quarta-feira, junho 15, 2011

Troquei o Eco pelos cátaros. Traduzidos...:).

E Dieus devalec del cel ab XII apostols e adombrec se en sancta Maria.

Grossa heresia, quem é o primeiro a apontá-la? Podem copiar!, aqui também vai tudo corrido a dez:).

92 comentários:

Interessada disse...

Não sei catalão :(
BOA !: Além da triste assumpção da trafulhice, os parceiros de exame que sejam honestos ficam prejudicados.

Para quem não souber do que se trata:

http://www.dn.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=1878745

ana b. disse...

"E Deus desceu dos céus com os doze apóstolos e pôs-se à sombra de Santa Maria" - Oração Cátara do sec. XIII.
Presente na obra do trovador medieval Jacme Fournier.

Prof: com esse nome só conheço o da gangrena:)))

Tangerina disse...

Bela troca! :-))

Eu estou a apontar religiosamente todas as sugestões do Manuel (livros e música) e já sei qual o próximo livro que vou comprar. ;-)



Pedro,

Eu gosto MUITO de água tónica bem geladinha com uma rodela de limão. Muito.

T.

Manuel disse...

Prof.

Podemos copiar ou consultar?

Mas como nós não somos candidatos a juízes, o próprio copianço não se reveste de grande gravidade.

Estando o copianço, e mesmo o plágio, na moda, até por via das novas tecnologias do copy/paste, (veja-se o caso do ministro alemão da Defesa, forçado a demitir-se, e de uma Prof.ª do Instituto Politécnico do Porto, forçada a desistir da profissão, ambos por terem plagiado as teses de doutoramento), nada melhor do que um juiz treinado na técnica para poder julgar no futuro os casos semelhantes ao seu.

ana b. disse...

Prof:

A interpretação da oração fica ao critério do Bart. Parece-me adequado:)

Moon disse...

Então...

Um dezito em "Investigação Criminal e Gestão do Inquérito", convém!

Para não estragar a tradição!:)

Não fosse esta "fornada" do CEJ sair "cheia de nove horas" e desatar a investigar a sério, estilo CSI...

Sabe Deus aquilo com que davam neste "cantinho de brandos costumes", chamado de Portugal.

Assim, fica tudo bem!

E se as scutas não dão em nada é porque,
Ai, não foram autorizadas...
ups... passou o prazo...
God, não foram validadas...

Tudo calmo. Não passa nada:)

Agora estragar a média à malta em occitâno, é que não vale, Prof.!:(

Seu mau!:)

Àgua Tónica disse...

Vamos cantar os parabéns ao papá!
Foi assim que começou:

http://www.ibm.com/us/en/

100 anos

Àgua Tónica disse...

Tanger,

Então vais ficar ao meu lado ou á minha frente dia 2.

Àgua Tónica disse...

Mais ums coisinhas de contrabando:

http://youtu.be/fNAkqhHAJFs

Interessada disse...

A heresia é que os apóstolos não subiram aos céus ? Os apóstolos acompanharam Jesus e não Deus ?
Se os apóstolos desceram à terra, foi de paraquedas :)

Caidê disse...

Ana
Para mim tanto faz 25 como 2 desde que joguemos a feijões.:-))))! E cá ou lá também! Desta vez voto branco.

Quando digo que os gémeos me puxam para a loucura não minto. Eu até já fui a Espinho ver um concerto Jazz só para não ficar aqui por Cascais. Fugir à rotina - eis um segredo que não olvido.

Pedro
Votas no 2?
E és do Dragão, rapaz, ou eu entendi mal o contexto?

Murcons
Parece que vamos a eleições?!
Que programas é que se podem aproveitar se formos à Invicta?

Prof.
Tudo corrido a dez é Excelente. Um prof. que tive (mas não foi o Dr. Pacheco Pereira, garanto)argumentava que o aluno de dez era o mais espertalhão - não se cansava para lá do essencial e destrinçava na perfeição o acessório.

Desde que o exame não se faça no Alentejo e que não haja chumbos, já vale! :-)))

Àgua Tónica disse...

carangueijo de signo ascendente: balança escorpião dragão no calendário chinês. parece-me um bom principio. correr tudo a dez.

Anfitrite disse...

Profe,
Como não darão os professores 10 a todos os alunos, se alguns deles compraram os títulos académicos, ou plagiaram os trabalhos da net?

Quanto aos futuros juízes não sei se este já é, dado que a notícia já é um pouco antiga.

Reencaminho como a recebi.

*Por favor espalhem esta obscenidade, pois alguma coisa tem que ser feita*

PEDÓFILO VAI SER JUÍZ!!! SÓ MESMO EM PORTUGAL.....

Quando o magistrado Rui Teixeira é vetado para uma promoção a que tem
direito pela nota meritória da sua avaliação, certamente por ter cometido o erro, de mandar prender suspeitos de pedofilia, pasmem meus senhores, pois neste mesmo país, o NOSSO, o acusado pedófilo Hugo Marçal vai poder frequentar um estágio para Juíz...
Custa acreditar mas, o melhor, para quem tem dúvida, é consultar o Diário da República.

Isto é uma vergonha.

Meu pobre país, para onde vais!!!...

*DIVULGUEM O MAIS POSSÍVEL*
Escandaloso: HUGO MARÇAL ... JUÍZ ...!!!
Digam-me que isto é mentira!!!!!
Hugo Marçal... JUÍZ!!!!
Este processo das crianças violadas vai mesmo ficar em "águas de bacalhau".
É incrível a passividade do povo português face a este escândalo da
pedofilia. Tem que se fazer justiça!
Façam fwd do mail !!!!

"Hugo Marçal está em vias de ser admitido a frequentar o curso de auditor de justiça do Centro de Estudos Judiciários.
O nome do arguido no processo de pedofilia da Casa Pia vem publicado no Diário da República de 17Out2009, entre centenas de candidatos a frequentar a
escola que forma os juízes portugueses, *mas ao contrário dos outros,*
Hugo Marçal *não* vai prestar provas....
Pelo facto de ser Doutor em Direito - grau académico que terá obtido em Espanha - está por lei *«isento da fase escrita e oral» e tem ainda**
«preferência sobre os restantes candidatos».
*Resultado: o advogado de Elvas está na prática à beira de ser seleccionado para o curso que formará a próxima geração de magistrados!
*O nome de Hugo Manuel S. Marçal surge na página 4961 do Diário da**
República - 2.ª série, com o número 802, na lista de candidatos a ingressar no CEJ*.

Se concluir o curso com aproveitamento e iniciar uma carreira nos tribunais
- primeiro como auditor de justiça, depois... Como juiz de direito - Marçal terá também o privilégio de *não ser julgado* num Tribunal de primeira
Instância.»

