

http://www.youtube.com/watch?v=SB2tYYYlwMc

Anfitrite disse...

Apetecia-me dizer muita coisa que tenho atravessada, mas não estou com energia. Como falaram em almoço e lebrando que os funcionários públicos têm sido os bombos da festa, para já não falar dos aposentados e dos cortes que têm sofrido os que se têm aposentado antecipadamente, e que nunca puderam fugir a descontos como acontece a quase tudo que é privado. Há tanta parte da remuneração que sai por fora ou co outros nomes, achei piada que os funcionários da CGD e da TAP quisessem ficar de fora como sempre, não esquecendo o BP. Ontem vi um recibo dum reles funcionário da CGD que além do ordenado ppmente dito, tinha + umas alcavalas e só tinha de subsídio de refeicão 232 euros, mais uns cêntimos, a maior parte dele isento de descontos.
Também tenho um amigo que se reformou, que era comandante da TAP, que nem utilizou o curso para ir para lá, pq só era necessário o 12 ano, e que se reformou aos 60anos, porque é um cargo de responsabilidade e, coitadinho, só recebe da SSocial mais de 8000 euros por mês.

Depois, quando o Sócrates aumentou a idade de reforma, tiveram mantidas estas garantias.

http://www.cmjornal.xl.pt/noticia.aspx?channelid=00000009-0000-0000-0000-000000000009&contentid=78EF0723-7494-4F1F-B899-412A45209389&goComments=51

Também sei muito sobre medicamentos, mas fica para depois.

Rain

Odisseia no Espaço foi a primeira pedrada no charco, que ninguém imaginava que fosse possível. Não sei porquê e não falando de gangs rivais(tipo WSide, lembrei-me da Laranja Mecânica e do tratamento que eles davam aos velhos.

Tudo de bom!

bea disse...

Manuel

as pessoas são quem são. E não deixam de ser quem foram. Nem de ter o que lhes pertence. Duarte Lima toca muito bem.

O que eu gostava de ter tido um poeta por presidente. Que discursasse com a mesma voz de declamar. E parecia aos portugueses que a mensagem de ano novo um poema.
Assim...

João Pedro de Barbosa disse...

bea,

Valeu a espera! Acho que já estás mais desduvidosa.

Mereces uma prenda:

http://e-o-n-d-o-i-c.blogspot.pt/#!/2013/01/tudo-ou-nada.html

Manuel disse...

Caidê:
A intenção foi mesmo só essa, apresentar-vos um bom momento de poesia e de música, nada de conotações políticas.
Se quiserem ler 2 textos magistrais sobre 2 filmes que vão estar agora em cartaz, «Lincoln» e «Django Libertado», vão ao blogue «Lauro António Apresenta».
Garanto-vos que é coisa boa, escrita por um Mestre do cinema.
São um bom intróito para se compreender e aprofundar a leitura dos filmes quande se forem ver.
Os textos são demasiado grandes para os pôr aqui, não quero encher isto demasiado, já basta o que por aqui basta às vezes.
E também nem todos podem estar interessados em lê-los.

João Pedro de Barbosa disse...

Ainda hoje falava com a Cê_Tê ;)

E sobre o Lincoln de Spilberg:

Por tráz de uma activista há sempre um falso artista.

bea disse...

Caidê

que não cheguem a refundar! De cada vez que mexem, pioramos.

Rain

Upa, upa, as coisas que tu sabes…até me esqueci de respirar enquanto lia:)
Bem, não gostar de ficção científica significa que, entre vários filmes, deixo esse para trás. E nos livros igual. Deve ser também preconceito, sim. Mas contacto é um dos meus filmes preferidos. Gosto da sensibilidade de F. Truffaut a mostrar; além do mais, a sua presença no elenco confirma o ar de inocência benigna que transpira da película (em minha opinião, claro).
Quanto ao desconhecimento dessa obra que referes… digamos que entrei noutras guerras assaz absorventes, o love and peace e flowers e, não me tocaram; nem de longe os avistei e quando deles tive notícia já os próprios deviam estar desiludidos.

