quinta-feira, dezembro 24, 2009

Um Bom Natal para todos e obrigado pela ternura:).

Calcorreou centros comerciais, alfarrabistas, mercados, galerias de arte, discotecas e até o sótão lá de casa, que o pó guarda tesouros merecedores de laçarote feito e olhado com sorriso. Nada. Verdade que a ambição era de monta - presente que fosse arauto e espelho de sentimento profundo e cálido. O ridículo de voltar a casa de mãos vazias, quando as dos outros não chegavam para tanto embrulho:(. Ridículo... Pessoa... "Aquelas" cartas... A hesitação perante os riscos de um strip-tease verdadeiro e não disfarçado pela nudez. A secretária, o caderno de argolas promovido a papel de carta. As palavras. Primeiro tímidas e enferrujadas, depois em galope de rio tão ávido que desagua na outra margem do oceano. A mão cansada antes delas. A cabeça exigindo balanço, eventual correcção ou voo para o lixo, enfim!, pretextos para meter (alguma) ordem no coração. A difícil leitura de uma escrita vulcânica, sinuosa, aqui e ali hieroglífica, tal a pressa de chegar à palavra certa; definitiva. O desconsolo. E no entanto...
Um P.S. lento e diligente, herdeiro dos cadernos da escola primária, só faltava a língua espreitando à janela dos lábios - "Procurei que estas linhas desenhassem o que tento e não consigo dizer. Nem de um esboço chegaram perto:(. Mas repara bem - algures no seu entrançado caótico, elas abrigam o que te cose a mim. Feliz Natal."

Os versos finais da canção do Chico esgueirando-se, invisíveis, envelope dentro:
"O que será, que será?
Que todos os avisos não vão evitar
Por que todos os risos vão desafiar
Por que todos os sinos irão repicar
Por que todos os hinos irão consagrar
E todos os meninos vão desembestar
E todos os destinos irão se encontrar
E mesmo o Padre Eterno que nunca foi lá
Olhando aquele inferno vai abençoar
O que não tem governo nem nunca terá
O que não tem vergonha nem nunca terá
O que não tem juízo..."

Suspirou. Porque não se vende talento, nem sequer nas floristas? Porque não é passageiro obrigatório do Amor? Talvez para O tornar mais humano e democrático. O pensamento era reconfortante...
... Mas o tempo, esse, não era de torpor contemplativo, levantou-se de um pulo - a que horas fechariam os Correios?

59 comentários:

Carolina disse...

Que a magia encandatora que surge no Natal nos faça reflectir, pensar que não podemos procurar fora aquilo que está dentro, não devemos esperar as coisas mudem mas muda-las nós e lutar pelo que desejamos apaixonadamente.
Um belo Natal e um 2010 repleto de realizações pessoais e profissionais! Muitas estrelinhas

thorazine disse...

O nosso natal vai ser bom. E o dos outros?

http://www.youtube.com/watch?v=fvNRHrKyaX4

Feliz natal!

andorinha disse...

Bom Natal para si também.
A ternura não se agradece, dá-se a quem a merece.
E como a merece...:)

Anfitrite disse...

O meu sentir é grande mas o meu talento é minúsculo, precisamente porque não está à venda. Se estivesse nas floristas eu era uma dotada, porque é dos lugares que mais gosto de apreciar.
Nestas alturas nem tenho forças para procurar nada, porque não quero avivar o que nunca esqueço.
Obrigada e muita Luz.
☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼☼

Anfitrite disse...

Thora.
Assim não há natal que resista. Os ouvidos não entendem o que os olhos estão vendo. Como é que estes seres ainda têm lágrimas para chorar?
Porque será que nós reclamamos tanto e estamos sempre descontentes?!
Veja ou reveja as imagens deste repórter de guerra e verá que os sonhos não lhe passam da garganta.


http://www.jamesnachtwey.com/

thorazine disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
thorazine disse...

Anfitrite,
Obrigado, já conhecia. Há uns anos vi um documentário sobre este fotógrafo. Lembro-me de alguém da família dizer que ele raramente falava do que via e sentia. Mostrava as fotos.

moon disse...

Um beijo doce e um Natal Feliz!

Su disse...

o q será q será--------------------


jocas maradas..sempre

AQUILES disse...

Dsejo a todos Boas Festas.

Cê_Tê ;) disse...