*AH, POIS É !!!** É O PAÍS QUE TEMOS !!!
ISTO É ESCANDALOSO E UM ATENTADO À DIGNIDADE DESTE PAÍS SERÁ QUE O POVO NÃO VAI SABER E ACTUAR EM CONFORMIDADE COM ESTE ESCÂNDALO,
OU JÁ NÃO TEM DIGNIDADE, E NÃO SE IMPORTA...
Onde está a solidariedade e a dignidade que os Portugueses mostraram com a Mega Manifestação ao Povo de Timor? Já que a Justiça não funciona, porque não sair o povo à rua manifaestar-se contra a Justiça do Processo Casa Pia e contra a Corrupção escandalosa deste País!!!

Será que nos desprezamos tanto assim, tratarem como estúpidos e ficarmos impávidos? Lembrem-se que esta é a única arma de que dispomos.



Pedro,

Quando no meu comentário disse tanino, queria dizer quinino.
E quando me refere ao nick, queria dizer cupido.

Anfitrite disse...

E encontrei também estas definições como resposta a um postal anterior:

O Paraíso e o Inferno

O PARAÍSo é aquele lugar onde o humor é britânico, os cozinheiros são franceses, os mecânicos são alemães, os amantes são portugueses e tudo é organizado pelos suíços.

O INFERNO é aquele lugar onde o humor é alemão, os cozinheiros são britânicos, os mecânicos são franceses, os amantes são suíços e tudo é organizado pelos portugueses...

andorinha disse...

Ana,

Já respondi no post anterior, mas digo-o aqui novamente.
Tanto me faz dia 25 ou 2, lá estarei desde que me indiquem o sítio direitinho para eu não me perder:)

Àgua Tónica disse...

Anfi, vais ao almoço no dia 2?

ana b. disse...

Andorinha e Caidê:

Quando disse que não se mexeram referia-me a não tomarem a iniciativa de chamar o evento ao Porto:)
Sendo assim, e já que a maioria dos convivas é do sul, sugiro Lisboa. Quanto à data, parece-me bem dia 2 de julho. O local, deixo ao vosso critério. Se precisarem de sugestões de restaurantes, eu posso ajudar. Adoro comer fora!

Interessada:

A heresia prende-se com a sugestão que a oração faz de que Deus desceu dos céus e recolheu ao interior, ao seio, ao útero de Santa Maria, pôs-se no útero da Virgem Maria.
Eu podia explicar melhor, mas por 10 valores não estou para me maçar mais:)))

A Menina da Lua disse...

Oh Professor! Aqui vai tudo corrido a 10!!:)

Mas eu não copiei nada! a Ana e a Caidé é que copiaram...Juro! elas é que andaram a copiar o meu signo e eu nasci muito primeiro, não é justo:))
Assim não vale e não brinco mais!:)

Pois é! Isto tem contornos de anedota mas é verdade ou seja; como copiaram passam todos:(

Caidé:)

Eu não sei a sua idade e nunca me atreveria a perguntar mas para sua informação e à laia de referência , a minha idade anda próxima do nosso anfitrião mas para menos:)

Anfi:)

"Gaba-te cesto"...Isso do Leão ser muito melhor que os Gémeos é altamente duvidoso! minha cara há de tudo em todos os signos; apenas podemos gostar mais ou menos das catacterísticas duns ou outros e eu gosto bem das minhas carcterísticas:) "gaba-te cesto" :))

Interessada

Como é interessada:) em boas vozes aqui lhe deixo esta da Simone Kermes que para mim é uma das melhores entre as melhores, pelo menos ao nível do barroco.

http://www.youtube.com/watch?v=wBSrpgAeDLI&feature=related

Bom dia para todos!

andorinha disse...

Ana,

A iniciativa deste almoço/ jantar foi do Bart, logo secundada por ti.
Eu não iria nunca, por isso, chamar o evento ao Porto, apenas fiquei a aguardar que houvesse confirmação ou quaisquer outras novidades.

Dia 2 também me parece bem. Quanto ao local bocês decidem:)

Mas vou já cometer aqui uma inconfidência: eu adorava que fosse na quintarola do Bart:), mas se for num restaurante também alinho.
Para mim, mais importante do que o local é sempre a companhia.

Quanto ao jantar "oficial" murcónico será outra conversa a seu tempo...

No entanto, penso que uma coisa não invalida a outra, são circunstâncias diferentes.
Desculpa, mas não consigo chamar "evento" a isto; é uma palavra muito pomposa:)

ana b. disse...

Andorinha:

Desculpe mas não foi o Bart. Eu ando há imenso tempo a sugerir este encontro. Ainda a Yulunga aqui andava. Aliás ela foi a única a manifestar vontada de participar. Mais tarde o Bart também concordou. E só após eu ter pedido a sua colaboração para organizar o jantar é que ele ofereceu a sua casa.
Minha cara: a ideia foi, desde o princípio, minha!:)
No entanto houve um bichinho que me confidenciou que haveria uma certa pressão do lobby nortenho para que o evento se realizasse no Porto.
Mas dando-se o caso de ele não ser muito forte, fica oficialmente decretado:

Encontro Murcónico, Lisboa - dia 2 de julho.
Local e hora a confirmar posteriormente.

Bart:

Deixe de preguiçar e ajude-me:))

ana b. disse...

Menina da Lua.

Deixe-me que lhe diga que está muito bem conservada:)
Espero que esteja livre no dia 2 de julho para podermos descobrir mais afinidades astrológicas. Não se esqueça de dar o recado ao seu amigo Carlos. Eu reconheci-o logo pela fotografia de um dos jantares. Até achava que ele era um dos fundadores murcónicos. Mas mesmo não sendo, tem lugar mais que merecido à mesa:)

AQUILES disse...

Se o copianço é uma fraude (bastonário dos advogados dixit), logo é uma ilegalidade. Como futuros juízes deixaram de ter legitimidade para julgar outros cidadãos por falha moral e de carácter.

AQUILES disse...

A 2 de Julho não posso estar no Continente. Mas desejo um bom convivio.

AQUILES disse...

A heresia está na hierarquia.

Àgua Tónica disse...

Temos que começar a pensar na Ordem da mesa:)

A Começar pelo anfitrião e facilmente cada um encontra a ordem da mesa.

Fora-de-Lei disse...

O mais estranho de tudo isto, é não se ver qualquer movimento da parte do(s) aluno(s) que não tenha(m) copiado e que não queira(m) ficar estigmatizados por esta fraude. Ou saberão eles de antemão que - independentemente do seu saber jurídico e, acima de tudo, do seu carácter - quem definirá as suas carreiras profissionais será sempre o GOL e/ou a GLRP ?!

andorinha disse...

