quarta-feira, maio 22, 2013

TVcine3

Maria, Lua quase cheia e pensamento supersticioso a fazer o pino – estará ela quase vazia de mim? (E se “quase” for optimista?). Um amigo no hospital, as sms falham, no seu lugar faria o mesmo. Ser chefe quando rezo para que tomem conta de mim. A fuga para a televisão, talvez esta angústia se cure a tiro de western ou policial… Frankie e Johnny, o Diabo decidiu divertir-se à minha custa, há quantos anos não tropeçava neste filme? Beber o cálice até ao fim. (Que megalomania é esta?, a frase pertence a Jesus e ao Chico). Pacino, antes de se render ao overacting. Pfeiffer desconfiada, mas fascinada por uma flor. Lembro-lhes cada tropeção até ao abraço final. Mas não arrisco – vou rever para me assegurar que ficam juntos. Se os americanos ganharam a guerra do Vietnam em Hollywood, por que raio não consigo eu um mísero armistício contigo em noite de Lua quase cheia? Eu sei, chama-se vida real.

164 comentários:

João Pedro Barbosa disse...

Bea!

Se não há
Inventa-se

Shower 1999

http://www.youtube.com/watch?v=cUYsERoO7sc

andorinha disse...

Ai, estas suas conversas com a Maria...(suspiro)...
Deliciosas e angustiantes ao mesmo tempo.
Reveja, sim. Não posso ver porque não tenho a TVcine3...

Mas lembre-se: podemos sempre fazer da vida real um filme. Basta que sejamos nós os atores. O enredo podemos sempre ir construindo e adaptando consoante a nossa vontade:)

João Pedro Barbosa disse...

"Gato escaldado, de água fria tem medo"

http://www.publico.pt/mundo/noticia/ninguem-quer-o-regresso-de-aznar-a-politica-1595215

João Pedro Barbosa disse...

"Sugar Free"

http://2.bp.blogspot.com/-S9K5BUuIqlk/UZ1DQA1AsVI/AAAAAAAAA8M/IY6WUWbIZZI/s1600/DSC_0148.JPG

bea disse...

João Pedro :))
tão engraçado. A falta de água tira-nos até a voz :) por alguma coisa uso uma garrafinha; não vá ficar afónica.

Andorinha

a vida real não é um filme. Rimo-nos mais, sofremos mais, amamos mais. Tudo mais. Sem a aura mágica. E a doer. Melhor.

bea disse...

Bora atirar-se lá pra dentro do sugar free, ficar empastados e assim (aproveitamos e comemos até ao enjôo).

bea disse...

Ninguém tem nada que alvitrar, mas não seria melhor fazer as pazes com Maria? Lavrar o armistício, como diz difícil.

Caidê disse...

É impressão minha ou este texto do professor é "muita" bonito :)?

Abracinhos
http://www.youtube.com/watch?v=hWhS6ko2Wvs

AQUILES disse...

«Ser chefe quando rezo para que tomem conta de mim.» A sério? Reza? Mas a quem? O para quê ou por quem percebe-se. Mas a quem, que divindade se invoca?
Remeto-me a um comentário que fiz há dois posts atrás, porque não tenho nada a ver com as rezas de ninguém: "E cada um escolhe a praia onde se banha e a heterodoxia onde sobrevive»

rainbow disse...


Os armistícios não dependem da Lua:)
E a vida real supera a ficção.

Al Pacino again, não a dançar o tango, mas a cozinhar e a conquistar o amor duma mulher.


Abraços e beijinhos para todos
e uma música:

http://www.youtube.com/watch?v=co_GZou1HNc

bea disse...

Estou com a Rain e o Aquiles. E penso que vos deixo por aqui que a noite passada correu pessima, estarei mais ou menos naturalmente pedrada, portanto. acho que já dormi nos interstícios destas linhas, peço desculpa ao senhor professor que há-de andar neste momento a assegurar-se de finais que não interessam e nem mudaram de certeza que são sempre os mesmos. Mas pronto, verá que está tudo no lugar.

e tenho certeza que as fases da lua não interessam por aí além nem interferem no gosto de Maria.Sei.

E portem-se (como queiram, que já não estou em mim, migrei:)

João Pedro Barbosa disse...

AQUILES,

E o protector adequado!

João Pedro Barbosa disse...

Bea, Aquiles e Rain,

Alguém anda a ver televisão a mais!

João Pedro Barbosa disse...

Também estive lá!

A fotografar, ainda Pavilhão Multiusos, não tinha cobertura e a Gare do Oriente, fazia o horizonte entre gruas e andaimes.

http://sicnoticias.sapo.pt/pais/2013/05/23/expo-98-foi-ha-15-anos?utm_source=twitterfeed&utm_medium=twitter

João Pedro Barbosa disse...

Fui ali! Visitar-me.

Anfitrite disse...

Eu acho que isso é pessimismo a mais. Ainda bem que o diabo de divertiu dando-lhe uma bela comédia romântica, duma química irresistível, entre dois actores fabulosos. Nem sempre se tem de ficar juntos, mas isso não impede que o que tenha passado tenha sido bom.

Leia este comentário sobre o filme e talvez fique mais animado:

"Do you believe? 16 March 2004 | by Frédéric Larsen (Norway) –

The first time I saw this movie, I fell in love. The second time around, I was already in love, watching it with my love who also fell in love and now we're all in love. All because of this movie.

Set in New York, the movie deals with loneliness, different ways of coping or letting go, it deals with love, the yearning for it and also the fear of it, this magical feeling you almost don't dare hope for. The simple but genuine approach to these important themes makes the story stand out and makes you want to believe, because deep inside you already do.

You can tell the movie is based on a play, primarily because of the special atmosphere created by the careful progression of the story, scene by scene, not to mention the wonderful and individual characters we get acquainted with. Both Michelle Pfeiffer and Al Pacino make outstanding performances and the on screen chemistry between the two is perfect.

This is an absolute must see for all you dreamers out there, and if you ever come across the play, you probably should check that out as well. Remember, the elephant must face the window and a VCR will never be a substitute for love. Sit down with this movie, and I promise you, from the first shot of the Greyhound accompanied by Terence Trent D'Arby's wonderful title track, you'll never want it to end."

O sr. foi preparado para tratar os problemas dos outros, porque não encara os seus, já que tem uma vida, pelo menos preenchida, em tempo? Desabafe, pragueje, deixe de ser politica e formalmente muito bem educado e filho de boas famílias. O sr sabe que tem arcaboiço para tanta coisa, receia o quê? Tá bem. Eu entendo. As pessoas não entende porque é que a gente se queixa, ou desabafa. O pior é que os males maiores ficam no baú das memórias e vivemos um presesnte que poderá ser um triste futuro.

Rain:

Já que nos deixou aqui a TS, não avredito que tenha visto o filme que tornou ea música famosa

http://www.youtube.com/watch?v=YZ27aPyFSCw

Para aguçar o apetite era este o filme:

http://www.youtube.com/watch?v=nVkDfnGobmI

E aqui vai ele completo para quando tiverem tempo:

http://www.youtube.com/watch?v=fWIwTOtvbSk

Boas fases. O quarto crescente é o mais favorável a tudo. Mas, para mim, os dias mais lindos/noites, são quando aparece a lua nova pela primeira vez, ou quando se vê aparecer uma lua cheia no horizonte.

João Pedro Barbosa disse...

Anfitrite,

Ver o primeiro amanhecer depois da lua nova. Em qualquer lado do equador. É preciso ter "reco"! E levar com o nascer do sol depois da lua se pôr.

Bartolomeu disse...

Ah a Lua...!
Essa feiticeira que nos influencia os amores e os sonhos.
Está cheia, hoje, decresce amanhã, volta a crescer e a encher. Também nós, ao seu rítmo ou a outro qualquer, enchemos, desenchemos, renovamos, deprimimos e até emprenhamos.

João Pedro Barbosa disse...

Bartolomeu,

E um megulho só com o luar na praia de Monchique que entre o Madalena e a Horta o canal tinha contornos de um rio que ali desaguava. Só um amor proibído, me fazia olhar à volta e ver o não desmanchar de quem passava, quando a igreja já tinha ruido envonlvendo a santa num futuro altar!

bea disse...

Anphy

“Nem sempre se tem de ficar juntos, mas isso não impede que o que tenha passado tenha sido bom.”