Anphy
Está sem forças…tenha cuidado consigo, ok?

E uma noite boa

Caidê disse...

Rain
Uma geração de jovens! E em cada uma há um sonho de futuro. Bem trazido!

Manuel
:)))
As tuas sugestões são sempre frutuosas. No campo da cultura a tua mestria por bonomínia tua aqui partilhada é sempre estruturante - que a alma precisa ainda de mais alimento quantas vezes que o corpo.

Bea
Pois vamos à deita, daqui a nada.
E como hoje aqui vim pôr mais indignação que resistência e sonho, está chegado o momento de vos dizer que aqui no meu coração há dores que ainda encontram pacificação com poemas e poetas, canções e interpretações, entre mais receitas para continuar uma vida não desistente.

http://www.youtube.com/watch?v=ENE5VrcJ8Vo

bea disse...

obrigadinho joão pedro. estava mesmo a precisar dessa prendinha. acho que a não mereço, não lhe encontro motivo. Mas se me dão uma prenda, aceito e acabou.

bea disse...

ah, ah, já vi o lincoln. E quero escrever o que penso antes de ler seja o que for. Depois, talvez vá ver o que diz Lauro António. Mas é de certeza muito diferente. E muito obrigada pela sugestão.

Ainda não decidi se quero ver o Django, mete sempre muito sangue à Tarantino



João Pedro de Barbosa disse...

Nã relação ao comunicado de amanhã das 9:15! Abstenho-me!

Da Weasel - Re-Tratamento (letra)

http://www.youtube.com/watch?v=XF13hq9lfkA

P.S. No poupar é que está o ganho.

Caidê disse...

Anphy
Amanhã está bem.
Cultiva a saúde, miga. Por hoje só isso. Bj

Manuel disse...

Caidê:
Agora vou contradizer-me, vou pôr um texto longuíssimo, mas talvez te interesse a ti, à nossa Hirondelle e a mais alguém, eventualmente.
Não encontre o link, daí que não tivesse alternativa.
Este texto é da autoria de Teolinda Gersão, Escritora, Professora Catedrática aposentada da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa. Escreveu-o depois de ajudar os netos a estudar Português. Colocou-o no Facebook:
«Vou chumbar a Língua Portuguesa, quase toda a turma vai chumbar, mas a gente está tão farta que já nem se importa. As aulas de português são um massacre. A professora? Coitada, até é simpática, o que a mandam ensinar é que não se aguenta. Por exemplo, isto: No ano passado, quando se dizia “ele está em casa”, ”em casa” era o complemento circunstancial de lugar. Agora é o predicativo do sujeito.”O Quim está na retrete”: “na retrete” é o predicativo do sujeito, tal e qual como se disséssemos “ela é bonita”. Bonita é uma característica dela, mas “na retrete” é característica dele? Meu Deus, a setôra também acha que não, mas passou a predicativo do sujeito, e agora o Quim que se dane, com a retrete colada ao rabo.
No ano passado havia complementos circunstanciais de tempo, modo, lugar etc., conforme se precisava. Mas agora desapareceram e só há o desgraçado de um “complemento oblíquo”. Julgávamos que era o simplex a funcionar: Pronto, é tudo “complemento oblíquo”, já está. Simples, não é? Mas qual, não há simplex nenhum, o que há é um complicómetro a complicar tudo de uma ponta a outra: há por exemplo verbos transitivos directos e indirectos, ou directos e indirectos ao mesmo tempo, há verbos de estado e verbos de evento, e os verbos de evento podem ser instantâneos ou prolongados; almoçar por exemplo é um verbo de evento prolongado (um bom almoço deve ter aperitivos, vários pratos e muitas sobremesas). E há verbos epistémicos, perceptivos, psicológicos e outros, há o tema e o rema, e deve haver coerência e relevância do tema com o rema; há o determinante e o modificador, o determinante possessivo pode ocorrer no modificador apositivo e as locuções coordenativas podem ocorrer em locuções contínuas correlativas. Estão a ver? E isto é só o princípio. Se eu disser: Algumas árvores secaram, ”algumas” é um quantificativo existencial, e a progressão temática de um texto pode ocorrer pela conversão do rema em tema do enunciado seguinte e assim sucessivamente. No ano passado se disséssemos “O Zé não foi ao Porto”, era uma frase declarativa negativa. Agora a predicação apresenta um elemento de polaridade, e o enunciado é de polaridade negativa. No ano passado, se disséssemos “A rapariga entrou em casa. Abriu a janela”, o sujeito de “abriu a janela” era ela, subentendido. Agora o sujeito é nulo. Porquê, se sabemos que continua a ser ela? Que aconteceu à pobre da rapariga? Evaporou-se no espaço?
(continua)