Ana,

Peço desculpa, então, se foi confusão minha.
O seu a seu dono:)
Lá estarei, de qualquer forma.

Este "evento" será em Lisboa, o outro será no Porto, não vejo qualquer problema. E assim há descentralização....

Aquiles,

Obrigada. Pode ser que te seja possível vir ao do Porto. Gostava muito de te rever:)


FDL,

Também achei isso estranho...

bea disse...

Ó portentosa santa Maria que em tua sombra terreal acobertas Deus e mais 12 homens! à tua vastidão não a diria eu herética e sim que és indubitávelmente monumental. E o trabalho que dá descer do céu, onde devias estar, ham?! brincamos não? Desce um deus para isto! Não pode ser.

Julio Machado Vaz disse...

Ana,

Jacques Fournier foi Bispo de Pamiers, inquisidor inigualável e Papa, mas trovador não:). A heresia está no adombrec, em francês adombrer. E mais não digo!

AQUILES disse...

Júlio
insisto que a heresia está na hierarquia. O adombrec expõe essa inversão.

Àgua Tónica disse...

Andorinha,

Concordo que haja um convivio (trade marck) com todos o que não invalida encontros desinteressados entre murcónicos.

Em Agosto está tudo mais calmo e com a mais disponiblidade estatisticamente falando.

AQUILES disse...

Vocês conhecem «Adão e Eva no Paraíso» do Eça de Queiróz?
Estive a ler (ando outra vez numa fase queirosiana) e deliciei-me.

A Menina da Lua disse...

No Nome da Rosa o Umberto Eco tem uma visão objectiva e pragmática na leitura que faz entre a posição e a luta das minorias religiosas tendo como representantes o povo e uma igreja católica com poder, dominante, representada por um clero poderoso e corrupto onde a inquisição começou a marcar pontos. Neste domínio de poder e de corrupção existia uma total conivência entre a Igreja e o poder temporal ou seja a Nobreza.

Nas minhas aulitas de Arte, apresento para leitura e análise o quadro " O Charlatão" de Jerónimo Bosch que trata exactamente desta enorme promiscuidade entre o poder da Igreja ( pelo frade beneditino que representava a inquisição) e o poder Temporal (o duque) mas principalmente do engano e do logro desse poder perante os simples..., os pobres, os idosos e as crianças...:(

Enfim! algumas heresias matêm-se na actualidade e a corrupção é uma delas...

Àgua Tónica disse...

Caidê,

Os cães são um enigma e se tivessemos metade das sua capacidades teriamos muito mais tempo para nos perdermos no essencial.

ana b. disse...

Prof:

A heresia está em que Deus desceu dos céus e "encarnou", entrou em Santa Maria. Ou melhor, Ele, como ser espirutualmente superior, mais avançado, utilizou um veiculo fisico para poder transmitir os seus ensinamentos. Foi assim como uma especie de possessão. Mas que com a conivência dela, diferindo assim da possessão. Ou seja: Escolheu uma mulher para pregar os seus ensinamentos. Bem me queria parecer que Ele era feminista:)
Quanto ao Fournier, é o que dá copiar por maus alunos:)))

Aquiles:

Tenho pena que não possa vir ao encontro. Mas não pense que se escapa a um cafezinho com uma queijadinha da Vila, em Agosto:)))
Por mim pode ser na marina.:)

A Menina da Lua disse...

Aquiles

Sim compreendo-o! de certo modo a hierarquia...
Quando são os maiores representantes da hierarquia da justiça a não cumprirem os valores que defendemos, deixa-se de os acreditar e deixa-se principalmente de lhes revermos o direito de exercer a própria justiça...
Assim a dúvida do Fora-da-Lei pode tertambem a sua pertinência sim quando diz:

"Ou saberão eles de antemão que - independentemente do seu saber jurídico e, acima de tudo, do seu carácter - quem definirá as suas carreiras profissionais será sempre o GOL e/ou a GLRP ?!"

Àgua Tónica disse...

São coisas que acontecem:

http://youtu.be/8F_-JIa8FUs

AQUILES disse...

ana b.
Será que quis dizer Portas do Mar?

Interessada disse...

E Deus desceu dos céus com os doze apóstolos e fez sombra a, ou seja, ofuscou Maria?

Que grande heresia!

Fiquem com Deus :)

AQUILES disse...

Menina da Lua
A justiça, a sua aplicação, tem tudo a ver com o carácter. Senão corre-se o risco dos juízes eleitos dos EUA, que se adequam aos votos, com todas as consequências que isso acarreta.

A Menina da Lua disse...

Aquiles:)

Mas concordo em absoluto...conseguem com o seu caracter mas tambem com o respeito que conseguirem transmitir e legitimar, através da sua prática, com os seus exemplos, com as suas lutas e coragens...

ana b. disse...

Aquiles:

Exatamente:)

Interessada:

Adombrer quer dizer um processo no qual um ser espiritualmente superior, utiliza-se de um veiculo fisico, para assim transmitir os seus ensinamentos. Difere da possessão , por, ao contrário desta, ter a permissão do ser que serve de veículo.
Assim, tudo aquilo que a Santa Maria diz ou faz, é o que Deus diz. É ela que fala mas as palavras pertencem a Deus.

Estou a pensar ir para magistrada. Já não me falta tudo:)))

Manuel disse...

Tangerina:

Essa tirada de «apontar religiosamente todas as sugestões do Manuel (livros e música)» cheira-me quase a heresia (não sei se cátara ou outra).
Eu, agnóstico praticante, não percebo patavina de religião (como se pode ver pela derivação do 1.º comentário que fiz, para me safar à severidade do 10 do Prof., mas na verdade se calhar nem isso mereço) e a Tangerina segue religiosamente os meus gostos.
Isso nunca se deve fazer em relação a nada nem a ninguém. Ainda mais tratando-se de gostos, valem o que valem e só para o próprio.
Outra coisa é a partilha, um acto democrático, cada um depois faz o que quiser, desde aceitar a sugestão até rejeitá-la.
Retire o carimbo: religiosamente.

Sem copiar (embora o copianço em breve esteja legalizado entre nós, pois se há decisões que fazem jurisdição, haverá práticas de futuros juízes que a farão também – refiro-me, como é bom de ver, ao episódio dos alunos do CEJ), mas fazendo algumas consultas, adianto uma explicação para o enigma que o Prof. nos deixou: o «adombramento» ou acção de «adombrar» é um processo pelo qual um ser espiritualmente muito avançado – a maior parte das vezes um Mestre – utiliza o veículo físico de um discípulo (geralmente um iniciado de nível muito elevado) para transmitir os ensinamentos.
Ora, a Virgem Santa Maria não é um iniciado.
Prof., terei pelo menos um 9,5 para não chumbar na disciplina?

