segunda-feira, julho 16, 2012

Humor divino.

Ele ajoelhou e repetiu fórmula de infância.
- Senhor, eu não sou digno que entreis na minha morada.
Deus, levemente nauseado,
- Já o inverso não é verdadeiro.
E chamou-o para junto de Si.

56 comentários:

Fora-de-Lei disse...

Esta "prece" até parece a conversa possivelmente havida entre o reitor da Lusófona e o Relvas...

João Pedro Barbosa disse...

De Mim! Professor?!!

andorinha disse...

Isso não é humor:), é apenas a bondade de Deus...

:)

andorinha disse...

Deus tem-se em muito alta conta!
Devia ser mais humilde para dar o exemplo...:)


FDL,

O Relvas já não cheira mal?:)))))))

João Pedro Barbosa disse...

Lole!Lole!Lole!Lole!

Fora-de-Lei disse...

andorinha 11:48 PM

"FDL, o Relvas já não cheira mal?:)))))))"

No aspecto das vigarices académicas, ainda consegue cheirar mais mal que o Sócrates...

João Pedro Barbosa disse...

Andorinha,

Nunca ouviste?! Aquela expressão: " Vais com ele / vais com Deus".

Aonde chegou a cultura!? Neste país!

Caidê disse...

Deus disse-me que hoje não era bom dia para ser meu anfitrião, pois tinha a casa desarrumada. Pedi-lhe que não se afligisse. Que ao ar livre hoje se estava até melhor. Convidei-o, então, para irmos até ao banco do jardim. Aí entardeceu o dia, eu entardeci mais um dia e Deus nunca entardece.
Palavra puxa palavra. Lamentou-se. Não esperava que Deus também tivesse dias para desabafos. Surpreendeu-me. Eu a falar-lhe de direitos humanos e da falta deles. E ele, a ir mais além, fugia-lhe a boca a modos que para um qualquer Código Penal, que os Romanos lhe tinham ensinado e ele queria levar para a terra dele.
Crime(s) do século, ouçam só:
http://www.youtube.com/watch?v=56lT9dtiJPA

Bem!... Acho que Deus tem sempre razão. Até porque é meu cliente.

Mas amanhã é que vão ser elas, para mim, é que tenho de escrever uma carta de motivação. E eu a pensar que era experiente...quer dizer, não em tudo, mas a escrever cartas. Já escrevi um cento mas ou foram de amor ou foram de reclamação. Mas de motivação não. Modernices!...Também só me deram limite máximo de linhas,posso bem dizer apenas uma palavra em vez de 25 linhas. Fica "Intrínseca". Prontes ! Como diz um amigo virtual que eu tenho...
Então amanhã eu falo da carta.

Bartolomeu disse...

FDL;
a mim, parece-me mais o diálogo entre Passos Coelho (deus) e Miguel Relvas, quando o primeiro o convidou para fazer parte do governo...

João Pedro Barbosa disse...

Relvas,

Não desistas!

Abraço,
Pedro

P.S: Relvas! O abraço não dá equivalência a qualquer tipo de relação:

http://water-inside.blogspot.pt/2012/07/blog-post_17.html

Bartolomeu disse...

Pedro;
O IKEA está a fazer uma campanha promocional: na compra de 4 cadeiras, oferecem uma licenciatura...

João Pedro Barbosa disse...

^_^

Barte,

Bou pártilhár!

...

andorinha disse...

Bom dia:)

Júlio,

O video "Parabéns Guilherme" está uma ternurinha:)))
Lindo!


Bart,

Loooooooooooooooool

Vou já lá:)


Pedro,

Um abraço não dá equivalência a nada?
Ora bolas!!!
Não dou mais abraços a ninguém...:)

andorinha disse...

Caidê,

A melhor motivação é a intrínseca, sem dúvida.

Boa terça para bozes:)

P.S. Chegou o verão e as meninas Bea e Rainbow poe-se logo à fresca e não nos ligam nenhuma...
Nunca esperei:(

bea disse...

Bom Dia pessoas da minha terra. Ou de outra, tb no problem. Mesmo de marte. ou.