Uma parte de mim manda dizer que escreve muito bem. ;))) Obriga-nos a ir ao dicionário online e ficar com a sensação (eu pelo menos fico) de que não conhecemos a riqueza da nossa língua.
Um post muito "cálido"! ;P (eu pensava que cálido era puro ;P)



Resto de boa noite

fiury disse...

http://www.youtube.com/watch?v=0NPK7GEnaNY&feature=player_embedded#

Telmo disse...

Um bom Natal para si também, adorei ler este texto tão cheio de conteúdo, frases muito bem construidas com sentimento e palavras bem utilizadas para a sua descrição, como bem escolhida a musica do Chico para o expressar, sim "porque não é passageiro obrigatório do Amor?..." inspirador de tão belos poemas e textos, porque tanto talento desperdiçado sem dar o devido valor!.. grande abraço e uma semana com muita paz e amor e que 2010 traga muitas alegrias..

fiury disse...

http://www.youtube.com/watch?v=q0RjFhymjho

Caidê disse...

Muita ternura para todos também!

http://www.youtube.com/watch?v=cM9x03rWNbA

Amén

Anfitrite disse...

Vá lá.
Levantem esse astral.

☺♫♫♫♫♫♫♫♫♫♫♫♫♫♫♫

http://www.youtube.com/watch?v=sAFI1i5FIBc

Cê_Tê ;) disse...

Bom dia!;)

Anfrite, loool fantástico!

Mena disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
A Menina da Lua disse...

Professor

Hoje ao ouvir o seu programa ri-me gostosamente. Feito um pouco à laia de conversa solta e tal como disse, até com uma pontinha de futilidades:) achei-o muito interessante. Falar de confusão amorosa, juntar-lhe dúvidas e ponto de situações e ainda reflexão e envelhecimento, não é coisa fácil mas esteve muito "no ponto"...aliás como quase sempre:)

Anfitrite:)

Tambem achei muito divertido!

Cê_Tê ;) disse...

(Não consigo já há algum tempo ouvir os programas actualizados- aqui na Net!;((( e é pena. )

Anfitrite disse...

Ainda bem que contribui para o bom humor desta gente.

CÊ_Tê
O Menino Jesus deve ter-lhe dado muito boas prendas:)

Menina da lua,
Ainda bem:)
Como é muito recatada vou ver se cora:
Essa de afirmar que o professor está quase sempre no ponto trás água no bico.
^.^

yulunga disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
yulunga disse...

Um miminho de Boas Festas para todo o maralhal Podem ouvir a música deitados no chão de barriga para o ar ;-)

Anfitrite disse...

Yu.
não sabia que tinha esse problema:)
Mas que nos queira matar a todas com uma gripe, não está certo.
Boas Festas!

yulunga disse...

Anfitrite
LOL
Tenho e não tenho.
Essa da gripe é que não apanhei.
Boas Festas também.

A Menina da Lua disse...

Yuly:)

Sua romântica!:)
A menina tome cuidado; com a gripe mas principalmente com o love:))

Anfitrite:)

Sua malandra!:)
Nem pense que lhe vou responder, tire o cavalinho da chuva:)

E Boas Festas tambem para vocês.

Laura disse...

Boas Festas para todo o Murcon.
Mesmo atrasado, aqui fica o meu cartão de Natal
(e digam lá se não é delicioso :):)
http://www.youtube.com/watch?v=g2o3hkWMO94

Anfitrite disse...

Espero que não precisem do saco de água quente:)

http://www.malhanga.com/musicafrancesa/joe/et_si_tu_nexistais_pas.htm

Caidê disse...

O ano está a fechar a porta das traseiras.
Não tarda que amanhã não seja apenas outro dia, mas seja também um novo ano.
Gostaria de ver pelas ruas de todas as cidades, sairem à rua os pequenos ou grandes artistas, cantando, tocando para a mudança social. Global, se faz favor!
http://www.youtube.com/watch?v=Us-TVg40ExM

Os anos passam e todos nos arriscamos a não ver nem muito mais, nem muito diferente, nem muito melhor. Mas gostaríamos!

Mortais, sim! Mas só precisamos morrer uma vez.Não nos confrontem, pois com tantas mortes antecipadas, ainda que sejam as dos outros.
Pois é! Alguém disse :"A justiça não existe no abstracto. Existem sim as políticas!"

CCF disse...

Já se escreveu muito e muito bem sobre o amor, esse é o problema. Mas há sempre qualquer coisa só nossa que aparece, nem que seja o nosso cheiro a infiltrar-se nas palavras, tornando-as aqueles para quem as escrevemos os seus únicos proprietários.
Bom 2010!
~CC~

Fora-de-Lei disse...

