domingo, outubro 01, 2006

Mais um passo...

Casal homossexual adopta criança
2006/09/30 23:57
PortugalDiário
Primeiro caso em Espanha. Maioria dos pedidos é de casais masculinos

Um casal homossexual de Barcelona conseguiu adoptar uma criança, o primeiro caso em Espanha, ao abrigo da nova lei, que dá aos casais homossexuais os mesmos direitos do que os heterossexuais, avançam os órgãos de comunicação social espanhóis.
Segundo Carme Figueras, conselheira do bem-estar e da família da Catalunha, 28 casais homossexuais tinham efectuado a inscrição para adoptar de acordo com a nova lei. A maioria dos pedidos é de casais do sexo masculino.
Já existem casos em Espanha de casais homossexuais que se tornaram pais legais de crianças de um dos homens, mas esta é a primeira vez que a adopção é concedida a um casal sem laços sanguíneos com a criança.
«O mais importante na adopção é que a criança seja a beneficiada, que ele ou ela seja amada, cuidada, respeitada e não maltratada», disse Carme Figueras.
A legalização do casamento «gay» foi uma das medidas introduzidas pelo primeiro-ministro socialista José Luiz Rodriguez Zapatero quando assumiu o poder em 2004.


P.S. O Murcon tornou-se um pouco o meu Diário da República:). Alguns de vocês podem, por casualidade, ter ouvido um comentário meu na Antena1 a propósito do Dia da Música. Nele falava de uma investigação levada a cabo por um colega do Porto sobre tipos de música jovem, as drogas que lhes estão preferencialmente associadas e as perspectivas sociológicas a retirar desses fenómenos. Por incúria, esqueci-me de referir o nome do autor do estudo. A Antena1 prometeu fazê-lo, mas nunca se sabe o que acontece na lufa-lufa da edição. Portanto, aqui fica o seu a seu dono - referia-me ao Mestre Victor Silva da Comunidade Terapêutica do Norte.

75 comentários:

blogico disse...

Passo a passo, lentamente, apesar da caminhada ainda ser longa, lá vamos percorrendo o caminho rumo a uma "sociedade" digna desse nome

bom domingo a todos

blogico disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
andorinha disse...

Boa tarde.

E assim se vão quebrando os preconceitos.:)
Possamos nós, em breve, seguir o caminho de Espanha.

JFR disse...

Há notícias que me perturbam. Não pela dificuldade de aceitação do seu conteúdo, mas pela dificuldade de analisar os seus efeitos a longo prazo. É o que me acontece com a notícia da primeira adopção de uma criança do sexo feminino, em Espanha, por um casal homossexual masculino. Neste caso, os pais adoptivos não têm qualquer laço sanguíneo com a criança.

Sendo correcto, do meu ponto de vista, que o casamento entre homossexuais esteja legalmente regularizado, não consegui ainda admitir que a adopção, por parte desses casais, seja aceite. E a razão está em não encontrar resposta para as seguintes perguntas:

a) Qual o fundamento principal para que um casal homossexual queira ter um filho adoptado? Ajudar uma criança? Necessidade de fortalecer e garantir a relação? Um desafio à sociedade?
b) Qual a reacção do adoptado, quando se tornar adolescente e adulto, ao tomar consciência de que, para além de não ter crescido junto dos pais biológicos, foi educado por um casal homossexual?
c) Que garantias razoáveis se conhecem hoje, provenientes da comunidade científica e, nomeadamente da área psicológica, de que o desenvolvimento da criança não terá fortes probabilidades de ser perturbado por essa situação?

Em minha opinião há uma diferença qualitativa substancial entre os interesses em presença. Porque se trata de adopção, são as crianças o elemento primordial. Ao Estado, o nosso ou qualquer outro, compete garantir, mais do que tudo, a protecção do desenvolvimento daqueles que serão o futuro da sociedade. E isso, necessita de respostas activas de que os passos são mais vantajosos de que prejudiciais. De que as dúvidas pesam menos do que as certezas.

Enquanto não for esclarecido a perturbação que estas notícias me causam não me permitem afirmar que estamos perante mais um passo. Nem para o abismo, nem em frente.

