quinta-feira, março 06, 2014

Um trio abençoado...

18 comentários:

bea disse...

Nunca achei muita graça aos palhaços. Aquele espectáculo do palhaço rico sempre a fazer mal e a rir-se do palhaço pobre punha-me triste e mal disposta.

Mas os garotos riem-se bastante e acham-nos engraçados.

Boa noite:)

andorinha disse...

Gosto do que estou a ouvir...

Quanto a palhaços, estou como a Bea. Nunca lhes achei muita graça.


Bom soninho para os dois:)

Julio Machado Vaz disse...

De acordo sobre os palhaços, quando era pequeno achava que o defeito era meu... Beijo para as duas.

João Pedro Barbosa disse...

Bea? Sou eu que vejo ao contrário! Sempre os via. Aos palhaços ricos...

P.S. "Os achava muito pobres de graça"

João Pedro Barbosa disse...

Vá lá. Que sou poupado! É menos? O prejuízo...

"http://www.telegraph.co.uk/culture/books/10679079/Half-of-books-in-homes-are-unread.html"

andorinha disse...


Achava que o defeito era seu?:)))))))))))))

Beijinho

Unknown disse...


O riso é, às vezes, como a corda de um relógio analógico.

Tanto (!!!) que se poderia dizer sobre... Do mais profundo das entranhas à brejerice mais superficial roçando o insulto- porque chamar de "palhaço" a alguém (dependendo da musicalidade de como é dito) pode ser pior do que isnultar a mãe.

BN para todos.


Impio Blasfemo disse...

Suspeito que pelo burgo de cá muita gente da governança do nosso país andou a ler Maquiavél

Os Dez Mandamentos de Maquiavel

Zelai apenas por vossos interesses;
Não honreis a mais ninguém além de vós;
Fazei o mal, mas fingi fazer o bem;
Cobiçai e procurai fazer tudo o que puderes;
Sede miseráveis;
Sede brutais;
Lograi o próximo toda a vez que puderdes;
Matai os vossos inimigos e, se for necessário, os vossos amigos;
Usai a força em vez da bondade ao tratardes com o próximo;
Pensai exclusivamente na guerra.

04 - Filosofia (Maquiavel) - aula 04
https://www.youtube.com/watch?v=U8boxtvt9d0

Saravá
IMPIO

AQUILES disse...

Os palhaços,o circo, a feira. Tudo para mim era tristeza e dor. Sempre me condoía daqueles meninos tristes que chegavam por 10 diaa á sala, e que depois partiam para outra sala de outra vila. Os meninos que dormiam debaixo dos expositores. Lembro-me de um tapete poído no terreiro da feira, onde uma menina triste fazia algum malabarismo e contorcionismo, enquanto o pai tocava trompete e a mãe com uma criança ao colo recolhia algumas moedas. Só me lembro da tristeza desses tempos de feiras, circos e saltimbancos. E depois de um filme italiano sobre essa tristeza.

AQUILES disse...

E como tristezas não pagam divídas, aqui, nesta lista, estão horas de boa música para descontrair:
https://www.youtube.com/watch?v=AXpRS_bcQmU&list=RDLMmVOIuTv1k

João Pedro Barbosa disse...

EONDOIC
PONTO
PONTO E VIRGULA
EXCLAMAÇÃO
INTERROGAÇÃO
RETICÊNCIAS
ENTRE PARÊNTESIS
MAIS DOIS PONTOS
ESPAÇO
ENTRE ASPAS
A PALAVRA
MUDA DE LINHA


João Pedro Barbosa disse...

Beijinho ás duas... E. Também! À Bea?

João Pedro Barbosa disse...

Desconhecida? Temos que ter atenção que circulação é feita pela esquerda! E acordamos todos com o voo da águia. Valorizo bastante o espírito auto-critica como o espírito santo...

P.S. "Sem saber porque ainda não abriram balcões do Banco Espírito Auto-critico"

bea disse...

Tão queridinho o professor a atirar-nos um beijinho, Andorinha:) bigada, viu?

o resto vejo mais logo, tenho de ir dar banho ao cão. Inté mais

beijinhos

Bom Dia!!!

Impio Blasfemo disse...

Palhaços, enfim gosto, quando me estimulam o riso, ou fazem pensar. Mas há palhaçadas tristes, ou cenas que não há paciência que aguente. E a propósito de coisas difíceis de aguentar, citando o João Miguel nas suas sugestões in http://azweblog.blogspot.com

“Aguentei cerca de 90 minutos (do total de 300), do Einstein on the Beach, de Philip Glass, na Mezzo. Foi penoso, mas nada comparado com o sofrimento do indignado de Massamá”. Cada vez mais gosto deste humor subtil do João Miguel quando se refere ao incumbente de Massamá.
Já agora sugiro uma vista de olhos sobres as sugestões culturais do João Miguel para os próximos dias e que estão, conforme acima referido, em http://azweblog.blogspot.com


Para o João Pedro Barbosa que gostou do Bourrée de Bach
http://pt.wikipedia.org/wiki/Bourr%C3%A9e
J. S. Bach: Bourree in e-minor
http://www.youtube.com/watch?v=jKSg8t4zyLg
Jethro Tull: Bourée
http://www.youtube.com/watch?v=2u0XXpVGUwk
Jethro Tull - unplugged
"Serenade To A Cuckoo" and "Skating Away (On The Thin Ice Of The New Day)". Live broadcast on MTV in 1987.
http://www.youtube.com/watch?v=sotzgSvjZUQ

E bom FDS para todos
Saravá
IMPIO

João Pedro Barbosa disse...

Ímpio. Continuo! A preferir? Duplas...

Gal Costa e Zeca Baleiro - Vapor barato_Flor da pele -

http://www.youtube.com/watch?v=dRnbIji4OjY

João Pedro Barbosa disse...

Quando O problema se transforma na solução: http://www.youtube.com/playlist?list=PLopq6yGfmFAuzxTGtNlLx9ZxocejI_UPm

João Pedro Barbosa disse...

Valeu? Pelas! Fotografias. Não precisa de musica...