CCF 12:38 PM

"Já se escreveu muito e muito bem sobre o amor, esse é o problema."

Aqui também muita gente escreve sobre o amor. Espero que não seja pelas razões "erradas"...

«Um etnólogo passou uma grande quantidade de tempo com um grupo de índios navajos para estudar as suas canções. Gravou centenas delas, e aprendeu a decifrar-lhes todas as sílabas. E aquilo era tão conspícuo que teve mesmo que perguntar. Ouve lá, disse ele a um amigo navajo. Isto não deixa de ser curioso. Todas as vossas canções falam de água. Pois, respondeu o navajo. Nós, como todos os povos do mundo, fazemos das nossas canções hinos às coisas mais preciosas que não temos. Ao dizer isto o navajo franziu as sobrancelhas e fez uma pausa, surpreendido por um pensamento que ainda não lhe tinha ocorrido. Tem piada, disse ele por fim ao estudioso. As vossas canções são todas sobre o amor, não são?»

PAH, nã sei! disse...

Esperando que tenha tido um Santo Natal, beijinho para o chefinho e para o resto da cambada murcónica!!

goncalo disse...

Prof,

Já li a notícia do parecer téncico aprovado pela Ordem dos Médicos sobre a "cura" da homossexualidade. Julgo que merece um post. Dá um bom debate. Homossexualidade Primária, Secundária ou a mera ambiguidade. As velhas chavetas, sempre presentes.

andorinha disse...

Onde leste isso, Gonçalo?
Eu acabei de ler o contrário no Correio da Manhã.

Ordem dos médicos reitera que não é uma doença.

O Conselho Nacional Executivo da Ordem dos Médicos reiterou esta terça-feira que a homossexualidade não é uma doença e que não existe qualquer tratamento.

A posição da Ordem baseia-se num parecer do Colégio de Psiquiatria, que define a homossexualidade como uma variante do comportamento sexual e não como uma doença.

Julio Machado Vaz disse...

Gente,

Amanhã talvez faça um post, agora estou todo roto, mas, como afirmei à Lusa, o Parecer é globalmente satisfatório. E não apoia essas "novidades" do primária e secundária...

Cê_Tê ;) disse...

- Boa noite a todos!;)Um café com aroma a bauninha, por favor!

Andorinha antes de mais obrigada pelos "pontos"! (A minha autoestima está com uma linda cicatriz!;P).
Agora ouve:P: Francamente! Lês o Correio da Manhã?!?!? Pior: confias no que lá se escreve?
(Dou-te o privilégio ao FDL para te castigar.)

;) continuação de boa noite

andorinha disse...

Cêtê,

"Pontos", autoestima?
Não entendi nada, não faço a mínima ideia do que estás a falar:))))))))))

Não leio esse pasquim, por quem me tomas?:)))
Acontece que andava por aqui clicando, fui lá parar e li.
Não ia dizer que li no 24 horas:) Loooooooooooool

Esta notícia pareceu-me fiável.

Mas olha, quanto ao CM às vezes dou um saltinho até lá e divirto-me imenso com certas notícias que por lá aparecem. E rio-me e como o riso é saudável...

O FDL para me castigar? Posso escolher o castigo, posso?:)))

Fiquem bem.

andorinha disse...

P.S. Já entendi.
Lamento se a tua autoestima está com uma bela cicatriz, mas as verdades são para se dizer.:)))))

Jinhos.

Fora-de-Lei disse...

goncalo 9:40 PM

"Já li a notícia do parecer técnico aprovado pela Ordem dos Médicos sobre a "cura" da homossexualidade. Julgo que merece um post."

Eu já tinha lançado uma provocaçãozita aqui há uns dias atrás. Vou estar atento. Até lá fico-me naquela que diz que "só para a morte é que não há cura"... ;-)


Cê_Tê ;) 11:01 PM

"Francamente! Lês o Correio da Manhã?!?!? Pior: confias no que lá se escreve? (Dou o privilégio ao FDL para te castigar.)"

Eu já lhe dou o arroz... ;-)


andorinha 11:34 PM

"O FDL para me castigar? Posso escolher o castigo, posso?:)))"

Não tens escolha. Mas olha que corres o risco de te tornares masoquista... ;-)

Anfitrite disse...

FDL
1:17 PM
«As vossas canções são todas sobre o amor, não são?»

♫ O amor anda no ar♫

Você que não fala de amor mas fala tanto do seu amigo Jonh Fodewell deve ter algum problema.

Na verdade andamos todos muito necessitados dessa coisa a que os poetas bipolares resolveram chamar amor.