Sabe, Anphy, até concordo com tudo o que diz, mas minto se afirmo que o final me é indiferente, que vivo assim no presente como se amanhã não houvera. Não aprendi tal caminho nem julgo possível fazê-lo ainda. A verdade é que não sou romântica, mas acredito em sentimentos que não morrem. Sobrevivi neles e deles. Na nossa idade os passatempos caem mal, não fazem pendant (palavra que me ensinou a escrever, lembra-se?), e os amores/paixões intensos mas que podem não durar também já tiveram época, - se somos ou fomos de tal natureza. Por dentro somos sempre jovens? Que palermice. Não somos. Ao contrário: carregamos tudo; temos é a capacidade de acreditar e é isso um bem. Mas não panaceia. Não devimos quem não somos. Desdenho pois dessa quase certeza de que, se haja, “passou mas foi bom”. Nunca vivi nada por sentir que seria bom, não avalio por aí, nem lhe sei dizer como avalio para além da honestidade do que se entrega. Esse pleno do dar e receber, tão comum em amor, nunca me moveu demais. Diria que me move cada vez menos. Talvez que eu o tenha transformado um pouco em amizade porque retiro prazer - e até vontade de viver diária - da certeza de que exista também fora do eu que é mim, de ser ainda capaz de senti-lo, de o ter à mão por uma graça que, se não é divina, continua a ser graça. Que somos tão estupidamente palermas que nem sabemos agradecer quando amor nos toca. E devíamos. Por tudo isto, é provável que na ponta da minha linha esteja eu só. Pode até ser. Mas uma linha de sentido faz-nos falta. A ficção, se é inteira, é dolorosa, mas será sempre melhor que viver imerso no estéril do real.
E desculpe o desafogo; é que o céu nublado atira-me às profundezas:))
Tenha um dia Bom

bea disse...

Bom Dia a toda a gente, peço desculpa; desejo-vos umas braçadas de coisas boas.

João Pedro Barbosa disse...

bea,

Braçadas, pernadas e folgo!

João Pedro Barbosa disse...

http://www.ipma.pt/pt/

Bartolomeu disse...

Peter my friend;
amores proibidos, tenham a morphologia que tiverem, são aqueles que nos ficam gravados (por vezes a fogo) na alma.
Vê lá se gostas deste:
http://www.youtube.com/watch?v=pr6uyXT1-Vs

A Menina da Lua disse...

Bom dia :)

Refugiar-se num filme ou simplesmente olhar a Lua e lembrar-se da Maria é uma boa solução sim para aliviar as preocupações para com o amigo...mas infelizmente não as farão desaparecer; nem as preocupações nem as razões dela...

Afinal já nem a Lua é local seguro para estacionar ilusões, amores saudosos e outros sonhadores pensamentos... Ontem houve um meteorito enorme que chocou com ela e ainda fez cair na terra alguns "estilhaços"
Devia de ser proibido darem notícias destas. :)

Muito bonito este seu texto e fez-me lembrar que apesar das preocupações nos trazerem alguma tristeza são e apesar disso, sintomas que vivemos e que ainda somos capazes de sentir, amar e até sonhar...e isso é bom! pois haverá um dia em que para alem das dores ou outras maleitas, isso nos será já pouco ou completamente indiferente...

bea disse...

Bart

embora isso não seja comigo, não concordo. Não é o proibido que te marca, se for, desiste, é falso bem querer, não vale a pena. Não é coisa de ensinar, mas talvez te valha a pena a procura. Ou morres demasiado incompleto.
Fica bem. Que me vou a viver de outro modo. Por exemplo.

Bartolomeu disse...

Tens razão bea. Mas sabes?!
Aqueles como eu, vivem na condição de proscritos, atolados na lama e nos lodos da perversão e da promiscuidade, não lhes sendo concedido o ensejo de "se irem a viver de outro modo"... são forçados a ferir a alma, para manter viva a certeza de estar vivos.

João Pedro Barbosa disse...

"Ainda bem que as paredes tenhem ouvidose a lua as suas fases"

http://3.bp.blogspot.com/-QaZwaHBsYro/UZ4C3ikddxI/AAAAAAAAA_0/T21dsnyzcVw/s1600/DSC_0163.JPG

João Pedro Barbosa disse...

Bart,

Entre 28 e 29. Vivemos numa balança de três pratos.

andorinha disse...

Deus meu! Vocês escrevem cumócaraças:)
Exaustinha como ando, estou com dificuldade em acompanhar o ritmo:))))

Há aqui tanta coisa boa em que pegar, mas tenho o sol lá fora. Sou viciada nele, que quereis?:)


"...a vida real não é um filme. Rimo-nos mais, sofremos mais, amamos mais. Tudo mais. Sem a aura mágica. E a doer. Melhor."

Concordo. Mas há vidas que dariam filmes. Mas isso são outras histórias....

"... ficção, se é inteira, é dolorosa, mas será sempre melhor que viver imerso no estéril do real."

Aqui parece-me uma contradição com o que disseste acima. Mas pode que ainda esteja a dormir:)))))))

Viver em ficção é do pior que pode haver.


Anfy,

"Nem sempre se tem de ficar juntos, mas isso não impede que o que tenha passado tenha sido bom."

Absolutamente de acordo!
Retenho de todos os meus namorados, amores, amantes:))))))), tudo o que de bom vivi com eles.


Bea, de novo:)

"Na nossa idade os passatempos caem mal, não fazem pendant (palavra que me ensinou a escrever, lembra-se?), e os amores/paixões intensos mas que podem não durar também já tiveram época, - se somos ou fomos de tal natureza."

Cruzes! Todas as generalizações são perigosas, diz o Júlio e com razão.:)

Há épocas da vida para?...
Não consigo dividir assim a vida por faixas etárias...
Para mim, nada é proibido ou descabido em qualquer uma das idades.
Dirás tu que não cresci?
Pode...não sei...vivo bem assim.
Não me passa pela cabeça pensar que não vou viver isto ou aquilo por causa da idade...
Se tenho a idade do João Pedro:) por que não?:)

Até loguinho...:)

João Pedro Barbosa disse...

Andorinha,

Cuidado com o sol!

bea disse...

Bart

Assenta-me mal a ironia. ninguém me mandou meter onde não sou chamada.

Andorinha

quanto a ficções e realidade: o que penso e talvez não tenha sabido dizer é que sem a ficção na realidade o mundo fica meio escuro, mas que, se só existir na tua vida o amor ficcionado, é dramático. E ainda assim, melhor o sonho que não haver nada (ajuda a viver).

Mas se tu entras na vida a sério, e não estou nem pouco mais ou menos a falar apenas do amor entre duas pessoas, que inclui desejo sexual e afins, mas do amor em sentido lato; se estás nela assim, a vida magoa-te, alegra-te, faz-te vibrante. Gasta-te. E isso eu chamo existir como humano.

Cada um segue com seus princípios. O Bart com os dele, tu com os teus, eu com os meus. O mundo tem espaço para todos.

Talvez para meu mal, não me quadram caprichos, amores fáceis, namoricos e paixões. Estás certa, não devia ter generalizado; porque existem como dizes em todas as idades e a vida é de cada um. Mas fui incorrecta até comigo. Em mim, não depende da idade.
Contudo, defendo na mesma que há idades mais susceptíveis a experiências de deixa lá ver se pega.

Ainda bem que a idade te não inibe de viver nada. Gosto de escrever para uma pessoa assim de mundo.

e vou mesmo para o sol. Fiquem bem:))

João Pedro Barbosa disse...

"Quando a esmola é muita. O pobre desconfia e o rico fica invejoso"

http://4.bp.blogspot.com/-9uCiTj_QvN4/UZ5Dd4Na-oI/AAAAAAAABBs/23sTb6C1PWU/s1600/DSC_0169.JPG

João Pedro Barbosa disse...

"O que custa é dar o primeiro passo"

https://twitter.com/ellievhall/status/337605183511068672/photo/1

andorinha disse...

Pedro,

Tive cuidado! Protegi-me! Obrigada pela preocupação:)


Bea,

Agora entendi melhor o que querias dizer. E concordo contigo.

"...se estás nela assim, a vida magoa-te, alegra-te, faz-te vibrante. Gasta-te. E isso eu chamo existir como humano."

Também chamo...