Manuel disse...

(continuação)
A professora também anda aflita. Pelo visto, no ano passado ensinou coisas erradas, mas não foi culpa dela se agora mudaram tudo, embora a autora da gramática deste ano seja a mesma que fez a gramática do ano passado. Mas quem faz as gramáticas pode dizer ou desdizer o que quiser, quem chumba nos exames somos nós. É uma chatice. Ainda só estou no sétimo ano, sou bom aluno em tudo excepto em português, que odeio, vou ser cientista e astronauta, e tenho de gramar até ao 12.º estas coisas que me recuso a aprender, porque as acho demasiado parvas. Por exemplo, o que acham de adjectivalização deverbal e deadjectival, pronomes com valor anafórico, catafórico ou deítico, classes e subclasses do modificador, signo linguístico, hiperonímia, hiponímia, holonímia, meronímia, modalidade epistémica, apreciativa e deôntica, discurso e interdiscurso, texto, cotexto, intertexto, hipotexto, metatatexto, prototexto, macroestruturas e microestruturas textuais, implicação e implicaturas conversacionais? Pois vou ter de decorar um dicionário inteirinho de palavrões assim. Palavrões por palavrões, eu sei dos bons, dos que ajudam a cuspir a raiva. Mas estes palavrões só são para esquecer, dão um trabalhão e depois não servem para nada, é sempre a mesma tralha, para não dizer outra palavra (a começar por t, com 6 letras e a acabar em “ampa”, isso mesmo, claro.)
Mas eu estou farto. Farto até de dar erros, porque me põem na frente frases cheias deles, excepto uma, para eu escolher a que está certa. Mesmo sem querer, às vezes memorizo com os olhos o que está errado, por exemplo: haviam duas flores no jardim. Ou: a gente vamos à rua. Puseram-me erros desses na frente tantas vezes que já quase me parecem certos. Deve ser por isso que os ministros também os dizem na televisão. E também já não suporto respostas de cruzinhas, parece o totoloto. Embora às vezes até se acerte ao calhas. Livros não se lê nenhum, só nos dão notícias de jornais e reportagens, ou pedaços de novelas. Estou careca de saber o que é o lead, parem de nos chatear. Nascemos curiosos e inteligentes, mas conseguem pôr-nos a detestar ler, detestar livros, detestar tudo. As redacções também são sempre sobre temas chatos, com um certo formato e um número certo de palavras. Só agora é que estou a escrever o que me apetece, porque já sei que de qualquer maneira vou ter zero. E pronto, que se lixe, acabei a redacção - agora parece que se escreve redação. O meu pai diz que é um disparate, e que o Brasil não tem culpa nenhuma, não nos quer impor a sua norma nem tem sentimentos de superioridade em relação a nós, só porque é grande e nós somos pequenos. A culpa é toda nossa, diz o meu pai, somos muito burros e julgamos que se escrevermos ação e redação nos tornamos logo do tamanho do Brasil, como se nos puséssemos em cima de sapatos altos. Mas, como os sapatos não são nossos nem nos servem, andamos por aí aos trambolhões, a entortar os pés e a manquejar. E é bem feita, para não sermos burros. E agora é mesmo o fim. Vou deitar a gramática na retrete, e quando a setôra me perguntar: Ó João, onde está a tua gramática? Respondo: Está nula e subentendida na retrete, setôra, enfiei-a no predicativo do sujeito.»
João Abelhudo, 8º ano, setôra, sem ofensa para si, que até é simpática.

