quarta-feira, janeiro 08, 2014

Durmam bem.

131 comentários:

João Pedro Barbosa disse...

Anfitrite? Passar a vida sentado! Ainda é mais tenebrosos.

João Pedro Barbosa disse...

Os dias
Nas manhãs
E as tardes
A noite
Pode trazer
Boas surpresas

AQUILES disse...

Nostálgico. Já é o que nos resta, a nostalgia. O país não é solúvel e eu sou nostálgico. No meu horizonte já não há linha. Hoje faz anos ....

João Pedro Barbosa disse...

Que esse seja o nosso horizonte
A nostalgia
De um dia
Lá querermos
Ter chegado

João Pedro Barbosa disse...

O blogue está melhor que a realidade... Algum extraterrestre que nos esteja a ler. Deve! Pensar? QUE SOMOS O ÚLTIMOS SOBREVIVENTES

Página 131

"Èramos todos diferentes daquilo que somos."

Tudo O Que Tenho Trago Comigo

Herta Muller

Anfitrite disse...

Há pouco, em vez do Bob Dylan, estive para enviar estes senhores, que sempre me seduziram. mas agora gostava que ouvissem com atenção este senhor pensador, talvez o Aquiles volte a encontrar uma linha de horizonte, o João Pedro se lembre que o Titanic era invencível e o Ímpio deixe de me provocar com a lareira e o chouriço. E não esueçam que a emigração é uma forma de prostituição. Realmente somos peritos nisso. Primeiro como chulos, depois com carne para explorar.
http://www.rtp.pt/play/p1330/e140056/grande-entrevista

João Pedro Barbosa disse...

Anfitrite?

Longe vão os tempos de mafarrico... Se soubesses o nó cego que tenho que desfazer cada vez que me aventuro. É como se nunca tivesse ouvido falar de tal mundo!

Bartolomeu disse...

...all the graves must be washed with silvery tears...

bea disse...

Anphy

Obrigada.

Como me revejo em Sampaio da Nóvoa. Amo-lhe a delicadeza e também a recusa do que é inútil na recusa às agressões pessoais; e verifico-lhe o sentido de universalidade, materializado na análise sempre geral – o país –, o dedo sempre na ferida, isento de orgulhos inúteis ou ressentimentos inóquos. Por outro lado, agrada o desprendimento – frisou “despojamento” - que, por comparação, o eleva. Não, ele não é excepcional, tem apenas os ingredientes certos, aqueles que exigimos há tanto tempo e ainda não apareceram.
Relevo o desperdício. Porque é algo que procuro evitar. Detesto atirar fora o que ainda tem préstimo e pode servir a alguma coisa. Arrependo-me de tudo que desperdicei. E concordo, vivemos uma cultura de desperdício: na educação e em quase todos os sectores. Não se reforma Portugal contra os portugueses, não se reforma a educação contra os professores. As reformas, se o são, não atiram fora o que há de préstimo. Mas talvez Sampaio da Nóvoa se tenha esquecido, ou não tenha calhado a acontecer falar do trabalho, das horas e dias gastos, dos dias de estudo aturado e participado que reformas deste teor exigem. Se tenha esquecido de dizer da abertura de mente que subjaz, da amplitude de pensamento e clareza de ideias necessárias à concretização de um projecto. Da capacidade de ouvir e dialogar. É mais fácil impor. E maior o perigo.

Bom Dia:)

João Pedro Barbosa disse...

Who is next?

João Pedro Barbosa disse...

Acredito que é preciso saber no que se vai meter: http://www.jn.pt/paginainicial/pais/concelho.aspx?Distrito=Faro&Concelho=Lagos&Option=Interior&content_id=3622890

andorinha disse...


De fugida, só passei para vos dar um Olá.
E ouvir Simon & Garfunkel:)

Sampaio da Nóvoa, homem que admiro, fica para logo.
Mas desde já, Anfy, obrigada por o trazeres aqui.

Até logo.

bea disse...

oh. esqueci-me de agradecer ao senhor professor a música de Paul Simon e Art Garfunkel; ão bonitinha esta canção popular...

Hummm...repeti duas vezes recusa na mesma frase. Sorry, na segunda vez devia ter sido escusa (é parecido)

Impio Blasfemo disse...

DURMAM BEM !
Plenamente de acordo, mas já agora durmam como o meu gato dormia, com um olho meio-aberto. Não é por nada, é só porque às vezes, dá jeito!

"NÃO HÁ VERGONHA? 6 anos de "trabalho" dá pensão de 17.900 euros? 17.900 Euros de pensão da PT, é pouco! (2008) (Eu sei, porque fui eu quem aprovou a lei!) José Salter Cid, ex-vereador do PSD na Câmara Municipal de Lisboa, não concorda com a pensão de 17.900 euros que recebeu da PT, tendo, segundo notícia do semanário "Expresso", posto em tribunal a empresa, com a exigência de auferir a pensão mais alta da tabela em vigor. Tendo cumprido um percurso de 17 anos na PT, apenas ali trabalhou, efectivamente, durante seis, havendo que subtrair o tempo em que foi secretário de Estado (duas pastas distintas, em governos de Cavaco Silva), aquele em que permaneceu à frente da Companhia das Lezírias, cooptado pela República e o que cumpriu à frente da Comissão de Coordenação de Lisboa e Vale do Tejo. Seria o governo de Durão Barroso a requisitá-lo à PT para ir presidir à Companhia das Lezírias, acompanhado pela secretária e motorista que tinha na PT. Salter Cid iniciou o percurso no grupo de telecomunicações ao serviço da Marconi, em 1990, na área do marketing e comunicação, e é com base num despacho interno dessa empresa que alega ter direito a uma pensão equivalente ao salário do trabalhador mais bem pago, no Grupo PT, na categoria que ele tinha quando abandonou a empresa. De acordo com o "Expresso", ele mesmo, enquanto secretário de Estado da Segurança Social, aprovou, em 1995, o regulamento de um Fundo Especial de Melhoria de Segurança Social do Pessoal da Marconi, que confere vantagens aos pensionistas. ("JN"2008) - Correio da Manhã também relata o caso. QUANDO O ESTADO PAGA, TUDO SE CONSEGUE, QUANDO SE ABUSA DO PODER PÚBLICO EM PROVEITO PRIVADO. Enquanto secretário de Estado de Cavaco, Salter Cid alterou as regras das pensões do grupo Marconi, através da regulamentação do Fundo Especial de Melhoria da Segurança Social do Pessoal da Marconi. Entre outras benesses, os pensionistas passaram a poder somar um suplemento extra de 15% em relação ao valor da pensão estatutária calculada na data de saída do activo. Diz o Expresso que no ano passado, este Fundo de Melhoria Marconi tinha um passivo ( dividas) de 12,481 milhões de euros. MAS A HONESTIDADE DESTES PERSONAGENS CONTINUAM A SURPREENDER, NUNCA SE DETÊM "Fechar marquises é prática corrente em Lisboa. Talvez por isso - poder-se-ia pensar -, José Salter Cid mandou fazer uma obra no terraço de um prédio de que é proprietário sem nada pedir ou comunicar à câmara. Mas o dono do imóvel, que fez muito mais do que uma vulgar marquise, e é tudo menos um munícipe qualquer, avança ele próprio uma explicação bem mais simples: "Esqueci-me de participar a obra à câmara." Salter Cid foi vereador da Câmara de Lisboa, eleito pelo PSD, entre 2007 e 2009, depois de ser secretário de Estado da Segurança Social nos anos 90, bem como presidente da Comissão de Coordenação Regional de Lisboa e Vale do Tej ARTIGO COMPLETO:http://apodrecetuga.blogspot.com/2011/11/6-anos-de-trabalho-da-pensao-de-17900.html#ixzz2p16VHLQn "

Saravá
IMPIO

bea disse...

é o caso de quem beneficia por estar no governo e por ter estado; primeiro cria os benefícios; depois usufrui. Nas nossas barbas.

Não faço ideia quem seja tal energúmeno senão pelo que aqui dizes, Ímpio.

Vou ali apanhar um arzinho que estas coisas revoltam-me. Às vezes é necessário fechar os dois olhos, desligar os fusíveis. O constante estado de alerta é um perigo. Toma atenção a isso. Queremos que vivas muitos anos mais que o teu gato.

Uma boa tardinha para todos

João Pedro Barbosa disse...

Bea? Na minha terra natal! Já é de noite.

João Pedro Barbosa disse...

As mágoas do passado
Aliviam a incerteza do futuro

Anfitrite disse...

Ímpio,

Conheço muito bem esse filho da mãe. Foi mais um dos que participou nas leis que mais prejudicaram a Segurança Social.
Esta canalha do Psd é mesmo perita nisso. Conheço senhores da Marconni que antes de ela ter sido integradda ficaram ricos. é por isso que a minha revolta é tão grande. talvez preferisse não saber uma parte do que se passou. mas toda a minha vida foi intensamente vivida por aqui, de alma e coração. Por isso se pudesse partia os queixos a estes vermes todos. Não tenho com a Bea diz a nobreza de espírito de Sampaio da Nóvoa para não julgar ninguém. Há gente que merece ser julgada e condenada. Eu apenas fui despojada, mas prefiro chamar-me parva. Por isso é que agora me revolto por ver o meu País destruido. Ontem o Miguel STavares, que às vezes também se arma em parvo, também disse umas verdades sobre as Fundações, que permitem alterar( Parar) um PDM por uma noite, para permitirem a construçaão de umas Fundações de luxo. Não é para servir os outros é para servir quem lá está, e roubar-nos a todos porque temos de pagar mais impostos.E disso eu também sei.

