quinta-feira, junho 16, 2005

O mundo paralelo.

Morreu Corino de Andrade. Ele e Nuno Grande simbolizam tudo o que Abel Salazar gostaria de ver no Instituto com o seu nome onde me orgulho de leccionar. A cada morte de uma pessoa que admirei e/ou amei, um mundo paralelo ganha forma. Como se por entre as de carne e osso passeassem outras, fantasmáticas e contudo não menos "reais". Os da minha idade sabem ao que me refiro...


P.S. Raquel - Não tenciono perder a paciência:). Por que o faria? Bati-me toda a vida pela liberdade que vocês têm nos comentários!

130 comentários:

Lucília disse...

Vou ser honesta:tive que 'googlar'para saber quem foi Corino de Andrade!
Depois desta confidência,quero dizer-lhe que,embora mais nova que o Professor,entendo muito bem a 'proximidade' desse mundo paralelo,avivada por uma morte,uma recordação,uma saudade!
E nesses momentos gosto de pensar que aquele será o instante de todas as explicações.
Boa noite a todos

PortoCroft disse...

Caro Prof. m8,

Confesso que o nome, apesar de me não me ser completamente desconhecido, pouco me diz. Julgo que é um dos investigadores que descobriu a chamada Doença dos Pézinhos mas não estou certo.

De qualquer das formas, pela amizade e admiração com que o Prof. se lhe refere; porque é sempre de lamentar o falecimento de alguém e muito mais quando essa pessoa tinha um perfil de alto nível científico, os meus pêsames.

Esta foi uma semana negra para o país.

(Chinezzinha) disse...

Lucília

Tb tive que ir ao google:$ tenho que ser sincera.Estamos sempre a aprender.
..............................

Penso que agora não interessa,mas pelo que li é Professor Doutor e no meu post anterior,coloquei Dr.Mário Corino.Nestas alturas o grau académico penso que não interessa muito,mas sim a pessoa em si.
JMV peço desculpa pela minha ignorância.

Como se por entre as de carne e osso passeassem outras, fantasmáticas e contudo não menos "reais". :'( Não entendi essa frase.

O meu erro é ler rápido demais.Entendi o que quis dizer sim,apesar da nossa diferença de idades.

Meus pêsames

(Chinezzinha) disse...

"A Paramiloidose

A Paramiloidose ou doença dos pézinhos chama-se assim porque começa por causar a atrofia dos membros inferiores é uma doença quase sempre fatal, com tratamento mas sem cura. Doença Portuguesa, localizada sobretudo no litoral norte do país.
Rezam as crónicas que terão sido os Portugueses a espalhar a doença pelo mundo, através das navegações e das rotas comerciais dos tempos aureos dos Descobrimentos.
Mas esta não é teoria única e aos Vikings, também eles navegadores, são igualmente imputadas responsabilidades na propagação da doença, exportando-a também para o nosso país.
Independentemente de sermos culpados ou inocentes, a verdade é a que esta é uma patologia Portuguesa, já que o país possui o maior foco mundial da chamada doença dos pézinhos, ou melhor, da Polineuropatia Amiloidótica Familiar, a sua designação científica.
Foi em 1952, já lá vai meio século, que a doença foi identificada pela primeira vez, numa comunicação apresentada à Sociedade Portuguesa de Neurologia e Psiquiatria pelo médico Mário Corino de Andrade.
A ele se devem de facto os primeiros estudos sobre a doença, impulsionados pelo alerta dado uns anos antes por outro médico, Américo Graça.
Estava-se então em 1936 quando este clínico oriundo da Póvoa do Varzim ficou intrigado por feridas anormais nos pés de uma doente, que não conseguia explicar no quadro das patologias conhecidas. Procurou então Corino de Andrade, à data neurologista do Hospital de Santo António, no Porto.
Da análise de 64 habitantes da Póvoa de Varzim, a localidade piscatória onde foi detectado o primeiro caso do mal dos pézinhos, o médico recolheu matéria para confirmar que se estava perante uma doença ainda não conhecida nos anais científicos, nascia então, a Paramiloidose.
A Polineuropatia Amiloidótica Familiar é uma doença estranha a vários títulos. desde logo, porque se desconhecem as suas origens, o facto de Portugal ter o maior foco mundial, há outros, na Suécia, no Japão, França, Chipre, Brasil e em Palma de Maiorca, ajuda a consolidar esta teoria e, além de não se saber com rigor de onde surgiu, também não existe explicação para a doença em si.
Sabe-se que é uma doença de transmissão familiar caracterizada por alterações do sistema nervoso periférico e deposição de uma substância anormal, a amilóide, em diversos locais do organismo.
O que despertou a curiosidade científica de Corino de Andrade foi o facto de observar nos seus primeiros doentes, pescadores poveiros, que se cortavam nas cordas e se queimavam com os cigarros sem sentirem.
E este é de facto um dos sintomas da doença, já que os indivíduos afectados deixam de ter sensibilidade a estímulos como o frio e o calor.
A atrofia começa nos membros inferiores daí, como já se disse, a sua designação mais comum de "doença dos pézinhos", acabando na perda da capacidade motora e na degeneração do sistema nervoso periférico, afectando o coração, os olhos e os rins.
Os doentes sofrem de perturbações gastro-intestinais, com episódios alternados de obstipação e diarreia, a impotência continuada é um dos sinais, bem como de lesões tróficas da pele e do esqueleto.
Não afecta directamente o cérebro, o que a torna bastante penosa para o doente, pois assiste, consciente, à evolução da doença.
Em média, a morte ocorre dez a quinze anos depois do aparecimento dos sintomas, sendo que a doença se manifesta na idade adulta, entre os 25 e os 30 anos, sem distinção de sexo.
Existem quatro tipos da doença, sendo que o registado em Portugal está associado a uma mutação do gene da transtirretina, razão pela qual a doença se transmite de pais para filhos.
Estamos, pois, na presença de um erro genético.
A investigação permitiu concluir que essa mutação é a causa da presença, no sangue, de uma transtirretina anormal que dá origem aos depósitos de substância amilóide.
O erro ocorre no cromossoma 18, que codifica a transtirretina, uma proteína que na sua forma normal é solúvel no plasma e estável nos tecidos, o que não acontece na sua forma anormal. (...)
(...) O desconhecimento, por um lado, e o medo, por outro, são os maiores aliados da PAF.
Habitualmente, só se manifesta na idade adulta, quando a maior parte das pessoas está casada e com filhos, que, por sua vez, podem ser portadores, mas só se apercebem disso tarde de mais, quando também já têm descendência."

http://paramiloidose.tripod.com/heranca.doc

Pamina disse...

JMV,

Também os meus pêsames pela morte do seu amigo.
Não quero ser demasiado depressiva, mas, segundo a ordem natural das coisas, os habitantes do mundo paralelo vão aumentando inevitavelmente, até que, a determinada altura, os que estão do lado de lá são mais do que os habitantes do mundo real.
A perda daqueles que amamos é uma das coisas mais cruéis da condição humana.

Anónimo disse...

♥∞♥

PortoCroft disse...

Já está a notícia no 'site' da TSF.

E&E disse...

E assim, chega-se a poder dizer, como Cruzeiro Seixas "habituei-me a viver neste cemitério", de tal modo ignorava, já, a multidão dos vivos.

Apre... este mundo paralelo é muito vivo.

(Chinezzinha) disse...

Obrigada portocroft.

PortoCroft disse...

Professor Doutor Artur Águas - Declaração à TSF - 1

Professor Doutor Artur Águas - Declaração à TSF - 2

circe disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
circe disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
empregada da limpeza disse...

Arre
Hoje vim tarde, mas já aspirei tudo, arrumei a papelada e deitei fora a cinza.
Até amanhã

yulunga disse...

Dr. familiar de Bernardino Machado?
Não me diga. Não acredito. Como o mundo é pequeno.
Tive uma relação profissional "muito especial" com o cientista Prof. Machado de Oeiras.
Deixei de ter noticias. Ainda é vivo?

Tão só, um pai disse...

"
Bilhete Postal/Paraíso Tropical

Vocês, vivos-mortos, vocês não sabem o que é bom: viver num sítio sem inverno, o inferno. Só que há uma grande diferença, entre o nosso mundo e o vosso. No nosso, só há mortos e, no vosso, vive-se à custa da morte dos nossos"

Enfim, letra cantada por uma banda punk de garagem, há muitos anitos atrás. Ui, que saudades. Acho que vou cravar um pedal de distorsão a alguém.

Maite disse...

