sexta-feira, agosto 12, 2005

Na minha idade...

... já é difícil surpreender-me, mas continua a ser fácil desiludir-me. O que se passa com o PT no Brasil é uma tristeza:(. Tanta esperança emporcalhada...

47 comentários:

PortoCroft disse...

Caro Prof. m8,

É uma vergonha. E é uma pena para o povo brasileiro.

Para nós, a provar-se a "Lisbon Conection" é duplamente vergonhoso.

lobices disse...

...desde a minha infância (anos 50s) que me lembra de ver filmes em que Lisboa era uma cidade de "passagem" de "muita coisa" (basta recordar Casablanca)...
...penso que a saga continua pela simples razão de que Lisboa nunca deixou de ser uma "porta" para tudo
...a haver "conection" nada me admiraria...
...ontem vi uma notícia nos TeleJornais sobre um encontro de diversas personalidaes em Lisboa para uma espécie de "convenção a favor do combate à fome no mundo". Lindas as imagens: todos muito bem arranjados, bonitos, lindas de morrer e... lá estavam os comes e os bebes... a luta contra a fome no mundo passa sempre por uma demonstração de fartura!.....
..."merda"!...
(desculpa Profe)
abraço

yulunga disse...

Desculpem a minha ignorância, mas vai para uns bons meses que não vejo noticiários nem leio jornais.
Fico a ler-vos enquanto ouço a musica a som da qual os meus pais deram milhares de beijocas ;-)

PortoCroft disse...

Lobices,

Lá está...a hipocrisia dos homens não tem limites. Bem metida. ;)

Pamina disse...

O Lula pediu hoje descupla e diz que não sabia de nada:)

JMV,
Para o consolar um pouco deixo-lhe este presentinho.

PortoCroft disse...

Pamina,

Isso é maldade. ;) Como diria o Noisy, o Prof. vai ficar orgásmicooooooo!... ;))))))))

Débora disse...

Olá a todos,

É de facto uma vergonha. Tanta esperança vã …
Quanto à “Lisboa connection” é muito natural – Portugal sempre foi albergue para tudo o que é bandido, mesmo antes do Acordo de Schengen..
Não foi descoberta em Sintra uma “empresa” oficialmente registada, que era efectivamente uma célula terrorista?
Tal como o Prof. JMV já não me espanto com determinados eventos, mas também não me desiludo, porque não tenho a ilusão de que as coisas funcionem como seria devido. Mas lamento imenso que assim não seja.

Pamina,

Que bela prenda para o Prof.! Foi um gesto muito ternurento. Ele merece isso e muito mais …

Saudações.
Débora

Carlos Sampaio disse...

Costuma ser sempre mais o que não se sabe do que o que se sabe.
Ai se um dia aparecem nos jornais os Marcos Valério de cá!!

Anónimo disse...

Yeh! That's great. I'll keep my eye on the progress!
I have a Wedding Photos Northampton site/blog. It pretty much covers Wedding Photos Northampton related stuff.
I'd love to see you there :-)

Julio Machado Vaz disse...

Pamina,
Durante alguns dias mudarei o meu wallpaper (é assim que se diz?). Você será responsável pelo atraso do livro!:). Obrigado pelo mimo.

Pamina disse...

JMV,
Não tem nada que agradecer:)
Mas não descure o trabalho, por favor. Estou com muita curiosidade de ler o seu novo livro.

yulunga disse...

Bom fim-de-semana maralhal.
Boas blogadas

juliana disse...

o brasil é isso mesmo, também....está demasiado entranhado no sangue e na mentalidade.É muito triste, tanta potencialidade estragada...A sociedade brasileira cresceu a partir de condenados do reino além mar que foram "deportados" para trabalharem lá. E assim se formou a base de uma sociedade....é uma teoria, mas que acredito que possa explicar o facilitismo para a corrupção e para o salve-se quem puder. Por aqui não temos tanta falta de vergonha na cara, mas há muita falta de seriedade também....

Prof: estou a ver que está tudo curioso sobre a sua companhia, ou falta dela...parabéns pelo bom gosto...já viu "chocolate", de certeza, e ficou babado....pelos chocolates claro...

portocroft e yulunga: para quando um blog em conjunto?? Lol....

