terça-feira, setembro 05, 2006

King Mercury, como dizia Macca.

Mercury faria hoje sessenta anos. Sempre gostei mais de o ouvir do que de o ver, por vezes tantas coroas, mantos e microfones em riste faziam-me correr para o leitor de CDs. Mas Made in Heaven, por exemplo, está em permanência no meu carro. Porque é preciso enorme coragem e dignidade para gravar um disco daqueles a entrar e a sair de um hospital à espera do fim.

P.S. Vou descer ao povoado para ouvir Marisa Monte ao vivo. Espero não ficar com saudades dos CDs:).

59 comentários:

noiseformind disse...

Discriminação pura! Não foste ver a Melanie e agora vais ver a Marisa? ; (((((((((((( os teus recém-adquiridos fãs da Nova Gente vão fugir em debandada ; )))))))))))))

Fora-de-Lei disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
noiseformind disse...

E já agora, inspirado pelo post meti o CD das entrevistas de David Wigg a Freddy Mercury a "tocar"...

Fora-de-Lei disse...

"... por vezes tantas coroas, mantos e microfones em riste..."

Um pouco à semelhança de Ney Matogrosso, António Variações, etc, etc. Ou seja, demasiado espalhafato. Próprio de um certo narcisismo (?) gay...

noiseformind disse...

FDL,
Claro pá, que esses rabos já se sabe... quando não estão a cantar estão a gemer com o microfone enfiado nas entranhas (convém indicar que esta frase é irónica, desculpa se com este aviso parvo atento à tua inteligência FDL mas não quero que comecem para aí a disparatar na minha ausência)

Fora-de-Lei disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Fora-de-Lei disse...

noiseformind 2:35 PM

Estás desculpado ! E até tens direito a um prémio (mágico):

http://www.dailymotion.com/blog/video/431648?key=fzkyzjudxyf9c7z3jdbtk60mql3vksr89adc00na&play=1&referer=

noiseformind disse...

Cá fica uma de troca. Provavelmente já viste este cromo, mas é dada de boa-vontade ; ) http://www.youtube.com/watch?v=Cvsdoa4jTq4

andorinha disse...

Boa tarde.

Também sempre gostei mais de o ouvir do que de o ver. E continuo a ouvi-lo...e continuo a gostar.

Noise,
E já agora, inspirado pelo post e por ti:), vou também ouvir as entrevistas.

fiury disse...

duas vozes do além...
o fredy que me desculpe mas a dela é mais sensual,inteira,forte, arrasadora,desconcertante.
espero que os tribalistas não lhe façam falta em palco.

Black_Gi disse...

dizem q eu preciso consultar um psiquiatra e qq dia vejo-me dentro do consultorio de algum e depois? Como é que vou sair de lá? coloquei este blogs nos favoritos do meu pc... um dia que esteja com a neura posso vir aqui chatea-lo? thanks...

peciscas disse...

Habituei-me a conviver com essa voz do além, desde os dez anos do meu filhote.
Também mais com a voz do que com a presença. E isto nada tem a ver com a homosexualidade do Freddy.
Mas, a avaliar pela circunstância de o nosso Murcon ter sentido a necessidade de apagar aqui alguns comentários, ainda haverá por aí muita gente que se preocupa mais com essa característica do cantor do que com a sua imensa qualidade artística. Ou sou eu que estou a imaginar coisas?

noiseformind disse...

peciscas,
O Boss não apagou comentários nenhuns...

Julio Machado Vaz disse...

Fora-de-lei,
Eu adoro o Ney:). E acho-o muito mais sensual de calça preta e camisa branca do que de plumas, imagine você!

thorazine disse...

Muito bom o video do Conan O'brien! ROFTLOL :))))))))))

E a rapariga mágica deixa a pensar, será que ela têm alguma cavidade a mais? :)))

Agora...as entrevistas! :(( Não sei o que é..

chato disse...

Professor: eu também adoro o Ney e, na verdade, ele é muito mais interessante de calça preta e camisa branca que de plumas; e sou hetero mas gosto dele.

Su disse...

eu spre gostei do mercury ...assim tal como spre foi, um animal de palco..a voz essa é eterna.....

da marisa....depende.. das alturas...:)))))))))))))))

qto ao ney, o ho transborda sensualidade com plumas ou sem...

jocas maradas de sons

Ameninadalua disse...

"Eu adoro o Ney:). E acho-o muito mais sensual de calça preta e camisa branca do que de plumas, imagine você!"

