domingo, dezembro 20, 2009

Boa noite.

Cantelães. O frio é severo, e no entanto acolhedor. Nem minha Mãe, agora anfitriã, permitiria que fosse de outro modo...

36 comentários:

AQUILES disse...

Já somos dois solitários, com a casa em silêncio, e em frente ao computador. Mias logo quando o resto do pessoal se levantar, largaremos a companhia do pc. Bom Domingo

flor disse...

Cantelães?! E nós?! Também temos frio.

Boa noite

Anfitrite disse...

Pitigrilli disse: Nasce-se incendiário e acaba-se bombeiro.

Eu digo: Oh como é triste sentir solidão estando acompanhado.

Eira-Velha disse...

Bom dia.
Vim aqui ver as novidades mas, especialmente, desejar que passe um Natal Feliz junto de todos que lhe são caros.

A Menina da Lua disse...

Oh Professor

Que graça que tem esta sua frase:)
A magia cabe nela:) pois só assim se pode ver o lado acolhedor do frio severo e a simbólica cuidadora intervenção da sua saudosa mãe.

Muito bonito. Gostei muito:)

Um bom domingo para todos.

goncalo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
goncalo disse...

Acabo de o ouvir na rádio. A escolha do tema não podia ser mais acertada. Subscrevo na integra o que foi dito, e acrescento: Por que não jantar fora no dia 24, ou 25? Parece que já se esteve mais longe... Sabe uma coisa? Este ano, quando tentávamos encontrar uma data para o nosso habitual jantar de natal, e perante a também habitual dificuldade, atrevi-me e atirei "Sendo assim, fica para 24... A resposta veio pronta: "isso é que era!..." Já imaginou, eu, pesaroso, a comunicar à família, este ano não vou poder..., já tenho um jantar combinado com os meus amigos)...Mas, contem comigo para o almoço de 25. É pena ser só fantasia...

11:28 AM

goncalo disse...

E já agora, atrevo-me a dizer que talvez tenha finalmente encontrado a sua parceira natural para o programa - a Inês. Um programa como o "O Amor é.." alimenta-se inevitavelmente do sentido de humor. E a Inês tem-no e muito...Até posso estar a ser injusto com a Ana(até pela sua beleza...) e, sobretudo, para com o António - esse grande lagarto, mas quem diz a verdade...

Cê_Tê ;) disse...

Bom dia!
Não imagino como será a serra e o interior ...
Mas acredito que seja como diz e como o transforma.
;)*

(E é sabido que os que amamos transgridem sem saber as leis da física- só porque o queremos.)

Bartolomeu disse...

Que importa o frio... desde que haja o amor aconchegante de uma mãe...
Não descurando (corando) o calor de um corpo de mulher...
Hmmm?
É evidente que na mulher, não é somente o corpo, que atrai o homem!
Tivesse "ela" só corpo e estaria ao lado do televisor... em modo de stand by... ou de poupança de energia...

Lou disse...

bom dia !
Sr. Professor !
Mais uma vez a sua conversa de hoje foi muito salutar, espero que muitos tenham tirado uma lição de e para a vida. Se por aí anda o frio,por cá igualmente(Lisboa),mais logo no CCB ao som dum concerto de Natal iremos aquecer as almas !Aproveito para desejar a todos os que aqui o visitam, umas boas festas em todos os sitos e ao calor da lareira.
Admiradora
Lou

AQUILES disse...

FLOR

Na mouche essa do "bem querer"

Fora-de-Lei disse...

Bartolomeu 12:36 PM

"É evidente que na mulher, não é somente o corpo, que atrai o homem! Tivesse "ela" só corpo e estaria ao lado do televisor..."

Bartolomeu, deixe-se lá de tangas... ;-)

flor disse...

Aquiles,

Obrigada, é confortante saber que partilhas da minha opinião.

Bart,

Gostei das tuas palavras, o Fora-de-Lei está a ser muito radical ou encontra-se na adolescencia.

a jigsaw disse...

Professor Júlio Machado Vaz,

Gostaria de entrar em contacto directo com o senhor. Para que mail poderei fazê-lo?

ssnribeiro@hotmail.com

Agradeço a atenção :)

Susana

Bartolomeu disse...