Bea,
Mas você anda a leste ou a oeste do Paraíso? Quer que eu lhe dê uma lista dos milionários que continuam na ribalta, que passaram pelos governos do Psd que tanto mal fizeram ao país? Os primeiros não critico porque tiveram de reconstruir o País depois dos desmandos do PRec e da falta de experiência das pessoas. Mas o PCP, continuaria a fazer o mesmo ou pior, porque se trata duma seita. E nas seitas não se pensa. Leia o livro "Cunhal, Brejniev e o 25 de Abril", porque estão lá factos históricos, não é ficção. O Pina moura foi um deles que saíu e veio para o governo de Guterres para destruir tudo e só se encheu a ele, porque o Guterres esse foi um não te rales,( só ouvia o vitor milícias e até depois da lei sobre o aborto estar aprovada na Assembleia, o Marcelo deu-lhe a volra e foi paara trá para se fazer um referendo), que deu tudo a todos, pobres e ricos e não aproveitou a ocasião única para pôr o país na ordem.
Eu também não jogo nada fora, que possa ser arranjada. E pode ter a certeza se hoje deitar uma coisa fora, amanhã vai precisar dela. Hoje tive de recorre a um ferro eléctrico, que tem quase 40 anos, não tem vapor, gasta apenas mil W e passa melhor do que um de caldeira. Tudo porque numa semana um caíu rachou-se etc. Eu colei-o com um produto especial, mas tiveram que me acabar com o resto. O que comprei ao ligar 2ª vez pifou. Raios partam os chineses. E sim, gosto muito de battizar as pessoas, de acordo com aquilo que eu penso. Nunca usei queridos como substantivos a substituirem adjectivos e gosto muito de usar a vernácula língua portuguesa, já que a ironia só não dá para a maioria das pessoas.
E por amor de ALA, caia na realidade. Não se trata de beneficiar alguém porque se está ou não fora do governo. Trata-se de crimes puros, leis feitas por escritórios de advogados só para beneficiarem certas pessoas e destruir o país. Lembraa-se do "DE" e do "DA"?. Isto é apenas umpequeno exemplo, para não falar de lavagem e roubo, desvio de dinheiros públicos, peculato ou simples nepotismmo. Já agora fez-me lembrar duma novela, que me lembrou esta música e esta frase " A gente respeita o cachorro só pelo dono que tem". O livro é de Jorge Amado.

http://www.youtube.com/watch?v=79RBTa5oB14

E como é muito culta não precisa que lhe diga o autor desta frase: "Uns governam o mundo, outros são o mundo".

Andorinha,
Eu não ataco ninguém que não esteja presente. Há muita gente que passa por aqui mas não diz nada. E esse seu amigo é mesmo assim por aquilo que publicava aqui e que publica no seu(dele) blogue. E porqueme sinto o centro do universo digo-te apenas esta frase "Deua deu-me o génio, mas a vida tirou-me os meios". E esta hein?!...


Então boa tarde, boa noite porque já gastei mais tempo do que esperava.

AQUILES disse...

Não estou animado, mas hoje estou a gostar. Boa malha, Impio e Anfy.

Anfitrite disse...

E já agora para que sorriam um bocadinho, como alguns devem saber, a TVI24, ontem transmitiu na íntegra o jogo de Julho de 1966, Portugal vs korea. No jornal das 24 o João Maia Abreu costuma ler os tweets mais originais. Acabei rindo com alguns ,entre os quais destaco por ex:"Ainda bem que o meu filho estava a dormir. Senão como lhe explicva que a telev.tinha ficado a preto e branco?"; outro: "A minha televisão está com um delay de 48 anos"; mais outro: "E eu que voltei a gritar gooooloooo".

andorinha disse...

Ouvi agora. É um deleite ouvir Sampaio da Nóvoa. Obrigada de novo, Anfy:)
E ao contrário da Bea, considero-o excepcional, há poucos homens como ele.
Se vier a ser candidato a PR tem desde já o meu voto.

Impio,

"O constante estado de alerta é um perigo. Toma atenção a isso. Queremos que vivas muitos anos mais que o teu gato."

Subscrevo. Eu se não desligasse de quando em vez, já tinha endoidecido.


Anfy,

"Deua deu-me o génio, mas a vida tirou-me os meios". E esta hein?!..."

Não culpes a vida. Culpa-te a ti:))))))

João Pedro Barbosa disse...

Beatriz... E que tal este peixinho. É o começo de tantas histórias! Pensando? IRIA FERIR AS MENTES MAIS ESCLARECIDAS

andorinha disse...

http://www.jn.pt/PaginaInicial/Economia/Interior.aspx?content_id=3623861

Mais 80 mil pensionistas passam a ser abrangidos por taxa extraordinária

Esta gente devia apodrecer aí numa cova qualquer...:((((((

Anfitrite disse...

Caros concidadãos:

IRLANDA- empréstimo a dez anos, sem apoio cautelar, à taxa de 3.5%

ESPANHA- Sem apoio de resgate- empréstimo a cinco, à taxa de 2 e pouco percentuais;

portugal -com beneplácito da tróica, empréstimo a cinco anos, que não atingiu o valor esperado, à taxa insustentável de 4.6%, ainda por cima com o apoio dum sindicato bancário (organização de malfeitores).

Acham que estamos no caminho crrecto? PORRA! Abram os olhos!

Anfitrite disse...

Aqui no polo sul já é noite!

andorinha disse...


"Renunciar ao amor parecia-me tão insensato como desinteressarmo-nos da saúde porque acreditamos na eternidade."

Simone de Beauvoir

A mulher que conheci no final da adolescência e que me ensinou tanta coisa.


Anfy,

Vais ver nas eleições como se calhar até estamos:((((

João Pedro Barbosa disse...

Anfitrite,

E assim saio da sala dos professores que o fumo faz-me mal.

Anfitrite disse...

Andy,
Andas sempre despassarada. São centenas de milhares as pessoas abrangidas. E as que já eram passa a sê-lo por uma taxa ainda maior.

Comentário que eu fiz quando saíu a notícia sobre o Portas:

É preciso não ter mesmo vergonha nenhuma na cara, nem respeito pelas pessoas para afirmar que 95%dos pensionistas ficam de fora. Claro que ficam de fora, porque a maioria das pensões que existe é inferior ao salário mínimo nacional. Aprenda um pouco e depois fale. E mesmo assim essas pensões da SSocial, nunca atingiriam esses valores com base nos descontos feitos. Foram dadas às domésticas, costureiras e afins, no tempo de Marcelo Caetano, em troca de 2 tostões de contribuição por hora. E muitas delas senhoras que passavam a vida nos cafés, porque a profissão era ser dona de casa. O mesmo aconteceu nas casas do povo e aos pescadores, e aos retornados a quem cavaco permitiu que comprassem as reformas. Não é que eles não merecem-se. Simplesmente nunca descontaram para ter uma reforma digna. O mesmo não se pode dizer das pensões públicas em que o tempo de trabalho e os descontos eram feitos sem nenhuma falcatrua e o tempo era contado até ao dia. Depois veio o benemérito do Guterres e igualou tudo para toda a gente, quando o Ferro Rodrigues era ministro da SSocial, pensavam que o dinheiro nunca mais acabava. Só o Vieira da Silva é que teve alguma coragem para pensar no problema da sustentabilidade. Mas aí, todos se viraram contra o Sócrates. Tenha vergonha e vá trbalhar porque até aqui tem sido apenas um palhaço. Honre a memória do seu irmão porque esse sim era o único que se preocupava com as pessoas no grupelho a que pertenceu. Os outros é só conversa fiada e palavras ocas sem connexão com a realidade.

Portas diz q está de “consciência tranquila” quanto à defesa dos pensionistas

http://rr.sapo.pt/informacao_detalhe.aspx?fid=27&did=134889#.Usy0nyoEAEM.facebook

Vice-primeiro-ministro justifica alargamento da contribuição extraordinária, que deve ficar entre os 900 e os mil euros..

bea disse...

Não, não Anphy. Sampaio da Nóvoa é pessoa, opina sobre muita gente, certamente. Disse que, em público, não o faz (entendi que seriam entrevistas, participações em palestras e conferências...). E não entendo que isso seja só nobreza de espírito, é também não desperdiçar forças nem tempo.

É assim Anphy, o mundo dos milionários passa-me ao lado, não lhes fixo os nomes e tenho-lhes um bocado de raiva, não por ter idêntica ambição, mas porque descreio cada vez mais da sua nobreza de intenções para o país. Estou consigo, muitos (que não conheço nem sei quem sejam) servem-se a si mesmos. E ponto.

Não aprecio livros de política, obrigada. Os comunistas são lutadores, mas ainda não descobriram a independência; além disso, conhece a minha opinião sobre filiações partidárias.