Bom dia Maralhal e Professor

Concordo Professor o "céu" é mesmo aqui, mas noutra dimensão.

Bom dia Yulunga e Tão só, um pai

Fiquem bem

atrasado mental disse...

Não, não´encontrei aqui ninguém assim mas, à cautela, e como diz o http://atrasado-mental.blogspot.com/:

"Mas há gente que, (...) Precisam de algo que lhes titile a sofisticação. Que os faça sentir que pertencem a um grupo. E não a um grupo qualquer mas a um grupo de gente que, como eles, tenha gosto apurado, tenha opiniões, saiba apreciar as artes e não ignore que sair de casa sem um saco a tiracolo e um livro de Boris Vian no bolso é como estar nu."

(Chinezzinha) disse...

Olá

Vim aqui só para lhes desejar uma boa 6ª feira.
Até logo.
Fiquem bem.

Beijinhos

lobices disse...

...em primeiro lugar, os meus pêsames pelo falecimento do amigo
..."eles" (os amigos) não partem; ficam noutro mundo, esse mesmo, o mundo paralelo aqui, no nosso coração, na nossa memória...
...em segundo lugar, o meu habitual BOM DIA à tutti
...em terceiro lugar, em relação ao P.S. dirigido à Raquel: na verdade foi por "isto" que lutámos toda a nossa vida, não foi Profe? A liberdade de estarmos aqui e podermos dizer exactamente isto.
um abraço

Tão só, um pai disse...

Sim, lobices, esta nossa liberdade que, por vezes, chega a ser chocante.

Maze disse...

Bom dia a todos. Esta semana dá a ideia que a ceifa foi grande... Respeito a dor provocada pela perda que a morte pode ser... mas para mim a morte não me provoca nenhuma angustia, é uma pssagem para outra dimensão. Talvez a ideia de pessoa com memória, se acentua quando visito o cemitério da minha terra, e deparo com a realidade de ter conhecido quase todos os que ali se encontram. Foi engraçadao quando esta realidade se tornou presente para mim: memória, talvez como diz o Professor, outro mundo que se junta a mim...

Mário disse...

Chinezzinha... obrigado
JMV... um abraço

P.S.: sem liberdade o resto, de facto, não é possível.

E&E disse...

Portocroft

Às 11:53 ajudou-nos bastante. Assim se faz comunicação.
É de amigo.
Grata

yulunga disse...

Dr. não sei se é preciso ter a sua idade, mas a morte do meu pai deu-me a conhecer esse tal mundo paralelo. Dificil é a adaptação de viver nele também

Anónimo disse...

Parabéns pelo P.S, prof! É isso mesmo!

Patsy Dear disse...

subscrevo a lucília, inclusimamente na pesquisa google!

bom fim de semana a todos!

Anónimo disse...

E não é que a circe volta, depois de ter falhado a pontaria com os calhaus? ó mulher das cavernas, e
se tentasses com setas, como o tal de Cupido mas com jeitinho só a rasar uma orelhita do home, carago?
Aqui o alter ego do Tóne (lobo, o
antunes) andou a vasculhar os ficheiros no júlio de matos e não
encontra nenhum processo, até que o sampaio (o daniel) sacudiu os ombros e murmurou : num bês que
a maluca é do Puarto, carago, a
terra das pedras, oube lá, Tóne,
há binte anos entrava na rádio c'o
calhamaço EU HEI-DE AMAR UMA PEDRA
ósdespois foi pró palácio de Knossos analisar as ruínas a ver se escutava A EXPLICAÇÃO DO(S) PÁSSARO(S) e nada, e lá na caverna dela oubia-se CARLOS GARDEL e a bezinhança ofereceu-lhe um aquário, carago, que a maluca não queria comprar uma telebison, só oubia radio e música e wim mertens até quando
lavava a escadaria, carago.
ósdespois, embarcou n'AS NAUS e
foi parar à ásia, porque cismou de passar o 25 de abril em macau,
enquanto o quintal era pretuguês,
mas afinal voltou de lá com os olhos em bico, quando dizia q era de portugal, eles, em inglês filipino, ah, españa, I know it,
beautiful very nice indeed...

A modos que essa maníaca das pedras, dizia eu, o Tóne, agora
carrega outro calhamaço NÃO ENTRES TÃO DEPRESSA NESSE MUNDO
PARALELO, enquanto o home não diz
BOA TARDE ÀS COISAS AQUI EM BAIXO,
mas eu, de paralelos num percebo
népia, só oubi há uns anos uma
rádio foleira que era rádio paralelo de ermesinde, eu num precebo nada de nada, mas todo este non sense num será tanto assim, vá-se lá preceber o pobo do
Puarto, carago, aquilo é uma naçon paralela, há lá um prédio esquesito que um holandês concebeu pra um casal que se estaba a diborciar, e daí nasceu o
equilíbrio, dizem os tripeiros;
proqué que não foram ter com o terapeuta JMV, os estragos seriam
menores e o buraco financeiro também carago, carago não carago,
se passa por aqui o prontuário dá-lhe um enfarte, de mais a mais c'o
braseiro hoje, bou-me pôr na alheta que já tenho argumento pró
libro que se segue, a ber se está no prelo antes do natal, carago,
num bá o saramago aparecer antes,
que o home e eu qualquer dia bamos co'a brisa pró tal mundo paralelo, snif snif, uaaá uaaá...

PortoCroft disse...

E&E,

De nada.;)

Tinha uma ideia muito vaga sobre quem seria o Prof. Andrade (precisamente pelo nome Andrade) e fui procurar a notícia nos jornais em rede. Nada. Só a TSF tinha alguma coisa.

Mais tarde, reparei que o Público tinha a notícia em letras minúsculas no corpo da página. Assim é o nosso país. Um cientista de renome internacional morre e tal facto é noticiado em letras minúsculas.

Ou seja, o Murcon logo após o Instituto Abel Salazar, substitui-se, com o relevo devido, à generalidade da nossa imprensa escrita.

Anónimo disse...

Anónimo das 13.13 PM:

Qual enfarte! Fartei-me mas foi de rir.

Sem desrespeito pelo teor do post, daqui envio um abraço de pêsames ao Professor.

O Prontuário



Um abraço
O Prontuário

Anónimo disse...

PC
ahahahahahahah um cientista de renome internacional que tu nem conhecias!!!

yulunga disse...

Anonimo, no mundo da investigação quanto maior se é, por vezes menos conhecido de quem não está dentro do meio se torna.
Essas pessoas perdem tempo a investigar e a dar palestras por esse mundo sobre o que investigam, não a posar para revistas cor-de-rosa

yulunga disse...

No inicio referi-me a um cientista, que reside em Oeiras e que faz uns 6-7 anos foi, já com 80 e muitos anos, dar uma palestra salvo erro à Austrália para provar e explicar que o micoorganismo que ele estudou tinha qualquer coisa como um bom par de milhões de anos a menos do que o que os outros afirmavam. Foi, nesse mundo, uma grande revelação. Não conheces?
Se calhar, não é tão internacional assim. Fica-se pelo luso-australiano.
A falta de conhecimento nalgumas áreas, não denota ignorância mas fim falta de reconhecimento por parte de quem de direito para que essas pessoas sejam conhecidas por todos.

andorinha disse...

Júlio,
Os meus sinceros pêsames.
Como diz a Pamina, a perda daqueles que amamos é uma das coisas mais crúeis da condição humana.
Entendi-o perfeitamente...

Quanto ao P.S. à Raquel continuo a dizer - a liberdade é fundamental; só é pena que algumas pessoas façam tão mau uso dela.

yulunga disse...

E agora se me dão licença vou bater esses blogs sempre a abrir.
Bom fim de semana maralhal.

andorinha disse...

Yulunga,

Afinal quantas caras tens?:)))

yulunga disse...

Andorinha?????
Uma, ora essa.

andorinha disse...

Yulunga,
Hoje aqui já te vi duas! :)))))))

yulunga disse...

andorinha, eu coloquei esta faz pouco tempo, mas já vi que a outra nalguns sitios permanece.
Não me perguntes como se faz. Sou um zero nestas coisas e só faço borrada. O resultado é visivel

Raquel V. disse...

Liberdade
É bom pensar assim Prof. mas até dar liberdade por vezes pode cansar... Porque as pessoas têm uma capacidade infinita para nos tentar provar que a liberdade que lhe damos é algo parecido com dar "pérolas a porcos".

DE resto ainda bem :)


T,
Chocante... é sem dúvida uma boa palavra.



---
Um bom fim de semana a todos

andorinha disse...