Fora-de-Lei disse...

andorinha 6:20 PM

"Possamos nós, em breve, seguir o caminho de Espanha."

Se fosse este o único (e triste) exemplo que a Espanha tivesse para nos dar, então seria cada vez mais verdade que "de Espanha, nem bom vento nem bom casamento".

Fora-de-Lei disse...

JFR 6:37 PM

"Qual a reacção do adoptado, quando se tornar adolescente e adulto, ao tomar consciência de que, para além de não ter crescido junto dos pais biológicos, foi educado por um casal homossexual?"

Essa questão não se coloca pois, por essa altura, já o(a) desgraçado(a) do(a) adoptado(a) é tão ou mais homossexual que os infelizes dos "pais" ou das "mães". Ou ainda te(ê)m dúvidas ?!

Julio Machado Vaz disse...

jfr,
As suas dúvidas são perfeitamente legítimas. Sugiro o relatório sobre a matéria da Associação de Pediatria Americana.
Fora-de-lei,
Não tenho dúvidas, tenho certezas por conhecer casos:).

thorazine disse...

Em relação à adopção é um enorme passo, sim senhor. Fico feliz..

FDL,
Opiniões.., claro. Mas olhe que ter dois pais ou duas mães sempre é melhor que ter só um (ou uma)... :))

Em relação ao estudo das drogas que o professor fala, já o li...e nem gostei de tudo. Já frequentei os 3 tipos de festas que o Professor Victor Silva fala no estudo e nem tudo é tão linear com ele "pinta". Acho que os consumos são complexos demais para fazer uma simples divisão em 3 categorias...associando o estilo de música ao tipo de droga.

Os primeiros consumidores de Marijuiana ouviam Jazz e Blues, os primeiros consumidores de LSD (nos anos 40) ouviam música clássia..e não era a música que influenciava esse consumo. Refgere que em feswtas de "trance" a maioria são universitários: é mentira. Isso é porque há o mito (mesmo dentro da propria cultura da musica) que estes são mais "cultos" que outros grupos, talvez herdado da "inflacção espiritual" herdade das origens na Índia. Muitos "consomem para ver a face de Deus", apesar de a maioria ser agnóstica. A "maioria" consome pelo prazer, nem procura nada nessas substâncias...só quer é que ao meio dia de domingo o efeito ja tenha passado para o almoço de família..

Apesar de tudo, nesse estudo, há algumas referências interessantes..mas é perigoso fazer algumas afirmações como verdade, penso..


---


Por último, reparei numa coisa engraçada, na música da publicidade de um Banco:

"Deixa a janela do sorriso aberta,
Coisa boa, boa,
Coisa desperta,
Canta quem a caia nos liberta.
Deixa a janela do sorriso aberta,
Coisa boa, boa,
Coisa desperta,
Canta quem a caia nos liberta.

Dá-me um...
Bom feeling...
Bom feeling...
Bom feeling...
Bom feeling..."

A unica frase cortada da música é: "Canta quem a caia nos liberta"

[Até a Sara Tavares se vende.. :(((]

JFR disse...

Obrigado professor. Vou tentar encontrar o relatório na net.

thorazine disse...

Se a maioria das famílias monoparentais funcionam, porque é que não funcionariam com duas figuras parentais com o mesmo sexo?

Que eu saiba os caisais heterosexuais não conseguem influenciar a homosexualidade dos filhos (já que a maioria dos gays tem pais hetero).

Crianças abadonadas, doentes, com vírus, sem membros ou de cadeiras de rodas são as sobras no "monte" que está para adopção. A maioria das pessoas com que falo até aceitavam que estas crianças mereciam um lar, nem que fosse de um casal homosexual. Agora, se tem direito ao produto "com defeito" porque é que não tem acesso à alta custura? São famílias que funcionam, tão bem como Às outras..o problema é sempre o preconceito dos outros. E esse preconceito está nas pessoas que ainda não "compreende" como é que uma família naqueles termos irá funcionar como a sua...e que é "diferente". Essas pessoas é que fazes o preconceit, e fazem o favor de o passar aos seus filhos..

thorazine disse...

Escrita muito pouco cuidada, eu sei. Mas não é por mal, é a pressa. Peço desculpa. ;(

Julio Machado Vaz disse...

