terça-feira, abril 01, 2014

Boa noite, gente.

35 comentários:

andorinha disse...

Sono descansado e revigorante:)

Uma flor e um cacto...loool

Que dois adoráveis malucos!

Beijinho. Fique bem.

João Pedro Barbosa disse...

Andorinha, obrigada pela ponte.

andorinha disse...


Fica bem, João Pedro:)

Anfitrite disse...

Tomem lá uma cantiga de escárnio e maldizer, para não sentirem a minha falta:

Chamo-me Passos Coelho
Cortador de profissão
Corto ao jovem, corto ao velho,
Corto salário e pensão
Corto subsídios, reformas
Corto na Saúde e na Educação
Corto regras, leis e normas
E cago na Constituição...
Corto ao escorreito e ao torto
Fecho Repartições, Tribunais
Corto bem-estar e conforto,
Corto aos filhos, corto aos pais
Corto ao público e ao privado
Aos independentes e liberais
Mas é aos agentes do Estado
Que gosto de cortar mais
Corto regalias, corto segurança
Corto direitos conquistados
Corto expectativas, esperança
Dias Santos e feriados
Corto ao polícia, ao bombeiro
Ao professor, ao soldado
Corto ao médico, ao enfermeiro
Corto ao desempregado
No corte sou viciado
A cortar sou campeão
Mas na gordura do Estado
Descansem, não corto, não.
Eu corto
a Bem da Nação!

Não sei quem é o autor, porque este género é da Idade Média e a minha memória não vai tão longe.

Pessoal,
mas desta eu me lembro bem e não era cantada por esta senhora, não.
Mas que tem um swing lindo, tem:

https://www.youtube.com/watch?v=A7sYvwRfn40


João Pedro Barbosa disse...

Andorinha, foi uma ligação sem fios. Continua a respeitar a classe! Não sei porquê? As mulheres que exercem se forem dignas do género, desviam muito melhor para canto...

João Pedro Barbosa disse...

Anfitrite? As chefias! Nem gostam de serem tomadas à letra. Gostam de serem cultivadas...

João Pedro Barbosa disse...

"Do Not Carry With Climate Change By What I Have Saw The Last Twenty Years It´s The Same" 02/04/2014

João Pedro Barbosa disse...

Depois de três anos de rodagem
Para montar vai levar muito corte e colagem
Dignas de uma curta metragem

bea disse...

Bom Dia:)

Anphy

:) Mas está tão bem o poema! (vou guardá-lo mal possa). O problema é acabar com isto.

Ana Carolina é uma promessa de coisas boas, comparo-lhe a inflexão e a tonalidade meio rouca à de Simone. A gente ouve e…é bonito, pronto.

Portem-se

Anfitrite disse...

JP.

Qualquer SER ADORA DER CULTIVADO E TRATADO COMO UMA FLOR. mas NÃO PARA SER VENDIDO POR UMA ENCOMENDA TELEFÓNICA QUALQUER.

Deixem de falar do tempo que esta chuva tem sido abençoada. Sempre se ouviu dizer "Abril águas mil". E quando a poupa chegava na primavera cantando ela dizia: "poupa, poupa/pão para maio/lenha para Abril." Cada um que tire as conclusões óbvias, gente sem amor à terra mas higth tecn.

http://www.avesdeportugal.info/upuepo.html

João Pedro Barbosa disse...

»Este Também É Bom«

( https://www.youtube.com/watch?v=_XHaPQVYBM0 )

João Pedro Barbosa disse...

Bonitos... São. Os olhos! Que nos vêem?

João Pedro Barbosa disse...

Anfitite? Há sempre a saída! À. Equador...

João Pedro Barbosa disse...

Andorinha... Tu? Fazes andar o trânsito! Alguém que te vê pensa logo que trazes mais de mil.

João Pedro Barbosa disse...

The Psychedelic Furs - The Psychedelic Furs (Full Album)

https://www.youtube.com/watch?v=AFS9l5vhbt0

Bea? Também não gosto! Mas faz-me lembrar pessoas. E lugares...

João Pedro Barbosa disse...

Se o trabalho é sério? Ninguém! Gosta. De concorrência...

João Pedro Barbosa disse...