João Pedro de Barbosa disse...

"T"elegrafia "S"em "F"ios

Ou Ant! Êna! Hum!

andorinha disse...

Manuel,

Loooooooooooooooooooooooooooool

Já tinha lido por aqui (não te sei precisar onde) mas mesmo assim ri que me fartei.

Se eu tivesse que aprender isso, dava em doida.:)

"Só agora é que estou a escrever o que me apetece, porque já sei que de qualquer maneira vou ter zero. E pronto, que se lixe, acabei a redacção - agora parece que se escreve redação."

Loooooooooool de novo:)

É bom rir antes da deita...


Pedro,

E por trás de um ativista, há sempre um verdadeiro artista.


:)))



Caidê,


"que não cheguem a refundar! De cada vez que mexem, pioramos."

Não preciso de dizer mais, a Bea poupa-me trabalho:)

Rainbow,

Filmes de ficção científica, não sendo dos meus preferidos, vejo. Agora livros é que não me despertam mesmo entusiasmo. Nunca li nenhum e não devo vir a ler...

Obrigada pelas flores, os beijos, os abraços, os sonhos, as estrelas...

www.youtube.com/watch?v=PFpZzWdu6XM

Fiquem bem.

P.S. Está um clima tão fixe aqui!:)))
Dos melhores que têm existido, na minha opinião de veterana. E os "culpados" somos nós todos e o Júlio que nos fornece o espaço:)

João Pedro de Barbosa disse...

Andorinha do Mar,

http://e-o-n-d-o-i-c.blogspot.pt/#!/2013/01/timing-synchronization-function.html

P.S. Repito que sou boa anchova!

bea disse...

oh, andorinha, eu a pensar que era o clima a sério, da noite de guimarães. mas sim, não se está mal :)

andorinha disse...

Pedro,

Não precisas de repetir. Eu oiço logo à primeira. E acredito! E sei!

Fica bem, minha anchova preferida:)))

Agora vou...it's getting late...

João Pedro de Barbosa disse...

We are Ants!

Not Elephants!

Um elefante tinha um dia calacado a formiga.
A formiga ficou só desiludida.
Certo dia, pela calada da noite, sobe pelo elefante. Este sente qualquer coisa e calaca um pico e diz: Hai!
A formiga muito alto: Dói, num dói!

João Pedro de Barbosa disse...

No natal, saltinho de pardal!

"Atention! Ants crossing the way"

http://3.bp.blogspot.com/-Nmrcn_zv_IU/UQnV6iSZcyI/AAAAAAAABJQ/H2ukZpzsa4o/s1600/DSC_0202.png

João Pedro de Barbosa disse...

Reunião com Seguro serviu para criar bases comuns, diz Costa...

http://www.tsf.pt/paginainicial/AudioeVideo.aspx?content_id=3025859

João Pedro de Barbosa disse...

à noite
Todos os gatos
São pardos

Ia uma formiga
No se caminho
E passa
Um Elefante
E calca a formiga
Que continua
O seu caminho
Subindo o elefante
O elefante
Sente qualquer coisa
E calca um gato
O gato diz
Aí!
E a formiga
Dói
Não
Dói
Continuou
O seu
Caminho
Com
Um
Bom
Dia

bea disse...

Bom Dia

Há qualquer objetivo que não entendi na conversa de chacha que nos impingiram como resultado do encontro entre Seguro e António Costa.
Esperemos.
mas é que esperar cansa. e em que condições!

João Pedro de Barbosa disse...

Deitou-se sobre o assunto
E quando acordou
Reencontrou
O
Objectivo
Esqueçido

"New Spieces"

http://4.bp.blogspot.com/-04CLMONKC7s/UQpBHsbRY3I/AAAAAAAABJk/wcV303JejDk/s1600/DSC_0203.png

bea disse...

Manuel

só hoje, agora, li a entender - a madrugada atinge-me as meninges - o texto da Teolinda. Eu que pouco sei de gramática dou graças por não ser aluna. É que mudar os nomes das coisas só complica. E, como ela diz subentendendo-se aluno, retira o amor à língua materna. E que pena! Que pena mesmo!