Aqui vai uma coisinha leve, mas divertida, para gostar do género:

Time Square
http://youtu.be/xjG9ggZmttk

ana b. disse...

Manuel:

Quer-me parecer que andamos a copiar pelo mesmo aluno:)))

Manuel disse...

Ana:

Eu não frequento o CEJ, logo, não copio.
Ponto final!

Outra coisa é usarmos os mesmos livros para consulta, isso é legal, e aceitável.
Mas eu adianto mais uma coisinha, a chave do enigma (assim o espero), ou a chave para o chumbo, o Prof. dirá.

Bartolomeu disse...

"Ofuscado" estou eu, porque descobri que "ha praia, para além do Murcon"!
;))))))
Coisos me coisem... que estou cada dia mais parvo...
Bem, mas isso agora não intressa nadex.
O quintressa é que nunca dediquei o música ao NOSSO Amigo Júlio Machado Vaz, e hoje que ele está de novo virado pós cátaros, voulhofrecer esta do Leonardo;
http://www.youtube.com/watch?v=_e39UmEnqY8
Leonardo, é sempre Leonardo, mas o motivo da minha escolha, tem a ver com o que o Senhor diz ao início, acerca do sítio por onde a Luz pode entrar.
E acerca dos Cátaros, não me adianto mais, excepto no que eu penso tenha sido a repercursão dessa forma de viver e de professar, que terá dado origem, segundo penso, a uma outra corrente filosófica e religiosa, os Rosa-Cruz, que de Espanha chegaram a Portugal, pelas mãos da Rainha Santa Isabel, mulher do Rei lavrador.

A Menina da Lua disse...

Manuel

Eu adoro inigmas e não estava a dar grande importância a este mas como remeteu a resposta para o Professor, vou arricar:).
A questão parece-me estar no facto do Deus ter "delegado" a sua representação na terra aos seus apóstolos, através do espírito santo em forma de línguas de fogo e a partir daí estes passaram a avocar diferentes verdades que em duvidosas certezas, fazem sombra e tornam obscura a Sua Verdade...

Isto penso eu de que! será?:)

Julio Machado Vaz disse...

Gente,

Para os cátaros o mundo visível era obra do princípio do Mal e não de Deus, eram dualistas. Por isso Cristo nunca poderia ter sido de carne e osso, criança no ventre, corpo crucificado. E também não nos salvaria pela Redenção através da Paixão, mas pelo Ensinamento. Assim, foi uma sombra que passou por Maria, um Anjo muuuuito particular, Deus jamais sujeitaria o Seu Filho à prisão da Carne. Etc...

Manuel,

Agora mais do que nunca o 9,5 é arredondado para 10, homem!:). Embora já tenha lido que a nota não é definitiva, o poder dos comentários do Murcon não cessa de aumentar...

ana b. disse...

Prof:

O aluno pelo qual copiei era uma bocado trapalhão e tinha uma letra muito esquisita. Agora fiquei mais elucidada:))

Manuel:

Não me diga que nunca copiou num teste!

Àgua Tónica disse...

Anfy,

Era comum na antiga Grácia do Sistema de Ensino fazerem. Iniciar aos 12 ou 13 anos a educação de um Jovem com um Mestre. Nesse processo de Educação havia em alguns casos uma amizade muito intima. Quando o Jovem se tornava adulto a sua ligação ao mestre terminava. Seriam alguns mais arrojados que removiam os sinais da idadade para poderem continuar a aprender com o Mestre.

Nada mudou!

Resta-nos o dia 2 ou Agosto, porque nem tudo se ensina nem tudo vem na História.

Eu sou um Simple Água Tónica :).

Àgua Tónica disse...

http://www.whoi.edu/oceanus/viewArticle.do?id=102729

A Menina da Lua disse...

O Ensinamento!! que giro!é mesmo curioso:)

A propósito veio-me à ideia uns programas interessantíssimos no Canal 2 sobre o desenvolvimento dos homínideos e comparações entre os actuais primatas e o homem.
Foi interessante verificar que os primatas mais próximos de nós conseguiam obter melhores resultados na esperteza de resolver vários problemas de nível de complexidade razoaveis...mas falhavam completamente, na capacidade de serem capazes de ensinar... ou seja depois de obterem níveis de desenvolvimento importantes de aprendizagem (matemática, visual, mecânica,informática etc.) dentro dum determinado grupo, quando isolados e colocados cada um num novo grupo não conseguiam ensinar nada aos novos companheiros e deixavam de praticar o que tinham aprendido.

As crianças em comparativa idade mental, conseguiam obter menos resultados que os primatas pois escolhiam e cumpriam os caminhos mais "discursivos" correspondentes aos da sua aprendizagem.

Parece ter sido então esse exactamente o segredo do nosso sucesso como animal mais evoluido; a nossa capacidade de darmos ensinamentos e claro sermos capazes de igualmente os receber...:)

Manuel disse...

A nota foi fraquita, mas para quem não domina a matéria deu para salvar o ano. E sem CEJ, digo, sem cabulanço, apenas com consulta aos canhenhos, os mesmos da Ana b., diga-se de passagem.
Os estudos já não são o que eram, isto está tudo perdido, é só facilitismo (Sócrates ─ o verdadeiro ─ já dizia o mesmo nos séculos V-IV a.C.)
Anda-se sempre a repetir as mesmas coisas, mas o Mundo salta e avança, como dizia o poeta.

Aqui vão 4 musiquinhas cátaras para quem gostar:

«La música de los Cataros del Santo Grial»: Juan Bereslavsky (Profeta Catara)
http://youtu.be/yX6BoMaK4Lo

«Danza Catara»: Gestos oracionales de los Cataros del Juan
http://youtu.be/DwqTZlJiCkw

«Musica de los cataros caballeros del Grial»
http://youtu.be/dnh-f1q4yI4

«Padre de los Padres»: Música sobre os mártires cátaros de Monsegur & Cballeros dela Grial
http://youtu.be/j_ynZQ4Sqxc


Ana b.

Eu sou muito certinho, nos tempos de adolescência liceal nem se podia pensar nisso, era tudo excessivamente controlado; mais tarde tive uma escola militar democrática (embora ainda em ditadura), na Marinha, com professores extraordinários em que o desafio era não copiar apesar da ausência propositada dos referidos professores da sala. E nós assumíamos isso. Foi uma experiência fantástica de robustecimento da mente, da vontade.
Deu-me para perceber que a finalidade do estudo é aprendermos, não apenas termos boas notas, a nota deve corresponder ao que somos (sabemos). É um desafio pessoal estimulante, uma vez vencido, e interiorizado, não se quer outra coisa.
Isto pode soar-lhe a música celestial, mas juro-lhe que é verdade. Hoje já não faço exames, a não ser estes do Prof., a brincar, mas domino-me completamente neste e noutros aspectos. Em certas coisas, como já lhe referi, p. ex. fumar, beber álcool, tomar café ou consumir drogas ilícitas, sou de aço inoxidável e à prova de bomba atómica. Até costumo dizer que já não estou na idade das certezas (os 20/30 anos), mas restam-me 2 ou 3 certezas na vida: uma delas é não consumir estes 4 tipos de produtos. E os 3 primeiros não por razões éticas, morais ou o que se queira. Não retiro o mínimo prazer, não vou atrás da maioria apenas pelo efeito de manada. Mas não pense que critico quem o faz. O quarto produto é porque não concordo, aí entram de facto razões éticas e morais.
Quanto mais um banalzito exame, era o que faltava se eu não resistia a copiar.

andorinha disse...

