terça-feira, outubro 29, 2013

Em breve, por lei, passarão a ser os Two Dog Night:(.

http://www.youtube.com/v/rKaQzQAlNn4?version=3&autohide=1&autohide=1&autoplay=1&attribution_tag=_snNI5Kh64wkQuiRp423jg&showinfo=1&feature=share

22 comentários:

João Pedro Barbosa disse...

"Contra facciosos não há argumentos"

João Pedro Barbosa disse...

Bea? Como são argumentos reactivos! O melhor é expressar.

bea disse...

Hummm...não sei, não. Prefiro pôr mordaça na Cristas que a mental ela já tem

João Pedro Barbosa disse...

Bea? É melhor "findus"! Sempre pode dispensar a placa.

bea disse...


épá...eu findus só conheço, digamos, uns congelados quaisquer.e não prestam.

qual placa? a dentária?

bea disse...


As tuas sugestões são ordens João Pedro. Nada de placas. Fora com elas.

dorme bem:)

Anfitrite disse...

Bea,
sabe que quando era estudante representei o papel de "Antónia" a matriarca da peça de teatro "A Mordaça" de Alfonso Sastre? Fui caracterizada por um Senhor do Teatro Nacional, ninguém me reconheceu e, até eu, ao espelho, não me reconhecia. E houve até um professor, contaram-me depois, que perguntou? Mas onde está (?) disseram-me que ela entrava. Imagine, o pano subia logo comigo em palco, na 1ª. cena do 1º. acto.

João Pedro Barbosa disse...

Anfitrite? Eu na espera de uma carta de amor! E a "bea" como muita gente que é pequenina como sempre as conheci marca presença apenas.

bea disse...


Anphy

Antónia é a quase cega que vive na dependência do traste?
acredito que tenha representado lindamente. Sim. Consegue mesmo ficar diferente. Pode crer.

João Pedro

Há vários tipos de cartas de amor

as de amor futuro são a coisa mais fácil de escrever, basta a ilusão, o projecto, pensar o que não existe ou existiu.

No entanto, há gestos e atitudes continuados que muito mais o dizem que elas.

E há cartas de amor com passado, falam da partilha, são presente.

E há as que não tendo as palavras ou os delíquios são de amor na mesma.

E deve haver outras de que me não lembro. De certeza já recebeste algumas na tua vida de palavras.

Fica bem. Findus.

João Pedro Barbosa disse...

"Findus"? Levas aspas! É marca registada.

João Pedro Barbosa disse...

NÃO SABEM FECHAR
OS FLANCOS
E DEPOIS
ADMIRAM-SE
COM
OS
CONTRA
ATAQUES

perhaps disse...

Há muito mundo que repele o estado de guerra.

João Pedro Barbosa disse...

Saber que não se sabe nada não é o mesmo caminho de quem sabia que nada sabia.

João Pedro Barbosa disse...

Está outro jantar em falta? Do primeiro sábado do ano! Estávamos indecisos no ano de 2013 ou 2014.

bea disse...

passo. deixei de jantar, o caminho é longo, fico cheia de sono, não digo coisa com coisa, etc.

mas terei prazer em ler as vossas notícias sobre.

João Pedro Barbosa disse...

Senhor da rádio!

Temos muitos "niks" para um homem sozinho? Durma bem.

João Pedro Barbosa disse...

Quando fui ao convívio e acordei! Só eu estava sóbrio. Bea - Quem é você dessa forma brilhante cristalina como as águas das ribeiras só tropeça quando entra em mente alheia para se poder multiplicar? -

João Pedro Barbosa disse...

O melhor é não contar com o direito de herança! Perde-se tudo de um dia para o outro. E porquê?

bea disse...

joão Pedro (8:03)

essa é quem?

João Pedro Barbosa disse...

Hino de Portugal cantado com letra / Portugal Anthem with lyrics

http://www.youtube.com/watch?v=m9vt29LvGt8

João Pedro Barbosa disse...

Sete e sete são quatorze com mais sete vinte e um! 1975 com 75 comentários. Será que o Murcon ainda não congelou?

Pedro Barbosa disse...

Anfitrite?

Tem um caranguejo da rocha no perfil! Nem em todos os ajustes de contas há uma parte que perde; melhor dizendo se se esteve em falta é de boa educação fazer o deve e o haver.