Fora-de-Lei disse...

O discurso para-neo-liberal de Lula não augurava nada de muito diferente daquilo que aconteceu com o PT.

Uma vergonha para uma certa esquerda (ou se calhar, para a esquerda num todo), uma desilusão para os mais bem intencionados e - acima de tudo - uma grande oportunidade perdida para o povo brasileiro.

Fora-de-Lei disse...

lobices 6:23 PM

Tem toda a razão... os tios e as tias "enchem a mula" enquanto muitos outros "passam por baixo da mesa" e - ainda por cima - têm a lata de se afirmarem contra a fome que grassa pelo mundo fora.

No entanto, a minha bela Lisboa - seja ou não um ponto de "passagem de muita coisa" - não tem a culpa nenhuma...

Mas o exemplo vem de cima... O país arde, há cerca de 500.000 desempregados, a economia é o que se vê, mas o nosso primeiro ausenta-se para umas férias de luxo.

Parafraseando-o: merda !

lobices disse...

PAMINA:
...a menina merece um beijinho do JMV (e de todos nós, os outros...) pela bela prendinha...
...estou mesmo a imaginar a bela Binoche no ecran do monitor do Profe... ele a olhar com aquele seu olhar matreiro e a pensar: "mas que raio de frase erótica vou eu agora postar no meu blog?...Que raio de ruminação?..."
...bfs para todos

lobices disse...

PORTO E YULI:
...quando é que se decidem?
:)))

lobices disse...

FORA-DA-LEI:
...tenho saudades do "meu" tempo em que, nessas alturas sim, havia quem lutasse com todas as forças que tinham (e era tudo tão pouco) para tentar obter um pouco de dignidade para si e para os seus
...hoje, o País vive de "fachada" para uma "certa Europa" ver e uns tantos senhores usufruirem
...

Alexandre disse...

JMV: sinto o mesmo. é uma pena.

Tiago A. disse...

JMV: a desilusão já começou há muito tempo. O tão falado mensalão surgiu como uma consequencia "natural". As perspectivas nunca devem ser muito elevadas, se não o tombo é grande.

http://esomaisumblog.blogspot.com/

Reparador disse...

Vale a pena ver o que se passa em:
http://razao-tem-sempre-cliente.blogspot.com/
A coisa está do melhor.
Lá vou eu ter de fazer um "Objectos" sobre o tema "Murcon, under fire".
Abraços aos carneirinhos que adoram fazer "mééééé".
Webraços

Cê Tê disse...

Boa noite, Professor!
Não há kk associação (pelo menos consciente) no conteúdo do meu comentário e do seu mas, este espaço possibilita-me anonimamente dizê-lo:
Sobre o que pensa... gosto mais de o saber com o som da sua voz e com a intimidade de um sofá que se partilha virtualmente do que o que mudamente na forma escrita. Tenho saudades de me/nos visitar ao serão, do eco das citações, das histórias nas quais se encontra sempre um denominador comum naquelas que desconhecem na totalidade. Ainda o vejo no canal mulher, às vezes. Volte (n-vezes: até podemos fazer como fizeram à Fátima Felgueiras)!
E já agora (que bom poder dizer-lho) quero que saiba que se notou bem o seu desconforto (há uns anitos) em ter de ceder aos caprichos de um mediático senhor que até entrar no programa fez questão de aparecer...
Um abraço

Reparador disse...

Já me ri tanto, no http://razao-tem-sempre-cliente.blogspot.com/ que pouco me resta para rir.
Nem sabia que existia este blog. É do melhor.
Povo, imprimam os comentários do Prof. Dot. Usem cola branca, senão derretem-se todos como o Prof Dot. (ou será Dot. Pof?)...enfim, colem tudo bem e fiquem felizes. O Natal está quase aí....
Gelatina e um sofá Luís XV? Acham bem para um "Objectos"?

henrique doria disse...

O poder corrompe sempre.E um homem lúcido e de bons costumes só não é anarquista militante porque a humanidade é demasiado estúpida para merecer tamanho bem.

jotakapa disse...

Será que com a idade nos surpreendemos menos e nos desiludimos mais?