Thorazine,
Todas as generalizações se afastam da vida real, não acha?:). Por isso estou de acordo - cautelas e caldo de galinha. Mas já é importante ir para o terreno, passei anos a ouvir discursos sobre os toxicodependentes de gente que nunca tinha falado com um!

Fora-de-Lei disse...

Julio Machado Vaz 6:48 PM

"Fora-de-Lei, não tenho dúvidas, tenho certezas por conhecer casos:)."

Por conhecer casos de adoptados que seguiram o seu infalível (?) destino ou por conhecer casos de adoptados que - saiba-se lá como e porquê - até deram em homenzinhos ?

andorinha disse...

Fora de lei (6.38)
Já sabia que a tua opinião ia ser essa.
Também já sabes que a minha é diferente, portanto aqui não há surpresas:)

Em resposta a Jfr,
Mas tu pensas mesmo isso????

Júlio,
Não percebi bem a sua resposta:)
Tem certezas, mas em sentido contrário, deduzo.
E os casos que conhece, conhece-os de onde?
Uma vez que cá a adopção por homossexuais não é possível...

andorinha disse...

Fora de lei,

De onde provêm os homossexuais que existem actualmente?
Que eu saiba, de casais heterossexuais.
Segundo a tua lógica, teriam que FORÇOSAMENTE, ser hetero.

Fora-de-Lei disse...

andorinha 7:54 PM

Andorinha, porque é que - regra geral - a malta do Sul gosta de caracóis e a malta do Norte não gosta ? Porque a malta do Sul habituou-se, desde putos, a ver os pais / irmãos comerem caracóis. Mas como a exepção confirma a regra, isto não quer dizer que não haja malta do Sul que não gosta de caracóis e que haja malta do Norte que até gosta.

Uma coisa são as apetências naturais, outra coisa são os hábitos (culturalmente / socialmente) adquiridos...

Julio Machado Vaz disse...

Fora-de-lei,
Casos de crianças educadas por homossexuais militantes (na defesa dos seus direitos e dos dos heterossexuais...) e que são "honestos heterossexuais":). É mais fácil influenciar as preferências clubísticas dos nossos filhos do que a sua orientação sexual. Aliás,a resposta que você dá à Andorinha já levanta um pouco o véu - a orientação sexual, incluindo a heterossexual!, não pode ser reduzida a um decalque da dos pais.

fiury disse...

fora de lei

dê-nos o conforto de dizer que já está esclarecido

Cleopatra disse...

Bem, corro o risco , tendo em conta o que faço, de ser queimada viva na fogueira por alguns dos meus pares.
Mas eles já sabem os que sabem, o que penso e, vai daí, aqui vai a minha opinião.
Não vejo nada de mais nesta adopção.
Não compreendo os pruridos culturais de muita gente E, principalemente não entendo porque acham que o facto de ser acarinhado, educado, e acompanhado por dois homossexuais faz de alguém homossexual.
Será que ninguém nunca estudou o assunto?

O problema do futuro, ou de como vai reagir a criança daqui a uns anos ou nos anos em que percebe que vive com um casal homossexual, não está na cabeça dela, está na nossa.
Está na cabeça da sociedade em geral que não se prepara para essa situação e, portanto, não prepara os filhos.

Ninguém tem um pai homem e uma mãe homem.
Alguém tem dois homens ou duas mulheres, que são quem lhes dá o amor, o carinho a possibilidade de ser, que uma casa de acolhimento não dá.

É pena que nós não saibamos nada dos perfis dos homossexuais e os vejamos apenas como maricas ou lésbicas com ares afeminados ou masculinos em excesso.

É pena que nós não percebamos que não lhes falta qualquer capacidade...Nenhuma!

É pena que os pais não preparem os filhos para aceitarem diferenças.

É pena que o legislador seja tão politicamente correcto em Portugal e tenha tanto medo de perder votos.

É pena que a comunicação social não se preocupe com alguns assuntos importantes para tantos seres existentes e que se escondem porque somos uma cambada de cabeças pensantes cheias de manias de perfeição e superioridade!

É pena tanta coisa!

andorinha disse...

