segunda-feira, fevereiro 09, 2015

Ou princesa:))))).

12 comentários:

andorinha disse...



A ouvir e ver...deleitada. Thanks:)


Bom passar por aqui para um último café. Vai-se aconchegada de corpo e alma:)))


Fiquem bem

bea disse...

Na infância ninguém me ensinou os desenhos animados; vi a Heidi aos 21 e a Branca de Neve bem mais tarde. Assim como muitos outros filmes do género.

Mas há um encanto diferente no filme de Branca de Neve. Tem qualquer coisa de sonho singular.

João Pedro Barbosa disse...

Boat In Me For Municipality

João Pedro Barbosa disse...

https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4337200/

João Pedro Barbosa disse...

Psychiatry Might Be Fool

https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4231559/

João Pedro Barbosa disse...

Bullying In Health Care

https://www.nichd.nih.gov/health/topics/bullying/conditioninfo/Pages/health.aspx

João Pedro Barbosa disse...

Worst Than Racism

https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24927925

João Pedro Barbosa disse...

Who Do Not No To Measure Also Do Not Know To Shake Anything

https://www.youtube.com/watch?v=9IYRC7g2ICg

João Pedro Barbosa disse...

There Is No Thoughts Than I Was A Child

*https://oglobo.globo.com/sociedade/pesquisadores-criam-sistema-de-inteligencia-artificial-que-le-mentes-21959198*

João Pedro Barbosa disse...

WITHOUT STRONG EXPERTISE AND SAFETY
THERE IS NO BASES

In Express,

"“Deriva, por exemplo, para a economia, para o lucro, que é uma manifestação intelectual e social do desejo de ter dinheiro. Que é uma maneira de ter poder. E assim comprar o bem-estar. O que eu quero com o livro, e esta é a ideia principal, é que as pessoas parem de dizer que as culturas são criadas por intelecto. São criadas por intelecto mas graças à motivação que lhes é dada pela vida dos sentimentos. Poderia dizer-se que isto é tão lógico que seria estúpido contra-argumentar. Mas há aqui uma originalidade na vida dos sentimentos, foram eles que serviram de monitores e determinaram se uma invenção cultural funciona ou não. Vou outra vez ao exemplo da medicina. Tens uma dor e o médico dá-te um medicamento para a dor. Como é que o médico e tu sabem se a intervenção funcionou? Através de um sentimento, o de não ter dor. Ou seja, bem-estar. Não é só a motivação, é a motivação e o controlo da execução. E existe ainda a constante negociação que os afetos introduzem em qualquer atividade social”."

António Damásio

João Pedro Barbosa disse...

No Ones Like Competition

https://www.youtube.com/watch?v=wS4pRck_atg

João Pedro Barbosa disse...

The Industrial Politics And Some Believes

WORLD IS WORST AFTER THE FALL OF USSR

BUT...

http://observador.pt/opiniao/o-pcp-e-a-revolucao-de-outubro-hoje-nao-e-o-dia-das-mentiras/