sexta-feira, janeiro 11, 2008

O meu reino pela resposta certa:).

- Quero dizer, provavelmente foi o que parece, mas garanto-lhe que existem atenuantes…
(para o facto de a ter confundido como uma puta?)
- Mas mais importante é pedir-lhe desculpa pela minha inqualificável confusão de há pouco, que obviamente só o consumo exagerado de álcool pode justificar…
(se houvesse um balão por ali sopraria de bom-grado, talvez as agravantes na estrada se transformassem em desculpas no sexo pago)
Ela franziu o sobrolho e ele carregou nas tintas,
- Justificar, justificar não, uma tal grosseria não tem desculpa, mas a senhora Inspectora concordará que acordar em tão sórdido contexto baralha qualquer um!
Pela primeira vez fitou-o nos olhos sem piedade. A cadeira abandonou o equilíbrio precário e pousou as quatro pernas no chão. Solene, como irmã mais nova do módulo que levara Armstrong à Lua – “um pequeno passo para mim…”. A voz exibiu uma doçura gélida,
- Presumo, então, que foi arrastado para aquele quarto contra a sua vontade, meu caro.
Estaria enganado ou por baixo do gelo espreitava o sarcasmo? E que responder? Contra princípios, educação e medo de doenças sexualmente transmissíveis sem dúvida, mas contra a vontade… Explorou-lhe o rosto em busca da resposta certa, mas sem eco. Excepto aquele verde inacreditável, que parecia envergonhado por brilhar paredes- meias com castanho plebeu e o penetrava sem caridade ou perdão anunciado. Jesus!, como era bela a sua inquisidora.

53 comentários:

Fora-de-Lei disse...

Ora aqui o paradigma do sado-masoquismo... ;-)

gaivota disse...

sinto-me um bocado à toa...
depois de ler esta "história"
coisas da vida, de quem vai
e de quem vem
os que procuram
e os que encontram
e os que pagam...
e os que nada têm

gaivota disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
non! mon amour! disse...

A bela Inspectora será antes uma bela Técnica do IRS

e ele tem com toda a certeza :)) uma pulseirinha elecctrónica,

não era suposto que fugisse para regressar ao local do crime ?

era ? não era ?

bom, pelo menos, as irregularidades processuais penais evaporaram-se :) como que por magia,

na volta, até já foi condenado encontrando-se a aguardar uma decisão em recurso!

Mas das irregularidades processuais de uma paixão não sei se se livram, assim com tanta facilidade :)

andorinha disse...

Boa noite.

Eu gosto deste "pobre" homem, suscita-me um certo carinho:)

E até naquelas aflições ele consegue ver a beleza da sua inquisidora...sim, definitivamente, gosto dele.

:)

yes! my love! disse...

"(para o facto de a ter confundido como uma puta?)" JMV

:)

para o facto de a ter confundido como uma puta ~~ o confundiria ~~

e uma profissional promete confundir ainda mais :)

nice ~~

yes! my love! disse...

ou não será uma profissional ?

:)

Sirk disse...

Coitado do homem! Teve mesmo pouca sorte! Já não lhe bastava uma simples inquiridora da polícia... tinha de lhe calhar logo uma "inquisidora", sorte malvada! :\
O tipo está mesmo em maus lençóis!...
;)

Su disse...

eu tb quero ter uma resposta que sirva para todo este suspense.....que me tem feito mto mal......a tudo....:))))))))

eu quero.......(gosto deste : eu quero) hehehehe

de sado ainda nada vi....afinal o moço é só um medricas ...tadinho...que se intimida com um simples mudar de tom de voz.....opsss precisava mesmo era dum chicote....aí sim......eu iria me dar bem:)))) opsssss lá vão as minhas fantasias para o ciber espaço............ehehehee

jocas maradas

A Menina da Lua disse...