Também desconheço a posição geográfica do paraíso, mas não ando à procura, cheira-me que não ia gostar. Como não uso bússola posso estar em qualquer lado. Até no nor-noroeste que já não me lembro se é um ponto colateral ou intermédio, mas existe.

E sim, gosto muito de battizar as pessoas, de acordo com aquilo que eu penso. Nunca usei queridos como substantivos a substituirem adjectivos e gosto muito de usar a vernácula língua portuguesa, já que a ironia só não dá para a maioria das pessoas.

Gosta de batizar as pessoas? Que nice. Já me batizou? Essa de não usar queridos é para mim? Não entendi bem o “usar queridos como substantivos a substituírem adjectivos”. A Anphy às vezes é bem queridinha.
Oh, Anphy, deito tanta coisa fora! É um dó de alma, mas não há quem conserte. O mundo consumista obriga-nos.
As coisas dos chineses não prestam. Em geral. E os ferros de caldeira passam melhor que os outros, deixe-se de ideias. Se eu conhecera quem os inventou dava-lhe um bruto de um abraço. Não arrelie por causa de um ferro, ele não a merece:)

Anphy, mas sei isso tudo de crimes de roubo, lavagens de dinheiro, peculato e etc etc. julga que eu pensava que eram apenas pecadilhos individuais e caseiros? Ora, Anphy, sei pouca coisa mas essa é uma. Não precisa chamar Lobo Antunes – tem uma crónica bonita esta semana; e de toda a maneira não sei como caia na realidade com o nome dele, ainda não tem efeitos divinos. E que raio é DE e DA?
Essa frase é de Jorge Amado? Ninguém diria.

Muito inculta, sim, não faço ideia de quem seja a 2ª expressão. O aborrecido que está nela é isso mesmo: a distinção entre quem é mundo e quem o governa. É falsa; quem governa também é mundo, se não o compreende é uma baita de uma chatice

Anfitrite disse...

Como seu mesmo maluca e me diverti a escrever, passo a transcrever esta mensagem que acabei de enviar ao irmão do ministro da Segurança Social. Assinei com o meu nome próprio e endereço oficial.

"Sr. Doutor, professor ou seja lá o que for:
Desculpe incomodá-lo mas uma vez que se trata dum ilustre causídico, apesar de desconhecer a sua orientação política, ainda posso pensar que tenha um pouco de sensibilidade.
Então venho pedir-lhe o seguinte: Veja se o seu pai, se ainda for vivo, consegue meter o seu irmão na ordem, não "Ordem". Ele que correu o país de lés a lés a trabalhar par tirar o curso de Direito- o único que havia como voluntário- senão não tinha sido licenciado e ganhado a vida à custa de quem trabalha e que ainda teve de pedir 15 contos emprestados, para casar com a sua mãe, que trabalhava na Segurança Social.
O seu irmão que tenha dó dos reformados, que continue a andar de lambreta, já que nunca fez nada de útil e se limitou a pendurar no partido. E, se calhar, apesar das sociedades de advogados, ainda são capazes de acabar sem as pensões para quem os advogados têm pago ao longo da vida.

Gostam? Prometem ir visitar à prisão? Não preciso de cigarros, só quero que me levem uns bons filmes e uns livros, porque quanto à comida sempre fui de boa boca.
Abração à Ímpio ou à Andy com apneia.

bea disse...

Andorinha (10;12)
VIRA ESSA BOCA PRA LÁ

Anphy

Há aqui alguém que ache que estamos no caminho certo?! Não acredito. Só nos telejornais é que os políticos fazem a sua mise em scéne tragi-cómica

E Paulo Portas é um garoto sem juízo ou escrúpulos. Dali não sai nada que se aproveite. Ama-se demais a si mesmo. Além do mais.

rainbow disse...

AllÔ!:)


Não resisti a colocar aqui este texto:


FILIPE LA FÉRIA /DN Opinião 29-12-2013:

Muita gente me acusa de ser o culpado do estado de desgraça do nosso país por ter reprovado Pedro Passos Coelho numa audição em que eu procurava um cantor para fazer parte do elenco de My Fair Lady. Até o espertíssimo gato fedorento Ricardo Araújo Pereira já afirmou que eu devia ser chicoteado em público todos os dias até Passos Coelho desistir de ser primeiro-ministro, como insistentemente o aconselha o Dr. Soares.
Na verdade, confesso que em 2002, quando preparava os ensaios para levar à cena My Fair Lady fiz uma série de audições a cantores para procurar o intérprete do galã apaixonado por Elisa Doolittle, a pobre vendedora de flores do Covent Garden, personagem saída da cabeça brincalhona e maniqueísta de Bernard Shaw, genial dramaturgo que no seu tempo se fartou de gozar com políticos. Entre muitos concorrentes à audição, apareceu Pedro Passos Coelho de jeans, voz colocada, educadíssimo e bem-falante. Era aluno de Cristina de Castro, uma excelente cantora dos tempos de glória do São Carlos que tinha sido escolhida por Maria Callas para contracenar com a diva na Traviata quando da sua passagem histórica por Lisboa. As recomendações portanto não podiam ser melhores e a prova foi convincente. Porém, Passos Coelho era barítono e a partitura exigia um tenor. Foi por essa pequena idiossincrasia vocal que Passos Coelho não foi aceite, o que veio a ditar o futuro do jovem aspirante a cantor que, em breve, ascenderia a actor protagonista do perverso musical da política. Se não fosse a sua tessitura de voz de barítono, hoje estaria no palco do Politeama na Grande Revista à Portuguesa a dar à perna com o João Baião, a Marina Mota, a Maria Vieira, e talvez fosse muitíssimo mais feliz. Diria mal da forma como o Estado trata a cultura em Portugal, revoltar-se-ia com os impostos que o teatro é obrigado a pagar, saberia que um bilhete que é vendido ao público a dez euros, sete vão para o Estado, teria um ataque de nervos contra os lobbies da Secretaria de Estado da Cultura, há quarenta anos sempre os mesmos... não saberia sequer o nome do obscuro e discretíssimo secretário da Cultura oficial, não perceberia porque em Portugal não há uma Lei do Mecenato que permita aos produtores de espectáculos cativar os mecenas, tal é a volúpia cega dos impostos, saberia que cada vez mais há artistas no desemprego em condições miserabilistas e degradantes, que fazer teatro, cinema ou arte em Portugal se tornou um acto de loucura e de militância esquizofrénica. Mas a cantar no palco do Politeama estaria bem longe da bomba-relógio do Dr. Paulo Portas, cada vez mais fulgurante como pop-star, da troika, agora terrível e pós-seguramente medonha, das reuniões de quinta-feira com o Senhor Professor, do Gaspar que se pisgou para o Banco de Portugal, dos enredos do partido bem mais enfadonhas do que as animadas tricas dos bastidores do teatro, das reuniões intermináveis com os alucinados ministros, das manifestações dos professores, dos polícias, dos funcionários públicos, dos pescadores, dos estivadores, dos reformados, dos trabalhadores de tudo o que mexe e não mexe em cima deste desgraçado país, ah!, e das sentenças do Palácio Ratton que agora são chamadas para tudo, só para tramarem a cabeça intervencionada do pobre Pedrinho... não bastava já as constantes birrinhas do Tó Zé Seguro, as conversas da tanga do Dr. Durão Barroso, o charme cínico e discreto de Madame Christine Lagarde, as leoninas exigências da mandona da Europa para Bruxelas assinar a porcaria do cheque. Valha-me o Papa Francisco que tudo isto é de mais para um barítono!

(continua)

rainbow disse...

Assumo o meu mais profundo remorso. Devia ter proporcionado ao rapaz um futuro mais
(continuação)


insignificante mas mais feliz. Mas, tal como Elisa Doolittle, que depois de ser uma grande dama prefere voltar a vender flores no mercado de Covent Garden, talvez o nosso herói renegue todas as vaidades e vicissitudes da política e suba ao palco do Politeama para interpretar a versão pobrezinha mas bem portuguesa de Os Miseráveis!


Animem-se, ainda nos temos uns aos outros, com uma linha do horizonte bem traçada, um cheirinho a salsa e tomilho:)
Beijinhos

rainbow disse...

11.15 da tarde???:)
A última frase é minha of course:)
Agora sim, bons sonhos per tutti

andorinha disse...


Isto hoje está divertido por aqui. Fixe!!!!!!!!!!:)))))))))


Anfy,

"Andas sempre despassarada. São centenas de milhares as pessoas abrangidas. E as que já eram passa a sê-lo por uma taxa ainda maior."

Looool Ando muitas vezes, mas desta vez não. Sei isso que dizes.
São mais 80 mil a juntar aos outros milhares.



Bea,


"E que raio é DE e DA?"

Loooooooooooooool

Estou fartíssima de rir. E não por gozo para com as pessoas. É a tua forma de perguntar e é a Anfy que mistura tudo.

Penso que ela se refere à lei que proibia mais de três mandatos a presidentes DE ou DA câmara. Aí esteve o busílis.

Vou ler o resto

andorinha disse...

Rainbow,

Por acaso já conhecia o texto, mas ainda bem que não resististe:)
E como já disse, de nada lhe adiantam agora os remorsos. Pensasse antes...:)

"Animem-se, ainda nos temos uns aos outros, com uma linha do horizonte bem traçada, um cheirinho a salsa e tomilho:)"

:) Lindo, miga.