Não seria mais lógico que fossemos mais experientes na vida e por isso as desilusões fossem menores?
E as surpresas não seriam pelo menos de maior intensidade?

Pamina disse...

Lobices(8.56),
Desculpa não responder antes, mas saí para ir jantar à Nazaré. Então também aprecias a menina?! Obrigada pelo beijinho:)

Bom fds e uma noite descansada para todos.

Raquel V. disse...

"Será que com a idade nos surpreendemos menos e nos desiludimos mais?" Jotapaka


É que a "esperança" também refina com a idade, e passe a expressão, por vezes o copo enche com a gota que foi a mais.


------------
Boas noites

Raquel V. disse...

PS: e os "objectos" voltaram?? Era bom!

CHAPÉU VERDE disse...

Pois meu caro Prof! Mesmo na minha idade..eu ainda me surprendo!
E ás vezes com tão pouco...mas também me desiludo...e ás vezes é preciso tanto!
...mesmo que seja uma coincidência...surpreendi-me por ver o começo do seu texto...engraçado, não? Isso porque nem sempre levo a sério regra nº 6...que diz precisamente "Não se leve tão a sério"...

Mia disse...

Sempre julguei que ía acabar por o encontrar por aí. Num café qualquer, no Pingo Doce, na bilheteira do cinema, a estacionar o carro. Afinal acabei por encontrar o seu Blog e não resisto...tenho que lhe dizer: O Júlio é simplesmente irresistível!


www.pulpfashion.blogspot.com

Apareça!

Lúcia disse...

BOM DIA
Pois é, relativamente ao mensalão: que dizer? Quantas expectativas frustradas? O PT de Lula não significava, apenas, mais uma alternativa. Significava que o Brasil poderia, enfim, ter um classe política com seriedade, que colocaria os interesses do povo em primeiro lugar (que é onde devem estar)e que o Brasil ainda poderia ter esperanças de ser um país sério, governado por gente séria.
Acima de tudo Lula e o PT significavam esperança depois da classe política antecedente.

Tudo bem que Lula, até agora, tem sido posto de parte desta polémica e consta que nada sabia. Não deixa de ser grave. E não se admirem de um "novo paradigma" aparecer e afinal cheguemos à conclusão que Lula sabia. Espero que não. A bem da confiança que foi depositada neste Homeme, metalúrgico, sindicalista, a encarnação do povo.

Lobices
"tenho saudades do "meu" tempo em que, nessas alturas sim, havia quem lutasse com todas as forças que tinham (e era tudo tão pouco) para tentar obter um pouco de dignidade para si e para os seus"
Pois é, mas somos gorvernados há alguns anos pela geração de Abril, que a apreciar pelas tuas fotos, é a tua geração também. Que dizer daqueles que lutaram por um país melhor, por um sonho que parecia impossível, daqueles com ideais límpidos e belos, e, que, colocados no poder, não se distinguem de qualquer geração de burocratas, idiotas e nada sérios? Alguém, que não os conheça, diz "esta geração lutou por um país melhor"?

Que dizer de Mr. Sócrates, todos sério e imponente, travamdo uma luta pela dignidade da classe política, "porque agora é que é, vocês vão ver como somos tão seriozinhos neste governo e como falamos verdadezinha e como não somos clientelistas..." e depois faz uma jogada na Caixa Geral de Depósitos que cheira mal como tudo? Alegou falta de confiança política, mas manteve algumas pessoas na nova administração, incluindo a Celeste Cardona que foi o nome que mais contestaram. Perto de 3 MILHÕES DE EUROS de indeminização...
Que dizer dessa geração?
Agora lançam o Soares a presidente. POis, um dos pais da nação. É uma geração tão jeitosinha que nem um candidato têm credível. Nada contra o Soars que é uma referência para a malta de esquerda, onde me inlcuo. Mas para PR? Chega. E quem fala do PS fala de todos os outros partidos. è muito triste o que se passa neste país...

E foi o Prof. fazer discurso às Novas Fronetiras. E que discurso!

bm, meus amigos, vou rumar a Oeste (que a Pamina gosta)erecedias férias fora de casa, pois já estou em férias há alguma tempo. Pode ser que eu vos veja por lá.
beijos e abraços a todos.