Quanto à resposta! de facto nem sempre é fácil justificar os azares para onde os acasos da nossa negligência nos levam...:)

Mas eu sei que uma mulher atenta e sensível é sempre capaz de ler nos olhos dos outros... inclusive que, a ausência de sentimento de culpa, lhe garantiu a ele segurança suficiente para que afinal não se inibisse assim de dar largas à sua imaginação perante os belos atributos daqueles verdes olhos:))

CêTê disse...

Bom dia!

Não sei como é que os homens deduzem que uma determinada mulher é puta mas pelos vistos nós mulheres usamos outros referênciais. A rapariguinha não dava ares disso, coitada! ;P
Eu apostava mais que ela tivesse sido chamada para o avaliar clinicamente depois de uma crise amnésica. Quem sabe médica ou psi?!;P

Agora gostei muito (vá lá saber-se porquê...) da expressão:
"Excepto aquele verde inacreditável, que parecia envergonhado por brilhar paredes- meias com castanho plebeu e o penetrava sem caridade ou perdão anunciado. Jesus!, como era bela a sua inquisidora."

Quem sabe ela o poupará a toda a verdade e lhe prometerá protecção e vigilância para grande desassossego seu...Sim porque quando os homens metem uma coisa na cabeça...;)...

bom fds para todos- Espero que todos estejam a partilhar este fantástico Sol!;)

A Menina da Lua disse...

CÊTÊ:)

Sim! esse parágrafo que refere tambem me tocou em especial! pois é particularmente ternurento e subtil, ao ponto de nós as duas já termos aqui comentado, que o olhar do protagonistas reflecte em muito o do autor...e vai-se lá saber porquê?:))

cabecinhapensadora disse...

Que bicho estranho é o homem! Está uma pessoa aflita de tudo e só pensa nos olhos verdes, precários, que lhe ficam defronte. Mas talvez sejam preferíveis à secretária riscada. Os olhos têm destas coisas. Fixam.

Cristina Pina disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Sexualidade Sem Tabus disse...

Somos um grupo de alunas da Escola Secundária Jácome Ratton de Tomar que, no âmbito da disciplina de Área de Projecto, está a realizar um trabalho sobre sexualidade.
Reparámos que o professor, para além de ser um psiquiatra e sexólogo bastante conceituado, é, também, nosso companheiro da blogosfera, para dinamizar o nosso trabalho, criámos um blog (sexualidadesemtabus.blogs.sapo.pt).
Um dos nossos objectivos práticos é a realização de palestras para a mobilização os alunos da nossa escola. Deste modo, conhecendo o seu trabalho na área, gostariamos de saber a sua disponibilidade para, de algum modo, ajudar/enriquecer a nossa causa que é a Sexualidade Sem Tabus.

Agradecemos desde já a sua atenção e aguardamos resposta. :)

yes! my love! disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
yes! my love! disse...

Enfª Cristina

acabo de visitar o vosso http://sexualidadesemtabus.blogs.sapo.pt/

e fez-me lembrar deste outro, algo diferente http://www.docetoque.com.br/ muito simples mas muito funcional :) também !

Ambos encerram atitudes que associo a uma bela história de contar às vossas crianças :)

" Era uma vez :)

uma menina que chegava todos os dias à escola, muito sujinha e muito mal vestidinha!

o professor sentiu tanta pena da menina, que um dia resolveu comprar-lhe um lindo vestido azul!

quando o pai da menina a viu com aquele lindo vestido, ficou tão surpreendido e emocionado,

que nessa noite, pediu com muito jeitinho :) à mãe da menina,

para começar a dar banho à filha todos os dias, e a penteá-la como a uma princezinha!

a menina começou a ir para a escola, muito limpinha e muito penteadinha, toda ela brilhando naquele lindo vestido azul.

ao ver a sua filha, tão limpa e tão arranjada,

a mãe começou a sentir vergonha de ter a casa tão suja e tão desarrumada,

e começou a lavá-la e a limpá-la todos os dias, assim como, a cuidar melhor das suas roupas e das roupas do pai da menina;

o pai impressionado com aquelas mudanças, encheu-se de brio,

pediu ajuda aos vizinhos e aos colegas de trabalho e todos juntos arranjaram o telhado velho da casa, pintaram as paredes por dentro e por fora, e arranjaram o jardim, enchendo de flores, os pequenos canteiros.