"Gosto de escrever para uma pessoa assim de mundo."

Tão lindo, Bea, o que me dizes...:)

João Pedro Barbosa disse...

"Adiantum"

http://1.bp.blogspot.com/-W7PlDAFn9Mg/UZ5jXhdkhPI/AAAAAAAABB8/Z4NBF3UlLPI/s1600/DSC_0170.JPG

João Pedro Barbosa disse...

bea,

Voltei à comunicasão digital. Acabei de dar a volta a umas bobines. E lembrei-me que a bolacha torrada é mais saudável. Maria sempre mas a bolacha é sempre a mesma!

João Pedro Barbosa disse...

"Fizeram a festa, lançaram os foguetes e apanharam as canas"

http://4.bp.blogspot.com/-IYrD5Iec-U8/UZ6IISzhiQI/AAAAAAAABCM/bscm4LCFLQg/s1600/DSC_0173.JPG

Moon disse...

;)))

rainbow disse...



Allô!:)

Anfi

Gostei da coincidência do tango:)
De facto não vi o filme do link que deixou, nem conhecia a música.
Mas vou rever "Frankie and Johnny".
Há filmes que "arrancam" a nossa alma. Um deles foi "O Piano", talvez o filme da minha vida. Mais recentemente foi "O Cavalo de Turim" e "A Vida de Pi".
E o último foi um filme já com alguns anos, mas que ainda não tinha visto, "Solaris", que fala do amor e da morte, mas sobretudo duma segunda oportunidade. Deixo aqui o link:

http://www.youtube.com/watch?v=b_pTtju_MPY

Bea

" E penso que vos deixo por aqui que a noite passada correu pessima, estarei mais ou menos naturalmente pedrada..."

Porque me fizeste lembrar, deixo-te aqui o que para mim foi a frase da semana. Não é dum político.É duma menina de cinco anos, de etnia cigana.
"Este fim de semana fui a um casamento. Fui com um vestido rosa e saltaltos. E a nobia levava um anel todo pedrado".


Bons sonhos para todos,
com ou sem Lua

http://www.youtube.com/watch?v=ZHlHKWmre3k


João Pedro Barbosa disse...

http://sicnoticias.sapo.pt/economia/2013/05/23/bruxelas-abandona-proposta-de-proibicao-do-uso-de-galheteiros?utm_source=twitterfeed&utm_medium=twitter

João Pedro Barbosa disse...

Rui Veloso - Não Há Estrelas No Céu

http://www.youtube.com/watch?v=tnCheJs1hKE

bea disse...

João Pedro

estás desinquieto :)

Rain
desconhecia esse filme (não fiquei a conhecer); obrigada também pela música.

Boa noite a todos. Vou treinar o mergulho

andorinha disse...

Inspirada pelo Amor é...


Amor como em Casa

Regresso devagar ao teu
sorriso como quem volta a casa. Faço de conta que
não é nada comigo. Distraído percorro
o caminho familiar da saudade,
pequeninas coisas me prendem,
uma tarde num café, um livro. Devagar
te amo e às vezes depressa,
meu amor, e às vezes faço coisas que não devo,
regresso devagar a tua casa,
compro um livro, entro no
amor como em casa.

Manuel António Pina, in "Ainda não é o Fim nem o Princípio do Mundo. Calma é Apenas um Pouco Tarde"

andorinha disse...

Bea,

Vais treinar o mergulho?
Vais entrar no novo programa da SIC e estavas aí caladinha?:)))))


Há muito que não ouvia. Deparei-me com ela a deambular pelo youtube.Aqui fica:

www.youtube.com/watch?v=Q7Hm21necrk

Bons sonhos.

João Pedro Barbosa disse...

"Managed or not managed! That´s the question"

http://www.tsf.pt/PaginaInicial/Vida/Interior.aspx?content_id=3236688&utm_source=dlvr.it&utm_medium=twitter

João Pedro Barbosa disse...

Bea,

Pensava que a tinha perdido mas ainda está lá! Desceu no horizonte e perdeu algum brilho.

Cê_Tê ;) disse...

Gosto quando escreve.
Se não for ficção... que o seu amigo se encontre melhor.

Bonito poema também esse andorinha.

Boa noite para todos.

João Pedro Barbosa disse...

CT,

Isto não são horas de tomar café!

João Pedro Barbosa disse...

Moonlight Sonata

http://www.youtube.com/watch?v=vQVeaIHWWck

Anfitrite disse...

Hoje passo só para dizer das saudades que eu tenho do tempo das mulheres perfeitas, aquelas que não são arranjadas nos consultórios. Qual Amgelina Jolie?! Na boca saíu ao pai. Mas já arranjou tudo: nariz, mamas, etc.

Desta eu ainda sinto remorsos do mal que lhe fizeram em "Relações Perigosa". Todos sabem do meu instinto masoquista e de me sentir culpada dos males do mundo.

http://www.youtube.com/watch?v=NnDCgvj2z-U

Bea: Que raio de lucidez. Tudo o que é fabricado, só porque sim, não presta. Há aquele olhar que se encontra e nunca mais se esquece. Gosto muito dos amores do Bart. E não é ironia. A rotina é que é uma porcaria. E eu tenho pena que me falte motor de arranque.

Professor
chegou agora a notícia. Mais um que se foi. Georges Moustaki. É sinal de que estamos vivos.

http://www.youtube.com/watch?v=tEQvRXRtIlg

João Pedro Barbosa disse...

"1:25 AM"

(É sinal de que estamos vivos.)

Mas que brincadeira é esta de pluralisar o autor?!

João Pedro Barbosa disse...

Bea,

O mergulho. Não se treina. Reaprende-se em todos os mergulhos!

João Pedro Barbosa disse...

Mike Oldfield - Moonlight shadow

http://www.youtube.com/watch?v=JjCre83iPjE

P.S.http://4.bp.blogspot.com/-ZmJgZNEUDnw/UZ6_6CPuv2I/AAAAAAAABDY/ON-53QYPtbE/s1600/DSC_0176.JPG

peacock disse...

Pelo que vejo não sabem tudo sobre amores e desamores, de idades, de viver como nunca.
Coitados, são cada vez menos. Animem-se, deixem de dizer coisas tão inteligentes e bonitas, de referir a sabedoria dos outros, ou do mestre, de comentar.
Digam o que pensam, o que sentem, o que gostariam de viver, sem vergonhas sem complexos, revelem a vossa alma, e com a ajuda do mestre, encontrarão um caminho que vale a pena viver, em vez deste ócio viciante.
(só apareço aqui de vez em quando, aprecio-os muito, mas hoje deu-me para ser moralista. Com isto não pretendo ofender ninguém ou minimizar os vossos sentimentos, ACORDEM!)

peacock disse...

Já agora, BOA NOITE.

João Pedro Barbosa disse...

Sport Rock & Super Cock

Acordem!

Antes de se levantarem.

João Pedro Barbosa disse...

Peacock,

Já agora, BOM DIA.

Em querer ofender ninguém!

João Pedro Barbosa disse...

Que o meu dia seja bom. Se não estou a vos pedir demais.

João Pedro Barbosa disse...

"E da noite fez-se dia"...

bea disse...

Bom Dia:)
É sexta:)

Andorinha

Alguém já trouxe esse poema, já o li em qualquer lado, não sei bem. Sei que amo a frase “regresso ao teu sorriso como quem regressa a casa”. Surpreende-me esta ternura.

João Pedro

Se a não vês durante um tempinho, não desanimas, esperas que ela volta. As estrelas não têm mais para onde ir :), mas o firmamento é enorme e às vezes perdem o lugar de origem. Até porque ouvi dizer que são desorientadas, se não fora haver forças atractivas andavam por aí disparadas a chocar umas com as outras num caos de relâmpagos gigantes e trovoadas monstras. E nós estávamos todos surdos. Caso só a audição fosse à vida.

Daha!!! João Pedro…eu gosto de treinar. Quatro piscinas de golfinhos e é giro. Se levas como gosto, cai na maravilha de existir. Um bem. Mas sim, tens razão, é sempre a primeira vez em tudo que te dê prazer. Um espanto de agradecer.

Peacock

Quem lhe disse que queremos saber tudo sobre amores? Não estou matriculada nessa turma. O resto do pessoal também descreio, mas não sei mesmo.

bea disse...