Professor

Concordo e acho graça a isso...

É como se ele se despisse daquilo que é segundário ficando na "pureza do essencial" que é de facto a sua enorme expressão corporal e musical que lhe dá garra e sensualidade...

thorazine disse...

"Goodbye, ev'rybody, I've got to go /Gotta leave you all behind and face the truth /Mama, ooh, I don't want to die /I sometimes wish I'd never been born at all..". É brutal a reocalhada depois! :))

Ameninadalua disse...

Thorazine

É de facto humanamente muito dramático suportar isso...ele sentía-se cheio de vontade de contunuar a vida e não havia qualquer hipótese.:(

Kikas disse...

Também semprei gostei e continuo a gostar de ouvir Freddy Mercury, o mesmo não posso dizer de o ver, sempre o achei um pouco "espalhafatoso". Isto não tem nada a ver com o facto de ele ser gay ou não.
Também gosto da Marisa Monte, mas não na mesma medida que do Freddy... são épocas e estilos e diferentes.

thorazine disse...

ameninadalua,
os mediúnicos dizem que quanto mais for a vontade de viver e quanto mais saudável for o corpo mais tempo a alma fica por cá. Mas não me acredito nessas coisas. :)))

Agora, se "espalhafatoso" ou não é relativo. Quando se copia, por exemplo a roupa, o andar, a maneira de dançar, o relógio, só por ser extravagante e "dar nas vistas" não acho grande piada. Agora, quando se cria algo realmente novo e original porque não interpretar tudo isto como uma forma de expressão?

Acho que o mesmo se aplica ao George Clinton! :)

Maria disse...

Pois é... De facto o Mercury não precisava de recorrer a todos aqueles artefactos para provar que era realmente bom... mas pergunto a mim própria (sim... pq sei que se eu não responder, ninguém o irá fazer :-))se não teriam sido esses acessórios, essas excentridades que nos "despertaram" para o seu valor? E depois de o vermos e revermos, é impossível dissociarmos o essencial (a música) do acessório (visual). Mesmo correndo para o leitor de CDs, a imagem que dele retivemos permanece lá... a menos que desejemos que a letra e/ou a música nos transporte a cenários e encenações que nós próprios, naquele momento, por qualquer razão, desejamos construir.
(Bolas! Que comentário mais lamechas! Foi o jantar que me caiu mal!)

Maria disse...

* excentricidades

a disse...

hoje acordei com esta música...

is this is real life?
is this just fantasy?
caught in a landside
no escape from reality.
open your eyes
look up to the skies and see.

i'm just a poor boy
i need no sympathy.
because i'm easy come easy go
little high little low.
anyway the wind blows
doesnt really matter to me
to me

Mamma
just killed a man
put a gun against his head
pulled my trigger now he's dead
Mamma
life had just begun
but now i've gone and thrown it all away

Mamma! Oooohhh
didn't mean to make you cry
if i'm not back again this time tomorrow
Carry on carry on
as if nothing really matters
Too late
my time has come
sends shivers down my spine
body's aching all the time
Good bye everybody
I've got to go
Gotta leave you all behind and face the truth

Mamma! Ooooohhh (anyway the wind blows)
i don't wanna die
sometimes wish i'd never been born at all

I see a little silowetto of a man
Scawlonmushe Scawlonmushe
Will you do the fandango?
thunderbolt and lightning
very very frighting me
Galelao Galelao Galelao Galelao Galelao figaro!
Magnifco o o o o

i'm just a poor boy
nobody loves me
he's just a poor boy from a poor family
spare him his life from his montrosity

easy come easy go will you let me go?
Makes me laugh no!
we will not let you go
Let him go!
Makes me laugh
we will not let you go
Let him go!
Makes me laugh
we will not let you go
Let me go!
will not let you go
let me go!
will not let you go
let me go o o o
no no no no no no no!

o Mamma mia Mamma mia
Mamma mia let me go!
Beelzebub has a devil put a side for me for me for me

So you think you can stone me and spit in my eye?
So you think you can love me and leave me to die?
Oh baby
can't do this to me baby
Just gotta get out
Just gotta get right out of here

Oooooo
oh yea
oh yea

Nothing really matters
Anyone can see
nothing really matters
nothing really matters
to me

anyway the wind blows

Lusco_Fusco disse...

