terça-feira, dezembro 08, 2009

Boa continuação:).

Zapping pós-prandial. Sonolento, por pós-bacalhau e tintol alentejano. (Como sou homem não notei o efeito afrodisíaco que recente artigo anuncia para as mulheres:(. E de todas a regiões vinícolas!). Cinema Paraíso... Há muitos anos escrevi um texto sobre o filme que releio hoje com alguma nostalgia - o meu encantamento era então mais arrebatado e a culpa não pertence ao filme, perdi fogo interior. O sono levantou voo, o riso e a lamechice apresentaram-se ao serviço, como em todas as n vezes em que vi a fita. Que já utilizei para falar de amor adolescente, fugas ao passado, dores de crescimento, lutos por gente viva, idealizações perigosas, paixão pela paixão do outro, etc... Mas hoje limitei-me a ir indo, vendo, aprendendo. E invejando aquele extraordinário Noiret!, um homem que faz o Cinema Paraíso e O Carteiro de Pablo Neruda pode roubar-lhe a frase e gritar do Céu dos artistas - confesso que vivi:).

39 comentários:

anacristina disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cê_Tê ;) disse...

"Tudo"? ;P

anamar disse...

Com este post, veio-me lembrar a homilía dominical, em "O Sexo dos Anjos", onde apaixonadamente, tanto como eu, falava deste filme...
Querido Professor, já viu a versão original do CINEMA PARAÍSO? Passou com 30m a menos...
Foi feita uma v. original que pode ser alugada ou comprada...
Se vale a pena....
Emoção.
Boa semana..
:))

thorazine disse...

O carteiro...é filme a ver. Nunca o vi mais traz-me boas memórias.. :)

E dexter, alguem já viu? O serial killer que limpa as "bad apples" e que carrega sempre consigo o seu divã? :)

http://www.youtube.com/watch?v=ZKoKwWVyPFg

Olá, eu sou o thora e estou viciado. Por mais queira para não consigo de deixar de ver episódio atrás de episódio...e quando não há mais ressaco pelo próximo..:)

Cê_Tê ;) disse...

Thora: Não me digas que tb és fã do Fight Club ;)))
Dizem que já há grupos anónimos para os dextomaníacos ;P

Eu tive de ver para perceber porque razão alguém aqui em casa andava viciado em TV;PPP Até pensei que era na 5.ª! ;P

Acho perigoso para miúdos. O facto de ficarem subentendidas as cenas mais violentas tem tb os seus perigos (além de que é jogar sujo em termos concorrenciais:poupam em efeitos 2.ºs e ficam imunes a criticas de desempenho).
A perspectiva de "herói" parece-me muito perigosa. Afinal de contas é essa a convição de muitas mentes criminosas, ou não? Não estão muitos convencidos que o matarem por exemplo prostitutas, homossexuais, etc... é um acto glorioso?

Depois achei demasiado previsivel. Mas o rapazinho até é interessante!

******
Quanto ao carteiro...uma personagem encantadora!

Anfitrite disse...