Beijinhos


Anfy,

Loooooool

Eu prometo.Mas não gostei nada dessa carta. (Estou a dizer isto a ver se me safo da prisão, também) looooool

Fiquem bem:)

Anfitrite disse...

Anfy,

eu sei porque é que não gostaste da resposta. não gostas de pensar fundo nem de ouvir verdades. Toda a gente conhece os problemas que o bloco aponta, mas para que é que ele serve? Ele a direita e o Pcp só serviram para deitar um governo abaixo mas não arranjaram soluções e estamos bem piores. Nunca mais melhoraremos e as pessoas esqueceram-se de crise do subprime de 2008. Quem pensa só nos seu interesses é que não gosta das munhas respostas.

Tu nem pensas com que sociedade de advogados eu me estive a meter. Mas não gosto de novos ricos e o pai talvez não lhe tenha contado toda a história. Só tenho pena de não corrigir os textos e ter falhado num pronome. Paciência. Se eu lesse o que escrevo devia arrepender-me.

Biépi e BOM FIM DE SEMANA

Para não dizeres que sou eu que não aproveito as coisas aqui tens a canção que eu mais apecio.

http://www.youtube.com/watch?v=UW3IgDs-NnA

andorinha disse...

Anfy,

Ainda bem que ainda aqui voltei...
Tu baralhas-me, mulher:)

Não gostei de que resposta?
Da carta?
Se eu pus lol
Estava a ler e a rir-me por achar que tu és "doida varrida":))))))))

E nem falei do BE nem do PCP...

E já devias saber que gosto de pensar fundo e de ouvir verdades, lá vais tu...já dizes as coisas por dizer.

De facto, em relação à sociedade de advogados não sei nada. Nem sei quem é o pai e o irmão do PMS. Sei que já aqui falaste neles, mas não fixei os nomes.


A canção é linda. Quem não gosta?
Mas só te contradizes, pois estás sempre a dizer que a tua vida não vale nada.
Então em que ficamos, tonta???:))))

biépi 2

Agora vou mesmo...

João Pedro Barbosa disse...

Anfitrite!

Não é birra e até gostava bastante de ler o Thora como o Aquiles... Cheguei mesmo a dizer que se não comentava era porque pensava igual. Mas prontos! Terá que haver alguma razão para ninguém até hoje ter escolhido a alcunha de Viagra?

Anfitrite disse...

João pedro,
hoje estou mesmo espevitada. Logo que começa o Inverno e os dias começam a crescer fico melhor. Deve ser um episódio de mania porque se foi a de.
Quem é que a não gosta do Aquiles, do Thora( tenho que mudar-lhe o nome, porque faz-me lembrar um filme sobre guerra),
que é um doce de rapaz? O thora está no princípio da sua carreira não tem tempo para nos dedicar. Só gostava de saber se ele já tem descendência, já que falava com tanto carinho do seu Pai. O Aquiles há tempos que anda deprimido, até já uma vez me interpretou mal e também lhe dei uns conselhos para animar. Do Ímpio é um amor frustrado porque não me liga nenhuma. Também gosto muito do tom cáustico do Fora/de/da/Lei, e não sei o que se passou com a mãe dele. E se viesse agora aqui era só para me bater. O Manuel é um senhor que gosta de manter as distâncias e que até me insultou porque sou maluca. Do Bartolo também gosto muito, mas como sou de lata não posso chorar lágrimas de prata. Dos mais antigos não falo, mas gostava de todos que não eram bajuladores. Não gosto de gente muito bem educada.
Até do crânio eu gostava porque me recebeu aqui com uma explicação de inglês. A minha raiva aos subditos de sua majestade já vem de longe. Esquece leeds. Esquece o Viagra, porque isto na saúde está muito mal e os médicos e acólitos andam a encher-se à nossa custa, para não falar do usurário Macedo, que alguns até acham bom ministro.

Aquiles,

Há um provérbio chinês que diz: "Quando a gente não vê a linha do horizonte, sobe-se mais alto para o poder visualizar"

Anfitrite disse...

Oiçam com olhos de ouvir e ouvidos para compreeder e guardem para mais tarde recordar e comparar, para ficarem a saber porque diminuiu o desemprego, porque se colocou dívida nos mercados, porque se vendeu a parte de Seguros da CGD, a única coisa que dava lucros fabulosos. È tão triste ouvir tudo isto e ficarmos mudos s quedos.

http://www.tvi.iol.pt/videos/14054721

bea disse...

Bom Dia:)

Anphy não se engane no nome da andorinha:)

Temos boas razões para entristecer, revoltar...mas os portugueses amarguram e depois o fundo fica mais fundo e às tantas pensam que se não levantam. Não sei quanto tempo dura o tornarmo-nos o povo mais miserável da europa, mais atrofiado, a atarem-nos de pés e mãos.

Boa sexta feira

andorinha disse...


Também estou espevitada porque já cheira a fim de semana:)))))))
Que cheirinho bom!


Bea,

Nem reparei. Sou tão auto-centrada que li Andy:) loooooooool

Anfy,

Reparaste que só mencionaste murcónicos? E murcónicas não merecem ser mencionadas? :)

Vou...inté...

João Pedro Barbosa disse...

Bea? É tudo encenado! Seja ficção ou documental.

bea disse...

Anphy

Deve ser um episódio de mania porque se foi a de.

não penso que seja mania, tb gosto dos dias a crescer. Estou a desejar que chegue o final de Janeiro porque acredito mesmo que ganhemos uma hora. E uma hora de luz, para quem funciona a sol, é uma dádiva.

A sua afirmação está oracular:), deve ser só para iniciados. À frente, consigo estou sempre no princípio.

A Manela Leite está mais moderna do que quando foi ministra. Até a estou encontrando mais bonitinha (miss caloira não se ponha com coisas, embora. que. acho quase toda a gente bonita).
Do que bem disse a senhora e que aproveito para lhe agradecer, ressalvo "estamos a raciocinar em curtíssimo prazo; foi vendido um terço do sistema segurador do país...a um grupo chinês...em relação ao grupo chinês é um grupo de jovens com experiência limitada em seguros, que, de acordo com algumas agências, está classificada como lixo...duvida-se da sua solidez financeira."

"o reformado é olhado como despesa pública...trata-se de uma forma desumana... ver as pessoas como despesa. ...tentar dizer às pessoas que a origem da crise são os pensionistas e funcionários públicos...é mentira, isto não é verdade."

Digo eu, é tudo um inexplicável.
É que é um governo que parece odiar Portugal e os portugueses. Mas o que é que esta gente tem na cabeça?!

Rain

pois, também já tinha lido, está um must. Preferia-o nas canções se queres que te diga.

João Pedro!...tu não me baralhes mais a mona. Ontem eras gato, hoje, actor ou encenador, não sei. Tens mil faces. Convém que de vez em quando te vistas de ser o mesmo. Para facilitar. Ou então...não; e vamos conhecendo novas gentes, tem o seu quê.

E Bom Fim de Semana

bea disse...

Não se diz diâmetro para um plasma porque ele não é circular:)

AQUILES disse...

Anphy

Gostei do provérbio. Tks.

Impio Blasfemo disse...

DURMAM BEM, sobretudo porque há sempre, à vossa espera, UM VERDADEIRO PLANO B

"O verdadeiro plano B
Pedro Silva Pereira, Diário Económico, 10/01/2014
http://economico.sapo.pt/noticias/o-verdadeiro-plano-b_184900.html
Ao nono dia de vigência do Orçamento para 2014, o Governo anunciou as medidas do primeiro orçamento rectificativo do ano. O que vem aí, como se previa, é mais do mesmo: contribuições agravadas sobre os pensionistas e os funcionários públicos.