Fora de lei,
Finalmente rendes-te à evidência?:)

andorinha disse...

Cleopatra,
Ganda mulher!:)

thorazine disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
thorazine disse...

professor,
sim acho, as generalizações afastam-se da vida real. Mas para fazer um "estudo" sobre massas é preciso fazer algumas generalizações e um "estudo", normalmente, é para retratar a vida real (senão escreveria-se ficção)...logo, evitar generalizar num estudo era óptimo. Algumas das informações que o professor Victor Silva nos dá no estudo são desnecessárias já que na prática só se vão poder aplicar num pequeno grupo. Acho que, por exemplo, a ligação das drogas à música negativa pois pode-se cair no erro de atribuir alguma culpa aos generos de música pelo consumo e o que penso que o professor Victor silva na verdade queria mostrar, posso estar errado, é que a exposição a diferentes tipos de música e aos ambientes que estas criam vão levar as pessoas (já admitindo que elas consomem certos tipos de drogas) para estados de espírito diferentes, sendo a música um mero guia do efeito da droga (e não impulsionador deste consumo).

É sim de louvar que ele se tenha deslocado ao terreno (aliás, já tive oportunidade de falar com uma das pessoas que foi entrevistada no recinto de uma festa), e como disse, muita gente se baseia no que "ouviram falar por aí". Mas um verdadeiro estudo seria "desfazer" estes grupos e fazer questionários individuais para ter uma percepção mais aproximada do real (,penso numa coisa do género relatório Kinsey [só vi o filme]).

Agora, mesmo aqueles questionários da UE (que ainda em julho respondi a um) não vão dar respostas a nada, aliás...só vão distorcer a realidade toda. Basta dar uma vista de olhos no tipo e na formulação das perguntas. É a mesma coisa que resumir o consumo de drogas dos 60's aos 3 dias de woodstock. :))

FDL,
algumas centenas de espécies animais (desde aves e mamíferos até repteis) têm comportamentos sexuais. A cultura ou memética não é desculpa neste caso! :)

Fora-de-Lei disse...

fiury 8:57 PM

Não estou. Para além disso, sinto-me altamente desconfortável com este tema... Continuo a ter muita pena de qualquer criança que venha a ser adoptada por homossexuais. Já não lhe chega a desgraça de não ter pais para depois - e ainda por cima - ser adoptada por alguém com padrões de vida no mínimo duvidosos.

Fora-de-Lei disse...

thorazine 9:49 PM

"FDL, algumas centenas de espécies animais (desde aves e mamíferos até repteis) têm comportamentos sexuais. A cultura ou memética não é desculpa neste caso! :)"

Têm comportamentos sexuais ou homossexuais ?

Cleopatra disse...

Mas duvidosos porquê fora da Lei?
Palavra que não entendo.
Há por aí muito hetero com padrões muito mas muito duvidosos!

vareira disse...

Desculpem a intromissão no clube, mas apenas vou deixar a opinião do meu filho que tem 10 anos:"acho muito bem os bichas, sabes mãe, os gays(palavras dele,acho que homossexual é muito beto para ele dizer!)poderem adoptar, pois o que mais se vê é crianças mal tratadas pelos pais biológicos e crianças abandonadas.O que é que eles podem ter de mal?Gostarem de homens?Desde que amem os filhos e os tratem bem...acho muito bem e quem vier dizer o contrário é porque é muito preconceituoso."O meu filho dá-me muitas lições de vida!Por isso acredito num futuro melhor.
Bom dia da Música para todos.
Desculpe Professor, só não sei lidar com os ataques que ele tem de sexo!!!Ou antes de masturbação nocturna!Sugere alguma leitura?Cá por casa não há nenhum homem para conversar com ele quando ele me diz que durante a noite sente umas coisas muito estranhas!!!

thorazine disse...

fora-de-lei,
tem razão, falha minha, peço desculpa. Obviamente queria dizer "comportamentos homosexuais", se fosse "sexuais" teria razões para acreditar que o Anjo Gabriel realmente andava "a fazer das suas"! :))

PAH, nã sei! disse...

