sábado, maio 26, 2007

Saturday Night Fever.

Casa da Música. Lang Lang e o concerto nº1 para piano e orquestra de Tchaikovski. Uma das obras favoritas de minha Mãe. Na fila da frente, outra recebia nos ombros as cabeças, já cansadas, dos dois filhos mais novos, que despertaram com a trovoada de aplausos. Um dia os miúdos ouvirão o concerto recordando o sorriso doce da Mãe, gratos por terem sido apresentados tão cedo à música clássica. Um abençoado encore de Chopin. E eu passei-me, a vida é bela e as pessoas também, os meios de comunicação enganaram-se - a Exma Directora da DREN pôs um processo disciplinar, mas ao bufo! O ar fresco trouxe-me de volta ao mundo real. O meu Avô tinha razão - o esperanto falhou, resta-nos a música:). Boa noite, gente.

18 comentários:

AQUILES disse...

Folgo em "vê-lo" bem disposto e de bem com o Universo. A boa música elava-nos a alma.
Bom Fim de Semana a todos.

AQUILES disse...

lava-nos a alma

lobices disse...

...na verdade, a música é a única linguagem universal
...um bom Domingo :)

andorinha disse...

Bom dia.

Só vi hoje o post, sorry!:)
Sendo assim, limito-me a subscrever as palavras do Aquiles e do Lobices.
Felizmente, há sempre algo que nos conforta a alma.
Fique bem:)

Bom domingo, malta:)

Sirk disse...

Não posso deixar de dizer que também faço parte do "clube" - amantes da música -, nomeadamente da clássica, a melhor companhia para longas noitadas a queimar as pestanas.

Como invejo os que têm disponibilidade para ver ao vivo e a cores estes eventos. Tenho esperança de quiçá um dia também vir a usufruir desse privilégio.

Até lá, só em casa, mas, com os "decibéis sempre ao rubro".
:)

gasolina disse...

Boa tarde a todos.

Tão bom como a musica só a dança: a que nos é oferecida e a que nós desenhamos.

loira suicida disse...

O meu blog é melhor que o teu!

anonymous disse...

Olá Professor,

De certeza o seu Avô tinha razão e, há muito tempo...

"O Estado feliz limita o fausto, busca reduzir as penas e aumentar a educação, distribui equitativamnete a riqueza pelo povo, ensina as boas maneiras e a música, pois a música é irmã da benevolência e a boa música, da rectidão."

Confúcio, também.

Um beijo

A Menina da Lua disse...

Hello hello!

Professor

"E eu passei-me, a vida é bela e as pessoas também,":)))

O quanto eu concordo consigo...:)

Acredite que eu estou na mesma "onda":) a vida é mesmo bela! e as pessoas tambem! apesar de algumas fazerem um grande esforço para não o parecerem:)))

Quanto à música! faço como a outra:) vivo com ela no coração e guardo-a muito direitinha na alma...:)


Gostei muito deste seu post! muito estimulante mesmo que seja só por causa da música...:)

cdgabinete disse...

Professor, eu não podia estar mais de acordo... resta-nos a música! E Tchaikovski é verdadeiramente magistral!

A Menina da Lua disse...

Ainda falando em música, aqui vos deixo uma sugestão : Stacey Kent.

Uma cantora de jazz, muito agradável que combima uma bonita voz com um toque muito especial na forma de cantar e que vai cá estar em Lisboa no CCB no dia 30 de Maio.
Não percam! que eu tambem não...é que vale mesmo a pena:)

Sirk disse...

Já disse que a música clássica é boa companhia para altas leituras?

Ora bolas!, já tinha dito. :$

Ah!, mas ainda não disse que deliro por dançar a "Waltz of Flowers" do tal "tchácóvski" que, segundo as más línguas até era ...enfim...muito sensível e "nove e meio dez" :$

:)

noiseformind disse...

ameninadalua,
Já para não dizer que ganhou o prémio para melhor artista de jazz da BBC este ano com o último album ; ))))

Sempre que a ouço lembro-me da voz daquela outra chavala que andou por aí a rasgar a fotografia do papa e agora lançou um album em que recita o livro dos Salmos. Se bem que eu acho que a miúda alcançou o perdão divino ao se juntar aos Massive Attack para a 100th Window. Falo como é óbvio de Sinéad O'Connor ; )))

Boss,
Sábado à noite e o 5º (ou 4º, conforme a listagem que se consulte) mais pretendido solteirão português ás 23h41 já está fazendo relato estóico de noite como que lhe dando fim? Só se desculpa tão curto relato por justificação da(s) miúda(s) presente(s) à orgia que se seguiu ser(em) tímida(s). Caso contrário é como que dizer aos jovens (muito jovens, aliás) solteirões como eu: CASAI-VOS, CASAI-VOS!!!! ; )))))))))))))))

Em relação ao concerto nada a declarar, a acústica da Casa da Música só pode ser louvada. Em relação ao esperanto penso que decididamente perdeu para o Inglês e para um simplismo geracional que se apropria de símbolos que lhes traduzem um conforto como qualquer amuleto de um primitivo da pré-história. O telemóvel que manusemamos freneticamente aguardando sms salvadora da indigência social é apenas um substituto de um Deus que, por tanto ter demorado em vir à terra, perdeu a páginas tantas contacto com a Humanidade que representava.

Em relação à universalidade da música... talvez... talvez... mas suspeito que ao dizeres isso pensavas mais nos teus Beatles que no mais brilhante discípulo de Piccioli ; )))))

Loira suicida,
O teu blog n sei mas as tuas mamas (na minha modesta perspectiva pequeno- burguesa-heterossexual) são de certeza ; )))))))))) o que não quer dizer que ter umas boas mamas dê automaticamente qualidade ao blog. Mas a perspectiva de dar uma opinião favorável ao blog chegando assim por essa via ao conhecimento mais profundo do par de mamas é uma questão, no mínimo, aliciante...


... pelo menos depois de testados todos os pares de mamas em lista de espera, depreenda-se...

andorinha disse...

Noise,
Loooooooooool
Decididamente não tens conserto, miúdo:)))))

CêTê disse...

Srik,
A "medo" tentei os links mas... nicles! E eu a pensar que era desta que ia começar a gostar dos clássicos!;]

maria estrela disse...

Em Aveiro, um docente, passeou-se pelas ruas da cidade, este fim de semana, com umcartaz pendurado ao peito, onde se lia mais ou menos isto:
" Eu também disse piadas acerca do primeiro ministro!"

A Menina da Lua disse...

Maria Estrela

Felizmente que existem esses corajosos para que em "contra corrente" possam suscitar os alertas e o sentido de humanidade e de justiça dentro das nossas próprias cabeças...:)

APC disse...

:-)