Yulunga,
Deixa lá, assim não sou só eu, já me sinto mais acompanhada.:)))))))
Bom fds.

PortoCroft disse...

Anónimo das 5:45 PM,

Eu não sou médico e se acompanho algo do que se passa é através dos jornais. Não me parece que hajam dúvidas de que falamos dum cientista de renome internacional.

Os nosso jornais é que tinham o dever de terem editores para estas coisas e nos manterem informados.

Maite disse...

Boa tarde Maralhal e Professor

Andorinha cadê a foto?

lobices disse...

...o blogger deve estar em manutenção... daí a falta das fotos (algumas) e da dificuldades de abrir as imagens em alguns blogs
...bom fds maralhal

andorinha disse...

Maite,
Qual foto??????????

Bom fds maralhal.

(Chinezzinha) disse...

Andorinha

Desculpa meter-me mas deve ser a foto do perfil.A minha também não se vê.rsss

Boa noite

Beijos

Anónimo disse...

Eu penso que o problema é com o Sapo e não com o Blogger. Não consigo abrir blogs do Sapo nem as imagens e músicas alojadas na minha página pessoal do dito batráquio.

Boa noite a todos.

Acolito Espirita disse...

E eu conheço um gajo que deu aulas na escola de condução de Bila Nóba de Gaia.
Também é erudito?

circe disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Anónimo disse...

GOODDDDDDDDDDDDDDDDDDDDDDDDDD
MORNINGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
Maralhalllllllllllllllllllllllllll
(o louco de serviço)
(vou entrar de turno)
ihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihihih

ignorante esverdeada disse...

Oh circe
De tudo q li sobre ti só ñ percebi macau - era o rádio macau?

lobices disse...

...Viva toda a gente
...venho aqui, como habitualmente, desejar um BOM DIA à tutti
...hoje há orvalho, aqui, como se fosse já madrugada de S. João...
...também, é já prá semana, né?
abreijos

blogetc disse...

Pedindo a JMV q me desculpe meter aqui um colega da blogosfera, indico que no blog http://industrias-culturais.blogspot.com/ vem este anúncio interessante:

"Nesse espaço qualquer licenciado em comunicação social, jornalismo ou jornalista desempregado, poderia publicar gratuitamente as suas notícias, reportagens, entrevistas ou fotografias. Pessoalmente, responsabilizo-me pela disponibilização do espaço de alojamento, pela criação do blogue e pela sua manutenção. Assim que haja três interessados em colaborar neste desafio, inicio a criação do blogue. Os interessados em colaborar deverão expressar a sua vontade, enviando-me um email para lisbonlab@gmail.com"

Maite disse...

Bom dia Maralhal e Professor

Ora aqui está mais um serviço público prestado pelo Murcon;)
E com tanta gente desempregada, querem ver que este blog vai ser a solução para muitas situações;)
Professor como vê a sua influência já ultrapassa, em muito, o âmbito da psiquiatria e da sexologia.

E&E disse...

Bom dia maite

Olá
Parece-me que numa visão transdisciplinar do mundo tudo tem a ver com a psiquiatria e a sexologia porque "o cérebro pensa com o corpo" e viceversa.

No blog citado acima referem-se as múltiplas possibilidades das configurações e rematerializações do "contacto" entre os humanos que o ciberespaço veio proporcionar

bfs

E&E disse...

Maite
Claro que falei deste tema porque se trata de mais um "mundo paralelo", quase tão "fantasmático" como o que se configura para JMV, tão seguramente "virtual" como aquele, mas com promessas constantes de nos "tocar" fisicamente.

bfs

Maite disse...

e&e bom dia
Como vê não me dei ao trabalho de ir ver o conteúdo;)

E&E disse...

Maite
oh diacho
ñ percebi agora
o conteúdo?

...

Maite disse...

e&e
Obrigada, acabou de me proporcionar o meu primeiro sorriso do dia :)

E&E disse...

Maite

Folgo mt em tê-la feito sorrir.

Apercebo-me q são mt + fáceis e prazenteiros os encontros reais - neles a 1ª emoção (mm q vaga e superficial) é a de um sorriso. Depois e lentamente instala-se a cordialidade e, mm havendo antipatia, faz-se a habilidade de ñ denunciar o desengano e de ñ forçar o confronto.

No telefone e na net (e a guiar para alguns) as pessoas enchem-se de outros eus e assumem uma "haine" descomunal que as esgota e as faz delirar.

Será sssim?
Ora então, que venha mais uma data de sorrisos no fds

entendido na matéria disse...

Aconselho todos vivamente a visitarem este site e navegarem um pouco pelas imensas possibilidades de se aprender um pouco mais sobre coisas nunca imaginadas:
Experimentem; desculpem, mas não sei colocar o link; façam copy and past no v/ browser:
...
http://www.guia.heu.nom.br/index.htm
...

entendido na matéria disse...

Professor JMV:
Sobre a questão dos mundos paralelos, aconselho a visitar aquele site que já ali indiquei:
Veja isto, cito:
A produção de partículas de anti-matéria em laboratório, e, por fim, a produção de um antiátomo de Hélio na URSS, revelaram a possibilidade da existência de universos interpenetrados. Dois universos diferentes, de estruturas contraditórias, podem coexistir num mesmo espaço, sem que um seja normalmente percebido pelo outro, o que torna ainda explicável cientificamente a relação do chamado mundo dos mortos com o mundo dos vivos e vice-versa.

Trabalho de João Gonçalvez Filho - UNIVERSO - 3291

in that site

Maite disse...

e&e
Acho que tem toda a razão e como disse Matin Luther King "La haine trouble la vie ; l'amour la rend harmonieuse. La haine obscurcit la vie ; l'amour la rend lumineuse."

Que haja muitos sorrisos pelo fim de semana fora :)

Maite disse...

Correcção:
Martin

PortoCroft disse...

Maite,;)

Admirável pronúncia, de francês, a do Dr. Martin Luther King.;)

Maite disse...

Oh Portocroft
Não me diga que quer que lha traduza para o original ;)

mantaretalhada disse...

Continuo a gostar de o ver por cá Professor e a ouvi-lo na Antena 1 ao domingo de manha, sempre que posso.
Gosto da sua descompostura

PortoCroft disse...

Maite,;)

E, para o original, vai traduzir ou retroverter?;)))))

(Estou a entrar consigo, Maite, que eu sei que Vc. é toda românica).

Maite disse...

Portocroft
Você está armado em corrector, hoje?
Prometo que daqui em diante estarei de dicionário em punho, cada vez que aqui escrever;) Bem...sempre, sempre não...que não tenho paciência;))))))

PortoCroft disse...

Maite,;)

Por amor aos dicionários, não faça isso.;)

Maite disse...

Está a ver como eu lhe dei o privilégio de ser o que você gosta de ser?;)

Maite disse...

A propósito de ser ou não ser!
Por onde andará o sr noiseformind? Já há imenso tempo que não nos dá o prazer da sua companhia!

PortoCroft disse...

Maite,;)

É verdade. Muito devidamente, eu é que sou o 'Lord of The Number'.;))

Maite disse...

Prezados Portocroft, Professor, Maralhal

Uma boa tarde para todos:)

P.S. sem dúvida;)

PortoCroft disse...

Maite,:

Só porque gosto de si... (e se prometer não usar o dicionário), passe lá... sua exigente.;))))))

circe disse...

Good night to everyone,
(há que treinar a língua;)))

Raquel V. : traduza-me, por favor,
o seu primeiro parágrafo das 6.59
PM - refere-se à minha pessoa, ou é só um feeling coincidente?
Com todo o respeito, assim como pelo Autor do blog.

Sr. entendido na matéria ( ou será na não-matéria? ),
e que me poderá dizer sobre a relação do chamado mundo dos vivos
com...os vivos?

Também com todo o respeito, mas, como já se deve ter apercebido, a
questão sobressaente aqui é a comunicação - entre os vivos - porque, por vezes, o silêncio é de
pedra.
Mas já que aborda tal assunto, deixo-lhe uma pergunta-reflexão: será que os mortos que tentam comunicar com os vivos conseguirão
fazer-lhes sentir que falharam na
tal comunicação? Ou seja, será que depois de morrer vou chatear ainda mais e melhor alguém que me
sonegou umas palavras a vida inteira? Loooooooool

Ke falta faz aqui some NOISE, já que o silêncio é de pedra...;)

Bfs to all of you :)

some other people disse...

Silêncio?
E o retrato?
Ou melhor, os retratos?

circe disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
lobices disse...