Boa noite!
Pegando no primeiro comentário do Noise e depois de ter lido aqui sobre as pernas do Professor :) Não perdi tempo ;-)
Como apreciadora de pernas masculinas, que sou, espreitei a revista... E sabe professor, sem favor algum na escala de 1 a 20, dou nota máxima ihihihihih (não vale corar ou também coro :))))
Uma noite divertida.

Um abraço a todos
MJ

PS. Safadita a Lusco ;)

Fora-de-Lei disse...

Julio Machado Vaz 7:32 PM

"Fora-de-lei, eu adoro o Ney:). E acho-o muito mais sensual de calça preta e camisa branca do que de plumas, imagine você!"

Professor, ele há gostos para tudo. No meu caso, prefiro o Rui Costa vestido de "papoila saltitante"... ;-))

Lusco_Fusco disse...

lol
Eu prefiro o Professor de calções eheheheheh

Maria disse...

luco_fusco... sua "maluca" :-)))

Fora-de-Lei disse...

peciscas 7:09 PM

"Mas, a avaliar pela circunstância de o nosso Murcon ter sentido a necessidade de apagar aqui alguns comentários, ainda haverá por aí muita gente que se preocupa mais com essa característica do cantor do que com a sua imensa qualidade artística. Ou sou eu que estou a imaginar coisas?"

Claro que está a imaginar coisas. Quem apagou esses comentários fui eu próprio (Fora-de-Lei) pelo facto de haver qualquer problema no meu PC que fazia com que os meus comentários fossem publicados em duplicado. Aliás, tenho a certeza que o nosso anfitrião nunca se serviu do "lápis azul" para obscurantizar o ambiente que se vive neste blog. A verdade tem que ser dita, nem que seja depois de eu ter ficado a saber que o Professor adora o Ney, especialmente quando ele aparece ataviado de calça preta e camisa branca... ;-))

E não seja complexado, peciscas. Não precisava invocar a existência de um filhote para se sentir mais à vontade a elogiar as capacidades de um grande artista que, por acaso, era homossexual. Como é óbvio, ninguém o iria rotular fosse do que fosse só por emitir esse elogio. Veja bem que até eu - que sou um homofóbico do camandro - sempre gostei de João Vilaret e Ary dos Santos. O que não é o caso dos Queen.

Aspásia disse...

Lusco Fusco

Nesse caso, em especial para ti, mas todos devem ver, não era (é) uma gracinha ???

Outra foto do Professor em calções

Bjs ;))

Aspásia disse...

Maria

Já vi que estás com ciumeira da Lusco!!!

;))

ricire disse...

Porque é que se fala na homossexualidade do artista, quando se está a falar dele como artista? Porque é que não se fala da heterossexualidade da Marisa (que eu suponho que seja heterossexual, embora só possa garantir que pelo menos comigo ela não... coisa e tal, tal como o Freddy, aliás!), quando se fala dela como cantora?

Aspásia disse...

Zanzibar's most famous son - Freddy Mercury

Freddy Mercury, real name Farouk Bulsara, was born in Stone Town, Zanzibar, on September 5th, 1946. Freddie's parents belonged to the Parsee faith, the ancient Zoroastrian religion originating from Persia. Many parsees emigrated to India during and after the Arab conquest of Iran, resulting in a sizeable Parsee population in India, some of which travelled to Zanzibar to work for the British government. Freddy lived in Zanzibar until the age of seven (spending some of his early years in the building that is now the Gallery Zanzibar shop on Kenyatta road). At seven he was sent to boarding school in India, returning to Zanzibar occasionally until his parents emigrated to the UK before the revolution of 1964. Freddy went to art school in England and eventual rock stardom with his band Queen, becoming the world's best known Asian pop singer before his untimely death from an AIDS-related illness in 1991.
------------------
Curiosidade: Freddy possuía 4 dentes a mais, mas nunca os quis tirar com medo de mudar a voz.

Ameninadalua disse...

Fora-de-Lei,

Você é demais:)))

Porem admira-se pela frontalidade e coerência...:)) (e isto apesar da sua fuga no dia do lançamento do livro do professor que ainda não foi esquecida. Esperemos que se possa redimir no futuro:)

Ameninadalua disse...

Aspásia,

Continuas a ser duma eficácia extraordinária:))

Deixas-me intrigada, onde será que vais descobrir essas "raridades"?:)

O professor era de facto um rapazinho risonho e gracioso, pelo menos a avaliar pela foto:)
(a expressão luminosa do olhar mantem-se até hoje).

thorazine disse...