Mas que ninguém se iluda: as medidas podem ser novas, o plano é o velho.
Agora que o Governo anuncia mais um pacote de medidas de austeridade sobre as pessoas, vale a pena revisitar os argumentos que o PSD usou em 2011 para justificar a crise política que forçou o pedido de ajuda externa e acabou por o levar ao poder.
Esses argumentos constam da resolução que o PSD apresentou na Assembleia da República contra a aprovação do célebre PEC IV, onde se pode ler o seguinte: "Mais uma vez o Governo recorre aos aumentos de impostos e cortes cegos na despesa (...)".
A esse ímpeto laranja, em veemente protesto contra "qualquer aumento das contribuições", não faltou sequer o colorido habitual na sua linguagem de combate: "Mantém a receita preferida deste Governo: a solução da incompetência. Ou seja, se falta dinheiro, aumentam-se os impostos".
O CDS, por seu turno, fazia coro no protesto, erguendo bem alto a bandeira dos pensionistas, a quem se faziam juras de fidelidade irrevogável e a quem se prometia, com a maior solenidade, vistosas linhas vermelhas apontadas como intransponíveis. Foi com base neste discurso panfletário que se construiu uma fantasia eleitoral, assente numa fantástica fórmula mágica: o corte nas detestáveis "gorduras do Estado".
Eduardo Catroga, coordenador do Programa eleitoral do PSD, explicava assim a coisa, já depois de conhecido o Memorando de Entendimento (divulgado no dia 3 de Maio): "Na reunião que tivemos com a "troika", dissemos: basta de austeridade sobre as pessoas. Tivemos o PEC I, tivemos o PEC II, o PEC III com o corte de salários no Estado, corte de pensões e aumento de impostos. Agora, é preciso austeridade no Estado, porque não aceitamos mais austeridade para as pessoas" (Público, 11-5-11).
Foi em nome desta afirmação, tão categórica como demagógica, que se vendeu aos portugueses, para consumo eleitoral, um mirabolante plano de governação - o verdadeiro Plano A do Governo - que jurava apostar forte no corte nas despesas do Estado e no combate ao famigerado "Estado paralelo", onde se dizia habitar um monstro horrível e insaciável. As pessoas, essas, podiam, finalmente, respirar de alívio e, por consequência, eram convidadas a votar tranquilamente no partido cujas setas até apontam para o céu. Ou, em alternativa, no outro cujas setas não apontam para lado nenhum.
Tudo isto, porém, foi antes das eleições. O que veio a seguir, foi bem diferente. Desde a primeira hora, o Governo da direita decidiu trocar as sedutoras promessas eleitorais dos partidos da maioria por uma estratégia económica de sinal absolutamente contrário: uma estratégia firme de empobrecimento. Empobrecimento do País e empobrecimento das pessoas. E tudo em nome de uma austeridade que se julgava expansionista. Foi aí - não foi agora - que nasceu o Plano B do Governo. E é esse plano que essencialmente se mantém, com estas ou com aquelas medidas.
Agora que os partidos da direita, uma vez que falta dinheiro para cumprir as metas do défice, reincidem no aumento das contribuições que tanto contestaram quando estavam na oposição, seria fácil recordar, com ironia, o que o PSD dizia do Governo anterior: "essa é a solução da incompetência". Mas o que está em causa é sério demais para convidar à ironia: a insistência do Governo nesta sua estratégia de empobrecimento, que inapelavelmente revoga todas as promessas eleitorais, confirma um chocante desprezo pelos compromissos assumidos com os eleitores. E expõe toda a magnitude da fantasia eleitoral que foi vendida aos portugueses."

Saravá
IMPIO

andorinha disse...


"É que é um governo que parece odiar Portugal e os portugueses. Mas o que é que esta gente tem na cabeça?!"

Eu respondia, Bea. Mas este é um blogue decente...:))))))))

De resto, fds estou em abstinência política. Não vi a Manelinha nem vou ler o que trouxe o Impio.
Segunda vou a tempo. lol

João Pedro Barbosa disse...

Durmam Bem? Como se isso fosse importante! Acordem de consciência tranquila.

andorinha disse...

Nos Camarões, meninas em início de puberdade são vítimas de uma das tradições mais cruéis: o peito é achatado com um pau e uma pedra a ferver. O objectivo é impedir que se desenvolva e, assim, evitar avanços sexuais e gravidez adolescente. Segundo a agência Reuters, uma nova investigação governamental revela que o “breast ironing” tem sofrido uma diminuição de 50 por cento desde que foi “acidentalmente descoberto, durante um inquérito da Agência para a Cooperação Técnica da Alemanha, em 2005, sobre violação e incesto nos Camarões”. As jovens das fotografias são sobreviventes desta prática e vivem na casa de família de Julie Ndjessa, em Douala, onde assistem a sessões educativas sobre violações e enfrentam objectos idênticos àqueles com que foram torturadas.

Público

Como é possível???????????????????

andorinha disse...


www.youtube.com/watch?v=FXO9cxummXA

Pedro Abrunhosa - Voámos em contramão

Sou suspeita porque sou fã, mas acho uma canção lindíssima.

Só a arte, sob qualquer forma, nos salva da insanidade.

Fiquem bem:)

Anfitrite disse...

Que é que se passa? Desapareceu tudo? E eu que vinha pedir ajuda porque estou cansada e sem forças! Agora passei pelo "quem quer ser milionário" e a revolta deu-me forças. Um jovem ilustre de 32 anos não sabia em que década do século passado Salazar saíu do governo, depois de lhe terem posto na frente a década de 60. Teve de usar uma ajuda. Depois não sabia o que eram os cílios, depois da MM Guedes lhe ter dito tudo. Agora não sabe que instrumento toca a Olga Prats. Vou desistir porque ele respondeu harpa, e não sei como ela com a gordura toda poderia tocá-la. E é esta a nossa geração dos jovens mais bem classificados!

Ímpio,

Tem toda a razão naquilo que disse e eu tenho aqui à mão ou ao pé tantos vídeos com longas declarações desse energúmeno. Mas não me quero maçar mais agora.
Acabei também de ouvir a nomeação do José Luís Arnault para o Goldman Sachs. De alguma coisa serviram os serviços que prestou como advogado, ao governo, ajudando o banco com a sua resposta, nos estudos que lhe pediram, em prejuízo do País. Como já não temo o castigo divino desejo-lhe a sorte de António Borges. (Está agora outro jovem que nunca ouviu falar de Aldous Huxley, nem ouviu falar no Admirável mundo novo?). Fez-me lembrar logo do Thora que tanto fala nele, sendo bem mais jovem.
Usou as três ajudas para esta resposta. Que tristeza de mundo.

Bea
Respondendo à sua dúvida; a frase sobre o mundo é duma pessoa que não existiu, mas que tinha o nome de Bernardo Soares.
Sabe que a auditoria levantada pela procuradoria Geral da República, por causa das fugas de informações, sobre o segredo de justiça, declara que os jornalistas devem ser fortemente punidos por publicar tais notícias, que sejam feitas buscas domiciliárias às suas casas e às redacções, assim como escutas aos telefones dos mesmos. Grandes procuradores! Viva o Lápis lazúli!
Agora até já anda em todo o lado o vídeo dizendo que Sócrates mentiu quando disse que ouviu o jogo da Coreia. O desgraçado, com 8 anos, teve o azar de ir brincar para o pátio do colégio num sábado à tarde ás 15 horas da tarde, no dia 23 de Julho de 1966. Porquê tanto ódio? Porque gostam de chafurdar para ver se encontram merda? Ninguém se volta contra o Goldman Sachs, nem contra o Lehman Brothers, que foi o culpado de tudo. Não esquecendo a incompetência europeia, cujos representantes tinham sido todos formados pelo GSachs, para além do cherne podre.

Rain:
Não conhecia a crónica do Filipe La Féria. Pessoa que nunca me daria para ler, apesar de o achar com espírito de humor nas entrevistas, para além do jeito amaneirado.
Quanto à Elisa tenho tantas saudades da Audrey Hepburn além do seu querido professor Rex Harrison. E como sempre gostei da tal linguagem nunca mais me esqueci, quando ela em Ascott, choca todas as ladies gritando: "Anda Dover mexe esse cu!"

ANdY,

Estava só a falar de homens, porque as mulheres tu correste com elas todas. Ahahahahah. Depois falo mais a sério. Também tenho de responder à Bea sobre os meus consertos e sobre o material de apoio que detenho.

E como já me dói a cabeça dos dedos, deixo este vídeo para reverem ou verem no fds, para ficarem a saber porque faltam os medicamentos no mercado e porque têm falido as farmácias para que o ministro bote figura à custa da saúde pública porque é impossível vender 60 comprimidos para o colesterol por 2 euros, porque até a farinha custa dinheiro. E ISTO É UM CASO DE SAÚDE PÚBLICA! Acautelem-se.

http://www.tvi24.iol.pt/equipatvi24/1393483-6322/MariaJoseGarrido/videos/289372/2/video/13849693

Que não vos cresça a tensão.

Anfitrite disse...

Enquanto escrevi esta gaita, veio tanta gente. Andorinha senão puxares pela cabeça ficas com Alzheimer.

bea disse...

Andorinha

Esta mania de fazerem sempre mal às mulheres não acaba? Então…avanços sexuais e depois as mulheres é que são punidas. Parecem o governo português, têm sempre os mesmos para castigar. Ok, pronto, não digo mais nada que entraste de fds. Diverte-te. Descansa. Sê boa; aos bocadinhos que a bondade cansa.
Verdade, a arte isola da parvoíce e da desilusão. E dá força para andar mais um pouco.

Anphy

Ouvi-a a resmungar com a nossa juventude muito preparada. Mas eu tb não sabia o que toca Olga Pratz:) pensava que cantasse ópera, imagine. Ainda bem que a Anphy viu e contou; aprendi que toca piano. A educação dos portugueses devia levar uma volta; esse concurso deixa-me envergonhada. Também porque há coisas que não sei. Mas, sobretudo, pela ignorância que vislumbro.
Hummm…obrigada, Anphy, ando a ler Pessoa; mas ao pé coxinho, que é como quem diz, bem devagar; ainda nem alcancei Bernardo Soares. Ando perdida num heterónimo meio avariado da mona que dá pelo nome de Vicente Guedes e que não aprecio grandemente.
Sabe o que eu penso mesmo? Que há gente que está deserta por instaurar uma censura em
Portugal e não sabe como começar, anda a encontrar pretexto. As mentes vingativas funcionam assim. Desconhecia que houvesse tanta gente mesquinha.
Quanto à história de Sócrates…não é importante que tenha visto ou não o jogo, não sei por que se encarniça o pessoal. Não ligue. Mas ele tem nariz de mentiroso (pode ser só o nariz)
A tensão não cresce, sobe; e, hélas! a tensão elevada não faz parte do meu cardápio. Sim, sim, tadinha da Anphy que escreve tanto para nós. Bigada, viu?
Não seja mazinha para o La Féria

Boa noite a todos

Oh, hoje entreti-me a ver dois amigos à conversa. E pronto.