...antes de mais, o meu habitual BOM DIA à tutti
...a morte do amigo Corino de Andrade deve ter provocado a "ausência" do Prof, facto que entendemos, lamentamos mas respeitamos
...se, pelo contrário, não é por essa razão mas sim porque ainda anda ramba abaixo rambla acima, também (bolas!...) o desculpamos!
...
abreijos
e um bom Domingo

(Chinezzinha) disse...

Vim só desejar um bom domingo para vocês todos.
Estou cheia de trabalho e vim aqui só para relaxar um pouquinho.
O trabalho chama-me.:(
Fui...
abreijos para o Lobices. rss Brincadeira.Bom domingo,tá?


Beijos para todos

circe disse...

Olá, povo;)

Vamos sair do luto, onde estão esses sorrisos de verão?

Eu começo já a contribuir...
Notícia : Guterres, no Uganda, decidiu passar esta noite numa tenda, lá no campo dos refugiados.

Notícia top less secret: o Tóino sabe-a toda - a tenda escolhida, segundo fonte anónima(!) mas fidedigna - é a da Angelina Jolie...

Ó Tóino, cabe aí mais uma? LOL

Alguém aí com jeito para petições,vamos lá fazer um abaixo-assinado, povo, ou esta informação deixa-vos indiferentes? LOL

lobices disse...

...oh Circe, abámo-nos tamvém, carago, a montário uma tenda cá prá gente, carago!...
...o Tóino já tem uma e sé a da Jolie o tipo né parvo nada mesmos
...carago, acho que bou já no primeiro biom pró u ganda (bou o carago, é ca bou...)
...aqui num tenho nenhuma angelina comigo mas ó menos num drumo numa tendazita qualquer... quéssa merda?
:)*

circe disse...

Ò Lobices,

Estava eu aqui a falar com os meus botões ( do teclado) e aproveito o
teu talento de investigador:

será que o Murcon se amandou pra lá, carago?
Isto porque outros inbestigadores
papparazzi constataram umas cenas do género: quando o Murcon, antes de ser Murcon, disse na Marie Claire que tinha um Volvo 440 turbo-preto de partir corações, mudou de bólide, zás; passados uns anos diz noutra Revista que puxa n
cabalos do BMW, zás, já é outro bólide afinal; assim sendo, pode ter saído das Ramblas em direcção ao Uganda - porque o Murcon tem pavor aos abiões - e já lá anda a
conduzir a Angelina, carago;)

Que te parece? Bamos lá a debruçar-nos sobre a Lina, perdão, sobre este caso? LOL

circe disse...

Carago,agora tenho que ir trabalhar, ó povo, depois da sesta,
ajudem o lobices nas investigações, a ver se logo, com o orvalho, já há noticias fresquinhas...

Anónimo disse...

ihihihihihihihihihihihihihihihih
(vossasmercês ainda estão mais loucos que eu; vossas excelências é que estão a precisar de internamente nem que seja compulsivo; onde é que já se viu andar a investigar se o Murcon se passou prós espanholitos?!)
(vem, lá tenho eu de entrar de turno outra vez; ninguém me quer substituir?)
ihihihihihihihihihihihihihihihih

Anónimo disse...

ihihihihihihihihihihihihihihihihih
óhh Circe: também trabalhas por turnos comeu?)
ihihihihihihihihihihihihihihihihih

Anónimo disse...

ihihihihihihihihihihihihihihihihih
(óhh Circe, qué isso do orvalho?)
ihihihihihihihihihihihihihihihihih

Uma amiga do Júlio disse...

Como a vossa aflição é grande sinto-me na obrigação de vos acalmar: o dono deste blog está de boa saúde e continua em Espanha. (Não vos digo onde, porque se soubessem, ele arriscava-se a que vocês fretassem um autocarro e lhe fizessem uma manifestação
à porta do hotel).
Tenham calma,que ele volta!

escrevinhador disse...

Se nem na morte somos iguais, como pode alguém aspirar ao comunismo?

escrevinhador disse...

«(...)every decent study done has found single women are healthier
mentally, emotionally and physically than those who are married,
whereas single men are worse off than those who are married.»

Retirado de um site inglês.
Será?

Anónimo disse...

Será?
Escrevinhador, mas, ainda restam dúvidas?
Eu pergunto, sim!, porque será?
:))))
Só não percebo porque é que não há mais viúvos.:(
Boas noites,

adesenhar disse...

a vida continua...

os meus pêsames Dr.

cheio de dúvidas disse...

Será o amor romântico com uns laivos de 'realidade' mais saudável emocionalmente para as mulheres? Realizará mais sonhos?
Será o amor físico constante (e a sopa na mesa e a roupa lavada) mais gratificante para os homens?
Trará mais vanglória?

Cheia de dúvidas disse...

Será que podemos amar duas pessoas ao mesmo tempo?

Cheia de dúvidas disse...

Todos falam de amor como se soubessem o que é amar, tal como todos falam de morrer como se soubessem o que é morrer...

Li isso agora num blog.
Afinal o que é o Amor?

Cheia de dúvidas disse...

Neurofisiologia: Amor romântico é a experiência humana mais poderosa – estudo

A Guerra dos Sexos tem mais um elemento para juntar ao debate. De acordo com um estudo realizado por investigadores norte-americanos. A principal conclusão obtida revela que as áreas do cérebro activadas por estímulos relacionados com o Amor e com o Sexo, são diferentes.

"As áreas do cérebro activadas quando alguém olha para uma fotografia da pessoa amada coincidem apenas parcialmente com as regiões ligadas à excitação sexual", segundo Arthur Aron, um dos autores do estudo a publicar na edição de Julho da revista "Journal of Neurophysiology", publicada pela Sociedade Americana de Fisiologia.
Os investigadores usaram no seu trabalho imagens obtidas por ressonância magnética dos cérebros de 17 homens e mulheres jovens que se tinham "apaixonado loucamente" pouco antes.
Os participantes no estudo responderam a questionários enquanto os seus cérebros eram observados por scanner.
De acordo com as informações veiculadas pela agência Lusa, o estudo conclui que o amor parece activar as partes do cérebro que são ricas em dopamina, um composto químico que tem efeito sobre as emoções. Outros estudos relacionam essas áreas do cérebro com a motivação por recompensas.
"Para nossa surpresa, as regiões activadas pelo amor romântico intenso foram principalmente as do lado direito do cérebro, enquanto que as regiões activadas pela atracção facial foram principalmente as do lado esquerdo", referiu Lucy Brown, do Albert Einstein College of Medicine, que também participou no estudo.
O processo dos sentimentos românticos envolve "uma constelação de sistemas neurais", conclui o estudo, segundo o qual o amor ganha claramente ao sexo no que se refere ao seu poder sobre a mente humana.
"O amor romântico é a mais poderosa de todas as experiências humanas", segundo outra autora do estudo, a antropóloga Helen Fisher, da Universidade de Rutgers. "É definitivamente mais poderoso que o impulso sexual".
Outra conclusão é que à medida que a relação amadurece, o mesmo se passa com a mente.
"Encontrámos várias áreas do cérebro onde a força da actividade neural mudou com a duração do romance", disse Lucy Brown, acrescentando que se pode observar o que acontece no cérebro à medida que uma relação evolui.

http://2010.flmid.com/Noticia.aspx?idNoticia=710

Achei interessante...

Cheia de dúvidas disse...

Amor Romântico

Qual é a propaganda mais difundida, mais poderosa e mais eficaz do mundo? Coca-Cola? Malboro? IBM? Nada disso. É a do amor romântico. Ela existe há 800anos, mas até o século passado, apesar de arrebatar corações, não podia se misturar a uma relação fixa e duradoura. Casamento por amor, nem pensar! Impossível de se realizar, inatingível e tormentoso, nele a pessoa amada é sempre idealizada.
As histórias de Tristão e Isolda e de Romeu e Julieta ilustram bem como o amor romântico é regido pela impossibilidade. Quanto mais obstáculos a transpor, mais apaixonado ele se torna. Entretanto, em um determinado momento, interesses econômicos introduziram esse tipo de amor no casamento, transformando toda a sua história.

Até a Revolução Industrial, no final do século 18, as pessoas moravam mais no campo, junto a vários outros membros da família, o que fazia com que sentissem afetivamente amparadas. Os casamentos aconteciam por razões econômicas e políticas. Por isso é que duravam a vida toda. Não havendo romance nem expectativa de satisfação sexual, não havia decepções, e ninguém pensava em se separar.