os vizinhos gostaram tanto do resultado, que se encheram de entusiasmo, e fizeram o mesmo nas suas casas também.

em muito pouco tempo, todo o bairro tinha as casas com os telhados arranjados, as paredes pintadas, os jardins bem tratados, com os canteirinhos cheiiinhos de flores.

o presidente da junta, de visita ao bairro mais pobre da freguesia,

ao tomar conhecimento daquele enorme esforço dos residentes,

sentiu-se envergonhado por nunca ter feito nada para melhorar as condições de vida daquela gente tão negligenciada,

olhou para os arruamentos em terra batida enchendo aquelas vidas de pó de Verão e lama de Inverno,

e decidiu dar prioridade às obras de melhoramento daquele bairro, começando pelas ruas e acabando na escólinha daquela menina,

que um dia saiu de casa muito sujinha e mal vestida, e regressou das aulas, num :) lindo vestido azul!

um pequeno investimento no momento certo na(s) pessoa(s) certa(s),

além de um acto de amor,

pode significar não ficar à espera que sejam sempre os mesmos, com o dinheiro de todos, a resolver tudo!

cada pequenino gesto da nossa iniciativa, pode conter um belo vestido azul :)

e iniciativas como a vossa, podem conter e contêm, certamente, não um, mas uma chuva deles :)) quais pedradas em charco ~~ i hope!

andorinha disse...

Yes,

"acabo de visitar o vosso http://sexualidadesemtabus.blogs.sapo.pt/"

Muito me intriga como é possível visitar uma coisa que não existe.
Já quando li o post de "Sexualidade sem tabus" pensei logo que era fantochada.

Fui ver o link e confirmei, não existe blog.
Se isto é uma brincadeira, é uma brincadeira de péssimo gosto.

E depois indicas outro?
Mas esta caixa de comentários passa agora a servir para divulgar/promover outros blogs?

E depois essa historinha para crianças!....
Deixa-me rir...:)))))))))))
Vivemos no planeta Terra, se é que ainda não te apercebeste...

Todos esta profusão de nicks criada ultimamente à pressão tinha que dar nisto, mais tarde ou mais cedo.
Enfim, nada a que já não estejamos habituados...

Como diz um amigo meu: "Get a life!" e deixem-se de disparates.

CêTê disse...

Andorinha, faz como eu: não visito nenhum dos blogs que aqui ou noutras caixas são publicitados.

Nem que fique com água na boca! ;)))))))

yes! my love! disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
yes! my love! disse...

ai não que não existe Andorinha :)

http://sexualidadesemtabus.blogs.sapo.pt

não consegui comentar lá, e por isso comentei aqui ~~

lamento, porém, tê-la deixado de tão mau humor :(

Sexualidade Sem Tabus disse...

Pedimos desculpa por vir, novamente, aborrecer o dono e os visitantes do blog, mas nao podemos deixar de esclarecer. Temos duas contas, uma no blogspot que já nao está em uso e outra nos blogs da sapo. Sendo este último o que utilizamos. Mas aqui apenas poderiamos deixar comentários com o endereço do antigo, por isso termos recorrido a ele. E o tema: Sexualidade Sem Tabus, é aquilo que queremos incentivar com o nosso trabalho.
Ah e o nosso objectivo, ao vir aqui, nao era promover o nosso blog abusando do sucesso deste onde nos encontramos, mas sim pedir ajuda ao seu proprietário e aos interessados.
Nao queremos que nos entendam mal.
Obrigada mais uma vez.

andorinha disse...