Júlio,

Até que enfim que se dignou explicar:)
Eu não estava a perceber nada...


Água tónica (4.24)

É isso precisamente que tenho vindo a dizer.

andorinha disse...

Ana e Manuel,

Também nunca copiei, sempre fui boa aluna, não precisava. Nem no liceu nem na faculdade.
Aliás, penso que se tentasse seria facilmente apanhada tal seria a minha falta de jeito e de pratica:)


"Deu-me para perceber que a finalidade do estudo é aprendermos, não apenas termos boas notas, a nota deve corresponder ao que somos (sabemos). É um desafio pessoal estimulante, uma vez vencido, e interiorizado, não se quer outra coisa."

Plenamente de acordo, Manuel. Nunca tive essa experiência da escola militar mas acabei eu própria por interiorizar essa atitude.
O grande desafio sempre foi superar-me e vencer-me a mim própria.
Era uma alegria infinita quando o conseguia.
Hoje em dia nada disso existe:((((

ana b. disse...

Manuel e Andorinha.

Socorro!
Salvem-me de tanta virtude.:))
Pois eu também fui sempre boa aluna a tudo, quer a letras quer a ciências (a minha primeira grande crise existêncial foi ter de escolher entre letras e ciências). Mas isso naõ me impediu de dar uma espreitadela acertiva no companheiro do lado:)))
Não muitas vezes, mas as sufucientes para me sentir uma simples mortal:)))
Eu tive um professor na faculdade que também tinha a mania que não se devia copiar, não era preciso vigiar. É claro que nós não eramos da mesma opinião. Era uma rebaldaria pegada:)))

Manuel:

Você tem um lugar cativo no reino dos céus, homem!:)
Poi olhe, eu já fumei 1 maço/dia, já apanhei umas bebedeiras valentes, até já experimentei coisas que não devia e continuo aqui, tal como você. Inteirinha!:)))
Já viu a injustiça?:)))

Manuel disse...

Andorinha:

Não faço afirmações sobre o que não conheço nem juízos de intenção infundados sobre os outros.

Estou cansado do discurso de desgraça presente (e futura) e do oásis do passado. Cada tempo tem os seus valores e as sua práticas, porventura uns melhores e outros piores, e a vida continua, sempre assim foi, sempre assim será.
Concordo plenamente contigo: devemos tentar superarmo-nos, nada mais prazer do que conseguirmos sucessivos êxitos na busca do objectivo final. Ficamos mais fortes interiormente, mais autoconfiantes.

Ana b.:

Mas eu nunca teci, nem tecerei, nenhum comentário sobre as suas opções pessoais, tão legítimas como as minhas.
Porque é que eu hei-de ser diferente do que sou? Só para ficar com a mesma cor da manada? Ou por que é que a Ana há-de ser diferente do que é? Só para ir para o Céu carregada de virtudes?
Cada um é como é, e deverá ser a vivência de cada um que marcará a sua maneira de proceder, assim como o ritmo das alterações que entender dar à sua vida resultantes dessas vivências, e nunca imposições exteriores nem colagens apressadas a modas.
Quanto às virtudes e ao meu cantinho no Céu, é evidente que não sou um poço de virtudes, tenho mesmo mais defeitos do que virtudes (não cometo é pecados, sou agnóstico praticante, esse conceito não existe para mim); e como não acredito na existência do dito, embora possa existir, tal como o pintam os crentes (com o Deus-Pai à esquerda do Filho, o S. Pedro com o molho de chaves, etc. etc.), nunca me preocupei nem com o passaporte nem em poupar uns euros para comprar o bilhete.

ana b. disse...

Manuel:

Não se preocupou nem precisa. Você tem um livre transito:)))

andorinha disse...

Ana,

Não é virtude, é maneira de ser, ponto.


Manuel,

Eu nunca disse que o passado é um oásis embora ache que o presente é mesmo uma desgraça. A vários níveis, começando pela educação.

"Não faço afirmações sobre o que não conheço nem juízos de intenção infundados sobre os outros."

Não entendi. Fiz algum juízo de intenção sobre alguém? Agora?

Bartolomeu disse...

Eu nunca copiei!
Minto... lembrei-me agora que já copiei... uma vez, quer dizer, várias vezes, quando tive uma namorada que gostava de ver vídeios porno e pedia-me para copiar a pose e a performance do actor.
Hmmm?
Não?
É de mau tom?
Mesmo assim, considero-me um tipo de sorte.Olha se ela se lembrasse de me pedir que copiasse as posições da actriz?!
Hmmm... Ah, tá... então desculpem, sim?!

ana b. disse...

Andorinha:

É uma maneira de ser...virtuosa:)
Eu não disse que você tinha ar de certinha?:)))

Murcons:

Está formalmente decidido:

Jantar Murcónico, dia 2 de julho, em Lisboa, às 20.30.
Local a designar posteriormente.
Inscrições para o e-mail do Bart que consta do perfil.

Manuel:

Já que você não bebe quer dar-me boleia?:)))

ana b. disse...

Prof:

Espero que não nos faça nenhuma desfeita:)

andorinha disse...

Bart,

Depois não queres que te chame malandreco?:))))

Ana,


Pode-se ter o ar de muita coisa e não o ser, já devias saber isso. É básico.

Àgua Tónica disse...

Bart,

Pior era pedir-te para imitar as posições do Cameramen ou subires á grua gigante e fazeres um apanhado Geral!

Saiste-te bem, mereces um 20...

Anfitrite disse...