Será que fui eu que bebi? Pareceu-me que falava do Cinema Paraíso e do Noiret, vejo comentários sobre o carteiro, acho que não vou conseguir entregar a correspondência. E ainda por cima nesta época natalícia.
O artigo que escreveu é o que começa na página 145 do livro "O Sexo dos Anjos", ou é algum que me passou despercebido? Estive a ler uma resposta do Zé Gabriel e ouvi a voz dele, lá ao fundo..... Tive de interromper a escrita. Como é possível? Eu acho que o nível das águas está mais alto de tanta lágrima que eu já chorei. Até os meus olhos que eram azuis passaram a verdes, não sei porquê. Sempre que me mudavam a cor no B.I. ficava danada.
O Cinema Paraíso será sempre o filme da minha vida, apesar de grandes filmes que eu já vi.
Mas este tem precisamente tudo o que há de belo no cinema: Fazer reviver a vida! E não vale a pena ver a versão integral, torna-o muito comprido e tem precisamento a fase menos interessante, que é a adolescência do rapaz. O filme atinge o auge quando o Alfredo lhe diz: Vai-te embora. Não te quero ouvir falar, quero ouvir falar de ti! E depois recomeça com a certeza daquela mãe, que foi preparando tudo para quando ele voltassse.
Em todos nós a cinza vai cobrindo um pouco as brasas, mas enquanto houver memória não podemos deixar de sentir. E a minha vida tem de tudo o que o filme retrata e que o professsor refere. Só falta a doença, mas lá há o acidente e a cegueira do Alfredo.
Já disse que o Carteiro para mim não tem comparação, só por causa da ingratidão das pessoas quando chegam ao poleiro. Alias ele nunca lhe ligou muito, a não ser quando foi padrinho e andou a passear com ele e a dizer-lhe umas coisas.
E a música não podia ser outra se não a de Ennio Morricone.
Embora o cinema europeu tenha ficado para trás há grandes filmes, muitos com o Philippe Noiret. Entretenha-se uns tempos a ver as classificações, desde o 1º. número, da revista "Premiére", e vai descobrir obras preciosas.
O Jacques Perrin apesar dum pequeno papel, também não vai mal. Lembro-me dum grande filme que ele fez com Marcello Mastroianni, que entrou com o Noiret, na "Grande Farra"- Uma farsa de desespero e abastança de Marco Ferreri. E que vale a pena ver, só para ver o mal que fartura e o tédio provoda em nós.

Continuação de Bons Dias.

http://www.youtube.com/watch?v=wEFugVbzsSo

Anfitrite disse...

Depois de escrever o comentário, fui ler o artigo e vi que refere a frase que eu também utilizei aqui. Mas reparei que tinha duas frases sublinhadas e com uma cruz ao lado:
1ª. "É um erro crasso e frequente - pensar que a liberdade se conquista à custa da "anulação" do passado".
2ª. "Os passados não se assassinam, é preciso digeri-los para seguir em frente sem medo de os revisitar"

Como é possível que eu desde 1991 não tenha evoluido nada!

Bartolomeu disse...

Moro na zona de Arruda dos Vinhos, onde existe o sobejamente conhecido "Fuso", que serve entre outras iguarias um bacalhau muito especial.
Se o Murcon-mor e os Murcons-acólitos, estiverem dispostos a confirmar essa especialidade, posso, sem qualquer dificuldade, fazer marcação de uma mesa.
O pós-prandial, pode ser preenchido com um passeio pelas medievas ruelas da zona antiga, ou com a degustação de uma ginjinha no "Bar da Tia Amélia".
Decidam-se!

flor disse...

A vossa cultura fascina-me...viajo convosco... mas a minha bagagem esgota-se no 1º apeadeiro. Não comento nada, a não ser que vou alugar o filme para o ver.

Beijinhos

Ana disse...

Professor,
Cinema Paraíso, está em nº1, nos meus filmes preferidos. Gostava de o ouvir sobre o filme... Pq não um tema para o AMOR É... (como no distante SEXO dos ANJOS)?
É uma sugestão.
Bjnhs

thorazine disse...

CT,
Sim..sou fã do Fight Club. Mas a série Dexter nada tem a ver com o Fight club! :P

E gostar de uma série, ou de uma personagem de uma série não quer dizer que nos identifiquemos com os actos dessa pessoa. Para te dar um exemplo eu sou fã de filmes de guerra e de reconstrução histórica bélica mas no entanto sou um tipo pacifista que acho que até a "guerra mais justa" poderia ter sido evitada. Sim, incluindo a WWII.. :)

O Dexter é fantástico porque ele auto-analisa cada passo que dá, incluindo o do seu "dark passenger" e tem total consciência que só faz o que faz devido ao que lhe aconteceu quando era miúdo - e não por se julgar o justiceiro.

Obviamente que o que ele faz é moralmente errado, aplicar pena de morte sem dar a oportunidade a um julgamento justo. Auto-intitula-se um serial killer, para mim isso já diz tudo.. :)

Anfitrite,
gosto de te ver a "cantar" assim...já vou por os torrents a funcionar.. :)

andorinha disse...