Yes,

Se queres continuar com a brincadeira, continua, que posso eu fazer?
É uma brincadeira de mau gosto, mas se isso te dá prazer, feel free!:)

De mau humor eu?????
Num sábado à noite? Por causa da Net?
Deixa-me rir...novamente:))))))))))))
Foram tempos...


Cêtê,
Eu entendo-te, moça, mas às vezes gosto de confirmar certas desconfianças...

Sou uma moçoila muito desconfiada:)


Jinhos

Su disse...

opsssssssssssssss mas o que é isto

eu sou fiscal da ASAE e é proibido..atenção PROIBIDO fazer publicidade de blogs e solicitar ajudas para o tpc ..ok

alguém tinha de meter isto na ordem...
desculpe lá oh prof....mas sei que desculpa tudo....enfim...a tal cena dos neuronios.....por isso mesmo aqui estou eu

voltarei.....na proxima a coima é de 600 euros....sim o salario minimo é q é inferior.....

ok??????

sff de comentar o post

ass: fiscal da ASAE - mara.koka.

Su disse...

..estou aqui à espreita............

Su disse...

pssttt sem tabus............mas estamos na assembleia?????

...continuo aqui................

Su disse...

opss.. yes!!!!!!!! my love!!!!!!!!!!...mas isto é resposta a quem?????????????????


...aqui !!!!!!!!!!! atenta.

Su disse...

prof....ok exagerei..mas já sabe o que isto é
....terapia....pois....
agora vou nanar muito melhor...acho que nem me agarro aos quimicos........

e menina andorinha.....não responda a provocações....tb é proibido......:)))))jocas maradas

yes! my love! disse...

"opss.. yes!!!!!!!! my love!!!!!!!!!!...mas isto é resposta a quem?????????????????


...aqui !!!!!!!!!!! atenta."

Su,

não é resposta :) eu não domino o inglês :)

também não sei o que quer dizer Get a life! :(

mas pelo tom [:] imagino que seja um " desaparece e vai comentar p'ra bem longe "

e eu até sou capaz de ir, só para não a ver outra vez tão mal disposta :(

~estava a adorar os seus últimos comments e de repente lá se vai a loiça toda~~

é uma pena!

Joaolsd disse...

:)

Cleopatra disse...

Bem, Juiza não é. As Juizas não se aproximam dos interrogados.
Ficam bem longe,, pelo menos fisicamente...

Homen! ( com a devida vénia!) tire lá a farda, o véu, a máscara á inquisidora.
Na volta acorda e é um pesadelo. Ou então, acorda e encontra o Torquemada pela frente e está na época da Inquisição.

Ou será uma Procuradora???

Será a bela inquisidora uma Procuradora?
Será a Drª Maria José Morgado???

Na... que o professor não se mete em andanças complicadas.

Afinal o personagem só bebeu e está turvado pelo vapores...
Está a imaginar coisas e qdo começar a ver melhor, está mas é em casa com a velha empregada a gritar:
-ACORDE!!!!Fui eu então, quem o arrastou para o quarto contra a sua vontade. Tire-me as mãos das pernas! Olhe para o que lhe havia de dar! Com essa idade e a pensar que é jovem! Oh menino ACORDE!


Vou.... não quero estragar as imaginações circundantes....

Cleopatra disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cleopatra disse...

Bem, Juiza não é. As Juizas não se aproximam dos interrogados.
Ficam bem longe,, pelo menos fisicamente...

Homem! ( com a devida vénia!) tire lá a farda, o véu, a máscara à inquisidora.
Na volta acorda e é um pesadelo. Ou então, acorda e encontra o Torquemada pela frente e está na época da Inquisição.

Ou será uma Procuradora???

Será a bela inquisidora uma Procuradora?
Será a Drª Maria José Morgado???

Na... que o professor não se mete em andanças complicadas.

Afinal o personagem só bebeu e está turvado pelo vapores...
Está a imaginar coisas e qdo começar a ver melhor, está mas é em casa com a velha empregada a gritar:
-ACORDE!!!!Fui eu então, quem o arrastou para o quarto contra a sua vontade. Tire-me as mãos das pernas! Olhe para o que lhe havia de dar! Com essa idade e a pensar que é jovem! Oh menino ACORDE!