Oh meu amigo Fora de Lei... eu não xei xe zeee...zeee...zeee, obetria alguma erecxão, digo, zeee...zeee...zeee... algum ezzztímulo, com aquelazzz... aquelezzz... aquilozzz...
Debe xer coija, zee...zeee...zeee... de deixar a cexa... as cabexas... de um homem totalmente baralhadazazaz...
Não habia nexexidade ze-ze...ze-ze...

andorinha disse...

Boa tarde.

Deixo-lhe um beijinho e um :)

Aqui no berço também está um frio de rachar...

andorinha disse...

Gonçalo (11.37)

Totalmente de acordo.
A Inês é uma óptima parceira, sem dúvida. Tem intervenções absolutamente deliciosas.

FDL(2.38)

Só tu para desvirtuares este espírito natalício:))))))

Bart,

Estás a ter uma apoplexia?:))))

Ai, homens, homens!......
:)

Fora-de-Lei disse...

Bartolomeu 5:34 PM

"Oh meu amigo Fora de Lei... eu não xei xe zeee...zeee...zeee, obetria alguma erecxão, digo, zeee...zeee...zeee... algum ezzztímulo, com aquelazzz... aquelezzz... aquilozzz..."

Eu sei que é fácil um homem perder a cabeça por uma mulher sem cabeça. Mas cuidado com a tensão arterial...


andorinha 6:25 PM

"Só tu para desvirtuares este espírito natalício:))))))"

Mas haverá melhor espírito natalício do que aquele que está sujacente à imagem da mulher perfeita ?

Cê_Tê ;) disse...

(FDL, só por (genuína ;P) curiosidade: o FDL tem um televisor LCD, plasma ou dos 3D-XXL? ;)))

Cê_Tê ;) disse...

Quanto aos programas são de facto deliciosos ;). Tenho feito deles a minha "missinha" ainda que os oiça aqui e com atraso ;(((

thorazine disse...

Eu tive as cinzas do meu pai em casa durante uns meses. E, apesar de muita gente achar "creepy", eu achava reconfortante às vezes dialogar com o pote de latão.. :) Agora, que os últimos átomos foram repostos no grande ciclo do universo, na sua viagem de regresso às estrelas (obrigado Sagan, pelo conceito!!), vai-se falando e espera-se a resposta produzida pelos meus neurónios responsáveis pela memória! :))

PS - http://www.youtube.com/watch?v=0JeZ4mNPzw8 "A desfolhada" da Simone, mas a cores!!! Que regalo para a vista.. :)

*Sherazade* disse...

Este frio sabe a Natal!
Um bom Natal e um 2010 cheio de realizações pessoais e profissionais

Beijinhos da
Carolina
Sherazade

thorazine disse...

Eu por acaso não concordo que a Inês seja a pessoa ideal para um programa com este registo. Gosto do "pedro e inês", onde ela mesmo admite que pode estar mais relaxada e dizer o que quiser sem o "peso" que os temas têm e, muitas vezes, a responsabilidade que as suas palavras têm na maneira que os ouvintes se sentem. Por exemplo, sinto que às vezes ela inconscientemente exprime a sua opinião sobre acções ou situações que as pessoas vivem, sem ter o cuidado que algumas pessoas que estão a ouvir, e que estão a passar por essas situações se sintam julgadas e desconfortáveis.

Se fosse eu o produtor, punha o Prof a conversar com alguem do mesmo "calibre". Por exemplo, do género da professora Gabriela Moita. Alguém que conseguisse divagar, acompanhar a conversa com as suas próprias opiniões e não fosse apenas um "puxa conversas". Não era preciso ser a professora, não sou saudosista, mas pelo menos um programa com o mesmo registo.

andorinha disse...

Thora,

A Inês não é só a pessoa ideal, é a pessoa idealíssima:)

Em relação ao António não me pronuncio porque o programa era em directo de madrugada:) e a essa hora não me convidem para ouvir seja o que for:))))

A Ana dava-lhe um jeito, mas a Inês é de outro calibre.