Pedro,

Isso é verdade e eu apenas disse que reenviava uma coisa que me tinha sido enviada. Não fiz comentário nenhum em relação ao caso, e nem costumo reenviar coisas destas. Apenas quis reforçar o caos em que está a nossa justiça. Onde não deveria ser permitido a um orgão de Soberania ter um sindicato que os defenda. Eles estão entregues a eles próprios e fazem o que querem porque não prestam contas a ninguém. Já viu algum magistrado ser condenado por alguma coisa? Por isso deveriam escolher pessoas íntegras para determinados cargos. Já em 2008 um filho de um juiz teve acesso às provas, que iriam prestar, e foi um regabofe.
E como eu não sou de meias palavras, eu até já disse aqui, que tudo o que se passou em relação à Casa Pia, foi areia que nos tentaram deitar para os olhos,na altura que interessava a certas pessoas. Ou V. por acaso acha que este caso se resumia a 3 ou 4 acusados?!. O caso foi levantado há cerca de 20 anos, no tempo do Bagão Félix, que com a Teresa Costa Macedo abafaram logo o assunto, embora tenha saido um ministro deles, sem ninguém dar por nada. Estes acusados foram apenas as lebres, para outros irem caçar para outro lado, e com fins bem determinados. No caso da mensagrm que enviei apenas condeno a pessoa por estar dispendada, de certas formalidades, porque diz ter(?) um doutoramento em Espanha. Quem está no meio sabe muito bem como isso se consegue. Se quer saber eu até me incomodaram tantos asteriscos e tanta indignação de algumas virgens ofendidas.

Gosto da maneira como analisa as coisas e com duas linhas apenas, conseguem que eu escreva esta arrazoado todo. Eu precisava de ir para a redacção de um jornal qualquer, para ser obrigada a dizer o que quero, em poucas palavras. Mas cada um é preparado para aquilo que escolheu.

Lembro-me agora, duma história, que se passou com uma grande amiga minha, que fomos colegas durante largos anos, e que era muito aplicada e inteligente, mas numa frequência de Cálculo ela escreveu não sei quantas folhas, porque
foi descrevendo todas as demonstrações e deduções que fazia.
Sabe o que lhe disse o professor, quando lhe disse a nota? Desta vez passou, mas para a próxima dou-lhe um quatro e fica logo eliminada, porque isto não é nenhum exame de literatura.

Manuel disse...

Andorinha:

É evidente que não fizeste juízos de intenção, eu é que tenho que me explicar, às vezes se calhar faço-o mal, pois as pessoas entendem o que não quis dizer.
Por vezes tenho que construir um argumento para que se percebam as minhas questões de fundo.
Desculpa se acabei pôr na tua boca o que tu não disseste.
Eu sei que me desculpas, por isso aqui vai um doce:
«La vie en rose»: Louis Armstrong
http://youtu.be/8IJzYAda1wA

Agora segue-se uma rodada geral.

Para o Prof. (que me deu um 9,5 para passar na improvável disciplina de Religião):
«Summertime»: Ella Fitzgerald & Louis Armstrong
http://youtu.be/MIDOEsQL7lA

Para a Anfi, há séculos que não lhe dedico uma:
«Learnin? The Blues»: Ella Fitzgerald & Louis Armstrong
http://youtu.be/OtG9CnMtzZk

Para a Caidê, idem:
«They Can't Take That Away From Me»: Ella Fitzgerald & Louis Armstrong
http://youtu.be/ma91kie8G3A

Para a Ana b. (atendendo ainda ao dia 14):
«Tenderly»: Ella Fitzgerald & Louis Armstrong
http://youtu.be/ag02tT7f8aQ

Para a fugidia Interessada:
«When You're Smiling»: Louis Armstrong
http://youtu.be/bOH_mioL3TU

Para a Tangerina:
«Our Love Is Here To Stay »: Ella Fitzgerald & Louis Armstrong
http://youtu.be/LpuZSYpM8UY

Para a Moon:
«Nearness Of You»: Ella Fitzgerald & Louis Armstrong
http://youtu.be/BEdhPfs8--Q

Para a Menina da Lua:
«Can anyone explain»: Ella Fitzgerald & Louis Armstrong
http://youtu.be/-FcOHkdiVQY

Para o Bart nem sei o que escolha, vamos ver se pega:
«Cheek to Cheek»: Ella Fitzgerald & Louis Armstrong
http://youtu.be/GeisCvjwBMo

Para o Pedro (perdão, Água Tónica) nem sei o que escolha pois não liga patavina às músicas que lhe dedico:
«Dream A Little Dream Of Me»: Ella Fitzgerald & Louis Armstrong
http://youtu.be/j6TmogXhOZ8

Para o Aquiles:
«What a wonderful world »: Louis Armstrong
http://youtu.be/SzJY96m3lkg

Para o Fora-da-Lei:
«I've Got My Love To Keep Me Warm »: Ella Fitzgerald & Louis Armstrong
http://youtu.be/7K61XDJxZZg

Foi só para os deste Post, os outros tenham paciência.

Manuel disse...

Ana:

Teria muito gosto, mas nessa altura estarei um pouco longe e sem poder regressar.
Paciência.

Àgua Tónica disse...

Manuel só para ti:

http://youtu.be/E2pFLZIrFqU

Anfitrite disse...

Manuel,
Se era certinho e aplicado, não era um colega miuto amigo. Eu não copiava, embora às vezes tivesse levado certos auxiliares de memória, para alguma eventualidade, e porque me bastava fazer esse auxiliar, para me ficar na memória. No entanto, algumas vezes fui chamada a atenção, por estar a tentar passar um problema resolvido a alguém, ou responder sorrateiramente a algum pedido. Sou tão boazinha! Mas tenho o prazer de agora estar a viver o momento, em que um colega vem ter comigo e me diz: Obrigado, se não fosses tu já estava chumbado! O que não acontece hoje e começou no tempo dos Yupies, em que se dizia: Cuidado! Se alguém te passar um problema podes ter a certeza de que a resolução está errada.

Não leve a mal, mas eu estou tristre porque nunca mais me dedicou nenhuma música. Eu sei que sou mal educada, não agradeço, nem retribuo, mas bolas, também sou filha de deus. E a minha mãe por acaso chamava-se Maria.

P.S.- Neste momento estou a ver a cena do Cinema Paraíso, em que o Totò, fez sofrer o Alfredo até o ajudar. Só que eu não o fazia
com chantagem.

Moon disse...

Manuel,

Com os melhores cumprimentos, :)

/www.youtube.com/watch?v=22kPiPILteQ&feature=related

Anfitrite disse...

Manuel,
Peço desculpa! Os nossos comentáris cruzaram-se no caminho.

Manuel disse...

Anfi:

Às vezes é difícil explicar os planos em que estamos a raciocinar e a discutir as coisas.
Há também muito ruído na comunicação.
O bom e o mau colega é complexo de definir, muito menos neste espaço.
Yuppies não sei o que são, não pertenço a esse mundo, sou de geração bem anterior.
Eu já «poluo» esta casa, que não é minha, com tanta música, às vezes não dá, não tem que ver com má-educação ou coisas quejandas, não confunda o inchaço com a gordura.