Anphy

Não fale da Angelina, olhe que Deus castiga. Não sei se conseguiria fazer o que ela fez. Nem talvez aquele tal exame….

É minha opinião que todas as mulheres são bonitas. Não de serem belas. Bonitas. De ver, de ouvir, de dar colo, de escutar, de apreciar, de sentir…etc. a aparência é uma barreira que se tem de atravessar para que se possa ver. Quem não atravessa…pior para ele.
Aprecio Michelle Pfeifer que não é extraordinária actriz mas é bela. Fica bem nos fabulosos irmãos Baker. Em todas as ligações perigosas as mulheres perdem, Anphy; e por vezes, também os homens (diria que sempre; há muita maneira de perder; e há mulheres que o perdê-las é dano qb). Já que é masoquista, sofra pelas verdadeiras, aquela é ideal e a brincar.

Quanto à rotina…amo as rotinas, preciso delas, tudo delas me falta. E estou bem lá no meio. Faço horários que não cumpro mas gostava, marco horas para tudo e falto sem problemas. E se cumpro gosto na mesma, não sinto que seja um frete. Se quer que lhe diga, estou neste momento a chegar à conclusão que o melhor de mim é ser propênsica a gostar das coisas, da vida, do sol, das ervas…de enfim. Por mais que a Anphy desconfie, há pessoas assim como eu (talvez não sejam muitas, mas tem de haver, não sou completa anormalidade, não posso ser). Essa coisa de motor de arranque…não sei. Mas já tenho arrancado em 2ª:) e também depende: às crianças basta estarem ao volante dentro de um carro :) não pensam em que ele se mexa. E toda a gente lhes acha piada (ai, Anphy não se zangue comigo, leu?)

peacock disse...

Bom dia João,
Se fosse para ofender diria um palavrão, é mais sintético e eficaz.
Cada qual terá as suas opiniões, eu, porque sinto muita simpatia por todos vós, dei a minha.
Façam o melhor uso que ela vos merecer, espero que possa incomodar as vossas consciências para que amanhã se sintam ainda mais confortáveis com a vida.
Descumpem a ousadia e obrigado pela atenção.

andorinha disse...

Bea,

Se calhar até fui eu, mas acho o poema tão belo que repeti:)


Peacock,

A Bea já respondeu. Não estamos matriculados nessa turma. E estamos ACORDADOS...exceto quando estamos a dormir, como é óbvio:)

"...com a ajuda do mestre encontrarão um caminho que vale a pena viver, em vez deste ócio viciante"

Loooooooooooooooooooooooool

Desculpa lá, mas tive mesmo que me rir. Sem querer ofender ninguém...

Bea,

A Angelia é um exagerada. É cada tontice hoje em dia!

Gostei muito deste bocadinho, mas agora tenho miudagem à espera.
Inté...

João Pedro Barbosa disse...

Peacock,

"Santos da casa fazem milagres"

João Pedro Barbosa disse...

Um Bom Fim-de-Semana para todos!

Tenhos as bobines à minha espera.

João Pedro Barbosa disse...

Peacock,

Referia-me a esta imagem:

http://3.bp.blogspot.com/-iHu9w0qCyZ8/UZ9Uf3k_v-I/AAAAAAAABEg/pIZ2TJPCs70/s1600/DSC_0177.JPG

bea disse...

Andorinha

se foste...vieste bem. Terei de comprar um livro deste senhor...

joâo Pedrooo...é que tens sentidos que os meus sentidos não alcançam. nem com o cesto:)
e fiquem bem que vou ali. por exemplo.

João Pedro Barbosa disse...

Bea!

O armistício de 1913 já foi revisto. O solestício que se aproxima, vem em oito semanas!

bea disse...

João Pedro, não estás atrasado? já nem falta um mês p/ o solestício de Verão. Fui ver; desconfio de equinócios e solestícios. E também os baralho.

quanto ao armistício, acredito que tenha sido revisto e nem se use mais; agora é tudo o contrário...infelizmente. O que fzeram 100 anos de vida, já viste? e o que houve pelo meio...
1913 é muito para trás demais. os meus pais não eram nascidos. Comenta antes com a Anphy, sabe muito da 1ª guerra, e depois tem uma pendência com o avô, porque o não conheceu e assim.

vou apanhar uma ervinha para dar aos coelhos

João Pedro Barbosa disse...

"Gabesse o cesto que as vindimas já acabaram"

http://1.bp.blogspot.com/-CIEz1rIUCg4/UZ9t4r_QOVI/AAAAAAAABE4/nyWQyoSi1UM/s1600/DSC_0179.JPG

João Pedro Barbosa disse...

James - Getting Away With It (live)
http://www.youtube.com/watch?v=06FDqNM6Pec

bea disse...

este senhor tem umas noites mal dormidas ou está doente.

upppssss...vinha só desejar boa noite.
portem-se

João Pedro Barbosa disse...

Bea!

Só faltou no fim, trocar-mos autógrafos! Começamos pela musica para a conversa descambar para a fotografia. Naturalmente, mesmo num sofá de Caminha. Continua a ser um bom guitarrista!

João Pedro Barbosa disse...

Bea,

É o baixista. Bem gostei de ter uma bateria. Uso as boas maneiras da casa!

João Pedro Barbosa disse...

"Na Patagónia, ser pato"

http://2.bp.blogspot.com/-gu0Wt0B337Y/UZ-U1VqToBI/AAAAAAAABFI/zQXWCNplEc4/s1600/DSC_0180.JPG

Impio Blasfemo disse...

Vamos a factos. Um cidadão que viva em comunhão de facto com uma cidadã não pode registar a sua situação no registo civil porque só o casamento é que se regista no registo civil. Para ser mais preciso, um cidadão estrangeiro pode registar, no registo civil, a sua vida em comunhão de facto com outra cidadã, mas para efeito de título de residência. Estão a perceber? Pois eu também não!
Mais engraçado ainda é que para registar a dita união de facto sou “enviado” para a junta de freguesia que isso do registo civil é só para os “senhores que se vão casar”.
Mas mais engraçado ainda é que as Finanças em termos da dita declaração de IRS permite que eu a declare como casado (faça declaração conjunta) mesmo que eu viva numa freguesia e a minha mulher noutra, mas se estiver “unido de facto” temos de residir na mesma residência. E mais engraçado ainda é que se me casar até ao último dia de um dado ano, posso entregar a declaração de IRS desse ano como casado, mas se preencher todos os requisitos legais e disser que vivo em união de facto, só passados 2 anos (sublinho 2 anos) é que posso entregar uma declaração de IRS em que essa situação pode estra reflectida.

E se não acreditam, pois dêem uma vista de olhos em :
http://www.publico.pt/economia/noticia/provedor-de-justica-quer-facilitar-declaracao-de-rendimentos-em-unioes-de-facto-1584560
E é por esta e por outras que quando me falam em catolicismo, rezas, Deus, padres, confissões e outras andanças do Além eu rosno, rosno fortemente e tenho vontade de morder os fundilhos aos benzedores e fazedores de leis para só para um mundo de alminhas cristãs.
Não quero fugir para nenhum lado e muito menos para a TV, nem rezo para que tome conta de mim. Peço apenas aos meus amigos que me controlem pois um dia destes alguma coisa rebentará no meu espírito e começarei aos tiros. Portugal está pior que um far west à italiana.

IMPIO

Peacock disse...

João,
Quanto a,
"Santos da casa fazem milagres"
...Referia-me a esta imagem...
é de facto uma mensagem muito encriptada que não sou capaz de decifrar. Contudo, tenho que agradecer-te por me dares uma ideia para encaixilhar o quadro que agora está no meu perfil. Há muito que andava à procura de uma solução que me agradasse e finalmente encontrei-a, deve ter sido influência dos trevos e dos reflexos.
Sinceramente obrigado.

João Pedro Barbosa disse...

Lembrei-me dos investimentos feitos em Portugal nos ùltimos anos!

"http://pt.wikipedia.org/wiki/As_Tenta%C3%A7%C3%B5es_de_Santo_Ant%C3%A3o_(Bosch,_S%C3%A3o_Paulo)"

AQUILES disse...

De que armistício falam em 1913? 1ª Guerra dos Balcãs, ou do efémero armistício no México?

João Pedro Barbosa disse...

Aquiles Daquele Com Muitos Espelhos E com Uns Jardins E um Petit Trianon! Verssalles! Paris de França.