Vou.... não quero estragar as imaginações circundantes....

anfitrite disse...

Vocês ainda não perceberam que só pode haver uma ave na gaiola que se julga dona do blog e do seu autor?! Tem afastado tanta gente com interesse quando pensa(será que pensa?) que o seu "protagonismo" está ameaçado. É pena que o autor não diga nada e venha falar, no final do ano, em fazer o luto dos que partiram. Talvez não tenham partido e andem, como espíritos, a ver o que se passa, mas sem nada dizer, porque não vale a pena, mas assim o blog tem vindo a empobrecer. Mas o professor não gosta realmente de se meter em andanças complicadas. Apesar de não acreditar em Deus prefere viver em paz com Ele e com os Anjos.

non! mon amour! disse...

Anfitrite,

já sei o que são as personagens da história :)

são "espíritos" na noite do Porto :)

lutando entre a vida e a morte :( ou será antes (?)(entre o Céu e o Inferno? )


Mas não acredito que as coisas sejam assim tão simples...

acho que cada espírito tem a sua responsabilidade naquilo que lhe acontece, sobretudo, quando se deixa levar pela onda, mais ou menos boa, de outros espíritos...

Espero que o personagem ainda não tenha morrido, e se encontre apenas a caminho ~~ e que aquele fascínio de morte ~~ não tenha nada a ver com o lado fascinante da mesma... aquele que por vezes nos atrai nos mais inconfessáveis perigos, quais olhos rasgados de terra e mar ~~

Um bom domingo a todos!

Henrique Dória disse...

Ao novel novelista e seus leitores vou contar uma, verdadeira,dos tribunais:
Estava uma mulher a ser julgada e o juiz pergunta-lhe:
- Sabe de por que está aqui a ser julgada?
- Eu não!
- É por ser mulher de vida fácil, responde-lhe o juiz.
- Eu, com vida fácil? Ora experimente o Sr. Juiz a levar no cu todos os dias a ver se é facil.

A Menina da Lua disse...

Em termos de relacionamento interpessoal o que sempre mais me preocupou não são as diferenças porque essas são desafiantes e criam sinergias na dinâmica das relações. Nem é a burrice porque tambem essa é sempre passível de ser contornada pela aprendizagem.

O que verdadeiramente me preocupa é a cegueira e o auto centramento das pessoas em si próprias.

Mas o pior é que elas não serão e nem se acham egoistas porque estão efectivamente convencidas da sua sinceridade e até vitimização. Elas no fundo nem sequer entendem que são vítimas sim mas fundamentalmente delas próprias...

É cegueira pura e dura!...que tem por base medos profundos, fantasmas quixotescos, eu sei lá...os quais nem elas próprias o sabem....

Socialmente falando, a democracia que eu rigorosamente subscrevo, tem por vezes destas coisas; o espaço de liberdade é para se aproveitar e conquistar até inclusive desrespeitar, difamar, "morder canelas" e derrubar sucessivamente, onde só está quem aguenta...

Meus caros isto não é para quem quer é para quem pode:)...para quem tem estomago forte e jogo de cintura leve...mas tambem para quem e apesar disso consegue respeitar o anfitrião e sente igualmemnte uma pena imensa de perder este espaço onde o mote de partida e conversa são os fantásticos textos que o Professor nos prezenteia mas e igualmente um olhar, um sentir, um falar de quem muitas vezes passa por aqui talvez por solidão, talvez por acasos mas com certeza por vontade e gosto...

Meus caros estar aqui em espírito é interessante sim mas pensem que darmo-nos a conhecer é sempre algo que nos faz sair e quem sabe completar e enriquecer mais em nós próprios...

andorinha disse...

Boa tarde.

LOOOOOOOOOOOOOOOOOl LOOOOOOOOOOOL
LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL

Só me posso rir com os disparates que por aqui abundam....