Mas as fábricas e os escritórios que surgiam foram atraindo os homens para trabalhar nos centros urbanos. Nasceu, então, a família nuclear – mãe, pai, filhos - , agora sozinhos na cidade. Para que o casal suportasse viver assim, longe daqueles com quem tinha laços afetivos, inaugurou-se o amor romântico no casamento.

Atualmente existe uma campanha, incorporada por todos os meios de comunicação, que procura nos convencer de que só é possível ser feliz vivendo um romance, que traz a ilusão do amor verdadeiro. Tão grande quanto o desejo de vivê-lo. Por isso, poucos suportam ouvir que, apesar de toda a magia prometida, ele não passa de uma mentira. Sem contar que traz mais tristeza do que alegria, além de muito sofrimento.

Desde que nascemos nos empurram o amor romântico goela abaixo, como se fosse um pacote econômico do governo. Não se discute, cumpre-se. Uma criança de um ano, por exemplo, já toma sua sopinha com a babá, assistindo à novela das sete. Na hora de dormir, a mãe conta a história de Branca de Neve ou Cinderela, e assim por diante.

Todas expectativas e idéias do amor romântico são passados como uma única forma de amor, e aprendemos a sonhar e a buscar um dia viver tal encantamento.

Entretanto, são várias as mentiras que o amor romântico impõe para manter a fantasia do par amoroso idealizado, em que duas pessoas se completam, nada mais lhes faltando. Entre elas estão afirmações absurdas como:

-Só é possível amar uma pessoa de cada vez.

-Quem ama não sente tesão por mais ninguém.

-O amado é a única fonte de interesse do outro.

-Quem ama sente desejo sexual pela mesma pessoa a vida inteira.

-Qualquer atividade só tem graça se a pessoa amada estiver presente.

-Todos devem encontrar um dia a pessoa certa.

Como nenhuma delas corresponde à realidade, em pouco tempo de relação vêm a decepção e a frustração. No amor romântico idealizamos a pessoa amada e projetamos nela tudo que gostaríamos de ser ou como gostaríamos que ela fosse. Não nos relacionamos com a pessoa real, mas com a inventada. É claro que, na intimidade da convivência do dia-a-dia, para manter a idealização a conseqüência natural é o desencanto. É por isso que se faz tanta música de dor de amor. E, para completar, todo mundo adora.



--------------------------------------------------------------------------------
Este texto foi gentilmente cedido pela Psicanalista Regina Navarro Lins e foi extraído de um livro de sua autoria, entitulado de Na cabeceira da Cama - Editora Rocco. Outros livros publicados: “A cama na varanda” e “Conversas na varanda”.

http://www.saudenainternet.com.br/especial/especial_01.shtml

Cheia de dúvidas e cheia de sono vou fazer amor com o meu marido. rsss Acordo logo... ;)

Beijos
Até logo

Cheia de dúvidas disse...

Porque diabo estou a mandar estas mensagens com este nick?
Vergonha?
Medo do ridículo? Talvez.
O meu marido acaba de subir e fiquei aqui a matutar nisto.

Pois é...cheio de dúvidas.
Amor romântico não realiza totalmente uma mulher,pelo menos a mim.E olhe que eu sou muito romântica.
Amo dois homens e sinto tesão pelos dois.Isso é normal, Professor?

Agora é que me vou daqui. rss
Boa noite... ;)

Beijos

(Chinezzinha) disse...

Sempre me disseram que só podemos amar 1 pessoa ao mesmo tempo.
Contudo já me aconteceu e acontece neste momento amar 2 pessoas.E quando digo amar,é amar mesmo.
E aí...já aconteceu isso a algum de vocês?

Pergunto-me às vezes porque sou diferente dos outros,que amam só 1 pessoa.Acho que não sou maluca.rs :S

Aqui na net até sou confundida por brasileira muitas vezes,por não ter os preconceitos que a maior parte das mulheres portuguesas têm.

Pois é... Professor
Que me receita?
Vai-me internar?rsssssssss
ai,ai...
Acho que isto é do cansaço.:S
xau
Continuação de boa noite e bom começo da semana.

beijos

cheio de dúvidas na mesma disse...

Àgradeço à prezada colega 'cheia de dúvidas' a série de reflexões e informação, fundamentadas em links da net (ou não, porque poderá ser uma estudiosa da matéria como JMV e eu o desconhecer), com que me ajudou muito - pode crer.

A novela que a babá vê com o bebé ao colo, e as histórias da Branca de Neve e de príncipes e princesas são contados a meninas e meninos mas estes não as fixam (e em Portugal quase não há babás, vá-se lá saber porquê).

Porque não fixam os meninos o amor romântico de modo a evocá-lo constantemente, como as meninas?
E porque as historinhas de soldados e heróis fascinam mais os meninos. Porquê?

De tudo o que você disse só fiquei alarmado com esta sua frase tão generalista (e quiça exagerada) que veio estragar tão brilhantes considerações: "... sou confundida por brasileira, muitas vezes, por não ter os preconceitos que a maior parte das mulheres portuguesas têm".

Eu diria que cada um sabe (apenas) de si, no Brasil e em Portugal.

Apesar do seu esclarecimento, terei de lhe dizer que fique-se (e bem) com essa felicidade dos dois amores e dos dois tesões (que já o nosso romântico Marco Paulo imortalizou numa canção PORTUGUESA de gosto duvidoso) que eu ficarei com as minhas dúvidas, contudo,

apareça sempre, porque precisamos muito de saber o que o (evoluído ?)universo brasileiro tem a dizer sobre o amor e sobre o (decadente ?) universo português.

cheio de dúvidas disse...

CHEIA DE DÚVIDAS

Falei como se você e a CHINEZZINHA fossem a mesma pessoa.

AS MINHAS DESCULPAS.

Gostei de ler os seus considerandos e as suas dúvidas finais. Nunca se fica na mesma com as dúvidas dos outros - são sempre melhores que as suas certezas.
_____________________________

CHINEZZINHA

A sua frase generalista é que me alarmou e os considerandos finais são para si. Mas, amigos como sempre, e aguardo novos desenvolvimentos do tema.

Enquanto outros mais sabedores do assunto ñ se pronunciam, vamos nós divagando sobre ele - e sentindo-o na pele.

AS MINHAS DESCULPAS A AMBAS.

Tão só, um pai disse...

Cheia de Dúvidas e Chinezinha,

Os vossos comentários deixaram-me a pensar.

Concebo que amemos, cada um como o souber, e o que mais lhe aprouver. Por isso, quem quiser amar mais do que uma pessoa, que o faça.

Fica-me, no entanto, a curiosidadae em relação a uma série de questões:

. Se decidirem viver com alguém, como fazem? Escolhem só uma pessoa ou põem-se os três de acordo para viver sob o mesmo tecto? Ou viverão um desses amores de forma secreta, ocultando-a do outro? É coisa honesta, de facto. E, se um dia, descobrirem que cada um dos vossos amados também tem mais alguém? Passarão os 5 a viver sob o mesmo tecto? E se um desses amados decidir viver só com essa outra pessoa? Continuarão a ser amados, ou passarão a ser substituídos?
Enfim, simples questões logísticas.


. Se decidirem ter filhos, quem escolhem para pai? Deixam isso ao destino e, depois, fazem um teste de ADN? Ou dispensam a identificação da paternidade?
Uma coisa de sómenos, nos tempos que correm, como podem ver.

Ah, mas isto não passará de mera hipocrisia e inexactidão dos valores sociais e culturais que nos foram legados. Eles têm lá alguma razão para existir. Cada um ama quem quer e como quer. Doa a quem doer.

lobices disse...

...o meu habitual BOM DIA à tutti
...
...a seguir:
...tantas dúvidas???????????
...bolas
...e, quem sabe as respostas?
...eu sei a resposta, mas é a MINHA resposta, a minha forma de estar, de amar, de conceber o amor;
...cada um deve sentir por si e amar à SUA maneira
...somos todos diferentes e é nessa diferença que nos "equilibramos", é nessa dualidade que formámos o "PAR"
...amem como souberem mas amem o mais que puderem
...sejam felizes
...um dia, tudo vai acabar
...aproveitem agora
...VIVAM
...

cheio de dúvidas disse...

t s u P

Concordo total e seriamente com a sua logística aplicada aos amores (românticos ou não) e louvo a subtileza das suas questões.
O assunto não é para menos e toda a cautela é pouca quando se fala de sentimentos.

O pior é sermos feitos de sentimentos e alguns bem confusos.

E espanta-me o facto do mundo não se reger pela lógica mas pelas contradições e, contra isso, não haver resguardo nem remédio.