Será/ia amor:

-os casamentos que se faziam, até há pouco tempo, entre famílias reais, consanguíneas, transmitindo hemofilias por esses reis todos da nossa história, e agravando outras doenças;

-as mães que raramente viam os filhos, sendo estes criados por amas, em andares separados;

-o homem bater na mulher e nos filhos porque são seus(apesar de ser um crime público), mas ninguém quer meter a colher;

-Os chineses que tinham mais de uma dezena de filhos, para ter gente para plantar arroz e que defecassem muito(apesar de comerem pouco) para terem adubo para as terras;

-os indianos e todos as países do turismo ocidental, e não só, venderem as filhas para se prostituirem;

-certos homens africanos cuja profissão é fazer filhos para vender, para os mais diversos fins, sendo essa a sua fonte de rendimentos;

-excisarem as mulheres para não terem prazer, só parirem e trabalharem;


Há apenas umas excassas dezenas de anos todos os casamentos eram contratos de interesses, em que os visados nem se conheciam.

Isto foi escrito conforme me veio à cabeça, muita coisa faltará, mas não me quero alongar.


A úNICA COISA QUE O HOMEM SEMPRE FEZ, AONDE QUER QUE CHEGASSE, OU PARA LÁ CHEGAR, FOI GUERREAR. E DEPOIS REPRODUZIR-SE PARA CONTINUAR A ESPÉCIE. E ASSIM CONTINUARÁ....

Anfitrite disse...

Professor,
quem escreve-"amanhã talvez faça um post" é porque está mesmo todo roto. Por isso acho melhor adiar.

E se mete Ordens e Santos Ofícios, pior ainda:)

andorinha disse...

FDL (12.13)

Loooooooooool
Os castigos são assim tão bons?
Venham eles então...:))))

Cê_Tê ;) disse...

Boas!;)

Andorinha, vê lá se FDL te saí SADO. ;P

andorinha disse...

Não há perigo, cachopa, estamos geograficamente muito distantes, por isso posso mandar as "bocas" na boa....:)

Fora-de-Lei disse...

Anfitrite 4:03 PM

"Você que não fala de amor mas fala tanto do seu amigo John Fodewell."

Meu amigo ??? Já disse aqui várias vezes que John Fodewell é um escritor / poeta nacionalista irlandês...


andorinha 9:57 PM

"Os castigos são assim tão bons? Venham eles então..."

Mas é que é já a seguir... ;-)


Cê_Tê ;) 10:34 PM

"Andorinha, vê lá se FDL te saí SADO."

A andorinha sabe que eu sou mais TEJO... ;-)

Caidê disse...

Anfi
Nem eu fui tão crua a lembrar infidelidades do mundo ao mundo. Porra! Nada daquilo foi amor. Como parecemos saber tão bem coisas que outros não queriam saber de saber !
Mas qualquer garoto de 11 anos pode virar-se para uma prof. que lhe fala da liberdade, da igualdade e da fraternidade como leitmotivs da Rev. Franc. de 1789 e
questioná-la :" Mas ainda hoje não é assim, pois não? Nem todos pagam igual por igual crime, pois não"? E a prof. fica contente por ouvir reparo tão sano de tão pouca idade e só pode responder que o direito custa muito dinheiro, para mais com a lei que temos. E depois a prof. pensa também o que será o mundo quando o tal cachopo for gente assim da idade da prof.
É caso para acreditarmos nas gerações vindouras, ou não?
Sim, é que as gentes dos 60's e dos 70's andam já rotas. Essa é que é essa! Ou não será, Professor? Na verdade, já temos dias!...
Haja racionalidade no mundo! A partir daí, creio poder haver amor. E já disse que o amor é a dois ou em grupo, pois lá tem a sua essência e os números pouca importância têm.

Anfitrite disse...

Fora de lei,♂♂♂♂♂♂♂♂♂♂♂♂♂
Se este é o seu amigo escritor, poeta nacionalista irlandes, deve ser daqueles que agora foram presos ou expulsos por pedofilia e estupro de jovens.

Fora-de-Lei said...
A Menina da Lua 11:14 AM

""Ahh espelho meu, espelho meu
Se isto fosse um conto de fadas
Também eu seria um folgazão
Não fugiria de umas trombadas
Em tantas Marias malfadadas
Que tiram tudo, até a tesão

John Fodewell""

Anfitrite disse...

Não é preciso amar as pessoas para lhes desejar:


http://www.jacquielawson.com/preview.asp?cont=1&hdn=0&pv=3175362

basta gostar e querer viver em paz.