Acabadinha de acordar e depois do meu brunch, nada melhor do que começar o dia na risota.
Obrigada, gentes, eternamente grata:)))))))

Claro que eu sou a dona do blog e do seu autor(?!)
Demoraram tanto tempo a dscobrir?:)))))
A ciumeira do mulherio é uma coisa infernal!

Continuo a achar imensa piada a tudo isto. Limito-me a dizer o que penso, como sempre, e depois vem uma catrefa de "amiguinhos" do nick pretensamente ofendido em sua defesa. Engraçado...

E ADOREI a análise psicológica de a menina da lua. Está espectacular!
Parabéns! Parabéns! Parabéns!

Em termos de relacionamento interpessoal, o que sempre me preocupou, aqui ou lá fora, insisto, é a existência de pessoas hipócritas, bajuladoras, que pretendem fazer-se passar por aquilo que não são; às vezes o verniz estala, a máscara cai e aí sentem-se perdidas porque não se reconhecem ao espelho.

Não levem a mal, isto foi só para mostrar que também sou capaz de fazer uma análise psicológica, muito superficial, é certo, porque há mais coisas a fazer na vida.

Get a life!, como diz um grande amigo meu. Subscrevo.

Até mais logo, malta:)

yes! my love! disse...

Andorinha's Get a life!

este seria o nome que eu daria a este comment se fosse um post :) estou mesmo a precisar de criar um Blogue :)

Andorinha, lamento não poder ajudá-la! este nick :) existe para comentar, it isn't life, it´s not real life! it's "second life"!

E, além disso,

eu aqui neste espaço só obedeço às regras impostas por duas pessoas, pelo Dono :) deste Blogue e pela minha própria Dona :)

E até que um dos dois me mande sair - mudar de estilo :) não é possível, como poderá imaginar, os nicks não sabem fazer essas coisas complicadas que os seus Donos sabem!

Andorinha, evite ler-me se não gosta!

E eu não coloco como nunca coloquei aqui um único link activo - mas apenas endereços inactivos que podem ser copiados pelos interessados, querendo!

Foi a forma que encontrei de dar mais vida :) aos meus "Yes!'s comments" com som e imagens de outros lugares que me prendem a atenção! que mal pode isso ter ? já colei outros, só este a incomodou?

E o que cada um de nós faz com a sua vida, aqui ou em qualquer outro lugar, blogue and so on ~~ não devia ser para aqui chamado -

aliás, não fosse isso, e eu já teria comentado aqui que a Andorinha passa aqui a vida a comentar :) desculpando-me logo a seguir, com um: - quem diz o que pensa não merece castigo!

E o que é que eu arranjava com uma atitude dessas, hmn ?

jfot disse...

1:13 PM
Menina?? da lua
ou velha-hipócrita-imbecil-com-a-mania-que-é-intelectual

Tou deveres siderado de espanto!
Sinceramente começo a ficar farto desta aberração que por aqui teima em aparecer tipo pseudo-intelectual que se julga muito importante e inteligente e que está quase a fazer-me perder a paciência.
Será que a enchem de orgulho e satisfação todas essas provocações e hostilidades? As evidências são claras... vc tem uma forma muito peculiar de relacionar-se criando constantemente desconforto à sua volta. Para não falar na mania de que sabe falar francês quando não passa de uma frangófona. Deixe lá de esticar a sua língua de serpente e tente racionalizar a sua ira, frustração e medo. Veja se poupa uns cobres para o terapeuta pois bem precisa!
Vc é falsa e já não consegue enganar ninguém. Desampare mas é a loja e ponha-se ao fresco. E olhe, sabe que mais? "Tadita" de si!
HAJA PACIÊNCIA!

CêTê disse...