Obrigado Pedro (Água Tónica) e Moon pelas vossas músicas.

andorinha disse...

Manuel,

Claro que desculpo, às tantas também interpretei mal...

Obrigada pelo doce que é simplesmente delicioso.

És um doce:)

Vou-te confessar uma coisa aqui entre nós: no início não fiquei com muito boa impressão tua, achei que serias mais um tipo arisco e conflituoso que viria poluir este espaço.
Mas sabes? Mudei totalmente a minha opinião a teu respeito e isso conseguiste tu com as tuas diferentes intervenções aqui.

Hoje em dia considero-te um dos melhores tertulianos que aqui andam.
Sem bajulação, é tão só o que sinto.

E nunca entendi porque se há-de esconder o que se pensa/sente.

Fora-de-Lei disse...

Manuel 11:17 PM

"Para o Fora-da-Lei: «I've Got My Love To Keep Me Warm »: Ella Fitzgerald & Louis Armstrong
http://youtu.be/7K61XDJxZZg"


Manuel: agradeço e retribuo...!

Àgua Tónica disse...

Parabéns FDL:

Como com Tão pouco se pode fazer tanto.

Bom Dia aTodos

Manuel disse...

Andorinha:

Não me dês graxa. O melhor dos murcónicos? Se não fosse uma heresia (neste caso não cárata mas agnóstica) invocava a N.ª Sr.ª de Fátima. Contento-me com o último lugar, tal a qualidade dos companheiros.
Se pensas que me conheces, estás muito enganada.
Sou muito pior do que imaginavas no início, tenho conseguido disfarçar bem.
No entanto, obrigado por me branqueares um pouco a imagem.
Mais um pouco e levavas-me para o Céu, e o pior é que eu não acredito na sua existência (melhor, tenho sérias dúvidas, o que é próprio de um agnóstico; quem peremptoriamente não acredita são os ateus).

Notícias fresquinhas de hoje: o copianço no CEJ subiu ao Supremo e a direcção do dito CEJ vai rever a decisão de premiar os cábulas com 10 e de «punir» os «amigos solidários» com a mesma nota. Caramba, eu esfalfei-me para responder à pergunta do Prof. sobre os cátaros, consultei apenas (fazia parte das regras do Prof.), não copiei, e só tive 9,5.
Que heresia estas decisões de hoje do STJ e do CEJ! Então aquele gesto tão «amigo» e tão «terno» dos portugueses, tão enraizado na nossa cultura, o chico-espertismo, o desenrasca, a pequena trafulhice, o amiguismo, o qual, pior do que o que significa em si mesmo é ser um sintoma revelador de uma maneira de ser colectiva, de uma mentalidade, de uma falta de rigor, arrisca-se a ser punido?
Hoje ouvi também o Prof. Sobrinho Simões condenar esta prática, mais, a mentalidade que a alimenta, e, qual cereja em cima do bolo, dizer que a situação em que estamos, nós e os gregos, não é alheia a esta mentalidade da falta de exigência, da desonestidade.
De repente lembro-me de outro sintoma (sei que pode parecer estapafúrdio) que é assistir todos os dias frente à minha actual casa a pessoas a estacionarem os carros em cima dos passeios, quando ao lado, ou a poucos metros, há lugares vagos. Já na anterior casa era o mesmo, e pior, era o presidente da Junta de Freguesia que o fazia sistematicamente. Dado que era uma zona nova, com muitos espaços vagos, havia sempre lugares livres; pois o homem tinha aquele lugar reservado em cima do passeio. E pensam que se tratava de um burgesso mais ou menos iletrado? Era professor e presidente do Conselho Directivo da sua escola. É também nesta escola que se formam as mentalidades.
Eu quando vou a cidades no estrangeiro espanto-me como conseguirão aquelas pessoas viver sem os carros nos passeios. Será que os metem no bolso e os levam para casa?

Bartolomeu disse...

Caro Manuel; receber a Ella e o Louis de presente, pega sempre!
Pega porque é bom, pega porque é clássico, pega porque é romantico e sobretudo, pega porque é um sinal da estima que me dedicas.
O meu agradecimento sincero e porque te considero um filósofo e te chamas Manuel, aqui vai a retribuição:
http://www.youtube.com/watch?v=DuGbpW-pGYg
;)

andorinha disse...

Manuel,

Graxa não sei o que é:)))
E eu não disse "o melhor dos murcónicos", não te estejas já a gabar:)
Disse "um dos melhores tertulianos" o que é diferente.

Claro que não te conheço, conheço o Manuel que aqui comenta e foi sobre esse que me pronunciei.

E também sou agnóstica, portanto para o céu não te levaria, só para um lugar terreno mais aprazível:)))

Estou a brincar contigo, of course!


Gosto da tua participação, foi essencialmente isso que quis dizer...

Quanto ao resto do teu comentário subscrevo na totalidade. Temos uma mentalidade muito tacanha.

Bom trabalho, malta:)

Bartolomeu disse...

Quanto ao CEJ e à decisão de rever as classificações... não me admiro nada que tenham de sofrer as retaliações e "levar" com a maralha a acampar novamente na Praça da Figueira.
Pela minha parte, acho excelente. Até já estou a polir a torneira da imperial e a arear o fundo à frigideira, e ter tudo prontinho para levar a rolote mesmo para o pedestal da estátua de D.João I e vender imperial e bifana com fartura ao pessoal. Aquela coisa de gritar palavras de ordem, puxa pela goela e pelo estômago que é obra...

ana b. disse...

Manuel:

Obrigada pelo miminho.
Aqui vai uma para a troca:

http://youtu.be/rU-R-ktyMFk

A meu ver, pior que o copianço, foi a atitude leviana e injusta (beneficia os maus e penaliza os bons) de correr tudo a 10. A única atitude digna era anular a prova e repetir o exame.
Segundo consta, não houve propriamente copianço pelo colega do lado. Parece que houve conhecimento prévio por parte dos candidatos do teste de escolha múltipla. Seria interessante também, apurar responsabilidades quanto a este ponto.

E já agora façam como os médicos que é tudo corrido a exame oral. O que também não deixa de ter as suas injustiças. Não se pode copiar, é certo. Mas a subjetividade é muito maior.

Mas falemos de coisas alegres:)

Presenças confirmadas no Jantar:

- Andorinha
- Caidê
- Anfi
- Bart
- Moi même

A coisa está a compor-se:)

andorinha disse...

Bart,

Tu vês logo as vantagens que podes tirar da coisa...
Assim é que é, espírito empreendedor:)

A Menina da Lua disse...

Manuel

Muito obrigada pela sua música...retribuo a gentileza com esta escolha que eu gosto particularmente:

http://www.youtube.com/watch?v=UCjV04YNqLk&feature=player_embedded

Ana

Quanto ao jantar agradeço muito o seu cuidado mas vou estar fora, fica para outra oportunidade.:)

Tangerina disse...