João Pedro Barbosa disse...

Anfitrite!

O que é um "radical Livre"?

João Pedro Barbosa disse...

De Matosinhos até à Luz
Mesmo sem telémovel
Ao Molhe
Se avistava um canoista

Um bom fim de semana!

P.S. http://instagram.com/p/ZssYY_CRtf/#

andorinha disse...

Impio,

Que história complicada a que contaste, homem;)
Que trapalhada!
Este país, realmente...

Controlar não te controlo. Se começares aos tiros, chama-me que eu ajudo à festa.

Abraço.


Trouxe do outro lado. Fiquem bem.

www.youtube.com/watch?v=tIrJK19dADI

João Pedro Barbosa disse...

As baterias, já estão a carregar...

Impio Blasfemo disse...

Andorinha

Não é uma trapalhada de história; é surreal apenas. Uma trampa de história, uma trampa de País, uma trampa de leis, uma trampa de poder legislativo, uma arquiporra de trampa, de um lamaçal de um pântano legislativo em que vivemos. Um trampa de alçapões em que estamos sempre a cair. E tudo em nome de quê?
Pois começo a ter dúvidas. Provavelmente de uma máquina sebosa, untuosa, fedorenta e mal cheirosa que vive por "desenrascar" as próprias "enrascadelas" que cria e monta. Uma verdadeira trampa. E depois o "alegado palhaço" é o PR? Pois acho que não Miguel Sousa Tavares, acho que não. Palhaços são todos os que votaram nele e neste lodo que nos atola. Palhaços somos nós e continuaremos a ser se continuarmos a aceitar esta palhaçada impune que nos rege , espolia e aviltra, todos os 365 dias do ano. Abaixo o farrobadó! Falta-nos uma nova Maria da Fonte e um novo hino que passe aos "ões" dos "cabrais".Para quem não percebeu "abaixo os cabrões", quero eu dizer!

Abraço
IMPIO

João Pedro Barbosa disse...

IMPIO!

Os que votaram
Votaram
E votaram
Muito Bem

Os que votaram diferente
Não sei se voltão a votar

E se votarem
Um voto conta

Pricipalmente
A favor
Desta oposição

P.S. Depois de "today" é domingo!

Anfitrite disse...

Passei os olhos por alto e digo que nó nem fazemos ideia nas armadilhas em que estamos metidos. As leis são tantas e tão contraditórias, que não há ninguém que esteja a salvo. Pior ainda agora já nem são precias leis. Dantes havia propostas de Leis que íam à AR. Depois passaram a pedir autorizações legislativas, porque têm maioria absoluta e governavam por decreto e tinha de passar pelas mãos do PR. Agora legisla-se por portaria e já não é preciso ir nem à AR, nem ao PR. Fazem o querem, porque o PR promulgou a lei
66/2012 de 31.12. Pus no FB mas ninguém quis saber.

"Ao que isto chegou! Ditadura pura. Já não se dá satisfação nem ao pr e muito menos à AR. Foi para isto que o pr promulgou a lei nº 66/2012, de 31 de Dezembro?
http://economico.sapo.pt/noticias/rescisoes-no-estado-nao-vao-ao-parlamento-nem-a-belem_169795.html


Bea,

Você não é romântica, mas vive afastada da realidade. Saberá quantas vezes a Angelina já mexeu nas mamas? E porque é que o caso chegou agora a público? Por isso já falam no "Joliegate", por causa do que ela ganhou, com o caso, porque está para sair a sentença da guerra entre dois Laboratórios, porque há um que se reclama da patente da descoberta do génes do cancro e de toda a investigação que fez, e a notícia da Jolie, vem ajudar o réu. Portanto...acorde!

Só agora aqui chegyei, vou aquecer o motor, depois volto quando estiver no ponto.

João Pedro Barbosa disse...

Bea!

Vou ver qual é o estado de alma do "Amor é...".

João Pedro Barbosa disse...

Ainda estão a 90, faltam 10%!

João Pedro Barbosa disse...

Ficamos assim.

Impio Blasfemo disse...

João Pedro
Embora não tenha feito tropa tive um tio que era militar. Convivi bastante com ele e lembro-me que quando eu vinha com frases ou pensamentos “rebuscados” ele me corria com uma frase curta, que era:- “vai comer ratos, pá”.
Sobre o teu comentário, que me dirigiste, se tens dúvidas, relembro-te um post deste blog de 16 de Setembro de 2012 “For murconics only! Este meu Porto é incomparável no léxico e nas imagens” e que tinha um cartaz da manifestação que dizia singelamente “SE QUISESSE TRABALHAR PARA CHULOS TINHA IDO PARA PUTA” (citei)

IMPIO

Anfitrite disse...

Bea:
Está aqui uma das notícias, mas há muitas mais. Além disso não era mostrando o pernil vestida de cai-cai de veludo, preto, que se dava a notícia, fora de tempo. Agora e mais uma embaixadora da porra das NU. Estou farta de hipocrisias.
http://www.ionline.pt/artigos/mundo/joliegate-angelina-acusada-se-ter-vendido-uma-industria-milhoes

Bom dia, Ímpio!

Se quiser eu ensino-lhe muitas mais
palavras vernáculas. Limpa a alma dizê-las. Os recalcados é que não são capazes de as dizer. O nosso léxico é tão rico porque não utilizá-lo. Basta que sejam utilizadas do contexto devido.
Quase todos aqui adoram inglês. Eu não sou capaz de ver um episódio qualquer em que num diálogo não aparece uma frase com mil fucks.

Impio Blasfemo disse...

Anfitrite

Já tenho alguma idade. Para ser concreto, tenho precisamente a idade do Prof JMV, nem mais nem menos.
Na minha idade já se começa a ter pouca paciência para "virgens ofendidas". Sobretudo se de "virgens" pouco ou nada têm! Dito isto, passemos ao assunto:

Ofensa à honra da figura do PR
Aqui está uma interessante questão. Para um vulgar cidadão é-lhe exigido, em princípio, que seja honrado para que possa reclamar que a sua honra foi ofendida. Verdade seja dita, pode até ser pouco ou nada honrado e reclamar na mesma mas a justiça olhará decerto de outra maneira para a sua reclamação. Contudo, se for uma figura do Estado, como um PR, a lei consagra-lhe, por inerência, o direito de considerar que a figura de Estado foi ofendida na sua honra, e parece desligar, pelo menos aparentemente, a figura e quem a desempenha, em termos políticos, e sobretudo da forma como a desempenha. Lembro frases proferidas, como por exemplo, “Eu jurei defender a Constituição” e lembro os chumbos do TC em relação ao OE 2012, há um ano, onde o PR nem sequer fez menção de questionar a legitimidade constitucional do mesmo porque “o país corria o risco de ficar sem orçamento”(citei). Ora aqui fica uma questão formal que me surge e que é simples:- No meu modesto entendimento, quem jura defender uma coisa e não faz tudo o que tem ao seu encalce para a defender, será que no plano formal se pode dizer que defende essa coisa com honra, por sinal a sua mais importante função, e por inerência, que a figura que desempenha no Estado português é exercida de forma honrada? Ou será que umas vezes sim e outras não? Ou será que quando convêm sim e quando não convém não?
Novamente, para quem tem dúvidas, deixo os links:
http://expresso.sapo.pt/cavaco-pais-corria-risco-de-ficar-sem-orcamento=f738096
http://sol.sapo.pt/inicio/Politica/Interior.aspx?content_id=72433
IMPIO

João Pedro Barbosa disse...

IMPIO,

Obrigada pela recordação. Mas entre Porto e Maputo. Só sabe quem lá está. Recordo-me de à saida da Pousada de Santa Marinha, nos despedirmos com uma forte esperança. Coisas de homens!

Impio Blasfemo disse...

João Pedro

De facto entre Porto e Maputo vai uma enorme distância e o linguarejar do Porto é um e do Maputo outro.
Coisas de homem, como dizes, aprendi-as muito com esse meu tio. Não era para brincadeiras e eu bem ia aos arames quando ele me cortava o pio com a tal maldita frase "vai comer ratos", coisa peculiar nele, mas que por sinal já também ouvi na boca de outro militar; deve ser jargão da caserna. Algo similar à nossa muito comum frase "vai pastar caracois". Tudo isto, coisas de homens. De facto, entre homens existe um linguarejar específico, como também existe um linguarejar específico entre mulheres. É normal que assim seja, é salutar que assim seja.
Entre fdps também existe um linguarejar específico; geralmente começa por "Vª Exca disse....." ou "O meu caro amigo referiu que...."; linguarejar assustador!