Anfitrite disse...

Bea,
Só as raizes é que normalmente cescem para baixo. mas eu reparei logo mal vi o comentário. Quano se cresce sobe-se...

Só você que anda a leste... A Olga Prats é das pianistas mais formadas e formadora e internacional ao lado de Maria João Pires. Esta talvez seja um pouco mais virtuosa e como solista em grandes orquestas, além de ter feito muito barulho contra o Estado, foi viver para a bélgica, refilou contra os impostos, tornou-se mais conhecida. A Olga P. começou Tb bem pequenina e a ganhar bolsas de estudo. É mais hetergénia e pacata. in Wiki "Para além da docencia, da gravação e das actuações ao vivo que efectua com o grupo Opus Ensemble prossegue uma intensa actividade como jurada em concursos de interpretação nacionais e internacionais, de entre outros: Concurso de Música de Câmara da Rádio da Baviera; Concurso Internacional de Piano Viana da Motta; Prémio Jovens Músicos".
O tal concurso tem perguntas, inimagináveis, mas revela uma grande ignorância absoluta em certas pessoas que nem querem saber, nem sequer racicionar com as ajudas da condutora. Até na escolha das ajudas são imbecis. Resolvem telefonar para grandes perguntas, com grandes enunciados, quando sabem que só têm 30 segundos. Hoje o desgraçado nem sabia pronunciar o nome do escritor. No outro dia um não sabia qual tinha sido o IV rei de Portugal, quando estava lá o nome de DOm Manuel II, dom João II e não me lembro do outro, além do Dom Sancho II, a quem chamaram o "Capelo". E sabe porquê?

João Pedro Barbosa disse...

Ainda Ontem Estive A Pensar Que Qualquer Que Seja O Mal E O Facto De Nos Impressionar É Demasiado Relativo Porque Do Outro Lado Do Passeio Como Do Outro Lado Do Mundo Alguém Pode Estar Por motivos Diferentes Entre A Espada E A Parede E Rota Que Seguimos Não Deixa De Ser Diferente Por Isso Ou Até Mesmo Com Alguém Que Se Deite Ao Nosso Lado Que Se Pare Para Conversar Quando O Outro Se Retira Ficamos Como No Meio De Uma Multidão E Do Outro Lado A Digressão Continua

bea disse...

Anphy sei que o cognome é o capelo, mas não tinha certeza acerca da razão porque. Havia em mim a ideia vaga de um barrete; digamos. E não estava longe. Tenho também uma memória de ter ouvido que o teria usado por promessa de alguém, mas sem certeza. E não vi nada a esse respeito.

rainbow disse...




Então mas então?:) Toda a gente já conhecia o texto menos eu??

Anfi

"My fair lady", que vi e revi, filme que deu o óscar, merecido, a Rex Harrison:

http://www.youtube.com/watch?v=Doz5w2W-jAY

http://www.youtube.com/watch?v=Y3ywa-9Cu4M

Per tutti, mas especialmente para a Andorinha, a Bea e o Aquiles:

Dever de Sonhar

"Eu tenho uma espécie de dever, dever de sonhar, de sonhar sempre,
pois sendo mais do que um espetáculo de mim mesmo,
eu tenho que ter o melhor espetáculo que posso.
E, assim, me construo a ouro e sedas, em salas
supostas, invento palco, cenário para viver o meu sonho
entre luzes brandas e músicas invisíveis."

Fernando Pessoa


Beijinhos e sorriam um pouco



bea disse...

Olá João Pedro

do outro lado do mundo, é isso. Está toda a gente do outro lado do mundo. Mas o dia acordou bonito, há um sol alegre, pode que passe a dor de cabeça de haver noite. Como não há tempo para digressões vou dar um passeiozito curto a ver se uma brisa leve.

Fica bem. Não entendi. Mas deves querer dizer alguma coisa. acho que também vou escrever às pessoas a quem quero dizer. senão morro de morte matada:)

Um abraço de sol para todos. E vão curtir o tempo que nos surgiu assim, embrulhadinho em ameno.

um beijinho suave

bea disse...

OBRIGADINHO, RAIN. Caiu-me tão bem o Pessoa! e seu dever de sonhar. Sonhar sempre. Mesmo sem ouro e sedas. A sorrir. Pois.

João Pedro Barbosa disse...

Parou a conversa... Tem que ser como na China? Só param para piscar os olhos! Ao trabalho.

andorinha disse...

Bom diaaaaa:)

"Andorinha senão puxares pela cabeça ficas com Alzheimer."

Eu já puxo pela cabeça durante a semana na escola e não é pouco:)
Ao fim de semana prefiro algo demais relaxante. Ler, passear, estar com amigos, dormir...:)
Adoro dormir e isto está a piorar com a idade:) lol
Também estou cada vez mais gulosa, não sei onde vou parar...:)))))

Bea,

"Diverte-te. Descansa. Sê boa; aos bocadinhos que a bondade cansa."

Bigada, miga:)
O mesmo para ti. E ser sempre boa, cansa, sim.Intercalar com um bocadinho de maldade sabe melhor. lol

Rainbow,

Obrigada:)
Temos o dever de sonhar, sim. Vou trazer esse poema comigo.


"Um abraço de sol para todos. E vão curtir o tempo que nos surgiu assim, embrulhadinho em ameno."

Desejo-vos o mesmo. Foi bom este bocadinho. Vocês foram os primeiros amigos com quem falei hoje. Gosto-vos:)

andorinha disse...


"Não temos tanta necessidade da ajuda dos amigos quanto da certeza da sua ajuda."

Epicuro.


Concordo. Inté...:)

João Pedro Barbosa disse...

E... A pedido de muitas famílias. Fica um registo emotivo! Para os adeptos dos Pereira?

"Ricardo Araújo Pereira passou pela Luz em lágrimas ! Eusébio"

http://www.youtube.com/watch?v=-caMyWmE5pk

João Pedro Barbosa disse...

Epicuro. É algo que nos satisfaz! Ter essa certeza? Melhor são as vias de facto...

"Wham! - Last Christmas"

http://www.youtube.com/watch?v=E8gmARGvPlI#t=2

Anfitrite disse...

Inda agora aqui cheguei e digo só isto:
Senti o poema que a RAIN deixou com a voz quente de Maria Bethânia. Porquê? Nós tínhamos bons declamadores, mas já quase todos se foram.

E agora deixo este sádico escrito:

Mais um criminoso que se foi com as mãos cheias de sangue, por ter sido os responsável por tanto massacre. Como ministro da defesa foi um autêntico senhor da guerra que fez de Israel o país mais perigoso em termos de ataque e espionagem. Espero que nos oito anos que esteve em coma tenha tido ao menos uns neurónios a funcionar para ter sofrido um bocadinho.

Depois volto.

João Pedro Barbosa disse...

É a vidinha? Ou como diria o outro! Façam vocês as contas.

João Pedro Barbosa disse...

Recapitulando? E voltando ao mesmo! Durmam bem.

Anfitrite disse...

Andy,

Tás a ver? Se tivesses lido "Assim Seja Ela" da Benoîte Grould sabias isso e muito mais, assim como alguns dos nossos famosos antropólogos/etnógrafos. A Simone de Beuavoir, apesar de ter toda a sua obra, que por fim já me consava, com relatos, (um pouquinho parecido com o "Balanço Final do Vergílio Ferreira, que me perdoe o professor), não ensinava nada apenas contava episódios, relatava estórias e pouco mais. Até me lembro que o nome dum medicamento que ela dizia que o Sartre tomava para dormir estava mal escrito. Todos nós sabemos que não nascemos mulheres, nos querem é tornar galinhas. O género pouco importa.
Deixa.te de preocupar com histórias da carochina porque eles querem é nos desviar do essencial. Não te esqueças que o Sampaio da Nóvoa disse: Vamos sair deste programa como o país do desperdício". E, por mais rebeldes que sejam os alunos, não tenhas medo. Enfrenta-os com calma e abre-lhes a cabeça. Eu quase que jurava que não deixaria um aluno meu ter um telemóvel ligado numa aula minha. Eu até quando vou a um hospital, se vejo alguém atender o telemóvel, chamo-lhe logo a atenção para o símbolo que diz que é pribido utilizar telemóveis. No outro dia uma até me disse: áh era a minha filha para saber se já estava despachada. E eu disse-lhe: que espere!

Anfitrite disse...

Como é possível que em sete emissoras estejam a transmitir , em directo, o congresso do CDS? Mais do que isto só o funeral de Eusébio.

Anfitrite disse...

Farta de tudo resolvi passar pelo Canal Hollywood e estou a divertir-me imenso com o lind filme, com um nome que adoro: Sabrina"

Impio Blasfemo disse...

Assunção Esteves –cognome “A inconseguida”
“Como é que ela inconsegue uma coisa destas sem lhe subir o nível frustacional?