Anónimo disse...

Um blog onde tudo se escreve... mas ninguém sabe porquê... ou quem foi!!!

http://tocafoge.blogspot.com/

lobices disse...

...to Lucia at 7:23 AM:
...cito:
Lobices:
"tenho saudades do "meu" tempo em que, nessas alturas sim, havia quem lutasse com todas as forças que tinham (e era tudo tão pouco) para tentar obter um pouco de dignidade para si e para os seus"
Pois é, mas somos gorvernados há alguns anos pela geração de Abril, que a apreciar pelas tuas fotos, é a tua geração também. Que dizer daqueles que lutaram por um país melhor, por um sonho que parecia impossível, daqueles com ideais límpidos e belos, e, que, colocados no poder, não se distinguem de qualquer geração de burocratas, idiotas e nada sérios? Alguém, que não os conheça, diz "esta geração lutou por um país melhor"?

...
...claro que sim, claro que tens razão; foi a "minha" própria geração que se agarrou ao poder e aí se deixou ficar!... Tens toda a razão!...
...MAS
...o que estou a "lamentar" é que HOJE, eu não vejo esses ideais na geração de hoje que se adapta tão facilmente ao laisser faire e, amanhã, serão eles o poder! Nessa altura, quando ela chegar, que poder irão eles exercer se estão vazios de ideais?
...
...

noiseformind disse...

Um gajo acorda, afasta os corpos desmaiados à sua volta na cama, entremenha-se rumo à casa de banho, vê o ecran do Laptop a piscar, faz um desvio, pega numa desconhecida que está a dormir no chão, coloca-a na cama, carrega o blog do prof para ver os últimos updates, clica no 3 em vez do 2 por engano e de repente... Carla Bruni aos molhos!!!!!!!!!!!!!!!! Jasu!!!!!!!!!!!!!!!!! E claro, pq o maralhal é assim mesmo, nunca está satisfeito, eu clamo logo "E ONDE TÁ O TIM BOOTH????" looooool loooooool loooooool loooooooool nada a ver Porthos, está excelente, Carla Bruni, apesar de quase não dar concertos (pudera, é milionária e ela própria apenas editou o album por tremendas pressões do seu ciclo de amigos) o cd chega e sobra, é uma verdadeira camapanha contra o tabaco. Aquela voz levemente rouca, naturalmente cavernosa, como ficaria à base de 20 PalMall por dia? Muito mal digo eu, muito mal. Pessoal, faço portanto a publicidade: no canal 3 está a prova de que existe pelo menos uma topmodel cuja vantagem em relação a todas as outras topmodels não é ter aumentado mais alguma parte do corpo looooooool loooooooool loooool looooooool quando a ouço penso assim aos montes em Adriana Calcanhoto, não sei, mas penso.

Quanto ao Mensalão, não percebi o fuss que deram por estas bandas, afinal tratou-se de uma simples transacção comercial envolvendo a competitividade das empresas nacionais. Ou achavam que a PT andava a ganhar À Telefónica e a outras empresas maiores 30 vezes o tamanho dela como???????????? DUUUUUUUUUUUUUUH ; )))))))))))))))