ó pá, espapaço de calor, tenho de ir ali pôr os pés de molho no bidé (é uma palavra em tons estrangeirados, dá mais nivel que a tanga do conhecimento de relvas, toda a gente a ver que decorou, e aquilo é o quê, se não fosse por sermos nóa a estarmos nos cornos do touro até que metia graça, assim foi só a continuação da tragicomédia). E enquanto isso vou esfriar a cabeça a começar pelos pés, porque se tem de começar por algum lado.

e beijinhos a todos

e parabéns ao guilherme que nem sei se é um neto se um filho do professor mas um querido no filme que cusquei e por aí.

ANDORINHA!!!

TU NÃO ME PROVOQUES QUE EU,COM O CALOR,SOU PERIGOSA, ÓVISTES?

uma moura de trabalho. e a Rain. e não digas mentiras que é feio. A gente não debota. ausentamo-nos. às vezes. Mas não és a única que regressa :))

e fiquem bem que vou fazer o que disse. Com muita alma. De boa vontade. Cheia de genica :))

bea disse...

Vou pensar nas equivalências para o meu mestrado. Vendo bem....já fiz tanta coisa sem diploma e não resultaram assim tão mal...às tantas tenho um doutoramento e não sei. e vou deixar de ser dr que é um bocado secante e com franqueza, no intrínseco, não sei mesmo para que servem tais prefixos. Mas prontos, vou que tenho que tirar o gelo do congelador e refrescar.

Agora vejam lá o que fazem, que vou ser uma eremita sem montanha nem nada. isso é que é de valor.

Bartolomeu disse...

Tens de ser rápida, Andorinha; o stock deve ir esgotar-se num instante...
;)

Bartolomeu disse...

bea;
Se já fizeste muitas "coisas", acho que podes pensar maior... na cátedra.

João Pedro Barbosa disse...

Em relação ao filme que se publicou no blog!
Só tenho que dar os parabéns à equipa do casting.

Anfitrite disse...

http://jumento.blogspot.pt/2012/07/argumento-canalha.html

o FDL, NÃO CONTOU A ANDOTA TODA, Q ñ sei se é conhecimento geral.

Ei-la:
portas bate á porta do gabinete do reitor da Lusófona e pergunta:
-Dá licença?
O reitor responde:
_Está LICENCIADO!

castrantonio disse...

Brilhante este humor, caro professor...
plim

João Pedro Barbosa disse...

Barte,

Não brinques com a Bea!
Ela já fez muitas coisas!
E já aprendeu muito!
Não foi, Bea?!

P.S: http://water-inside.blogspot.pt/2012/07/not-very-inspired-as-always.html

João Pedro Barbosa disse...

castrantonio,

Está a correr o risco de ficar dependente do Murcon. As horas que se perde com esta dependência!
E tempo é dinheiro!

Estamos a precisar de um centro de reabilitação.

Antes que fique também dependente.
Faça uma pequena contribuição para o centro! Que tanto precisamos!

;-)*

Caidê disse...

O professor surpreende.
Que pedacinhos de vida valorosos!
Somos testemunhas: tem um baú cheio de tesouros. Oh, pois tem! E isso é cá uma conta bancária! Olhe o Gaspar!... o outro, o outro :))))

Caidê disse...

Andei a estudar sobre elaboração de cartas. Já vou no primeiro capítulo - as cartas de recomendação. Vou assinar o premício trabalho prático - a vossa carta de recomendação. Estão todos recomendados. (O Bart lá se safou!). Agora vou para estágio no estrangeiro - há bolsas para jovens licenciados.

João Pedro Barbosa disse...

Caidê,

Vê lá se não encontras o Professor Relvas.
Que atravessou a rua para fazer um Erasmus!

Bartolomeu disse...

Pedro;
Isso é um forte sinal de que a bea é uma rapariga inteligente.
Ainda bem... já começam a escassear.

Bartolomeu disse...

Pois foi, Caidê.
Serviu-me o facto de andar sempre "a pau" com o surgimento de novidades.
;))

Bartolomeu disse...

Pedro;
ha pouco assisti a uma entrevista ao Ministro Relvas.
Perguntava-lhe a jornalista;
- Com que idade teve a sua primeira relação sexual?
Resposta:
- Com 10 anos!
-Com 10 anos?! Mas então o Senhor ministro foi uma criança muito precoce!?
- Bem... aos 10 anos, masturbei-me pela primeira vez...
- Ahhh!!! Mas então, isso não é própriamente uma relação sexual!
- Pois não... Mas pedi a equivalência!

rainbow disse...