"Porque é que se fala na homossexualidade do artista, quando se está a falar dele como artista? Porque é que não se fala da heterossexualidade da Marisa (que eu suponho que seja heterossexual, embora só possa garantir que pelo menos comigo ela não... coisa e tal, tal como o Freddy, aliás!), quando se fala dela como cantora?"

Porque não é socialmente "normal". E isso manifesta-se nas mais pequenas coisas, nem que seja numa pequena justificação quando se defende os "homosexuais". É verdade que se está a ser "picuinhas", mas também concordo que é com as pequenas coisas que se constroem grandes. Muitas vezes basta a expressão "fogo, assim pareces um larilas" dito por um dos pais ao rapaz para o preconceito começar a ser creiado. ;((

Mas também há uma diferença. Há as "lolas", cheios de tiques (o formas de expressão, como se queira chamar) e há os simples seres humanos que gostam de pessoas do mesmo sexo. E mesmo entre homesexuais há discriminação entre estes dois tipos, pois há pessoas que gostam do mesmo sexo mas não gostam de quem se gosta vincar bem que mudou de sexo. E entre travestis e transsexuais. Por isso, émuito difícil catalogar. E entre estes todos há discriminação em quem gosta de animais...ou de drogas. É um bocado complicado. :)))

Petergun disse...

O Freddy era gay??? Pensei que para todos nós ele era apenas o vocalistas dos Queen.

Lusco_Fusco disse...

Aspásia
Bigada. Vi a foto e a "maquete" não engana :))))

PAH, nã sei! disse...

pergunto-me o porquê do facto da opção sexual de cada um, dar tanto "pano para mangas"...

o homem era um "senhor", um mestre no que fazia!

Não é isso que interessa? Com plumas ou não?

noiseformind disse...

Tardiamente (já depois da sua morte, meados dos anos 90) lá fui conhecendo a carreira a solo de Freddy Mercury. Mas uma coisa sempre me agradou imenso nela: o facto de todas as suas letras serem imaculadas de género e cheias de amor (e sexo, ora pois!). Talvez tenha sido dos primeiros a reclamar o direito à indiferença...



"I want to gaze into your eyes and see the fire in their glow

But it's the same old story

Want you to melt inside my arms like falling rain upon the
snow

But you say no, you say no

Want you to help me through deep waters when my ship is in a
storm

Want you to give me all the power like a king on his throne

But you don't care, you don't care


One day I'll look into your mind and understand which way to
go

But it's the same old story

When you refuse me all the time I'm suicidal on my own

But you don't know, you don't know

I want to be beside you now, lie in the stand and kiss your
brow

I want to fly beyond the moon and do the things we do for
love

But you don't care, you don't care


I want to be beside you now, lie in the sand and kiss your
brow

I want to fly beyond the moon and do the things we do for
love

But you say no, you say no

History repeats itself, I seem to be all by myself again"


Freddy Mercury em MISTER BAD GUY, a música Man Made Paradise

APC disse...

Já agora (e pela segunda vez neste mui nobre blog): o Ney tá um giraço! É claro que não chega ao meretíssimo dono deste excelso tasco de cultérrimias tertúlias, mas também não se pode ter tudo nesta vida, e esse já se maquilha lindamente, o que é bem capaz de ser um plus contra o adversário, acredito eu.
E naquilo em que acredito, eu cá acredito!;-)))

thorazine disse...

O professor não se maquilha? Pensava que sim! ;)))))))))

Maria disse...

Aspásia:
Com ciumeira da Lusco? Claro que estou! Sou muito possessiva, miúda! :-)))
É que com tanto elogio à perna roliça, o professsor ainda é convidado a posar para a "For Her Magazine" e depois é que são elas! Elas mesmo! Resmas de elas!:-)))))

bazuco disse...

Não sei porquê!Mas só comecei a gostar dele, após a morte!
E..principalmente pela causa da morte.
Só depois, é que comecei a reparar na grandeza humana, e na forma como se fez único!Só por isso...
Um abraço Julio Machado vaz

Cleopatra disse...

Julio Machado Vaz 7:32 PM

"Fora-de-lei, eu adoro o Ney:). E acho-o muito mais sensual de calça preta e camisa branca do que de plumas, imagine você!"

Professor....... Olhe que eu também.

"Olha lá! Olha lá!"

;)

Aspásia disse...

Menina da Lua
12:42 AM

Então, pequena, uma fã tão provecta como eu, tem, naturalmente um vasto arquivo sobre o Prof.! Irei compartilhando convosco, claro, sempre que oportuno, esta vasta Torre do Murcon(bo)...