O Cinema Paraíso é sem dúvida um dos melhores filmes de sempre.
Que se vê e revê vezes sem conta...com maior ou menor fogo:)


Bartolomeu,

Não gostas de cinema?
O post é sobre cinema e não sobre comida:))))))))

Arruda dos Vinhos fica onde, pá?
É muito longe de Guimarães, não é?
Se fosse relativamente perto, era uma questão a ponderar:)


Cêtê e Thora,

Não faço a mais pequena ideia do que é que estão a falar:)
Deve ser um problema geracional:) Loooooooooool

Cê_Tê ;) disse...

Acho excelente ideia a de o professor reeditar o seu texto ;P (quando muito bem entender e se lhe apetecer, modificado ou não).

Thora, ;))) tu é que pensas que não tem nada a ver uma coisa com outra! ;P
Quanto ao resto digamos que concordo e discordo mas não sei bem em quê!? ;P
Olha por exemplo o FDL parece detestar os HOMOs ;))) mas está sempre a falar neles, percebes? Tu e o impulso bélico não será uma coisa parecida? ;))))

Andorinha, filha ;)))) eu tanto percebo de próteses da anca, como de Wii, e do diabo a 7! Eu já nem sei que idade tenho dados os "meus" centros de interesse!

Fora-de-Lei disse...

Bartolomeu 8:31 AM

"Moro na zona de Arruda dos Vinhos, onde existe o sobejamente conhecido "Fuso", que serve entre outras iguarias um bacalhau muito especial."

Quando me lembro do Fuso parece-me impossível quando eu - com os meus 18, 19, 20 aninhos - ia de Lisboa até lá com os meus amigos de infância e mamávamos uma posta de bacalhau e uma costeleta de novilho cada um. Uma vez, estavam lá uns três ou quatro casais italianos (turistas) que, ao ver tanta "alarvidade", até nos tiraram fotografias e pagaram uma (ou mais) bagaceira(s) a cada um de nós. A seguir, costumávamos ir "fazer a digestão" para o jardim de Vila Franca. Só para apanhar vento do rio antes de regressarmos à base. Bons tempos. Comia-se à fartazana e não se engordava...;-)

lobices disse...

...concordo que Noiret é todo ele o filme, os filmes que refere...

lobices disse...

...por falar em Dezter, que está a repetir a primeira série, apeteceu-me dizer que, actualmente, Mad Men é a minha série de eleição...

andorinha disse...

Cêtê,

Obrigada pelo "elogio". Entendi.
Queres dizer que tenho que aumentar os meus centros de interesse, já que tenho muito poucos:)))


FDL(6.59)

Outro?????
Mas os homens só se interessam por comida?

"Comia-se à fartazana e não se engordava..."

Também tenho saudades desses tempos, confesso:)



O Lobices só veio agravar a minha situação. Afinal não é um problema geracional; é um problema meu, mesmo:)))

Anfitrite disse...

Ana,
desculpe ser eu a responder mas o professor anda-se a poupar.
Fazer uma análise do filme precisava de ser no fim-de-semana, e talvez já se tornásse um pouco fora de horas(não para mim). Porque não compra o livro "O Sexo dos Anjos" que está `venda na net, por apenas 12€, na WOOK.pt. É um grupo fidedigno da Porto Editora, onde eu compro todos os meus livros de cá. Mesmo em encomenda normal v~em entregar directamente a casa e a qualquer hora.
Até encontram livros esgotados se você pedir.
O livro transmite na integra os diálogos do programa feito sobre o filme e ainda tem o tal artigo do professor, onde esmiúça o filme. E além disso ele, que é forreta, ainda ganhava uns cêntimos para amortizar os 400$00 que gastou quando alugou o filme.


Bartolo,
Arruda dos vinhos, nunca mais. Só se mudarem o Fuso e os bons licores caseiros das tascas para outro lado. Durante meses fui obrigada a deslocar-me, todos os dias, desde Lx. para fazer uma inspecção nessa santa terra. Regalei-me no Fuso, mas não foi com bacalhau, que não é o meu forte. Mas havia uma tasca que servia um cozido de lamber os dentes. E ainda poe cima o motorista que me acompanhava, tinha feito uma operação aos intestinos e comia pouco. Mas eu não deixava ficar nada, nem dos chouriços dele.
Pelos vistos a idade não o impede de aprender depressa. Já perdeu os acentos todos. Por isso é que eu gosto de chamar a atenção assim à bruta. Porque tenho a certeza de que quem tem vergonha nunca mais se esquece, como eu nunca me esqueço de alguém que me ensinou alguma coisa.