E já agora, quem é que disse que Lula da Silba (os meus mil-perdões, afinal sou do Porto) ia ser melhor? Que esperança foi essa? Não sei. Uma esperança que não criou nenhum mecanismo de controle, que se limitou a pegar no cheque em branco, não vejo o prob. Vejam o caso de Tugaland: Este ano ardeu a área equivalente aos últimos 3 anos. Tipo... o Secretário veio dizer "Ah e tal, e coiso, e depois vai com a mangueira e chega lá e afinal parece que não e tal e está no outro lado e morre e tal..." e no fim diz que a area ardida não é importante. Quer dizer, se arde no Governo PSD é muito mau, se arde no Governo PS devemos confiar que não é grave graças "ás capacidade de regeneração da floresta"??????? Tipo, que esperança resta? O assalto ás empresas públicas, o investimento 10 vezes superior em betão (músculo) do que em tecnologia (cérebro) indicia alguma alteração da inclinação do plano descendente em que este país se encontra? Vejam bem, aumentámos este ano o consumo de petróleo em 8%. Ora foda-se, e além disso o petróleo passou de uns módicos 48 dólares por barril para uma média anual de 53, e numa só semana aumentou de 58 para 67, e isto o do mar de Brent, pq já nem falam do outro. E mais, numa altura em que o dolar estava a recuperar face ao euro, portanto, altura de aperto para as empresas exportadoras europeias. Portanto, num quadro deste grau de negritude, serão precisas medidas AINDA MUITO MAIS draconianas para lidar com o problema do nosso défice e da nossa própria solvência do Estado. MEdidas IMEDIATAS. E o que faz Sácrates??? Anda a nomear administradores a uma velocidade que parece a lufa-lufa de miúdos a entrar e a sair da casa de Elvas. Vejam bem, MESMO com estas medidas, um envelope de petróleo a 60 dolares anula-as e desfaz completamente a sua prévia eficácia. O Sr. Campos e Cunha, gajo avisado nestas coisas, calculou os valores de gastos em energia para m barril a 53 dólares o barril, e os FDP (filhos da puta para os menos avisados em siglas) da oposição estavam a ladrar muito amiudemente pq era um valor excessivo.

Vou tentar explicar maralhal. Vejam bem: temos um bem fundamental na economia. Actualmente é pouco usado em termos de energia mas é vital e sem substituto útil em termos de transportes e aplicações de consumo. A atenção a esse bem é tremenda. De repente, um país decide invadir outro país para garantir a estabilidade dos preços desse bem (na altura disseram-nos que era por causa de umas armas de destruição maciça feitas À base de pintelhos de ovelha curda, mas pronto, isso já passou À muito). Durante meses o bem tem problemas em ser canalizado nesse país (de facto, ontem mesmo o responsável militar dos EUA no Iraque disse que os ataques aos transportes de petróleo tinham DUPLICADO) e além disso os custos com manter uma força militar nesse país fazem quem que a inflação no país invasor, que é a maior economia do mundo, se mantenha estável. Além disso, de quando em vez, explodem umas bombas nas capitais do mundo, bombas que nunca tinham explodido antes de o tal país ter sido invadido. Como lógica do C (C de Caralho como é óbvio) passa-se a controlar e a fazer inspecções na rua ás pessoas da comunidade religiosa desse país (que fazem lembrar o que se faz num sítio chamado Palestina, que era já o suficiente para vários atentados nos últimos 30 anos). Ora além disso um certo país asiático, grande como o C e em plena fase de industrialização, começa a aumentar os consumos de petróleo a um ritmo de 5% ao mês, o que equivale a dizer que coloca uma pressão de .31 cêntimos sobre a produção mundial de 45 milhões de barris dia. Além disso esse país começa a fazer contratos com países africanos para garantir quotas fixas de produção, o que diminui os barris disponíveis em mercado aberto, o que tb vai pressionar a produção nos países produtores. Entretanto, como a tendência é de aumento, por todo o mundo começam-se a emitir warants de valores esperados para o barril cada vez mais caros, existindo actualmente (Sexta-Feira) 50.000 contratos que apostam no petróleo a 90 dólares lá para o fim de Dezembro. Ora este mercado de expectativas faz com que as pessoas deixem de investir nas bolsas, nas empresas, diminuindo o seu valor e aumentando ainda mais o preço do petróleo, que além da procura tem de juntar a especulação.

Resumindo e concluindo, se têm acções, livrem-se delas até final de Outubro, troquem por warants em petroleo ou se não quiserem fazer parte do fluxo expeculativo comprem warants de ouro ou platina (platina é mais certo, cresceu 60% em 4 anos).

E com o que forem ganhando vão fazendo um pé de meia para pagar a Gasolina a dois euros e o gasóleo a euro e meio.

E claro, continuem a vir aqui a este tasco.

Vou-me fazer ao pequeno almoço, nem tomo banho nem nada maralhantes, estou em estágio para os U2!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

nascitura disse...

Bom dia,
apesar de tanta porcaria, continuo a ter esperança naqueles que acreditam que é possível tornar o mundo mais justo. Recuso-me a deixar de acreditar.

noiseformind (no pass, no dick inside pussy) disse...