;))

Aspásia disse...

Maria

Já fui ver o teu retrato... estás fotogénica... e atrás de ti uma pilha de livros do Prof.!!! Avistei mesmo um vermelho - sem dúvida "O Sexo dos Anjos"!
Tu és um perigo, mesmo aí ao pé do Prof.... eu calculo esses encontros "por acaso" no café, na esplanada da Foz, nas bichas(*) do trânsito... etc., etc....

;)))))))

(*) - não tenho complexos nenhuns, desde que tive a solitária!!!

Lusco_Fusco disse...

Pronto!Pronto!
Não se zanguem com a lusco. Ela pensou melhor e na escala de 1 a 20, dá 18 ao Professor, 19 ficam para ela e 20 para Deus. Ta bem assim?! :))))
Jokas

Aspásia disse...

Thora

5:37 AM

Claro que maquilha para a TV, mas só uns pozitos-de-arroz, para disfarçar as olheiras que tem desde que nos atura aqui no Murcon... de resto não precisa de mais pinturas!!!

Por falar em Pó-de-Arroz, que saudades do meu querido Carlos Paião! Tamb. fez agora em Agosto anos que morreu. Uma perda irreparável para a música portuguesa...:((

Aspásia disse...

Thora´

E olha lá esses ritmos circadianos, mais parecem circenses!!! Levantar às 8 pm (thanks pelo passeio "matinal" no oásis egípcio) e deitar às 6 am??? Então a tua avó e a tua namorada não te metem na ordem???

;)))

Miguel disse...

Quando é apresentado um(a) músico(a), "toca" de falar mais sobre os seus prazeres carnais, do que dos seus prazeres musicais.....hum....somos mesmo....como direi....libidinosos.

P.S. Desculpe-me Professor, a ousadia de entrar em terrenos seus.

Maria disse...

Aspásia:
Ó queridaa, você é uma caturra, tá a vere? Mas não sou que tou na foto! É a minha irmã, a Miluxa! A minha foto mais recente tava um nojo! E ela, que tem montes de fotos, emprestou-me esta, tá a vere?
Os livros que tão lá atrás também não são do tio Júlio! Olhe, também não me tou a lembrare de quem são... Ah! Já tou a vere! Um deles é uma encadernação das revistas onde tenho aparecido: Nova Gente, Caras, Vip... O outro só pode ser da Paulinha Bobone!
Ai, queridaa! Até corei com aquilo sobre "os encontros por acaso"! Que horroree! Quando tou com ele é no consultório, nas sessões de psicanálise! É um queriducho! Foi professor do meu filho, do Janecas, e é do melhorio, tá a vere? Ó queridaa, olhe que ninguém sabe que tenho um filho quase médico! Depois do último botox, fiquei lindérrima e com menos 20 anos! Olhe, sabee, até pareço irmã ou namorada do piqueno. Uma caturrice!
Bem... Já tou super atrasada para a cabeleireira!
Foi um prazeree tar aqui a "conversare" com a menina!
Um beijo enormérrimo!

thorazine disse...

Aspásia,
miséria! :((

A minha namorada arranjou um trabalhinho para fazer umas coroas, só sai por volta das 5 am. Ainda não me habituei a dormir sozinho..fico sempre à espera! :)

thorazine disse...

Carlos Paião..foi cedinho também. Ele era médico, se chegou a exercer não sei.

Ontem também conheci (lá no bar) uma senhora por volta dos seus 50 anos que tinha andado no primeiro ano de medicina, mas desistiu por causa dos "cadáveres". Já foi prof de geometria descritiva, mas também teve de desistir porque não conseguia aturar os alunos. Hoej era antropologa "de trazer por casa", e pelos vistos esteve a estudar o homo sapiens sapiens sob o efeito de uns gins tónicos. Gostei. ;)))

thorazine disse...

Será que alguem ja confundiu o prof com este senhor: http://www.murcom.blogspot.com/ ??

Eu por momentos já! LOL

andorinha disse...

petergun (1.07)

Eu também pensava, mas parece que nos enganámos.:)))

pah,
Devia ser, mas estas mentes retrógradas...:)

Aspásia disse...

Maria

Oh queridaaa... desculpe lá então estes maus pensamentos! Mas a queridaaa tem de arranjar uma foto sua, tá a vere... não vá metere a maninha em trabalhos!!!

Bjinhocas! ;))

Klatuu o embuçado disse...

Grande senhor!