Boa tarde:)

Por aqui muito calor...
Com os neurónios a ferver, vou comentar o post:

"o universo é um vasto pensamento. Em cada partícula, cada átomo, cada molécula, cada célula de matéria, vive e trabalha sem o sabermos uma omnipresença".
Jean Guitton - Deus e a Ciência

Será que esta citação dá direito a uma licenciatura, ou quiçá, um mestrado em Teologia?:)´
E este Deus também é legítimo?:

http://www.youtube.com/watch?v=tA3dzBrXYtc

:)

Ó Andorinha,

"P.S. Chegou o verão e as meninas Bea e Rainbow poe-se logo à fresca e não nos ligam nenhuma..."

É como a Bea diz. Moura de trabalho e tu com esse raciocínio dedutivo!:)
Respondo-te à Calimero:
"It´s an injustice, yes, it is..."
:)))

E para as girls do Murcon:

http://www.youtube.com/watch?v=HtNRxm2DTcU

Abraço

João Pedro Barbosa disse...

Barte,

Já conhecia!

João Pedro Barbosa disse...

Rainbow,

Ainda estou maquilhada e com um vestidinho que é um brinco!

Posso abrir o link?!

andorinha disse...

Bea,

Eu também espapaço de calor. Parece que o verão chegou aqui finalmente:)

E TU TAMBÉM NÃO ME PROVOQUES PORQUE EU REAJO EM CONFORMIDADE!

Eu nunca regresso porque estou sempre aqui!
Também não gosto de mentiras...:)


Bart,

Já não fui a tempo:(
Mas tento outra, também tenho experiência em várias áreas:)

Rainbow,

No escurinho do cinema...o que tu foste buscar!:))))))))))))
Com uma boa companhia, ai, ai....

Pedro,

"Estamos a precisar de um centro de reabilitação.

Antes que fique também dependente.
Faça uma pequena contribuição para o centro! Que tanto precisamos!"


:))))))))))))))))

A brincar, a brincar...mas com uma certa dose de verdade!

Começam a escassear raparigas inteligentes? Essa agora!!!!!!!!!!!
Só tens é que procurar melhor:))))

Fiquem bem. Vou apanhar ar.

João Pedro Barbosa disse...

Andorinha,

Falta-nos a todos o culto da inocência!
Não confundir com ingenuidade!
Hoje em dia, somos todos Einsteins e Madames Curie!

Beijinhos!!!

Caidê disse...

Bart
A "pau" com as novidades uma ova! Contaste uma anedota em reposição...

Rain(bow)
Já sei porque é que uns continuam a ir ao cinema e a comer pipocas e outros estão a optar por ficar em casa para idêntico fim. Primeiro, pensava que era a crise!


..........................

Professor sofre.
Sou um zero com uma vírgula à esquerda e uma dízima infinita à direita.
Estou naqueles dias em que rio para não chorar. Frequentei yoga do riso, caso contrário... já estava a ver o mundo às escuras!
...................


Não escrevo a tal carta hoje: que desmotivação!

.....................
Rain
Vou ver um filme !:))))

.....................

Para todos amanhã acordarem em perfeito estado:

http://www.youtube.com/watch?v=e0TInLOJuUM

Jocas fofas!

Impio Blasfemo disse...

Prof JMV
Pois vou admitir que não percebi patavina do seu post. Também não faz mal pois não deve ser grave eu ter destas desinteligências. Mas não resisto à tentação de transcrever parte de um texto de um seu grande amigo (Pacheco Pereira) sobre
O VALOR ACADÉMICO DA EXPERIÊNCIA POLÍTICA SEGUNDO A UNIVERSIDADE LUSÓFONA