E concordo inteiramente com a sua opinião acerca de não se lerem livros na escola. Têm que. Must. É verdade que os Lusíadas não me levaram à poesia, que pouco me lembro do que neles aprendi. Mas o que li neles e não era do programa deu-me um gozo desgraçado :) e até me ajudou a entender o resto.
A educação na escola tinha que ser mais simples. E mais exigente também.

João Pedro de Barbosa disse...

bea,

Foi por um triz!

João Pedro de Barbosa disse...



Video: Radio Macau "Cantiga de Amor"

http://www.youtube.com/watch?v=MuhzV1Up4ys

João Pedro de Barbosa disse...

http://e-o-n-d-o-i-c.blogspot.pt/#!/2013/01/sem-espinhas.html

João Pedro de Barbosa disse...

The Doors - The End (Legendado)

http://www.youtube.com/watch?v=UYXrBt_XMZU

João Pedro de Barbosa disse...

"Silent Door"

http://e-o-n-d-o-i-c.blogspot.pt/#!/2013/01/silent-door.html

P.S. Ainda não almoçei e já estou com fome!

João Pedro de Barbosa disse...

Sentinuventa

bea disse...

Oh convidaram-me para apanhar um solinho! não é bom?
enquanto o joão Pedro almoça

Curtam o dia:)

té loguinho

Caidê disse...

Manuel
O texto da Teolinda Gersão é muito bom.
É para que vejam a anomia que se instalou em todos os domínios.
A reboque das áreas de investigação que andam pelas Universidades, para que se promovam os investigadores especializados em novas áreas (a Nova Gramática com uma filosofia que parte da Semântica para a Sintaxe e ...vai beber a tendências que andam pela Gramática Inglesa)quer-se apagar não apenas os conhecimentos dos alunos que apanham a transição das Gramáticas, mas obrigam-se os professores do 1º ao 12º ano a jogarem para o lixo o que trouxeram da sua formação ou a especializarem-se como autodidactas em duas novas áreas - a da Nova Gramática e a da Gramática da tradução (o que era passando ao que é).
O argumento é que havia muita divergência entre os Gramáticos Clássicos. Nunca houve tanta divergência como agora com a Nova Gramática, nem tanta dúvida conceptual e de aplicação. Mesmo os que fazem formação a professores não se arriscam a sair dos cânones que trazem decorados das Bíblias. Nada de responderem a novas situações.
A formação dada pelo Ministério a alguns professores, que se encarregariam de passar a outros, foram meia dúzia de horas para que sejamos transmissores do que outros levaram Doutoramentos a fazer.

DESACULTURAR é que está a dar. Desvalorizar os velhos especialistas também.

E quanto ao AO como professores somos obrigados a usá-lo nos documentos oficiais internos e externos, de acordo com orientações recebidas dos Conselhos Pedagógicos.

Mas a anomia no ensino grassa em catadupa.

Com os Agrupamentos vão-nos buscar para realizar trabalho com alunos desde o 1º Ciclo ao 3º Ciclo (pelo menos). Um professor que é de Matemática e Ciências ou Língua Portuguesa/ História e saíu profissionalizado para 2º Ciclo, nem habilitação própria tinha para concorrer ao 3º Ciclo de Português ou Matemática é recrutado no seu horário não letivo para preparar para exame alunos de 9º nas disciplinas "mãe". Pode? Pode, sim!
E ai do profissional que falhe!

O que seria se agarrassem no saber médico e lhe mudassem todas as terminologias? O que seria se um psiquiatra tivesse que exercer cardiologia? O que seria se alguém de Direito Administrativo tivesse que exercer em Direito Fiscal puro e duro?

Estamos conversados, que hoje não quero desviar-me para a indignação.



andorinha disse...

Bea,

O clima da noite de Guimarães também está fixe:)

"A educação na escola tinha que ser mais simples. E mais exigente também."

Concordo em absoluto.

Pedro,

"Ainda não almoçei e já estou com fome!" Looooooooool

Caidê,

É o panorama geral neste país, o disparate e a ignorância totais...