Ele baixou o olhar até estes alcançarem a ponta dos sapatos.
As mãos não sabia bem onde as colocar. Acabaram abraçadas em agonia uma à outra.
Porque não dizia ele logo que não se lembrava de nada? Iria ela acreditar? E se esta lhe contasse uma história diabólica qualquer- as mulheres têm uma imaginação diabólica! Raios! Nos filmes havia sempre um advogado disponível do outro lado da linha. Mas até essa deixa lhe soava ridícula.

Ela aproveitou a falta de contacto visual para o estudar melhor. Era uma figura interessante, tinha de admitir. E aquele ar de desalinho combinava na perfeição com o seu desalento. Avaliou-lhe o porte por detrás das roupas um pouco largas. De marca… a lembrar um adolescente, de certa forma. Que pensaria ele dela, com aquelas roupas sem estigma? nada, certamente- distraído pelas suas formas: ele não era diferente dos outros (bem tinha reparado na forma como a observara.) O olhar pousou-lhe por fim nas mãos aflitas lembraram-lhes outras que ela conhecera tão bem e sem se ter apercebido tinham passado minutos desde a última vez que trocaram palavras.
;)

CêTê disse...

LOOOOOOOOOOL

Agora lembrei-me de uma personagem de um filme que vi (nem me lembro do nome do filme nem do da personagem- ;)) que no meio de uma grande barafunda que metia tiros, facadas, e cadeiras voadoras ela levandava-se a cantar "Glória ao Senhor" (em Inglês, claro)

Bem acho que estou como ela. Mas o que torna a coisa hilariante é que na altura achei que ela era a pior de todas!;))))))))))E eu não me costumo enganar;P

andorinha disse...

Yes...(4.37)

Quem está mal-humorada não sou eu, pelos vistos:))) Looooooooooool

Pouco tenho a acrescentar, já disse o que havia a dizer e quando assim é..
Apenas um ponto.

"Andorinha, evite ler-me se não gosta!"

Ó filha, é assim: antes de ler não sei se gosto ou não, não é????
Umas vezes gosto ou concordo e digo-o; outras não e digo-o também.
É tudo tão simples quanto isto!

Não vejo isto como uma arena em que os contendores se digladiam para gáudio da assistência. Também não vejo como claques, tipo Benfica/Sporting em que se está sempre do mesmo lado...
Posso concordar hoje com A e amanhã com B, isto se não for o mesmo assunto, claro:))))))

Se não entendes isto, também não posso fazer nada.

Dizeres que eu passo a vida a comentar aqui?
Não precisas, eu sei:))))))))))

Explico mais uma vez: gosto muito deste cantinho, gosto do Júlio, gosto de muitos amigos que aqui tenho, enfim...gosto da tertúlia.
Aqui sinto-me em casa, independentemente dos outsiders que apareçam.
E não é preciso um estômago forte ou jogos de cintura:) Loooooooool

Fim de papo:)

andorinha disse...

Cêtê,

Isso é concorrência desleal!
Se estivesse aqui a Su da ASAE, multava-te logo:))))))))))))))

Gostei do que escreveste, mas confessa lá: de que livro retiraste esse excerto? :) Looooooooooooooooooooooooool

Jinhos

Xuana disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
thorazine disse...

Boas! :))
É preciso ir buscar a piscina de lama outra vez? :))

Por acaso acho que o blog Sexualidade Sem Tabus se enquadra muito bem aqui (aliás, até tem uma música que se coaduna com este ambiente, hehe). É um excelente trabalho..e vai na onda "pró-informação" do professor. Acho.

Já agora parabéns!, e se "por acaso" já forem maiores de idade sempre podem dar uma vista de olhos no site http://check-in.apdes.net/ , onde encontram informação sobre gestão dos prazeres e riscos associados ao consumo de substâncias psicoactivas e sexualidade. ;))

Andorinha,
E não percebi essa da "publicidade de blogs" aqui no murcon. Qual a vantagem de divulgar informação direccionada para jovens num blog em que a maioria dos visitantes já está com os pés para a cova? :))))( Just kidding...)