Mar disse...

“um homem que faz o Cinema Paraíso e O Carteiro de Pablo Neruda pode roubar-lhe a frase e gritar do Céu dos artistas - confesso que vivi:)."

Se viver fosse apenas representar… era mais fácil. Era só seguir o guião.

Bartolomeu disse...

Andorinha, mal tinha iniciado a leitura da segunda linha do post, já havia passado por um bacalhau e um tinto alentejano... achas que me apetecia sentar num sofá e assistir a um filme Italiano, até porque nem gosto muito de filmes italianos e depois... para Tótó basto eu.
;)))

Bartolomeu disse...

Ora aí está, Fora de Lei, mantêm-se vvas as memórias de gula, mas... uma gula saudável, pelo que se percebe.
Não estará na altura de as reeditar?
;))

Bartolomeu disse...

Ainda Andorinha, Arruda dos Vinhos fica perto de Vila Franca de Xira, o que quer dizer que, se entrares no auto-estrada em Guimarães, é sempre em frente, não tens nada que enganar.
Sempre que estive em Guimarães, almocei num restaurante que constatei o ano passado, já não existe, "O Jordão".

Bartolomeu disse...

Minha amiga Anfitrite, vou fazer de conta que não li essa parte em que a minha cara amiga, declara ter comido o chouriço todo ao motorista... pobre homem, ainda por cima convalescente.
;)))
De todo o modo, deixo-lhe o mesmo desafio que ao "nosso" Fora de Lei.

Anfitrite disse...

Bartolo,
E se fôssemos ao Calhandriz?

Bartolomeu disse...

Ainda Anfitrite; a questão da acentuação, foi pura sorte... calhou!

Bartolomeu disse...

Calhandriz tem dois bons restaurante, Anfitrite.
Um deles costuma servir pratos de caça nesta altura.
Vamos nessa!!!

lobices disse...

...Andorinha:
...a RTP 2 exibe o melhor da n/ TV nas suas séries
...desde as Anatomias de Grey, aos Dexters até aos Mad Men... o que de melhor a TV exibe está na 2
...experimenta na próxima sexta, pelas 22,40 h. ver o episódio da série Mad Men (mesmo sem perceberes a sequencialidade da história, delicia-te com o guarda roupa, com a esmerada encenação da época, com o desempenho magistral dos actores, etc.)
...eleita há pouco tempo como a melhor nos EUA

fiury disse...

"Boa continuação":))))é a frase que mais me mexe com as vísceras, mas a escolha para o texto foi brilhante: melhor seria impossivél:)))

fiury disse...

cê-tê

Afinal é de letras ou de ciências?!
Irra, tanta cultura! Até mete nojo:))))

Anfitrite disse...

thora,
Nem o barulho das correntes das Cataratas de Niagára consegue abafar o ruído do meu "cantar".

Caidê disse...

Belos anos das sessões clássicas do Império, às 18h. Dos clássicos ainda ficou memória! Sem efeitos especiais, é verdade, mas com registos simbólicos e estéticos mais lentos, feitos para perdurar. Quer o Cinema Paraíso, quer o Carteiro do grande poeta nos transportam para o que há de sublime nos sentimentos - até parecem pintados, tão real é a sua representação na tela animada. Noiret carteiro é o poema da incivilitude, uma personagem que flui pelo sentir - é só alma. Noiret personagem é expressão que percorre o corpo - os olhos, os músculos do rosto, os dedos, as mãos, a curvatura com que se move, a secura estreita do peito entre o esqueleto e a musculatura até à derme, a musicalidade e tons da voz numa língua usada com doçura.
E é alma que também nos oferece C. Paraíso, e é capacidade para amar porque se realiza. Os artistas sim, realizam-se no que realizam. Face a algumas peças de arte, confesso que me sinto despovoada.