Para fazerem uma ideia do que falei ali atrás, comparem a média de 2004 com a média das últimas 52 semanas (e, facto relevante, não se esqueçam que MESMO essas 52 semanas estão deflaccionadas pelo facto de apanharem semanas de 2004, em que o praço estava mais baixo)

http://www.worldoil.com/infocenter/simmonsprices.asp?A=PRICES

noiseformind (where is the glove... where is the glove, the glove, the glove) disse...

http://www.icasualties.org/oif/Kutler-%20Fatality%20Retrospective%20Summer%20Orbis%202005.pdf

Just read the fucking papper!!!!!!!!!!!!!!!!!!

; )))))))))))))))) para colmatar a minha análise (estações de Metro sucks)

Joaninha disse...

Caro JMV
Como é verdadeira a sua frase…estou nessa! Difícil surpreender-me, sim, mas desiludir-me… mais facilmente que beber um copo de água… e quanto ao PT (Partiu Tudo) no Brasil, não é só uma tristeza, é realmente uma porcalhice…
...“Lisbon Connection” até podia ser um bom título para um best seller… Concordo tb com muitos dos “blogueiros” cá do sítio, e vou na teoria da Juliana…
Para todos, indistintamente, votos de fim de semana “longo”.

RAM disse...

É uma herança portuguesa, concerteza! :)))

RAM disse...

Noisy,


"Oil price assumptions in macroeconomic forecasts: should we follow futures market expectations?
Carlos Coimbra1 and Paulo Soares Esteves1


In macroeconomic forecasting, in spite of its important role in price and activity developments, oil prices are usually taken as an exogenous variable, for which assumptions have to be made. This paper evaluates the forecasting performance of futures market prices against the other popular technical procedure, the carry-over assumption. The results suggest that there is almost no difference between opting for futures market prices or using the carry-over assumption for short-term forecasting horizons (up to 12 months), while, for longer-term horizons, they favour the use of futures market prices. However, as futures market prices reflect market expectations for world economic activity, futures oil prices should be adjusted whenever market expectations for world economic growth are different to the values underlying the macroeconomic scenarios, in order to fully ensure the internal consistency of those scenarios."

OPEC Review
Volume 28 Issue 2 Page 87 - June 2004

RAM disse...

Noisy,

"Energy partnership: China and the Gulf States
Gawdat Bahgat1


One of the most significant developments in the global energy market in the last several years has been China's skyrocketing demand for energy. In 1993, China became a net oil importer for the first time in its history and in 2003 replaced Japan as the world's second-largest oil importer (after the United States). The country needs more energy to maintain its spectacular economic performance.

This study examines China's attempts to satisfy its growing needs for oil and natural gas by increasing imports from Russia and Central Asia/Caspian Sea region. The analysis suggests that despite growing cooperation between the two sides, the Gulf region is likely to satisfy most of China's hydrocarbons needs. Energy partnership between China and the Gulf has already started and is likely to be consolidated over the next few decades. The study also argues that this growing partnership between China and the Gulf should not be seen as a threat to any third party. The global energy market is well-integrated. Energy policy should not be seen in zero-sum terms. A China-Gulf partnership will benefit both sides and contribute to the stability of global energy markets."


OPEC Review
Volume 29 Issue 2 Page 115 - June 2005


PS - Bom concerto!

RAM disse...

Caríssimos,

PT - Partido dos Trabalhadores.
:)))))
Lá, como cá, como em todo o lado, as elites políticas dão o seu melhor em/com o nome dos trabalhadores.
E depois admiram-se com as taxas de abstenção e com o recrusdescimento/crescimento do ceptiscismo face aos modelos democráticos em geral e à partidocracia em particular.
Principalmente esta última!!!!!



New York Times
August 13, 2005
Aide to Brazil Leader Admits Party Used Illegal Financing
By LARRY ROHTER
RIO DE JANEIRO, Aug. 12 - Brazil's widening corruption scandal has moved closer to President Luiz Inácio Lula da Silva after an aide admitted that at least $3.25 million that moved through secret accounts in foreign banks was used illegally to finance the governing Workers' Party 2002 campaign.