Manuel,

:-) Não se preocupe com o meu sentido crítico: ele só morre no momento exactamente anterior à morte da minha necessidade de liberdade. :-)

Não estamos a falar de eu seguir religiosamente os seus gostos até porque me parece que os meus são mais variados (parece! ;-)). Também não fui rigorosa quando disse que apontava "tudo". Não é bem verdade: aponto aquilo de que gosto. A verdade é que eu não tenho memória para nomes, títulos, etc., e o Manuel vai colocando aqui músicas que já conheço mas às quais não conseguiria chegar porque não sei o nome dos compositores, intérpretes, etc. de grande parte delas. Depois, claro, há outras que ficam de fora. A maior parte é apontada. Depois serão objecto de nova selecção para compra de CDs ou directamente no iTunes (isto é que é uma heresia! ;-)).

Quanto aos livros, fiquei curiosa porque também gosto de romances históricos "bem amanhados". Vou comprar um. Logo se vê se gosto.


Restantes murcónicos:


Tive um professor na universidade que dava 4 a quem copiasse e a quem deixasse copiar. Só foi preciso fazer isso na primeira frequência. Quanto ao caso dos magistrados, no meu entender a gravidade não está apenas no facto de eles terem copiado ou deixado copiar (contribuindo para a prática de um acto ilícito), nem no facto de terem sido "absolvidos" com um 10. Muito grave também é o facto de pessoas que vão exercer uma profissão de tamanha responsabilidade não deterem os conhecimentos necessários para a exercer. E das duas uma: ou a direcção do CEJ não considerou esses conhecimentos relevantes (e, então, não se percebe porque fazem parte do programa), ou então não se preocupa que, apesar de serem relevantes, os futuros magistrados não os detenham. Na minha opinião deviam ser todos reprovados e só fazer a Unidade Curricular (UC) no ano seguinte (e já não falo em expulsão que é o que já vi fazer em cursos de doutoramento por copiarem num exame de uma UC). Seria uma medida exemplar que funcionaria quase como jurisprudência. E olhem que bem estamos a precisar e em todos os níveis de ensino.

Quanto aos casos mediáticos na Alemanha, não foi só o do ministro da defesa. Pouco tempo depois surgiu o caso de uma euro-deputada: Silvana Koch-Mehrin. Vejam: http://www.dw-world.de/dw/article/0,,15156484,00.html. E sabem o que contribui para detectar estes casos? O facto de cada vez mais teses e dissertações estarem disponíveis online e, também, da cada vez maior sofisticação das ferramentas automáticas de detecção de plágio.


Almoço/jantar murcónico: vou tentar estar presente, mas não posso garantir.

Tanger Ida (e provavelmente tão cedo não voltada ;-))

ana b. disse...

No meio dessa história toda do copianço, há uma coisa que me intriga deveras. Aparentemente houve uma conivência, senão generalizada, mas pelo menos da maioria dos formandos, de modo aos testes estarem praticamente todos com os mesmos erros.
Ora,eu não acredito que quem copiou, o fez às escondidas do copiado. Com essa idade já toda a gente sabe tapar os testes de olhares alheios. Afigura-se-me assim que houve atrevimento de uns e complacência de outros. Uma especie de regabofe generalizado.
Mas o que verdadeiramente me anda a intrigar, é a manifesta ausência de competitividade existente entre os formandos. No meio competitivo onde me movo(desde os tempos da faculdade) tal acontecimento seria muito pouco provável de acontecer. Mas não creio que fosse por motivos mais nobres.Apenas por motivos diferentes:)

E embora reconheça a absoluta e indiscutivel necessidade de rigor na magistratura ( como em qualquer outra profissão) não deixa de me vir ao pensamento a famosa frase de Terêncio: "Nada do que é humano me é estranho".

Menina da Lua:

Lamento que não possa ir - ficará para uma próxima oportunidade.

Interessada disse...

Manuel,

Os momentos mágicos acontecem. E com eles é a força que nasce.
Obrigada pelos sorrisos que me proporcionou.
Deixo-lhe uma que me é cara, e espero que goste.

http://www.youtube.com/watch?v=QhzbzwPNgXA&feature=related

Interessada disse...

Ana,

Agora que o almoço ou jantar (já me pareceu mais claro do que agora) já tem inscritos, vejo-me na obrigação de manifestar o que me tem ocorrido:
Desde o início que achei estranho que o Júlio não se tenha manifestado sobre o assunto.
Mas depois de esse apelo lhe ter sido dirigido, creio que por si,pareceu-me evidente que a ideia não lhe agradava, embora muito provavelmente por motivos alheios ao próprio.
Tentou com alguma elegância, que compreendêssemos?
Dado que até este momento o silêncio do anfitrião se mantem, parece-me mais correcto não haver insistência.

Àgua Tónica disse...

Interessada,

Estou com ciumes Do Manel! :)

;)

Interessada disse...

Pedro,

Não há qualquer razão para ter ciumes, pois tenho por si o mesmo carinho que por todos os outros murcons.
Gosto igualmente desta música que delicadamente lhe ofereço.

http://www.youtube.com/watch?v=ijslD3bfsbk&feature=related

Àgua Tónica disse...

Obrigada menina de sorriso simpático.

Estou a ver que hoje há Murcon.

E não é agora! Que há um Ministro Blogueiro!

Bom Dia Por aqui faz bom tempo.

Àgua Tónica disse...

Menina de olhos doces a nOSSA aNFITRITE já conhece, tu ainda não deves conhecer:

http://youtu.be/-UI2FVagvfE

Bons Despertares...

Sempre Interessado.

Pedro

Caballero disse...

Los cátaros profesaban el puro amor. Ellos enseñaban que Dios es el puro amor. No aceptaban ninguna usurpación ni violencia. Afirmaban, que el hombre cambiará sin violencia –únicamente con la fuerza del puro amor. El centro de su doctrina era el Santo Grial, en el que habitaba la Divinidad del puro amor.

El gran movimiento cátaro fue calumniado, desacreditado y destruido por la inquisición ro-mana. En el año 1321 fue ejecutado el último profeta cátaro Guillem Belibast. Atra-pado por los inquisidores y apresado en el año 1309, él enunció un presagio: “¡Justo dentro 700 años el laurel verdecerá, y los cátaros volverán a la tierra!..”

WWW.LOSCATAROS.ORG

Caballero disse...

Me gusto mucho a nuevo video sobre Maria Magdalena:

SANTO GRIAL DE MARIA MAGDALENA - VIDEOCLIP - MUSICA DE LOS CATAROS - CONSOLAMENT http://www.youtube.com/watch?v=p-fIJRMPQI4