Bom, mas quanto ao vinho tinto, já ouvi da b1 e do seu poder como anímico, mas quer para o menino como para a menina. Como afro... e só para meninas nunca ouvi. Não será porque a casta e o ano foram extra? Não será porque há uma maneira feminina de beber o dito? Quero eu dizer mais vagarosa, menos excessiva, mais melosa, mais conversadora e degustadora?
Ai! Agora os deputados a entrarem-me em casa é que me afrontaram. "Palhaço" e "Esquizofrénico"? Que originalidade na ofensa e no desrespeito pelos nossos impostos, é claro. No café inventem o que quiserem para se machucarem.

andorinha disse...

Bartolomeu,

:)))

Vila Franca de Xira é muito perto de Guimarães:), por isso, se houver repasto, eu alinho.

Kékéisso repasto só para sulistas?!!!
Sou totalmente contra qualquer forma de discriminação, já sabes:)))

E vieste a Guimarães e não me disseste nada?
Nunca mais te falo, ou melhor, escrevo:) Loooooooooool
Há aqui excelentes restaurantes, aliás a gastronomia minhota é do melhor que há.


Lobices,

A RTP 2 tem boas séries, eu sei, mas dessas só vejo ( e nem sempre) a Anatomia de Grey.
Vou estar atenta na sexta, obrigada pela informação.

Cê_Tê ;) disse...

Não sei se é tabu agora desejar boa noite mas foi só isso que vim fazer...;P

(fiury, engana-se: sei muito pouco de pouca coisa.)

****e já que aqui estou...


Os homens lembram-me robalos...;))) ao se deixarem apanhar pela boca.

;p

Fora-de-Lei disse...

Bartolomeu 8:21 PM

"Ora aí está, Fora de Lei, mantêm-se vivas as memórias de gula, mas... uma gula saudável, pelo que se percebe. Não estará na altura de as reeditar?"

Mas eu vou reeditando-as de vez em quando. Só que de uma forma muito mais soft que antigamente...


Bartolomeu 8:33 PM

"Calhandriz tem dois bons restaurante..."

Calhandriz é bom é para o coelho bravo. Também lá enchia / enchíamos a placa muitas vezes. E o Bartolomeu nunca ouviu falar das famosas caldeiradas de cobra que o Baptista Pereira e amigos (já todos velhotes) organizavam em Alhandra ? Espectacular... ;-)

Fora-de-Lei disse...

Cê_Tê 6:54 PM

"Olha por exemplo o FDL parece detestar os HOMOs mas está sempre a falar neles, percebes?"

Por pouco, esta (insidiosa) provocação ia-me passando despercebida. Cê_Tê, meramente a título de exercício académico dê-se ao trabalho de investigar o que se passa com o "Plano Nacional de Leitura" dos EUA - definido por Kevin Jennings (o famigerado "Safe School Czar" escolhido por Obama) - e depois seja intelectualmente honesta e diga-me se eu tenho ou não tenho razão...

eda disse...

按摩棒電動按摩棒飛機杯自慰套自慰套情趣內衣
角色扮演情趣,情趣用品跳蛋情趣跳蛋

G點性感丁字褲吊帶襪丁字褲無線跳蛋

衣蝶
情趣按摩棒
潤滑液SM內衣性感內衣自慰器充氣娃娃AV情趣情趣用品

fiury disse...

cê-tê

O Filósofo tb só sabia que nada sabia, mas vou-me deixar de elogios a si: ainda pensa que me ando a atirar :)))) e logo eu que sou como o outro: uma retrossexual- uma heterossexual à moda antiga, que gosta de passeios na praia, de jantares à luz das velas, de mãos dadas no cinema.
Quanto aos homens/robalos ou sem ser robalos,não consigo opinar, desses não entendo muito:são muito estranhos.

Fragmentos Culturais disse...

Dois filmes belíssimos! Um actor de grande sensibilidade!

E por falar em cinema... já foi ver 'Agora' de Amenábar, claro!
Um realizador de sentimentos profundos, de olhar imenso sobre a humanidade.
Fica-se sentado na cadeira, a absorver a mensagem, enquanto o genérico vai rolando ao som da inefável banda sonora de Marianelli

Fique bem!

Su disse...

continuo amando esse filme............


e já agora, 5 x 5---nataleee:))))))


jocas maradas