Abraço
IMPIO

João Pedro Barbosa disse...

IMPIO,

Entre pessoas do mesmo Género (e sublinho Género, com "G" grande). O linguajar abstem-se.

"Água mole em pedra dura / Tanto dá até que fura"

http://4.bp.blogspot.com/-KGgPU-HSKtA/UaCWtuDg1yI/AAAAAAAABH8/_i2QgqRaUQI/s1600/DSC_0183.JPG

Abraço

João Pedro Barbosa disse...

Um

João Pedro Barbosa disse...

Dois

João Pedro Barbosa disse...

Três

Impio Blasfemo disse...

João Pedro

Discordo, discordo em absoluto. Entre pessoas, o linguarejar solta-se. E acrescento que não gosto de pensar que há pessoas de "Genero Grande" e pessoas de "género minúsculo"; há pessoas, ponto final!
O resto; bom o resto se calhar anda a "aprender a ser pessoa" (que não o Fernando, que esse já era Pessoa à nascença)

Abraço
IMPIO

João Pedro Barbosa disse...

Impio,

Se formos pessoas na morte, já é muito bom!

"Linhas que se cruzam"

http://3.bp.blogspot.com/-ZXVw4k_0DC4/UaCgMn2dptI/AAAAAAAABIM/egLFEcbetmI/s1600/DSC_0184.JPG

Vou desligar.

João Pedro Barbosa disse...

http://www.lastfm.com.br/music/Chico+Buarque

AQUILES disse...

Um armistício em 1913, e em Versalhes?

João Pedro Barbosa disse...

AQUILES,

Queres coordenadas? Ou ainda estamos nos Timings e nos Nomes?

Baía das Contendas, Terceira, Açores!

Quem não mergulhava, ficava a ler o horizonte. Durante o mergulho e a entra na zona de areia, mergulhei mais fundo, para ver alguma coisa, nem que fosse areia. Tive que voltar á superficie, depois de dois ratões, abrirem asas a minha passagem.

andorinha disse...

Bom dia:)

Vós não vos cansaides, gente?:)
Eu ando estoiradinha da silva e não sei porquê já que pelos vistos trabalho poucas horas....:)
Ontem estive na escola das 8.20h até às 20h. A partir das 16h estive a ajudar a montar uma exposição. O que fiz com gosto porque envolvia trabalhos de alunos e eles empenharam-se.
Mas cheguei a casa toda rota.
Bem, adiante...


Impio,

Faz-me bem à alma ler-te, homem.

"No meu modesto entendimento, quem jura defender uma coisa e não faz tudo o que tem ao seu encalce para a defender, será que no plano formal se pode dizer que defende essa coisa com honra, por sinal a sua mais importante função, e por inerência, que a figura que desempenha no Estado português é exercida de forma honrada?"

"Entre fdps também existe um linguarejar específico; geralmente começa por "Vª Exca disse....." ou "O meu caro amigo referiu que...."; linguarejar assustador!"

Gosto de ti. Por muitas e variadas razões mas também porque não tens papas na língua.

Abraço


Anfy,

Filme inglês sem fuck you não é filme nem é nada:)

Se quiserem, vão até ao mural do Júlio. Está lá um post sobre idosos que nos deve deixar a todos nós, pessoas de bem, de cabeça baixa.

E agora vou arejar a cuca. Esperam-me ainda duas 'tenebrosas' semanas. Há que recarregar baterias.

Bom sábado.

João Pedro Barbosa disse...

AQUILES,

"Tens razão! Foi em 1919. Tinha o meu avê 11 aonos e 20 quando lá voltou. Regressou novamente no inìcio da 2ª. Para trazer a mãe. Que só a voltou a ver nas férias, antes de ele morrer"

João Pedro Barbosa disse...

Andorinha,

Já tenho bateria, até Agosto!

João Pedro Barbosa disse...

"Tempos Modernos"

http://1.bp.blogspot.com/-v7QulJoz8nc/UaDApnl9CXI/AAAAAAAABIc/XJulA30uiWg/s1600/DSC_0185.JPG

João Pedro Barbosa disse...

Bom.

João Pedro Barbosa disse...

Sábado!

Bartolomeu disse...

Ímpio, concordo contigo por inteiro, no que diz respeito ao teu comentário acerca da ofensa à "figura" do PR.
E "figura" é um termo que se assenta como uma luva à pessoa em questão. Como tal, a figura, tanto pode ser de palhaço como de prestidigitados, como de robôt, etc.
No entanto, aquela que melhor se aplica, penso que é a de alienado, de absolutamente desconhecedor da realidade que o cerca.
Se o não fosse, dado o estado calamitoso em que o país se encontra, no que respeita à economia e às finanças, o PR dePortugal não permitiria que se dispendessem 500.000 euros nos festejos do dia 1o de Junho.
Sobretudo porque em Portugal existem milhares de desempregados que no dia 10 de Junho, e nos dias seguintes, não vão ter dinheiro para comprar comida para os filhos, milheras de reformados, não vão ter dinheiro para comprar os medicamentos de que necessitam e milhares de pobres, vão ter de recorrer às carrinhas de assistência para poderem comer uma sopa e um pão.
Não são os 500.000 euros que vão ser gastos em cerimónias da treta, na imposição de condecorações a gajos que nada fizeram para as receber e para quem de nada vão servir, em banquetes a embaixadores, em estadias em hoteis dos melhor, alimentação, tendas, palcos, decorações, etc, que recomporiam a economia do pais e que reporiam os empregos perdidos e as reformas que sofreram cortes, mas concederiam a honra ao PR se ele, pegando no sentido de honra e de cidadania, anulasse todas estas cerimónias e as reduzisse a uma única, onde evocasse a raça e o poeta, como outros presidentes anteriormente fizeram, não gastando um tusto.

João Pedro Barbosa disse...

"A subida ao calvário"

Já à muito tempo.

Vinha uma família a subir a rua.
O pequeno olhou e disse - Uma solha!
O pai corrigiu - Não é uma solha. É uma folha.
A mãe rematou - Também pode ser um linguado!

P.S. Com humor!

João Pedro Barbosa disse...

"Enquanto estou preso à Liberdade / Sei quanto vale viver"

João Pedro Barbosa disse...

Professor?

"Foisse taratar!"

http://4.bp.blogspot.com/-a2m5Ij6HFwA/UaDUx6cdwFI/AAAAAAAABIs/b4KQmMpaGck/s1600/DSC_0190.JPG

João Pedro Barbosa disse...

Fiquemos-nos pelas metades!

rainbow disse...

AllÔ:)

Querem uma constipação? Não? Logo vi...

Andorinha

Só mais Duas semanas tenebrosas? Sortuda...:)

Anfi

Já revi "Frankie and Johnny".
Retive uma cena, em que ela diz:
"Tenho medo de estar só, tenho medo de não estar só, tenho medo do que sou, tenho medo do que não sou, no que me tornarei, no que não me tornarei..."
Creio que todos nós já passámos por estes estados de espírito contraditórios ao longo da nossa vida. E que talvez insistam em nos visitar de vez em quando.

Quanto às rescisões não terem que passar pela AR e pelo PR, só me dá vontade de dizer disparates.
Se me obrigarem a "rescindir", pego na minha pessoa, vou para o centro da cidade ou para o pé do rio, e desato a cantar. Com as moedinhas que os estrangeiros sempre deixam aos artistas de rua, já não passo fome. Nem tenho que pagar impostos.

Seria cómico, se não fosse trágico. Fomos "nós" que os pusémos lá. Não haverá uma maneira de os tirar, expulsar, subtrair?

Um abraço, e para animar, mais uma dança:

http://www.youtube.com/watch?v=Ik-RsDGPI5Y

bea disse...

Boa tarde:)
desculpem mas andei numa peregrinação e …pronto. Cheguei.