PS - R.I.P. Luiz Pacheco! ;((((((((((

Su disse...

ok chego aqui ao fim do dia de domingo..............dia por mim detestado e o que vejo......sim pq deste lado vê.se tudinho..

"Jesus!, como era bela a sua inquisidora"..........e isto está aqui vai fazer 48h....o que tb é proibido.......

mas pós trabalho arduo ( o de ontem) em explicar que há coisas q são proibidas por lei.........
concluo .....o maralhal do prof está
enervado/
stressado/
rancoroso/ranhoso (pq rima).....

e tudo isto por causa do socrates.......sim....o filosofo que era gay................mas que cena macaca é esta................

meninos e meninas o que se diz engenhei(rei)ro disse em alto e bom som que em 2008 estariamos bem melhor..........................

mais uma vez mentiu.............

a crise existe

portugal..passou a porto.galito....

e eu informo como fiscal que considerem-se todos , mas todos multados, incluindo o proprietario deste espaço, já que o mesmo não cumpre as medidas da ASE...i.é de 24h em 24h horas o espaço tem de ser ventilado............

entendidos??????

ass: fiscal mara.koka

yes! my love! disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
CêTê disse...

andorinha, vê lá, vê lá!;)))) Se queres que te corte a asinha.;P


Bem pessoal. Fiquem bem.
Inté

yes! my love! disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
yes! my love! disse...

Andorinha,

gostei muito da sua resposta! bem sincera e divertida e com muito jogo de cintura :)

Rendo-me :) com uma grande vénia!

Mas mesmo sabendo, que não gosta das minhas histórias :)

trago aqui uma outra, só para gente grande como nós - sobre Deus, os Homens, a falta do conhecimento e do diálogo que pode comprometer o sucesso de qualquer coisa, incluindo, uma tertúlia :))



"... enquanto lhe cortava o cabelo e lhe fazia a barba, um barbeiro desolado:

- Deus não existe! ou se existe, é só para alguns! porque se existisse não havia tanta desgraça no mundo; gente a morrer à fome; crianças estropiadas; mulheres violadas; cidades destruídas!

... aproveitando um momento de silêncio, o cliente:

- pois com efeito, assim parece! quando eu vinha a entrar aqui para a barbearia, passei por alguns sem abrigo, com as suas barbas e os seus cabelos grandes e nauseabundos! isto significará que não existem barbeiros? ou que só existem barbeiros para alguns ?

... o barbeiro surpreendido, parou por uns instantes para reflectir, e:

- mas e como é que eu posso valer a essa pobre gente, se eles não vierem até mim, e não me disserem que precisam da minha ajuda?


Andorinha,

se até Deus precisa que os homens se revelem e digam o que querem Dele! para os poder ajudar~~
como poderemos nós - simples mortais - sem nos revelarmos e sem dizermos claramente, o que queremos uns aos outros,

ser capazes de nos ajudar uns aos outros, no que quer que seja(?) e mesmo que numa simples tertúlia(?)

( eu peço desculpa, por este apaga publica, mas tive aqui um problema com os tempos verbais da última frase :)))) e ainda aparecem por aí os "arrumadores" :))) ou a ASAE, da Su :))

andorinha disse...

Thora,

Tu e essa obsessão em veres duas ( ou mais) tipas numa luta de lama...isso é esquisito, precisa de ser analisado:)))))

Com os pés para a cova????
Vê lá se queres dois açoites:)))))))

Subscrevo o teu PS.

Cêtê,

Não faças isso, senão não posso voar:)

Yes...,

Eu aqui apenas quero "tertuliar".
Já o faço quase há três anos e sempre com o mesmo gosto e vontade.
Em alguns aspectos o Murcon tem sido para mim uma lição de vida.

Quem gosta de "tertuliar", fica; quem vem por outros motivos acaba por se afastar.
Ainda não sei a que "grupo" pertences...o futuro o dirá:)

fiiury disse...

resposta dele:

"¿ por qúé no te callas ?",

tipo calimero:)