Té loguinho...

bea disse...

Trouxe um regaço de sol para voses. Fica aqui neste cantinho, tá bem? Não empata e serve quem quiser.Que tenho de ir ali apanhar mais. Antes que esgote.

João Pedro de Barbosa disse...

bea,

Cuidado com o Sunquick!

Manuel disse...

Não deixem de ler o discurso de Marinho Pinto na abertura do Ano Judicial e as graves (mas verdadeiras) acusações que fez.
http://expresso.sapo.pt/discurso-de-marinho-pinto-na-abertura-do-ano-judicial=f783489

João Pedro de Barbosa disse...

bea,

Eu sou adepto do bacalhau mas não sou fanático!

Taxi - Chiclete

http://www.youtube.com/watch?v=p5ATO2Tds8A

Anfitrite disse...

Vale a pena ler, para saber o que estes pulhas que legislam fazem, só para nos extorquir mais dinheiro em pareceres.

"O eterno 'lobby' da vírgula
por FERREIRA FERNANDESOntem67 comentários



Há confusão com o pagamento em duodécimos. Claro. Uma lei embrulhada é uma boa lei... Não conhecem a história do "da" que virou "de"? Um dia, decidiu-se limitar a três os mandatos dos presidentes da câmara. Em 2005, o Governo fez uma proposta de lei sobre mandatos, onde se escrevia "o presidente DA câmara..." E não "presidente DE câmara..." A nuance contava. Estava escrito "da", com a preposição "de" junta ao artigo definido "a" porque se tratava sempre de uma determinada câmara. Dizia-se, pois, que o presidente da câmara de, p. ex., Ovar não podia concorrer ao quarto mandato em Ovar (e só estava impedido em Ovar, não nas outras câmaras). E foi o que aprovou o Parlamento: o decreto de publicação da AR, a 8 de agosto de 2005, também dizia "da". Lá está, era uma lei má: era clara! E quando apareceu no Diário da República (Lei 46/2005 de 29 de agosto) já vinha escrito "presidente DE câmara". Isto é, a lei promulgada (mas não votada) passou a ambígua, colocando a hipótese de um presidente de câmara não poder concorrer a um quarto mandato onde quer que fosse. Uma boa lei, manhosa, pedindo pareceres. A confusão estava instalada e a Comissão Nacional de Eleições teve de fazer uma reunião extraordinária para interpretar a lei... Não tratei aqui sobre o que é certo, impedir quatros mandatos só na própria câmara ou em todas. Confirmo é que havendo alternativa entre lei clara e confusa, prefere-se sempre esta. Cherchez le juriste... "

Que eu saiba o direito a férias vence-se no primeiro dia do ano,(não falando nas miudezas), logo todos teriam direito ao subasídio de férias nessa altura, como aliás faz o BP que paga os subsídios logo em Janeiro. Digam-me então como pode sair uma "lei", com efeitos retroacrivos e que ainda por cima é ilegal, porque mexe com tudo o que está estabelecido em leis laborais e com maior força jurídica? Razão tinha ontem o Marinho, quando plagiou e adaptou, no seu discurso, ao terminar dizendo: "Serei tudo o que quiserem, ADVOGADO CASTRADO, NÃO!"


Anfitrite disse...

E já agora também esclareço uma coisa, para estes cabrões, como ele disse também, que segundo o Código Civil, na dúvida prevalece sempre o "Espírito do Legislador". Logo não há DA nem DE. O que se queria evitar era a eternização num cargo e nas manhas que ele acarreta, seja onde for; para já não falar nas regalias que trás.

Acabou-se a força!

João Pedro de Barbosa disse...

Volta, rio! Estás perdoado.
Do Dragão ao Bessa nem de teleférico.
E de " Zeppelin" só nas ondas do mar.
Numa manhã de nevoeiro.

Chico Buarque de Hollanda - Geni e o Zepelim (1979)

http://www.youtube.com/watch?v=vRPVqxFLg90

«O mais antigo ‹Mais antiga   1 – 200 de 212   Mais recente› Mais recente»