Mas Caidê, depois respondo com mais tempo, não é escondendo a realidade que se torna as pessoas felizes.

Fora-de-Lei disse...

Anfitrite 2:28 AM

"Se este é o seu amigo escritor, poeta nacionalista irlandês, deve ser daqueles que agora foram presos ou expulsos por pedofilia e estupro de jovens."

Nada disso, até porque a sua filiação cívica / política nunca teve nada a ver com a ICAR ou o GOL...

goncalo disse...

Julgo que sim, o melhor é deixar para 2010). Posts a pedido, nunca foram boa solução.

Aproveito para desejar a todos um Feliz Ano Novo!

A Menina da Lua disse...

BOAS FESTAS

Um fantástico ano 2010 para todos... Mas já sabem tambem têm de dar uma ajudinha à sorte...:)

Beijinhos e em especial para o nosso admirado anfitrião.

JFR disse...

Para todos um Feliz 2010. Deixo um interessante poema de autor desconhecido e alusivo à época.

Para você ganhar belíssimo Ano Novo...
Não precisa fazer lista de boas intenções
para arquivá-las na gaveta.

Não precisa chorar de arrependimento
pelas besteiras consumadas nem,
parvamente, acreditar que por decreto da esperança,
a partir de Janeiro
as coisas mudem e seja claridade,
recompensa, justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados,
começando pelo direito augusto de viver.

Para ganhar um Ano Novo que mereça
este nome,
você, meu caro,
tem de
merecê-lo, tem de fazê-lo novo.

Eu sei que não é fácil mas consciente,
tente,
experimente.

É dentro de você que o Ano Novo
dorme e espera desde sempre.

Cê_Tê ;) disse...

Boa noite!

Ouvi dizer que hoje o café é gratuito ;P e que os empregados de mesa estão de folga ;P
Para a malta deste "caféziho" (proprietário incluído ;)) um excelente Novo Ano.

bjnhs

Cê_Tê ;) disse...

(esqueci-me de dizer: ;))) FDL esteve muito bem!;P Bom Ano para si tb)

Fora-de-Lei disse...

FELIZ ANO DE 2010 PARA TODOS !!!

fiury disse...

Desejo que o NOVO ANO represente um Ano de gestos de AMOR com os que mais precisam, com os que estão ao nosso lado e com o nosso País.

http://www.youtube.com/watch?v=ZnvIXW-ZhVU

Ao contrário de algumas cidades a "Acreditar" ainda não tem casa no Porto.

Princesa Isabel disse...

A vida é feita de pequenos nadas...
Do bolo de coco que a minha amiga Ana Cristina me ofereceu hoje, do vento a bater no rosto, do abraço quente do meu sobrinho Gui, da voz suave da minha filha Vanessa a desejar Bom Ano do lado de lá do Oceano, da voz do meu querido Fernando a cantar, do talento do Zé Salgueiro na bateria, do jeitinho do Bisnaga a tocar acordeão, do virtuosismo do Edu, do beijinho da minha amiga Elsa ao telefone, do sorriso matreiro do meu querido sobrinho Rodrigo, das larachas inesperadas da minha sobrinha Camila, da teimosia do meu irmão Rui, do riso da minha cunhada Maria, da gargalhada da Isabelita, da "Maravilha" cantada pela Mena, do espanto do Norbert quando viu a boina à tuga que lhe ofereci, das imitações do Carlitos, dos suspiros da Zezinha porque os canários não cantam e as hortaliças não crescem, do olhar agradecido dos meus cães Bolinhas e Alex por eu ser a sua dona querida, do jeito dengoso das gatas Luna e Sofia que se passeiam pelo jardim, do ronronar do meu gato Bolinhas que teima em ocupar a chaise longue lá de casa, de canções imortais como "Os filhos da madrugada" do querido Zeca Afonso, da cor do mar de S. Julião, do calor do Sol tímido desta época e do exibicionista Sol de Verão, do verde das montanhas, da luz prateada da Lua, das bocas do Américo, dos tiques do Ricardo, das bocas do Jaime, da amizade de tantos que me rodeiam, do frio deste Inverno, da chuva que não pára, das vitórias do Benfica (o resto nem vale apena dizer, ... eh, eh, eh...) enfim, da Vida!

A Vida é, afinal... feita de Vida!

Henrique Dória disse...

Para si, professor, e todos os que ama, um felicíssimo 2010.
Este voto é extensivo a todos os que visitam o Murcon.

dioospireiro disse...

OLá!