The aide, Duda Mendonça, who is an adviser to Mr. da Silva on the news media, told congressional investigators that he did not think that any of the money was used to finance Mr. da Silva's campaign.

He said he was paid for his work on behalf of other Workers' Party candidates by the same man who has been identified as the operator of a $30 million party slush fund.

"It was clearly money paid out of a slush fund, and we knew that," Mr. Mendonça said during televised questioning that ended late Thursday night, in which he presented copies of banking transactions. "It was obvious it wasn't officially declared, but we had no choice. It was either take it that way or not get it at all."

With his reputation at stake, Mr. da Silva went on television on Friday before a cabinet meeting to discuss the latest disclosures in a scandal that began three months ago. He apologized for his party's behavior but denied any knowledge of the irregularities that have forced the resignation of his party's three top leaders and his closest aide.

"I feel betrayed by unacceptable practices of which I never had knowledge," said Mr. da Silva, a former lathe operator and union leader who came to power in 2003 promising a new era of honest and ethical government. "I am indignant at the revelations that appear each day and that shock the country."

Leaders of some opposition parties rejected that explanation and renewed calls for impeachment proceedings against Mr. da Silva. But Severino Cavalcanti, the speaker of the lower house of Brazil's Congress and an ally of the president, said it was too early to take that step because there was no evidence that directly incriminated Mr. da Silva.

The president's assertions of ignorance, however, were undermined Friday by the publication of an interview in a weekly newsmagazine with the former leader of the Liberal Party, a partner in the ruling coalition. The former official, Valdemar da Costa Neto, said in the interview that his party had received nearly $4 million in 2002 in return for supporting Mr. da Silva and supplying him a running mate, and that Mr. da Silva was aware of the transaction.

"Lula was in the next room" when the agreement was made, Mr. da Costa said in an interview in Epoca magazine. Mr. da Costa resigned from Congress early this month rather than face impeachment proceedings for his role in the scandal. "He knew we were negotiating numbers," Mr. da Costa said, adding that Mr. da Silva was present "to authorize the operation."

Mr. da Costa's remarks also directly implicated Vice President José Alencar, who is a member of the Liberal Party. According to his account, Mr. Alencar, who would be next in the line of succession if Mr. da Silva were to resign or be impeached, wanted the money to come through regular channels but was overruled.

Elected in 2002 with 53 million votes, Mr. da Silva now finds his support ebbing as a result of the scandal. A poll published Friday indicated for the first time that he might lose a re-election campaign. According to Datafolha, a Brazilian research organization, José Serra, the loser in the last vote and now the mayor of São Paulo, would defeat Mr. da Silva by nine percentage points if the election were held today.

Mr. Mendonça's admission that he was paid with money whose origins have yet to be explained is potentially most damaging for the party Mr. da Silva founded 25 years ago. Under Brazilian law, it could result in the party losing its official registry, leaving Mr. da Silva to run for re-election as a candidate without a party.

escrevinhador disse...

Eu acho é que as esperanças foram demais e infundadas. Por certos comentários da altura, dir-se-ia estar a caminho o messias. Foi demais. Os actos de corrupção que (ao que parece) aconteceram podiam não ter acontecido, agora, que Lula não seria o político diferente que nele se quis ver, pareceu-me óbvio.

Anónimo disse...

Cheguei ao seu Blog por mero acaso!
Diverti-me com a *música* !

Vejo os seus programas na *dois* e o bla bla bla do costumo (entenda-se: Parabéns)

Gostaria de ouvir (ou ler) a sua opiniao sobre um estilo de vida (assim lhe chamam) que é *Swing*

Era engraçado ver isso discutido com seriedade ao invés das noticias sensacionalistas que alguns canais de televisão (diga-se TVI) fazem passar :)

Deixo ficar uma dica onde poderá encontrar alguém que estará á vontade para falar sobre o assunto.

O site é (a dica): www.sexymsn.com

Goodbye my Friend Julio :)

TMara disse...

triste é, muito mesmo. Mas sinto k estamos cada vez + desinformados

Lyra disse...

E é só na sua idade? hum...não me parece. A mim acontece-me com frequencia.

superlong disse...

Cool site on hairy pussy pic Check out my Penis Enlargement