Vamos conversando disto?

Mário disse...

Bom dia malta,

Concordo com aquela lista de mitos em relação ao amor romântico. De facto, a decisão de ficar com uma só pessoa é isso mesmo, uma decisão, uma escolha. Quando escolhi a minha mulher, escolhi também não ficar com todas as outras. Mas a capacidade continua lá.

Acho que estas coisas não podem ser uma questão de preconceitos ou de nos escandalizarmos com os comportamentos uns dos outros, acho que assim não vamos a lado nenhum.

Acho que é possível apaixonarmo-nos e mantermo-nos apaixonados pela mesma pessoa a vida toda. Corrigo, acho que é possível ficarmos ainda mais apaixonados. Dá é trabalho. A paixão só se sustem e cresce se a relação amadurecer e crescer. Estamos quase com 40, levamos quase 15 anos de casados, e muito trabalho na nossa relação, mas (pelo menos falando por mim) o gozo profundo (a todos os niveis) tem sido imenso. Agora isto só tem sido possível porque tem havido uma entrega total e exclusiva de cada um ao outro. Confesso que a nossa relação me deu muito mais do que eu imaginava que fosse possível enquanto adolescente.

Esta entrega total faz com que, inclusivé, a linguagem erótica se estenda por toda a nossa vida não se limitando só aos momentos em que estamos na cama. Isto parece esquisito, mas numa vida que se constroi a dois com este grau de comunhão, até os momentos mais prosaicos como arrumar a cozinha a seguir ao jantar podem ter uma carga erótica pois têm aquele sabor de fazerem parte de um todo que nos sabe mesmo muito bem. Ao contemplar a minha mulher é toda uma série de imagens, sensações, vivências, ideais partilhados que vêm ao de cima e enchem a minha vida de um enorme gozo.

Não deixa por isso de ser uma opção diária de cada um de nós... é a liberdade...

Cheia de dúvidas na mesma disse...

Cheio de dúvidas na mesma

Fico satisfeita se o ajudei de algum modo. Foram somente 2 links dos muitos que poderia achar na net.

Não sou estudiosa como JMV.Tomara sê-lo. Sou apenas muito curiosa e interesso-me por diversos assuntos, entre eles muitos assuntos estudados pelo Professor.
Tenho um grupo na MSN que aborda desde temas de história, xamanismo, mitologia, questões de saúde, clima e ambiente, entre outros passando pela sexualidade e que algumas pessoas procuram rotulá-lo de pornográfico e que por isso tem que estar na categoria de adultos.Pornografia lá não entra...

Quando escrevi que me confundem com brasileira é verdade.Não sei se exageram,mas que dizem que não pareço portuguesa é mais pura verdade.:S
Se ingressar em diversos grupos da MSN verá muita gente cheia de falsos moralismos.Falsos moralismos que abomino e que me rotulam de algo que eu não sou.
Sou 1 pessoa normal que simplesmente não tem preconceitos em abordar certos assuntos que parecem ser ainda tabu, hoje em dia para algumas pessoas.
Tenho 1 grupo com mais de 20.000 participantes e posso contar pelos dedos as mulheres portuguesas que conseguem "dar a cara" e expor as suas ideias, com medo talvez de serem injustamente rotuladas pela sociedade.Em vez disso, mandam mensagens de teor religioso ou fazem-se de "garotinhas" que amam kao anis e outros gifs infantis e mensagens mais próprias de meninas de 12 ou 13 anos, quando por vezes são muito mais velhas que eu, o que acho um pouquinho ridículo.Nota-se isso ainda mais nos blogs brasileiros.
Outras caiem no oposto e vivem no mundo da pornografia.
Eu estou no meio-termo.
Têm sido 2 anos de intensa pesquisa na net, para depois ser copiado para outros grupos...mas enfim, já me habituei a isso e se copiam é porque gostam.
Tento abordar diversos assuntos com seriedade.Talvez seja por isso que é por muitas pessoas considerado, um dos melhores grupos da MSN e para alguns o melhor, modéstia à parte.

Nossa...é tarde.:O Vou tomar banho e depois tenho que fazer o almoço e ir trabalhar.

Beijos

Cheia de dúvidas na mesma disse...

cheio de dúvidas

Acertou. ;) rss

Beijos

cheio de dúvidas apaziguado disse...

mário,
estou consigo e vou por aí

cheia de dúvidas na mesma,
agradeço as referências e peço, se possível, um link para algum desses grupos.

(Chinezzinha) disse...

BREVE GUIÃO – Greve da FENPROF e da FNE nos dias 20 a 23 de
Junho de 2005

Informação Jurídica elaborada pelo Dr Allen

I – Da ilicitude da greve por inobservância da tramitação legalmente exigida
1.
O Ministério do Trabalho defende que a greve é ilícita porque o pré aviso não foi efectuado com a antecedência de 10 dias úteis e por não conter a proposta dos serviços mínimos a prestar durante a greve, o que fará incorrer os docentes que aderirem à greve no regime de faltas injustificadas.
2.
O pré aviso de 10 dias e, em consequência, o regime dos serviços mínimos a prestar, só pode ser exigido nos sectores ou actividades previstos nas alíneas do nº 2 do art. 598º do Código do Trabalho por força de previsão expressa do art. 595º, nº 2, do mesmo Código ( existe um projecto do Governo de alterar esta previsão legal passando a abarcar todos os sectores e actividades afectas à satisfação de necessidades sociais impreteríveis, mas por enquanto é somente um projecto de alteração da lei e ainda não vigora portanto ).
3.
Não estando previsto naquelas alíneas do nº 2 do art. 598º do Código do Trabalho o sector ou actividade do ensino, não era aplicável à greve que foi declarada o pré aviso de 10 dias úteis (mas sim de 5 dias úteis, que foram cumprido ) nem é legalmente susceptível de aplicação o regime de serviços mínimos.
4.
O pré aviso de greve cumpriu por essa razão a tramitação legalmente exigida e não lhe é legalmente aplicável o regime dos serviços mínimos.
II – Da aplicação do regime de faltas injustificadas
5.
Ainda que a greve fosse ilícita por inobservância da tramitação legalmente exigida ( e não o foi como visto atrás ) dessa situação, e do incumprimento dos serviços mínimos, só poderia decorrer a aplicação de faltas injustificadas sem quaisquer consequências do ponto de vista disciplinar, pois estas últimas só podem surgir se existir a requisição civil.
III – Dos serviços mínimos
6.
Os serviços mínimos foram fixados por Despacho conjunto do Ministério do Trabalho e do Ministério da Educação de modo a poderem assegurar a realização dos exames nacionais do 9º e 12º ano.
7.
Como atrás já foi visto, no sector do ensino não é possível legalmente fixar serviços mínimos, razão porque é ilegal aquele despacho.
8.
Acresce que, nos termos do art. 599º, nº 4, do Código do Trabalho e 439º e seguintes do Regulamento do Código do Trabalho a fixação dos serviços mínimos nos serviços públicos só pode ser feita por uma comissão arbitral designada no âmbito do Conselho Económico e Social, nenhuma disposição legal existindo que permita que os serviços mínimos sejam fixados por aqueles Ministérios, antes excluindo o legislador aquela possibilidade.
9.
O despacho conjunto justifica o facto de ser proferido por aqueles Ministérios com o facto de não estar ainda completa a lista de árbitros de onde poderia sair a comissão arbitral, mas tal não confere o poder ou competência a quaisquer outras entidades para o fazer e muito menos àquelas que o legislador expressamente excluiu.
10.
O despacho conjunto que fixou os serviços mínimos é pois ilegal e foi proferido por entidades sem competência legal para o fazerem.
11.
Ainda que aquele despacho conjunto fosse legal – e já vimos que não o é –, uma vez que os Sindicatos, após terem sido notificados para o efeito, não designaram quais os docentes que ficavam afectos àqueles serviços mínimos, não o fizeram, para que pudesse verificar – se o incumprimento dos serviços mínimos tornava – se necessário que o Ministério da Educação tivesse estabelecido, até ao início da greve, quais os docentes que estavam afectos à realização dos serviços mínimos, notificando os docentes designados desse facto, e tal não foi feito.
12.
Não existem pois serviços mínimos estabelecidos.
13.
Mas, ainda que existissem, as únicas consequências de incumprimento dos serviços mínimos declarados seriam somente a aplicação do regime de faltas injustificadas sem quaisquer consequências disciplinares, e a possibilidade de o Governo proceder à requisição civil.
14.
A requisição civil permitiria fazer renascer a subordinação dos docentes e a sua sujeição ao poder disciplinar e era a esse nível exclusivamente que poderia equacionar – se a eventual conflitualidade entre o direito à greve e o direito ao ensino que tem sido agitado como bandeira pelo Ministério da Educação.
15.
A requisição civil depende de aprovação pelo Conselho de Ministros e é declarada por Portaria dos Ministérios interessados – art. 4º do Dec. – Lei 637/74.
16.
O art. 3º do Dec. – Lei 637/74 define no entanto de forma taxativa os sectores e actividades que podem ser objecto de requisição civil, e neles não está incluído o ensino, não sendo por isso legalmente admissível a requisição civil no caso desta greve.