"O meu medo é o do inconseguimento, em muitos planos: o do inconseguimento de não ter possibilidade de fazer no Parlamento as reformas que quero fazer, de as fazer todas, algumas estão no caminho; o inconseguimento de eu estar num centro de decisão fundamental a que possa corresponder uma espécie de nível social frustacional derivado da crise."
E um comentário engraçado ao IN-CONSEGUIMENTO , tem laracha tal com IN-VERDADE = MENTIRA “Pois eu "inconsegui" encontrar "inconseguimento" quer no dicionário Priberam, quer no da Porto Editora. Acho que nem o Mia Couto se lembrou deste neologismo. Só me lembro de "desconsegui" em Jesusalém. É, portanto, elevado o meu "nível social frustracional" (a senhora Cristas gosta das rimas) por ter inconseguido encontrar inconseguimento. E dou seguimento, inconseguido embora.”

IN-Saravá
IN-IMPIO

Anfitrite disse...

Afinal sou uma romântica.

"Era tudo mentira"
"Depois tornou-se um sonho"
Agora tornou-se realidade, digo eu.

"Tenho seguido pegadas alheias toda a minha vida"
Por favor, love me Sabrina fair.

The end

http://www.youtube.com/watch?v=IqxrMa7eUAU

Anfitrite disse...

SABEM QUE TAMBÉM VI ESTE EM REPOSIÇÃO NO "CHIADO TERRASSE", quando ainda andava a estudar e nunca mais me esqueci?


http://www.youtube.com/watch?v=d_t_LlSUjaM

Anfitrite disse...

Agora estou à espera do "Eixo do Mal". Espero que não me preguem nenhuma partida por causa do congresso do cds. É que disseram que a Clara voltava esta semana e eu estou preocupada prque não sei nada dela. Espero que não tenha tido outro aneurisma, ou pior, quando teve de cortar o seu comprido cabelo castanho e optar pelo loirinho à rapaz. Ela não gosta muito de ver a sua vida privada nos media.

bea disse...

Anphy

Sabrina é um filme bonzinho. Mas As flores da Guerra é mesmo um dos bons e passou não sei bem onde.

Sabe, sobre alunos e telemóveis não se pode apostar. Dá mau resultado, perdemos sempre. Até eu já deixei o telemóvel tocar quando e onde não devia; e depois não sabia como voltar a pô-lo no silêncio. Mas há pessoas que, oh céus, vivem sem telemóvel. Como é que se governam? Acho que melhor que nós: encontram-nas com menos facilidade, não são interrompidas e outras coisas; é tempo ganho.Suponho.

Mesmo. Aqueles copinhos de leite do CDS monopolizam. Mas não chegam lá:). Vilões!

Preciso de dormir. Vou hibernar.

Desejo-vos um dia santo muito santo. E pode ser uma noite de estúrdia a qacompanhas, para fazer contraste.

também desejo que a Clara regresse - porque gosto dela e da participação que tem. e por ser sinal de estar melhor. mas tem de ficar para amanhã que.

João Pedro Barbosa disse...

Beatriz... Não gosta de portas? Prefere janelas! Como não gosta de se enfadar com ninguém. Tal... Como? Eu! Faça de mim o seu ódio de estimação.

Até amanhã... Ou se? Preferirem! P.S: The Beatles - Help (Legendado) / http://www.youtube.com/watch?v=fSxo0-K2zyM

Cê_Tê ;) disse...

https://www.youtube.com/watch?v=_0bqiPzNf1o


;)))

andorinha disse...


Já nem bos bejo:)))))))))))))

Só vim deixar um miminho

www.youtube.com/watch?v=nTj0Or3wAvU

Fiquem bem:)

Anfitrite disse...

Felizmente que o mundo está mais limpo. Foi-se o maior responsável por
esta TRAGÉDIA

João Pedro Barbosa disse...

Bea? Vê! Se esta chuva. Não te dissolve...

Xutos & Pontapés - Chuva Dissolvente

http://www.youtube.com/watch?v=jM-ZcgrU4-c

bea disse...

Bom Dia:)

obrigada pelo que foram deixando ontem; ou será hoje?

Anphy

também vi este que encontrei elucidativo sobre a senhora que foi Audrey Hepburn; dura muito tempo, mas pelo meio tem variações de coisas também bonitas - dá para estar a fazer quelque chose pouco importante e ir ouvindo

http://www.youtube.com/watch?v=RslrD6jc2fk

bea disse...

Está a chover João Pedro? Bolas, já não seco a roupa hoje:) ainda ontem deu para...e hoje já não posso. Não se faz.

É. Não gosto de algumas portas. A que talvez prefira janelas. Como esta, for instance. Seguramente a minha preferida:)
As voltas que o mundo dá.

Um beijinho à andorinha que se lembrou do pessoal às duas da manhã. Não é fácil ter memória a tal hora. E que vinha aberta em palpitações. Donde vinhas tu andorinha noctívaga e esquisita? (o esquisita é por ser uma palavra bonita e porque as aves que não são corujas e afins não voam de noite - não vêem; continuam a ter asas

Um abracinho de bom dia. santo.

bea disse...

Mas o que gosto menos, mesmo, é do Portas. Paulo.
É que nem servido em bandeja de prata. Tenho-lhe pó, pronto. Alergia. Um bocadinho de nojo, repelência, asco.

andorinha disse...

Bom dia:)

Vocês fala, falam "cumócaraças":)
Mas isso é bom!


Anfy,

"Deixa.te de preocupar com histórias da carochina porque eles querem é nos desviar do essencial."

Não são histórias da carochinha, mulher. Toda a violação dos direitos humanos me choca e então a violência sobre as mulheres deixa-me fora de mim. E uma coisa não invalida a outra.
Não é por isso que me esqueço que este país está podre.


Bea,

Agradeço o beijinho mas não sejas curiosa:)))))
Vinha de voar por aí nem que seja a ler um livro...

Quanto ao Portas disseste tudo. É um tipo que também não suporto. Enfim...

Bora lá curtir uma chuvinha?

:)))

João Pedro Barbosa disse...

Que lindo. Sol! Quem o trouxe?

bea disse...

Andorinha, Sr professor e demais gente a quem importe: PARABÉNS!!!

João Pedro Barbosa disse...

Amiba? Podemos falar de diâmetro! Se estivermos a falar de micro estruturas.

João Pedro Barbosa disse...

Cê_Tê ;)? E dos anos 60 até cá! Nada mudou! Fátima... Futebol... Fado...

Anfitrite disse...

João Pedro,

Infelizmente assim é. Mas mesmo assim gostei do resultado. Não pelo futebol, mas pelo nojo que tenho a um sujeito do Porto, que muito beneficiou da fraude do BPN. Mas não foi só ele.
E olha que apesar de muita coisa ter mudado para melhor, estamos pior do que estavamos, porque entretanto deu para abrirmos os olhos e sabemos que agora já não temos salvação, já nem há oiro que nos valha.
Num momento de inspiração, tira rabiscado um rascunho hieroglífico, para não me passar nada, mas já vi que não vale a pena estar a gastar a cabeça dos dedos.

Fiquem no reino das nuvens.

andorinha disse...

Bigada, Bea:)


Grandes golos, bom jogo, bonita a homenagem a Eusébio.
Praticamente só houve uma equipa em campo...

Só espero que a segunda volta termine assim, pela ordem em que estão os clubes.:)))))))))

E gostei de ver David Luiz regressar à casa que o fez um grande jogador. E de ouvir as suas palavras.

Viva o Glorioso!

João Pedro Barbosa disse...

Anfitrite. Infelizmente! O SLB? Ganhou um rosto...

João Pedro Barbosa disse...

Aquiles? Junta-te à festa! E foi assim no Nepal... "Where are you from? Oporto! Portugal."(...) "Yes. FC! Porto?"

João Pedro Barbosa disse...

Andorinha? Temos o Ronaldo! Em qualquer lugar. Junta o que de melhor tiveram: Salazar, Amália e Eusébio... Fora de Portugal... Cá dentro? O PR! Continua a ser a vedeta.

João Pedro Barbosa disse...

Roberto Leal - Hino Nacional Português

http://www.youtube.com/watch?v=ZFrYBKdirQ0

João Pedro Barbosa disse...

VAMOS DEIXAR AS VITÓRIAS PARA O MUNDIAL

"Estudo norte-americano conclui que cafeína melhora a memória"

http://sol.sapo.pt/inicio/Vida/Interior.aspx?content_id=96729&utm_source=twitterfeed&utm_medium=twitter

João Pedro Barbosa disse...

Da mesma altura da dupla este foi o meu preferido:

"Pete seger: what did you learn in school today?"

http://www.youtube.com/watch?v=cttKL9yLD_Y

P.S. Para quem queria. Chegar! Às nuvens?

rainbow disse...


Venho só dizer merci a todos pelos links, dizer à Anfi que também estive a ver "Sabrina" enquanto esperava o Eixo (andamos em sintonia televisiva:)),à Andorinha que deixou o som de Pablo Milanés, ao Ímpio que deixou um comentário delicioso, à Cê-Tê dizer que acordei logo, de imediato,e me pus em sentido assim que ouvi a Alvorada:), à Bea que também não gosto da porta Paulo, mas gosto, adoro, e adorarei "A porta para o Verão". E pronto, vem aí mais uma longa semana. Mas:

http://www.youtube.com/watch?v=5rkNBH5fbMk

Abraços a tutti

andorinha disse...