“………..Por exemplo, se Jerónimo de Sousa quisesse ser "doutor da mula ruça", como coloridamente se referiu ao título de Relvas, teria o curso de imediato. Não tem ele experiência do "exercício de cargos públicos, o exercício de funções políticas e o desempenho de funções em domínios empresariais, ou de intervenção social e cultural"? Militante e funcionário do PCP, dirigente sindical, autarca (tudo "exercício de cargos públicos, o exercício de funções políticas"), organizador tanto de greves como de festas como a do Avante! ("desempenho de funções em domínios empresariais, ou de intervenção social e cultural"), não encaixa nos critérios da Lusófona? Não tem ele "experiência (...) que se estende ao longo de mais de duas décadas de actividades essencialmente focadas no domínio da política nacional e local"? Até mais do que duas décadas, o que devia dar um doutoramento. Não tem ele "desde muito jovem uma participação activa nos mais relevantes palcos do debate e da discussão política nacional, nomeadamente enquanto deputado à Assembleia da República"? Não tem ele por essa experiência "a aquisição de competências relevantes na área de (...) Ciência Política e Relações Internacionais, nomeadamente aquelas que dizem respeito à compreensão dos quadros institucionais da actuação política e partidária em Portugal, (...) ao funcionamento dos sistemas eleitorais, (...) métodos e técnicas de análise política e (...) consequências sociais do fenómeno político"? Se tem! Até se podem acrescentar várias "universidades da vida" muito complicadas: fez a Guerra Colonial, trabalhou numa fábrica, estudou ao mesmo tempo que trabalhava, militou num partido "duro", em que os riscos sociais de exclusão são muito mais pesados do que no PS e no PSD depois de 1975.

Mas Jerónimo de Sousa nunca pediria equivalências académicas pela sua vida, até porque entenderia que isso a diminuiria no seu valor de esforço, ou naquilo a que chamaria "de luta". E não tenho dúvidas de que Jerónimo de Sousa, que é em grande parte um autodidacta, gostaria de ter tido mais qualificações académicas. Como muita gente que não pode estudar para além do ensino básico e profissional (também ele "frequentou" o antigo Curso Industrial, que interrompeu para ir trabalhar), com a sua condição social, valoriza o estudo, o conhecimento, e a escolaridade……”



É que ele escreve tão bem sobre estas coisas de DEUS e dos MORTAIS que eu não resisti!

Saravá
Ímpio

bea disse...

Deus é mesmo demais. Até quando agoniado ao de leve

bea disse...

Ai Bart, desculpa a modéstia da memória, não me lembrava de mais esse patamar. Cátedra é uma cadeira tipo trono? hummm....não sei.

rainbow disse...

Boa noite:)

Caidê:)

Obrigada pelo Gato Esteves. Adoro essa canção.
Beijinhos tb para ti.

Como os "Azeitonas" vêm a Portimão no início de Agosto, aqui fica:

http://www.youtube.com/watch?v=wF7m5M3qaIs

Bons sonhos para todos

Cê_Tê ;) disse...

Deus é difícil de entender...

João Pedro Barbosa disse...

Caidê!

"Exmos Senhores,

Não interessa o que aprendi. Interessa-me o que possa vir a aprender.

Cumprimentos,
Caidê"

bea disse...

Foi sim Pedro. all right.

bea disse...

Bart e Pedro

voceses não comecem a variar para o meu lado.

João Pedro Barbosa disse...

Bea,

Fizeste-me lembrar o velho ditado:

"Não ajudes que só atrapalhas"

Com Deus também é assim. Por vezes só atrapalha!

Fica Bem!!!

Caidê disse...

João Pedro
Com a tua ajuda a carta amanhã sai-me um mimo.
Só (para-)lamento não poder começar se não por "Caros Senhores". Gostaria mais de iniciar: "Estimados e baratos senhores". Propina está fogo menino!E cada vez que penso em 4 ou 5 anos vezes 12 meses perco inspiração para a carta. Ainda se houvesse um concentrado de estudo como aquele que eu uso para amaciar a roupa... era tipo em um semestre e arrumava-se o tratamento inicial com grande limpeza e facilitismo.
E ainda vivo mais dramas: desde que o Crato elevou a Educação à Economia, cada vez que vou às compras vejo tudo a elevar-se ao quadrado.
Nada disso, meninos! Bebi água do Fastio. E a prova é que vos faço já aqui o quatro - é ou não é o quadrado de uma jeitosa dupla?

Sleepem! qu'isto há de resolver-se.

bea disse...

Andorinha :))

Pedro

todos Einsteins e madames Curie? não apetece. é secante. serei NEE?

a tua foto-radiografia

Ímpio

Gostei. Obrigada.