IV – Do Despacho da Ministra da Educação a convocar todos os professores para comparecerem nas Escolas.

17.
Nos termos do art. 597º do Código do Trabalho, a greve ( convocada com a tramitação legalmente exigida ou não ), suspende as relações jurídicas emergentes do vínculo contratual existente entre os docentes e o Estado e desvincula – os dos deveres de subordinação e assiduidade, sem qualquer prejuízo da contagem do tempo de serviço enquanto aqueles deveres se mostram suspensos.
18.
Face à lei, não é assim devida obediência àquele despacho, nem a desobediência ao mesmo poderá fazer incorrer quem quer que seja em infracção disciplinar, contravencional ou criminal.
19.
E o despacho em causa não pode obviamente confundir – se como um despacho de fixação de serviços mínimos pois não designa os docentes concretos afectos ao seu cumprimento mas antes generaliza a convocatória a todos os docentes.
Lisboa, 20 de Junho de 2005.

http://www.fenprof.pt/Index.aspx
...................................
Acabei de ler isto no site da Fenprof.

Vou trabalhar.
Fiquem bem.
Beijos

apaziguado disse...

ah novamente para cheia de dúvidas,

acertei? bem me parecia.
bj

(Chinezzinha) disse...

Bom dia lobices! :D

Estou com mt pressa.Até logo.

Beijos

Tão só, um pai disse...

CheiO de Dúvidas,

Racionalizando os sentimentos, se amamos mais do que uma pessoa, devemos fazê-lo livremente. Esta é a lógica dos sentimentos.

Contrapondo a realidade, em contradição com a lógica dos sentimentos, será importante pensarmos, também, no tipo relação amorosa e de paternidade que queremos e podemos manter, no actual contexto económico e social, que herdámos e em que vivemos.

Apesar de, como conclui o Mário, mas noutro sentido, termos a liberdade de escolhermos o nosso caminho e fazermos as nossas opções.

Acrescentaria: e de termos a liberdade de podermos ir, sempre, um pouco mais além.

Cheio de dúvidas apaziguado disse...

Caro tsuP (com quem já falei aqui - e desculpe o meu novo nick)

É comum que coabitem casuais encantamentos com relações estáveis desde que não passem disso - encantamentos passageiros.

Tudo o resto que disse acho compreensível e.. vou por aí.

Cheia de dúvidas na mesma disse...

Cheio de dúvidas apaziguado

No fundo se calhar não quis ficar anónima.
Seria muito fácil para mim criar uma personagem.O mais difícil seria enganar o Site Meter com o meu IP.rss

Os links estão no meu blog.Mais logo eu passo por aqui,tá?

Tenho mesmo que ir.Estou cheia de pressa.
Desculpem.
Um bom dia a todos e beijinhos

com dúvidas mas nickapaziguado disse...

cheia de dúvidas na mesma

Ninguém aqui pretende com o uso de nicks diferentes enganar quem +9quer que seja, penso eu. O Site Meter com os seus IP.rss serve para os autores dos blogs, se estiverem interessados nessa pesquisa, poderem associar diversos nicks a uma pessoa (que mesmo assim não conhecerão).

Mas a assumpção de diferentes personagens, que não significa diferentes personalidades (não exegeremos), é um exercício comum na blogosfera e parece-me enriquecer a comunicação, porque introduz uma associação criativa com o texto do comment.

Repare que este é um mundo virtual, embora muitos o levem demasiado a sério o que, convenhamos, lhes poderá trazer dissabores.


Irei ao seu blog procurar os links

Cheia de dúvidas disse...

com dúvidas mas nickapaziguado

O tal grupo que referi é este:http://groups.msn.com/CantinhoSensual/join
Tenho tb outro virado somente para poesia:http://groups.msn.com/PoesiaDoCantinho/join

Cheguei mais cedo do que previa.E isto pq só às 10.30 da manhã de hoje, o C.A.E. resolveu informar a escola de que não haveria aulas todo o dia.Como não tiveram oportunidade de avisar toda a gente, fui e vim.

Acerca do meu papel no Cantinho Sensual...por vezes gosto de provocar os participantes com mensagens que eu sei serem polémicas e ver a reacção deles.Posso estar a agir errado mas tenho aprendido muito estes anos lá na MSN.

Nunca imaginei que houvesse tantas pessoas totalmente solitárias e infelizes.É incrível…
E muitos tarados sexuais também.

É 1 grupo em que as mensagens infelizmente têm que ser “censuradas”, pois se não o fizesse entraria muita propaganda pornográfica e racista.

Quando conheci a MSN era sincera.Dava os meus dados pessoais, mas com a experiência vi que não podia ser assim.
Agora omito muita coisa e já cheguei a mentir mesmo.Coisa feia não? Admito que sim.
Hoje não minto mas omito.rss Até porque nem sei se no Cantinho Sensual está algum colega meu, algum encarregado de educação, ex-alunos ou mesmo familiares.
Quando comecei a ter net e qd conheci a MSN, o meu casamento estava muito mal, já lá vão 6 anos.Mas hoje felizmente está bom.O meu marido mudou bastante desde que conheceu 1 brasileira num chat e que 2ª ele, ela se queixava do mesmo que eu em relação ao marido dela.Foi mt positiva para mim essa amizade deles .Hoje ele não tem mais nenhum contacto com ela e penso que descobriu ao fim de tantos anos o quanto foi injusto e mau comigo.
Aqui na minha vida real sou 1 pessoa muito transparente o que por vezes me prejudica.Não sou dada a mexericos nem intrigas.Devo admitir que adoro dar e receber miminhos e carinho.Miminhos e carinho que tb dou aos meus alunos que os não têm em casa.Sou 1 pouco carente, talvez devido à falta de amor do meu pai, que foi sempre 1 pai ausente, embora sempre vivendo connosco. Tão ausente que considero mais um tio meu, como pai do que o biológico.


Aqui no blog sou eu mesma, mas sei que por vezes no Cantinho Sensual dou uma diferente imagem de mim.Muitas vezes uma imagem má mesmo.Mas não me aflige porque estou atrás de um nick e como professora que sou não me posso expor.
Sabem que sou professora, mas nunca coloquei 1 fotografia minha, nem cidade onde moro.
Sou do Porto e vivi lá até casar.
Depois vim para 1 linda cidade do distrito de Braga.O distrito é grande.rss
Só amigos virtuais íntimos e verdadeiros (que são muito poucos) sabem onde moro, qual o meu nome...enfim sabem a minha vida.

Tenho o curso de História, mas devo confessar que só fui para História, porque fui para a área errada, por falta de informação e o único curso de letras que gostava era e é História.
Adorava ter seguido Psicologia, mas como disse atrás, na área em que estava não dava
Não sei se seria boa ou má psicóloga...
Este ano deram-me a escolher ou dar aulas de apoio a alunos ditos "normais" ou a uma miúda com trissomia 21.Embora não tivesse experiência, escolhi dar aulas a essa menina e não me arrependo em nada.
Foi muito gratificante para mim, embora o início não tenha sido fácil.A aluna evoluiu muito e vejo que o trabalho não foi em vão.

Ando meia desligada dos grupos da MSN e ando mais virada para os blogs.Ando igualmente a colocar o sono em dia de 2 anos, em que a média de sono foi de umas 2 a 3 horas e este ano comecei a sentir-me mesmo muito cansada.Além de que estava muito viciada na net.Estou a tentar encontrar 1 equilíbrio.

Desculpem se falei demais de mim, mas sou assim mesmo.

Beijos com muito carinho e respeito

lobices disse...