Estão benzinho? A sério? Não se indispuseram com as ofensas de MST ao PR? Ui que chateada estou. Tenho de vos ler mal haja um tempinho. Descreio de não terem escrito nada :))

Eu quero saber Anphy. Por acaso andei por aí feita palerma a perguntar quem é que tinha aprovado essa porc(t)aria e disseram-me que a aprovação era do tempo de José Sócrates. Ainda bem que não. Era mais um atoleiro num partido que, em princípio, nos devia defender de tanto abuso.

Ora Anphy:) por acaso acha-me com ar de saber de assuntos de mamas de uma actriz? Se nem às minhas dou confiança. Talvez sim, que viva afastada da realidade, e de que me servem realidades dessas, não me dirá?! Só se para constatar que o bicho homem é deveras estranho. E que afinal sou normalzinha, thank’s God:)
Mas obrigadinha pela informação que logo vou ver.
Um beijinho à Anphy, pronto. E não se zangue comigo; se sim, lava a cara que sai tudo.
está com a touquinha? por mor do sol? cuidadinho.

João Pedro Barbosa disse...

b!

P.S. to P.S.

Pedro Barbosa disse...

Podia-me ter dado para pior.

Pedro Barbosa disse...

Sinal Fechado - Chico Buarque & Maria de Bethania (vivo)

https://www.youtube.com/watch?v=G8-6pZxJ4yc

Impio Blasfemo disse...

Bart

Alienado parece sr um bom termo para o definir. Outro será Comprometido e erguntarás com quê? Boa pergunta, de facto uma excelente pergunta. Diria, ariscando, comprometido com tudo menos Portugal e os portugueses, os tais que ele diz defender.

Abraço
IMPIO

AQUILES disse...

http://www.annaramalho.com.br/news/index.php?option=com_content&view=article&id=13062&Itemid=184

Pedro Barbosa disse...

Aos que estiveram no ùltimo jantar do Murcon. Retribuo com a ligação de uma pessoa que continuarei a não conhecer:

https://www.facebook.com/joaopedro.barbosa2?ref=tn_tnmn

Pedro Barbosa disse...

Andorinha,

Pergunta à "bea" se amanhã querem aparecer aqui em casa. Junto ao Mercado?

Pedro Barbosa disse...

Andorinha,

Ainda hoje me lembrei!

O "amanhã" é esquezito!

Pedro Barbosa disse...

Aquiles e Caidê!

"Estive a ver, ler e ouvir o que deixaram. E já consigo ver uma ponte, daqui até ao infinito"

Anfitrite: O P.S. está no ponto?

bea disse...

Então, Anphy, “os recalcados é que não são capazes de dizê-las”???! Para começar: recalcados somos todos, que a educação a isso nos obriga. Para continuar: não consegue admitir que possam existir pessoas que não morrem de paixão por asneiras? Eu digo duas e não devia dizer nenhuma. Quando a vida me corre mal, ainda por cima fico com remorsos de as ter dito.

Ímpio

Tás neura. É assim, estamos todos neura que o PR não faz o que deve quando deve. Mas há uma lei que diz que não lhe podemos chamar nomes. Mas ao Aníbal sim. E o Aníbal não presta. A senhora do Chapitô falou bem. Que é isso de desrespeitar os palhaços, ham, cuidadinho que eles são honrados, trabalhadores,e, sem jurar coisa nenhuma, cumprem a divertir-nos.

João Pedro

comentários aventureiros às tuas fotos:
Há resmas de trevos desses. Mas tem frescura.
Cruzam pouco e a preto e branco :) extraordinários tempos modernos.
Tu tás todo mudado. Tens a certeza que és o mesmo?

Andorinha :)
Professora mais doce não há, montas exposições e tudo. Os alunos merecem. O resto da escola não sei bem. Mas tu hás-de saber.

(3:25) concordo com o Bart.

Aquiles

Angela Dutra de Meneses escreve muito bem. Tem um quê de escritora no artigo. Obrigada pela mostra.

Pedro Barbosa disse...

bea,

Voltei ao que era.

"Do it and don´t compromise. Just do it! Is for heroines."

Anfitrite disse...

Ainda não li tudo, e estou a ouvir o "Eixo do Mal", mas sobre a pequena ofensa aos palhaços e ao ser que ocupa o Palácio de Belém, deixo aqui um pequeno comentário que fid na not+icia do "Expresso":

"Limpar a Honra
Antes limpava-se a honra através do sangue. Agora limpa-se através da justiça, para receber mais uma indemnização. Melhor seria que a limpasse através da acção. Pena é o Código Penal não prever a incapacidade para um presidente da república. Como é possível livrar-nos dum presidente, se ele for incapaz de cumprir as suas obrigações e de dignificar o cargo que ocupa? Sempre houve os intocáveis! E, ao fim de 39 anos, ainda não sabemos distinguir o trigo do joio. Talvez porque alguém tenha acabado com a agricultura..."

Até já

Pedro Barbosa disse...

Anfitrite,

Estou com menos 20 anos!

Impio Blasfemo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pedro Barbosa disse...

É assim que se aprende...

Anfitrite disse...

Rain:

"Tenho medo de estar só, tenho medo de não estar só, tenho medo do que sou, tenho medo do que não sou, no que me tornarei, no que não me tornarei..."

Este é o problema de toda a gente.

Quanto ao estar só eu sinto-me bem com a minha "solidão". Apenas tenho certos momentos de pânico porque precisava de ter em casa um robot amestrado, que chamasse a emergência, no caso de eu estar em grande sofrimento e não ser capaz de o fazer.

Esta lindo vídeo, para todos, pq ainda não vi nada, do q aqui está.

http://www.youtube.com/watch?v=VsWZcwPL7-Q



bea disse...

Boa noite:)

começo a palermar

Fiquem bem

Impio Blasfemo disse...

Bea
Na minha opinião não há vacas sagradas exceptuando as verdadeiras e na India. Quanto ao mais, somos todos iguais. E acrescento que o respeito não se impõe mas ao contrário, ganha-se pelos actos praticados. O respeito, quanto a mim, não é um direito mas sim algo que se adquire perante os outros pela forma como vivemos e nos comportamos em sociedade com eles. Dito isto, parece que o Aníbal quer ganhar o respeito dos portugueses, mas da pior maneira;- pela secretaria, impondo-o! Cheira muito a mofo, cheira mesmo a bolor; cheira a Tomás e Gertrudes, cheira a corta-fitas. Portugal regride a passos largos e não é só por causa da recessão.

Abraço
IMPIO

Anfitrite disse...

Até este senhor foi atraiçoado pelo apoio que lhes deu.

Até agora uma mulher.a.dias era considerada uma "técnica higienista", o que será que me vão chamar a mim? Felizmente que eu não tenho preconceitos e já trabalhei para chulos, mesmo sem ser puta.

http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/lazer/tv--media/ruy-de-carvalho-indignado-escreve-as-financas#comentarios

Anfitrite disse...

Como é domingo tê tempo para ler. É só mais esta:

http://www.ionline.pt/iOpiniao/culpa-passado-ma-moeda

Má-moeda, não deve dar origem a um processo. Lebram-se quando essa triste personagem foi à TV, que falou em comprar gato por lebre, e que tambem gosta muito se usar a expressão "que a má moeda expulsa a boa moeda",esquecendo-se de dizer que é a Lei de Gresham. Foi após essa entrevista, que essa marionete rebentou com as bolsas e deu de frosques, deixando o que restava do País, nas mãos do pobre Fernando Nogueira, que não era má pessoa. Imaginem que eu mais um grupo de pessoas, andámos a empurrar-lhe o carro, um chaço dum citroën velho, porque tinha ido abaixo no meio da rua, e não pegava, que era o que ele tinha, quando veio de Coimbra para o governo e até arranjaram um bom lugar para a mulher que lá era funcionária de S.Socal.

radiante domingo!

Anfitrite disse...

Ó Ímpio,

Deixa-me espetar-te um bocadinho do meu tridente. Mas a união de facto é inferior a um periodo de seis meses por ano? É que a lei manda alterar o domicílio fiscal, e isso já é muito antigo, desde que a pessoa tenha mudado de redidência, há pelo menos seis meses. E a situação reporta-se também sempre a 31.12, do ano em apreço. É que uniões, de facto, há muitas, algumas muito fugazes. Já lá vai o tempo em que as pessoas se divorciavam para pagarem menos IRS, embora continuassem a viver juntas.
Mas nisso talvez o António Barreto te possa ajudar, porque ele e a Filomena Mónica, viviam juntos, mas dormiam em casas separadas.
Agora já vivem na mesma casa mas cada um tem a sua parte de casa, e têm tudo em duplicado, desde a cozinha com microondas, máquinas de lavar, etc...
Bom dia!