E durmam. bem.

andorinha disse...

Impio,

Porreiro, pá!:)
Gostei do que aqui deixaste. E muito!


Pedro,

As minhas mais sinceras desculpas. Não foste tu que disseste aquela célebre frase: "Começam a escassear raparigas inteligentes"
É o que faz ler a correr...
Do Bart já não me espanta, está dentro do seu perfil:)

Interessa-me,também, o que possa vir a aprender.

Fiquem bem.

João Pedro Barbosa disse...

Bea,

Vais ser a minha foto radiografia?
Vou poder continuar a fazer aquilo que mais gosto sem utilizar adereços.

Simplesmente com os sentidos sentir a textura do mundo?

Obrigada!

Bartolomeu disse...

Andorinha;
Tenho a certeza que sim; que muitas serão as experiências e qualidades que possuis, merecedoras de uma "carteira de doutoramentos".
;)

Caidê;
Com efeito, a anedota não é da minha autoria. Se fosse, asseguro-te que a esta hora já estava a bater à porta do reitor da Lusófona a pedir o doutoramento em Artes e Literaturas Lúdicas.
;)

bea;
Pois se é um trono, devias estar a ocupa-lo... para que te pudessemos tratar por rainha.
Aliás, Sua Alteza Real D. Bea!
;)

bea;
Quando dizes para não me virar para o teu lado, estás a referir-te concretamente ao lado de cima, ou ao de baixo?
;)

Andorinha;
A tua afirmação causou-me uma certa surpreza; não fazia a menor ideia, de um dia já ter sido para ti, motivo de espanto... espero que já tenhas tido oportunidade para te recompores.
;)))

João Pedro Barbosa disse...

Barte!

É pá!
Deves ter olhos espalhados por todo o corpo. Ver as mulheres! Assim dessa maneira.

Não sei como consegues comer.
Ou não comes.
E comes com os olhos?!

Ou deixas-te comer? Se for assim! Não és o primeiro:)

Bartolomeu disse...

Viste, Pedro?!
Cgegas-te "lá" com a maior das facilidades. Bastou-te um simples exercício de dedução...
;)))
(Como dizia a letra da canção do Carlos Paião... é só contar até três; um, dois, três, vamos lá contar outra vez...)

Julio Machado Vaz disse...

Ímpio,

Também li:). Como sempre...

João Pedro Barbosa disse...

Ímpio,

As siglas é apenas uma forma de facilitar os arquivos.

A minha confiança no Jerónimo de Sousa nas ultimas eleições foi um reconhecimento, por aquilo que ele fez.

Espero que nas próximas o meu voto seja "seguro". O rapaz está a crescer e já se sente algum catarro.

José Afonso - A morte saiu à rua.

http://youtu.be/5IAlrXheQ7I

andorinha disse...

Bart(8.27)

:)))))))))))))))
Já me recompus, sim. Há muito...:)


Pedro(8.43)

Lol lol lol
Gosto dessa tua sagacidade bem humorada:)

Obrigada pelo eterno Zeca.

bea disse...

Pedro

disse que a tua foto é uma fotoradiografia. Não acrescentes.

Bart

eu sou povo e canto esperança; e a realeza real faz-me realmente urticária.

tu acreditas que nunca eu houvera pensado em lados de cima ou de baixo?
Para o meu lado=para o lado onde estou com o cima e o baixo e tudo mesmo.

Agora que penso nisso....poderei eu comprar, adquirir ou preferir alguma coisa por uma das suas partes, eu a cindir-lhe a unidade e a empurrar um lado, a ser-lhe indiferente, não fazes falta, vai-te embora, quero só este, fuge, fuge que não olho para ti. ou fica aí que não me fazes diferença. E ele aflito, ora esta, agora vou para onde?

E olha Bart, acho que não há tal coisa. Mas tu é que sabes.

gina henrique disse...

Impio
Obrigada pela trascrição de parte de um texto do Pacheco Pereira que embora conhecendo nunca é demais passar a outros.
Esse conteudo é ainda mais valioso quando realçado por pessoas que não são da mesma área politica,e mesmo não sendo adepta do Pacheco nunca ignoro os seus textos ou até os seus comentários!