...para a cheia de dúvidas at 3.33 PM:
...tens de ser boa pessoa: nasceste no Porto e viveste aqui até casares; depois foste para uma cidade do distrito de Braga (bem, a mãe dos meus filhos tb é de uma cidade do distrito de Braga) onde fiz a tropa e aonde ainda mantenho bons amigos...
...és professora e ainda bem que não foste para Psi (os psis são todos "malucos" incluindo o nosso amigo Profe - bem, estas coisas não se devem dizer em casa dele mas eu sou uma pessoa frontal que sempre coloquei a minha foto em todo o lado e sempre assumi o que digo e faço - mas também aceito que sou doido - mas enfim, ninguém é perfeito)...
...grupos do Msn... pois, quem por lá não passou? E quem não passou pelos Chats e pelos Fóruns? Agora é a vez dos Blogs...
...olha, ainda estás a tempo do Almoço/Encontro de Blogs no Porto a 25 do corrente...
...enfim, ainda tens dúvidas? Eu não; sou uma pessoa assumidamente "induvidado" só que, às vezes, tenho de fazer muitas perguntas mas, sabes como as faço? Dando respostas... não sei, penso que é uma forma de perguntar...
...por exemplo: digo que isto é azul e logo me vêm dizer que não! Como vês, fico logo a saber qual é a cor, mas se não ma disserem, pelo menos, fico a saber que não é azul... entendes?...
...a vida é muito complicada; enchê-la ainda com mais dúvidas é complicá-la demasiado...
...dessa forma, vamos dando algumas respostas...
...

Cheia de dúvidas disse...

Quim

Estou a achar piada a este nick.rss
Olha gostei imenso da tua mensagem.
Quanto ao almoço adorava ir mas ainda não consegui "domar" o meu marido.Ele nunca alinha nestas confraternizações da net e além disso este fim de semana vai ser de muito trabalho,pq 2ª feira tenho a reunião da minha Direcção de Turma. Acredita que adorava conhecer-te a ti e a outros.Fica para a próxima,tá bom?E obrigada pelo convite.

Beijinhos

Maze disse...

Boa tarde,
Num post anterior perguntava-se se é possivel amar duas pessoas? claro. e sentir tesão pelas duas ? claro. Depois como é que isto pode ser implementado na pratica? pois ai a coisa fica complicada. De qualquer maneira qcho que os afectos não são para serem publicos, não encontro nenhuma razão para os tornar publicos, a não ser para chatiar...

dúvidas e respostas do cheio delas disse...

maze
Chatear não, não nos faça isso. Os afectos não são para serem publicos.
bj

cheia de dúvidas das 3:33
Agradeço a honestidade que reconheço doutras intervenções suas neste local - uma honestidade invulgar na net dos blogs. Aproveitarei, entretanto, para visitar os sítios que recomenda.
Pessoalmente, acho que não se deve levar muito a sério o mundo virtual porque nos poder envolver em dissabores inimagináveis.
Daí a sermos uns farsantes vai uma enorme distância, mas a prudência é fundamental no éter e não creio ser possível resolvermos na net, de forma sustentável, os grandes desafios e os grandes dissabores que surgem caoticamente no quotidiano. Há que enfrentá-los com garra - onde arranjá-la? Invente-a cada um, em cada dia.
As solidões e os desesperantes 'até' em que nos vemos envolvidos são de todos e de sempre. Há que aguentá-los com uma resistência que cada um tem que aprender sozinho.
Muita dependência dos conselhos dos outros fazem-nos escravos do alheio e isso é perder aquela liberdade que ninguém nos pode tirar - a de sermos únicos.
Conhecer, querer e poder eram a tríade de elementos da sabedoria divina e humana, para J.B.Vico.
Nascer, gozar/ sofrer e desaparecer é a tríade de elementos que conheço e que pertence a todos, sem excepção. Quanto à sabedoria … fico-me pelas dúvidas, mas, de vez em quando, faço como o lobices que, para desempatar, vai dando algumas respostas.

Afinal o que foi este meu arrazoado todo senão uma resposta

à próxima

Maite disse...

Lá voltamos nós ao tema dos triângulos?! Não acredito que essas pessoas (os triângulo-maníacos) acreditem que essas suas relações são triângulos, mas sim outras figuras geométricas mais complexas e elas são apenas uma pontinha insignificante do vértice.

lobices disse...

...to Maite at 4.45 PM:
...
...óh miúda traquina!... :) Triângulos?
...quadrados é que é!...
...a quadratura do círculo, mulhéri, a quadratura, ou seja, 2 couples etc e tal (ai que ainda me excomungam daqui para fora!...)
LOL

Maite disse...

Lobices, swing também?
bolas

triângulo esquizofrénico disse...

olá maite

Proibiram q'eu t'iamassi
proibiram q'eu t'ivissi
proibiram q'eu saísse i perguntassi'alguém por ti

Proíbam muito mais
preguem avisos
fechem portas
ponham guizos
nosso amor perguntará
e daí e daí?

Daí por mais cruel perseguição
eu continuo a t'iadorar
será sempre teu meu coração

Cheia de dúvidas disse...

Tمo sَ, um pai

Estive a ler o teu comentário e confesso se tinha dúvidas,com mais dúvidas fiquei.rsss Não deixas de ter razão.
Obrigada.

Beijos

Cheia de dúvidas disse...

Maze disse...
Boa tarde,
Num post anterior perguntava-se se é possivel amar duas pessoas? claro. e sentir tesão pelas duas ? claro. Depois como é que isto pode ser implementado na pratica? pois ai a coisa fica complicada. De qualquer maneira qcho que os afectos não são para serem publicos, não encontro nenhuma razão para os tornar publicos, a não ser para chatiar...

...........................
Maze
Peço desculpa se chateei,mas não vejo mal algum em eu expor os meus afectos.
Afinal nenhum de vocês me conhece...que mal tem?
Algumas pessoas já me criticaram por isso mesmo.Só que eu penso assim:estou a expor os sentimentos de uma pessoa que está por trás de um nick...sei lá...talvez tenha razão.Talvez não me devesse dizer nada mesmo.
Sempre fui muito ingénua.Até demais.Tento não o ser mas noto que ainda o sou e assim vou morrer.

Beijos

Cheia de dúvidas disse...

dúvidas e respostas do cheio delas disse... rsssss Gostei do nick:D rsssssssss

Agradeço a sua resposta e devo dizer que já vivi e sofri muito no mundo virtual.
Hoje,tento alhear-me do virtual para não me envolver nesses dissabores.
Quanto aos conselhos...eu realmente tenho a mania de pedir conselhos.Só que normalmente nunca os sigo.Sou teimosa e às vezes era melhor seguir certos conselhos que me dão.
Quanto à honestidade...Penso ser honesta.Pelo menos procuro ser o mais honesta possível.

O que me trouxe a este blog,foi eu andar na net à procura de textos de JMV para colocar no Cantinho Sensual e dei com o Murcon.rss
Tenho que confessar que me sinto muito pequenina mesmo, à beira de JMV.
Não devo ser só eu a pensar isto.
Será complexo de inferioridade? Não sei.Acho que é 1 misto de comlexo de inferioridade com a pura realidade.
E donde virá esse meu complexo.Eu acho que vem do facto do meu irmão ser extremamente inteligente sempre elogiado pelos meus pais.E porquê?Porque ele não precisava de estudar nada para ter boas notas,enquanto eu tinha que estudar um bocadinho.
Não digo que seja burra,porque não sou,mas tenho pena de não ser como ele.
Na net é a 1ª vez que faço referência a isto.

Bem! Muito obrigada pelas tuas palavras.
Beijos e tudo de bom para ti.
Peço desculpa por tratar por tu.Se não achares correcto da minha parte diz por favor.

dúvidas e respostas do cheio delas disse...

É correctíssima essas tuas honestidade, clareza, verdade - a tua verdade - mas que outra verdade tão verdadeira poderias tu trazer aqui?

Vive bem e cada vez melhor, cheia de dúvidas e chinezices (para temperar a canseira da inquietação)

dúvidas e respostas do cheio delas disse...

corrijo ... São correctíssimas essas tuas ....

Já farta do nick cheia de dúvidas disse...

Maite

Não sou swinger.:O :S
Só agora vi a mensagem.:$Desculpa.

Beijocas

Maze disse...

Bom dia a todos.
Para ajudar a esclarecer, quando falo em chatear alguem não me estou a referir aos nossos comentarios aqui no blog. Eu se amo duas pessoas ao mesmo tempo, não encontro nenhuma razão para tornar isso publico (contar à outra) esse facto, a não ser que a queira chatear... e não estou a analisar as consequencias ou impacto de amar duas pessoas (se calhar nem é "culpa" minha)...
Em relação ao anonimato, é completamente indiferente para todos nós se o meu nome é Maze, Manuel, Antonio, ou outro qualquer. São todos verdadeiros. Continuaremos sem nos conhecer.