Flor e Cato

NÃO REVELEM AS FONTES

João Pedro Barbosa disse...

Uma imagem repetida muitas vezes fica melhor que a cópia

João Pedro Barbosa disse...

Rafeiro? Com as novas tecnologias! Há coisas. Que não dá para ver...

João Pedro Barbosa disse...

Como Eduardo Lourenço. Poupo-me nas condecorações! A minha ausência. É suficiente...

João Pedro Barbosa disse...

É verdade. Não! Tenho? O original...

João Pedro Barbosa disse...

6% do PIB... Equivale a seis por cento. Do do mar! Depende da maré?

andorinha disse...


A NOSSA VEZ»

É o frio que nos tolhe ao domingo
no Inverno, quando mais rareia
a esperança. São certas fixações
da consciência, coisas que andam
pela casa à procura de um lugar

e entram clandestinas no poema.
São os envelopes da companhia
da água, a faca suja de manteiga
na toalha, esse trilho que deixamos
atrás de nós e se decifra sem esforço
nem proveito. É a espera

e a demora. São as ruas sossegadas
à hora do telejornal e os talheres
da vizinhança a retinir. É a deriva
nocturna da memória: é o medo
de termos perdido sem querer

a nossa vez.

Rui Pires Cabral, in 'Longe da Aldeia'


Não vos li. Vim apenas deixar este poema. Porque sim:)


Beazita, mandei-te mail:)

Vou...

bea disse...

É bonito esse poema Andorinha. Já vou olhar.

Anphy

anda a alternar com o João Pedro no estilo oracular. Sim senhor.

João Pedro

não sabes a anedota da farmácia com ph? Pois digo o mesmo: "ena pá ca diferente!"

João Pedro Barbosa disse...

Bea? As placas da rua! Vão ter foto. Apostemos...

João Pedro Barbosa disse...

Reservoir Dogs Soundtrack FULL ALBUM

https://www.youtube.com/watch?v=S0tkm-wc2PQ

João Pedro Barbosa disse...

Como é fácil entender o olhar dos mais ricos e dos mais pobres e como é um obstáculo entender os mais novos e os mais velhos: https://www.youtube.com/watch?v=7vtuyCNBteA

João Pedro Barbosa disse...

Beatriz,

Tabaco só ao balcão

Obrigada

João Pedro Barbosa disse...

Que diferenças encontras:

Épa?
Corneto?
Minimilk?

Dona Roxa!

João Pedro Barbosa disse...

"Abril Águas Mil"

https://www.youtube.com/watch?v=M8CFBMSWG_Y

andorinha disse...


João Pedro,

Ainda se fizesse parar o trânsito...isso sim, ficava contente:))))))))

Agora fazer andar...

andorinha disse...


Mais uma de Isabel Jonet...
Esta mulher tem o condão de me irritar solenemente.


http://www.publico.pt/sociedade/noticia/isabel-jonet-critica-desempregados-que-passam-o-tempo-no-facebook-1630764


"Não podemos ser tão extremistas”, comenta Nuno Troni, gestor executivo em Portugal da empresa de recrutamento Michael Page, a propósito das declarações de Isabel Jonet. Se as redes sociais podem proporcionar o mais puro ócio, podem igualmente ser uma das ferramentas mais importantes para detectar oportunidades de emprego ou para procurar activamente trabalho, assinala, dando como exemplo o LinkedIn, rede vocacionada para os contactos profissionais."


Nada de bifes, nada de redes sociais, vamos antes para uma caverna...loooool

Enfim...

bea disse...

Andorinha

Terá Parcialmente razão, a senhora (não sei porque escrevi parcialmente com maiúscula, mas tá bem). Não me irrita; e até compreendo o que quer dizer. Mas não concordo com críticas avulsas na TV.

E agora desculpem mas tenho de ir ver se noto o grão de ervilha debaixo dos meus doze colchões:)

Fiquem bem e que a manhã vos acorde de mansinho

andorinha disse...


Que a manhã te acorde de mansinho, também:)

João Pedro Barbosa disse...

"Qualquer Correspondência É Pura Sugestão"

https://www.youtube.com/watch?v=bR586YlEhpI