Anfitrite disse...

Rain,

Pulp Fiction, um dos melhores filmes de sempre.

Como os tempos passaram

http://www.youtube.com/watch?v=bq4ZMKqWk80

Um filme com músicas fabulosas.

Pedro Barbosa disse...

Bom dia,

Estiveram todos, a vampirizar?

bea disse...

bom dia pessoal
anphy gosto é do seu perfil

Pedro Barbosa disse...

"Foto Dependência"

http://3.bp.blogspot.com/-BJ4sTUKbXzE/UaHq6ylzzBI/AAAAAAAABLk/IwNXcs3r9cE/s1600/DSC_0073.JPG

Pedro Barbosa disse...

B!

A fotografia de perfil foi manipulada. Como tantas outras.

"Quem não arrisca, não petisca"

http://www.mimoa.eu/projects/Portugal/Carre%E7o/Orange%20House

Pedro Barbosa disse...

bea,

Isto chama-se ficar: "nas covas". Ao contrário de ficar em Covas a caminho de Paredes de Coura. E de volta para Caminha, com raposas a atravessarem-se no caminho.

P.S. Luz que vos guie!

andorinha disse...

Bom diaaaaaaa:)

Para que vejam como eu ando ( e tenham peninha de mim):)lol, ontem adormeci a ver O Eixo do Mal.
Nunca tal me tinha acontecido...


Rainbow,

Só mais duas semanas a este ritmo intenso e louco. Depois o trabalho continua ( e ainda há muito pela frente), mas abranda um pouco.


Bea,

Não sou sempre doce, tenho o meu lado bem amargo também. E eu apenas ajudei a montar a exposição, cachopa.:)

Logo leio-vos a todos. Agora vou laurear a pevide!
Bom domingo!

Deixo aqui uma pérola que trouxe do outro lado. Porque é belíssimo!

É por Ti que Vivo
Amo o teu túmido candor de astro
a tua pura integridade delicada
a tua permanente adolescência de segredo
a tua fragilidade acesa sempre altiva

Por ti eu sou a leve segurança
de um peito que pulsa e canta a sua chama
que se levanta e inclina ao teu hálito de pássaro
ou à chuva das tuas pétalas de prata

Se guardo algum tesouro não o prendo
porque quero oferecer-te a paz de um sonho aberto
que dure e flua nas tuas veias lentas
e seja um perfume ou um beijo um suspiro solar

Ofereço-te esta frágil flor esta pedra de chuva
para que sintas a verde frescura
de um pomar de brancas cortesias
porque é por ti que vivo é por ti que nasço
porque amo o ouro vivo do teu rosto

António Ramos Rosa, in 'O Teu Rosto'

Pedro Barbosa disse...

"Swedish Champions League"

http://4.bp.blogspot.com/-4iy-5XtBEZA/UaH2IbU8UWI/AAAAAAAABL0/ZPQYyH-nfZE/s1600/DSC_0196.JPG

Pedro Barbosa disse...

bea!

Paulo Gonzo - Dei-te Quase Tudo

http://www.youtube.com/watch?v=kYPdeZCA6d0

Capa:http://4.bp.blogspot.com/-4hVnOiZf_zY/UaIikbG9VvI/AAAAAAAABME/nTKwPzccqOg/s1600/DSC_0223.tiff

Contra capa:http://1.bp.blogspot.com/-63LvmOle37c/UaIi8nZV7fI/AAAAAAAABMM/Mw-npbH00_U/s1600/DSC_0222.tiff

P.S. "http://es.sott.net/article/21095-El-psiquiatra-que-descubrio-el-TDAH-confeso-antes-de-morir-que-es-una-enfermedad-ficticia"

Sinle... Uma boa semana!

Pedro Barbosa disse...

http://sicnoticias.sapo.pt/mundo/2013/05/26/comunidade-lusa-pouco-preocupada-com-tumultos-na-suecia?utm_source=twitterfeed&utm_medium=twitter

Pedro Barbosa disse...

"Size Matter"

http://www.fastcodesign.com/1672634/a-ruthless-email-app-with-just-two-functions-keep-or-delete?utm_source=twitter

Pedro Barbosa disse...

"Amor em Tempos de Cólera"

Dedicatória - http://2.bp.blogspot.com/-c5OfTUyWO6M/UaIxvmIk8DI/AAAAAAAABMk/LUdiIgXT8eM/s1600/DSC_0225.JPG

Prefácio - http://4.bp.blogspot.com/-z0stRMT6toA/UaIx74qDHjI/AAAAAAAABMs/e1wG8f2tJig/s1600/DSC_0226.JPG

Pedro Barbosa disse...

Fivty / fivty

50 http://1.bp.blogspot.com/-gM3o1rcNA7g/UaI884sIRqI/AAAAAAAABM8/djOtDvCMUkc/s1600/DSC_0227.JPG

50 http://1.bp.blogspot.com/-3JlgoJ2hTow/UaI9A6_-LYI/AAAAAAAABNE/UtLGtGbcffU/s1600/DSC_0228.JPG

Pedro Barbosa disse...

Não tenhem que agradecer!

Pedro Barbosa disse...

Foi só sugestão. O café lá de cima.

Pedro Barbosa disse...

"Eu sei, chama-se vida real."

Pedro Barbosa disse...

bea

Agora descansar. Que mais logo é dia de ir às trufas!

Pedro Barbosa disse...

"http://2.bp.blogspot.com/-5GoEI_a2KHU/UaJa2WftQEI/AAAAAAAABNU/-zPDdHZgRb8/s1600/DSC_0229.tiff"

Title

"Se os que vão à frente nos incomodam. Num momento ùnico; uma mosca. É a ùnica companhia"

Pedro Barbosa disse...

"Fotografias disponiveis no café mais próximo de si"

Sublinhado: Os lideres que tenhem o poder serão sempre os mesmos. Os outros serão sempre os melhores a governar.

andorinha disse...

Estou DESOLADA! Ainda não entendi como conseguimos não ganhar nada:(

Felizmente não vivo no centro de Guimarães. Não iria suportar a barulheira...




"Mas nisso talvez o António Barreto te possa ajudar, porque ele e a Filomena Mónica, viviam juntos, mas dormiam em casas separadas.
Agora já vivem na mesma casa mas cada um tem a sua parte de casa, e têm tudo em duplicado, desde a cozinha com microondas, máquinas de lavar, etc..."


As coisas que tu sabes, Anfy. Eu fico 'banzada'. De todo...

Fiquem bem. Vou...

AQUILES disse...

Andorinha
Nunca mais repitas essa de teres adormecido. Ainda te interpretam mal :):):)

andorinha disse...

Aquiles,

O estado lastimoso em que me encontro:) não me permite entender-te...

bea disse...

Ímpio

Todos temos as nossas vacas sagradas. Negamos, mas temos na mesma. Tens razão, o respeito ganha-se; se são sagradas têm que merecer sê-lo; ou cai-lhes a aura e plim, plim, plim, rebola pelo chão.

Anphy

É tudo triste demais. Fico até com vergonha por quem não tem vergonha nenhuma do que faz aos portugueses do presente e do futuro. Não me apetece ler Santana Lopes como se fosse muito hábil, quando todos sabemos que só tem lábia e pouco vale. Não me apetecem esses muitos que pertencem ou pertenceram à Assembleia da República a mandar bitaites por tudo que é canto público. Não perco tempo a ouvir discursos sobre o discurso do discurso do discurso.

Como saberá a Anphy estes pormenores da vida das gentes, como máquinas de lavar em duplicado…pode que um deles tenha sarna e não queira misturas; ou são muito comichosos os dois e como as crianças, não mexes nas minhas coisas ouviste? E só não estão com tudo de braçado porque elas não cabem. Mas se se dão bem assim…continuem.

João Pedro

Bem bonitinha a tua fotodependência.

Andorinha

Se foras sempre doce serias mel e não ave:)

AQUILES disse...

Andorinha
Eu já te vou explicar.

Pedro Barbosa disse...

Aquiles,

Como ainda não vi o filme. Explica-nos. Para eu perceber!