Rainbow,

Smile...:)))

What's the use of crying?
Life is still worth while if you smile.

Óptima mensagem. Bigada:)

bea disse...

João Pedro

o diâmetro é igual a dois raios:)

Rain

bigada, viu? é uma canção muito bonita que acompanha bem com Chalin. Tem vezes em que me faz bem ouvi-la. Temos tendência a esquecer algumas utilidades.

Andorinha

como tu estás satisfeitinha, né? fico contente, podes crer.

Boa Noite. Fiquem bem. Nas nuvens ou num édredon. Desde que sejam fofinhos

João Pedro Barbosa disse...

Bea? E o raio é metade do diâmetro! Moderemos o volume.

João Pedro Barbosa disse...

Rainbow? Como as semanas são a pensar no dia seguinte ou seja ao contrário! No domingo já estamos a pensar no próximo sábado. Quem trabalha por gosto não cansa? O mundo fez-se em sete dias e hoje foi para descansar! Deus nos livre de folgar à segunda. Um bom resto de domingo...

Anfitrite disse...

A Rain sempre que vê o meu avatar lembra-se de tudo o que este homem foi capaz de fazer.

João Pedro vê se consegues montar uma empresa mesmo sem garantias.

http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/exclusivo-cm/bpn-esbanja-milhoes-no-futebol-do-norte

João Pedro Barbosa disse...

Anfitrite? Está a ser como a Coca-Cola! De carrinho de porta a porta. E que haja muitas reclamações para termos mais ideias...

P.S: "Vou ali mudar o quadradinho"

João Pedro Barbosa disse...

Simon & Garfunkel, Bridge Over Troubled Water, Central Park

http://www.youtube.com/watch?v=C-PNun-Pfb4

bea disse...

Bom Dia:)

Como eu gosto desta canção, João Pedro. Lembra-me tempos de ser assim. Mas depois a gente cresce. Ou talvez envelheça em nós a frescura de partilhar desgostos e fiquemos na beirinha da ponte, quase sempre sem a coragem de a atravessar. A pensar que os nossos passos pesam muito e irá magoá-la o que nos dói a nós. Então, ou nos fazemos à água ou ficamos do mesmo lado, a cirandar; ou criamos coragem e quando chegamos a meio,olhamos e, oh, afinal a vista daqui é tão bonita.

Concordo que esta canção na voz de Art Garfunkel é outra coisa. Há cambiantes irrepetíveis.

Pois sim, a segunda é dia de trabalho. Ao trabalho, gente!:) Já entrei na folga de almoço. E uma hora o que é senão um parêntesis no tempo que nos devora?

Gostei de saber-vos. a vocêses

João Pedro Barbosa disse...

Bea? Algo que já estamos habituados! Quadrados que se trocam. Nomes que não se ilustram...

João Pedro Barbosa disse...

Bea? Não me podem julgar por terem sido os meus primeiros livros de lazer! Mapas de estradas. Depois evolui para o planisfério com as rotas marítimas. Quanto a pontes aéreas! Quando é que o Cristo Rei faz um mergulho até margem norte?

bea disse...

Foi, joão Pedro? Os teus primeiros livros de lazer não foram Os cinco e o circo e por aí? Bolas, foram mapas de estradas. começaste a ler muito tarde. Para mim, mapas são trabalho. E evoluíste para o caminho marítimo. E agora querias que o Cristo Rei... tu tens maneira de o deslocar? É que não é pessoa. Apesar de não o encontrar bonito, deixa-o velar pelo trânsito; a ponte é alta e há muita gente por lá.

Como na publicidade do Meo, são só três horas para casa. A partir dos Açores:)

oh, vou além e já venho.

João Pedro Barbosa disse...

Bea? Se fosse por encaixe! Era fácil. Como estava a desenvolver com a Anfitrite? A Coca-Cola e o papel higiénico acabam evoluir graças à concorrência! A Lego e como não duas histórias iguais faz um pouco a miragem. Não tendo eu passado muitas tardes de chuva a despejar a caixa e voltar a arrumar enquanto o amigos passeavam nas ondas do televisor! Se é banal e nisso está um problema? A mim não me pertence...http://pt.wikipedia.org/wiki/Lego

P.S- Passo a publicidade aos investimentos em que o produtor também é o consumidor final -

bea disse...

É melhor ficares a brincar com os legos JotaPê:). Ou a arrumar a tua caixinha do tesouro - a minha é mental, mas também lhe dou um jeito de vez em quando. Julgo, então, preferível à bodega da TV. Mas pronto. hoje é segunda e ainda não estou muito mal dizente. Fecho aspas que não abri. porque sim.

João Pedro Barbosa disse...

Pois é... Bealux / Bealex / Bealix / Bealox / Bealix. Quando não há concorrência! Inventam-se combinações? E continuamos a ver o mesmo filme. Beatriz, obrigada pelo SMS! Eu sou o seu "Guru"?

João Pedro Barbosa disse...

Bea? Quando a esmola é muita! O pobre desconfia.

João Pedro Barbosa disse...

Sérgio Godinho - Cuidado com as Imitações

http://www.youtube.com/watch?v=Gs0TalacXyI

João Pedro Barbosa disse...

Faltam-lhe referências no aspecto mental. Que culpa tenho eu! Bea?

João Pedro Barbosa disse...

Quem é o JP? O João Pedro! Fiquem com o Ronaldo e o Pessoa.

João Pedro Barbosa disse...

Anfitrite? Como me percebeu! Faço bem o contrabando das minhas ideias.

João Pedro Barbosa disse...

Cê_Tê ;)... Obrigada? Pela alvorada! Fui dormir.

andorinha disse...

E pronto, ganhou o Ronaldo, como se suspeitava:)
Merecidamente. Embora eu prefira Messi como jogador.

E gostei de ver Matic no meio dos craques:))))
Com um golaço marcado ao FCP, ainda por cima. lol
Um voto nele foi meu.
Mas o Ibrahimovic mereceu ganhar, sem dúvida.

Gostei também muito de ver as candidatas a melhor jogadora. E fiquei admirada por ver mulheres treinadoras. Não fazia ideia de que houvesse alguma...lol
Gostei de ver uma que esbracejava quase como o Jesus:)))))))))
Países que vão muito mais à frente do que nós. Não só pelo futebol, como é evidente.

Inte´...

Impio Blasfemo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Impio Blasfemo disse...

A Corrupção em Portugal (vejam antes de ser retirado)
O presidente do TIAC, explicou no programa Negócios da Semana, qual é doença terminal que fulmina Portugal. Não há justiça... ……..!
http://www.youtube.com/watch?v=DjKyIpWy4ME&list=UUakSi4_ei0aVffdQ4GzdYuA

http://oeconomistaport.wordpress.com/
O Economista Português
Um blog de Economia Política e de Política Económica

Saravá
IMPIO

João Pedro Barbosa disse...

Blasfemo... Faz parte da cultura etnográfica do país tal como ausência preconceitos que habitam muitos outros lugares. Sabemos que somos pequenos na história e não temos grandes vultos de referência o que nos livra de estarmos em bicos de pés! Temos uma flexibilidade que é muito apropriada nos tempos que correm?

andorinha disse...

Cientistas portugueses descobrem mecanismo para reparar "corações partidos"

http://www.jn.pt/PaginaInicial/Sociedade/Saude/Interior.aspx?content_id=3629665

Haja boas notícias para elevar o astral:)

bea disse...

Andorinha

Pôr um adesivo no coração doente...tratá-lo com um penso...vamos esperar para ver se não descola. Desconfio um bocadinho de nada.
É uma boa novidade

João Pedro! não te cresce o nariz nem nada? qual sms qual carapuça. para já nem sei do tlm. E se me faltarem referências no aspecto mental, jotapê? este blogue precisa de alguém sem juízo como eu; que sabe e entende pouco. Há de tudo no mundo.
Passa bem

Ímpio

Não tem conserto? e nós? que vai ser da grande maioria dos portugueses num Portugal estragado de todo? Arruinado para sempre...não posso crer. Tem que haver uma maneira

Acho que vou dormir desconcertada.
Fiquem na paz.

João Pedro Barbosa disse...

Durma bem.

andorinha disse...


"...que vai ser da grande maioria dos portugueses num Portugal estragado de todo? Arruinado para sempre..."

Pois, Bea, também a mim essa pergunta angustia...

João Pedro Barbosa disse...

Bea? Uma breve descrição! Dos seis sentidos. Ao sétimo foi o descanso...

Visão: http://en.wikipedia.org/wiki/Automobile

Voz: http://en.wikipedia.org/wiki/History_of_the_telephone

Audição: http://en.wikipedia.org/wiki/Phonograph

Paladar: http://pt.wikipedia.org/wiki/Coca-Cola

Olfacto: http://en.wikipedia.org/wiki/Association_football

Tacto: https://www.google.pt/#q=eondoic

João Pedro Barbosa disse...

Pelo que sei da co-adopção de pais de filhos se houvesse um referendo escolheria a primeira co-adopção.

João Pedro Barbosa disse...

Cada Um Dorme O Que Pode

João Pedro Barbosa disse...

...