E não acho nada que o programa devesse ser feito por dois sexólogos. E digo já que adoro, venero e outros verbos que agora não me ocorrem:))) a Gabriela Moita.
Saudade imensa de a ver na TV.

O formato ideal parece-me este, o Júlio a conversar com uma pessoa que não é da área.
E a Inês está muito longe de ser apenas uma "puxa conversas".
E "puxa-as" de uma maneira cativante, com um sentido de humor que me delicia.
Rio-me quase todos os dias com os dois, por aqui se vê que esta é a fórmula ideal:))))

"Por exemplo, sinto que às vezes ela inconscientemente exprime a sua opinião sobre acções ou situações que as pessoas vivem, sem ter o cuidado que algumas pessoas que estão a ouvir, e que estão a passar por essas situações se sintam julgadas e desconfortáveis."

Esta crítica já foi aqui feita em relação à Ana, não sei se por ti, se por outra pessoa, não quero mentir...

Em relação à Inês não notei nada disso até ao momento, concedo que posso não ter estado atenta a esse aspecto.
De qualquer forma ela tem todo o direito de expressar a sua opinião e os ouvintes de concordarem ou não, é tão simples quanto isto.
Há ouvintes melindrados?
Não sei, só os dois poderão ter algum feedback em relação a isso.

E pronto, é isto que se me ocorre dizer sobre este assunto...

Jinhos, miúdo:)

flor disse...

Fora-de-Lei,

Foste muito agressivo, até tive curiosidade de ver o teu perfil, para saber a tua idade, afinal não és adolescente mas sim uma desilusão...

goncalo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
goncalo disse...

Parabéns aos benfiquistas!..mas, sinceramente acho que este ano isto está para o Braga...

thorazine disse...

andorinha,
sim, fui eu. Acho que esse é um ponto importante quando se fala de coisas que mexem com a intimidade das pessoas - pois, acho que um programa em que se fala dos temas como os que normalmente são abordados não é apenas para entreter, mas sim também para informar, ou mesmo ensinar e ajudar os ouvintes. Acho um erro crasso por vezes, depois do prof abrir o jogo, ser compreensivo e mostrar abertura ela fazer certos comentários.

"Eu por acaso não concordo que a Inês seja a pessoa ideal para um programa com este registo. "

Sim, tens razão, ela é ideal para este registo. Tenho de reformular a frase. Ela não é ideal para o registo que eu gostava que o programa tivesse.. :))

É obvio que a Inês é livre de ter as suas opiniões. E todos temos opiniões que se as partilhássemos, mesmo a pessoas mais próximas, elas se iriam sentir julgadas. É um programa de autor, e os autores é que decidem o que fazem. A liberdade está nos ouvintes, em que podem deixar de ouvir ou ouvir e dar a sua opinião. E eu só estava a dar a minha opinião, que vale o que vale, não sendo eu nenhum senhor da rádio nem master em psi. l:)

Julio Machado Vaz disse...

Thora,

Magnífica, por lúcida, reformulação:). Entre O Amor é... e o Estes Difíceis Amores há uma diferença de estilo perfeitamente assumida.

Fora-de-Lei disse...

flor 10:21 PM

Isso é tudo stress das compras de Natal ?!

flor disse...

Fora-de-Lei

Se calhar tens razão...mas é por não poder comprar!

engracia disse...

Eu, às vezes,sinto mesmo que há pessoas que muito amei que partiram mas me continuam a amar.Sempre fui e sou agnóstica?

thorazine disse...

Prof,
e com jeitinho vou admitir que sou saudosista.. :)))

http://www.youtube.com/watch?v=rLe6HMUO-mc

Ò tempo, volta para tráááás...

Su disse...

opssssssssssss
venho aqui para chorar!! é????

opsss

jocas maradas

G-Souto disse...

...e por falar em sua mãe, apresentou-se de imediato à lembrança, a admiração que meu pai tinha pela voz cristalina, ouvida entre Aznavour e Bécaud!

E os aromas da casa dos pais voltaram de mansinho e instalaram-se no 'olhar da memória'!

Sereno Natal!
(fragmentos culturais)