Provavelmente não deveria se eu a intervir...
mas, o meu companheiro, filho de pai assumidamente homossexual (de tal forma que casou com o seu companheiro) vivendo com os dois, é um jovem heterossexual assumido.
Não é a sua convivência com dois "pais" que lhe altera/alterou, ou incita a ter outra orientação sexual. Mas o caro Professor, melhor do que ninguém, o poderá dizer, visto ter acompanhado o caso...

thorazine disse...

Penso que tal como outros mecanismos de defesa tribal falados pelo Dr. António Damásio, como o racismo e xenofobia, a "aversão" à homosexualidade é um mecanismo biológico ancestral que tenha sido útil à sobrevivência no passado, pois a elevada taxa de reprodução é essencial numa selecção natural. Hoje em dia, já um pouco afastados dessa selecção, ainda a possuímos na maquinaria biológica apesar de ser muito desasjustada às necessidades actuais.

Fora-de-Lei disse...

thorazine 9:49 PM

"FDL, algumas centenas de espécies animais (desde aves e mamíferos até repteis) têm comportamentos homossexuais. A cultura ou memética não é desculpa neste caso! :)"

Centenas ??? Anyway, os animais irracionais (?) também têm as suas pancas... ;-))

CêTê disse...

Boa noite ;]


Não bebo Nestea. Nínguém me proíbe, mas não levo apetência. Não me seduz a embalagem e o "sabor" deduzo-o bem.

Talvez por isso não tenha mudado a minha opinião sobre o assunto.

Também é um facto que nada fiz para mudar de opinião e talvez um dia consulte o tal relatório que o professor refere. Afinal são assuntos que devemos saber discutir de olhos desviados dos umbigos.

Andorinha, neste aspecto (se não nas antípodas) estamos em hemisférios diferentes. ;p


O fim de semana já lá vai ;[[[[

thorazine disse...

Ainda em relação às drogas,
Assumindo que o objecto de estudo é a relação dos indivíduos com a substância, terá de se ter acesso aos verdadeiros efeitos dos compostos. O "ecstasy" não pode ser estudado como sendo MDMA já que actualmente a mistura de drogas ( vulgo traçar) não é feito com substâncias inertes, como era usual na cocaína e heroína, mas sim com compostos activos que aumentam o espectro dos efeitos. Estas tabelas mostram bem isso: http://www.ecstasydata.org/

Logo, os dados estão comprometidos já que se está a estudar pessoas diferentes que consomem substâncias diferentes.

thorazine disse...

FDL,
assumindo gostar de parceiros do mesmo genero como "panca", posso afirmar que sim! ;)

Angie disse...

A propósito do post scriptum...
Achei graça a essa do Murcon ser o o seu "Diário da República".
Ouf! Asseguro-lhe que se o DR fosse assim tão boa onda, a minha vida era 1 mar de rosas...

Agora, quer a República quer até o Direito reconhecem-se em si na blogosfera!
- Sabia?
(e se eu gosto da simbiose, porque teimo em associar a primeira não ao que é o fetiche dos cinco-outubristas, mas àquela coisa de que já ninguém se lembra, escavando até ao seu sentido real e ressuscitando o conceito vivo, que é o de "res publica").

Se calhar, sabia.
Mas olhe só onde eu fui encontrá-lo um dia destes, e não propriamente para surpresa minha, apesar de por lá parar volta e meia e nunca ter reparado!

http://www.republicadireito.com/links.php

Isso mesmo! A sua pessoa está fatalmente sintonizada na onda jurídica...
E eis que lá mora o Murcon, em pleno forum do direito assaz relevante no país. E feito aqui no burgo.
Veja lá só onde foi parar!!!

Fico a pensar se gosta....

Fora-de-Lei disse...

thorazine 11:56 PM

É uma panca e bem grande... ;-))

andorinha disse...

Cêtê,
Acho que estamos nos antípodas, mesmo.:)

E é como dizes, o fim-de-semana já lá vai:(, mas vem aí um feriado:)

JFR disse...

Estive afastado do blog durante algumas horas e ao abrir, agora, os comentários fiquei desolado. Raramente se discute o problema essencial: a criança adoptada. Com uma única excepção: a sua futura orientação sexual. Os outros problemas com os quais se virá, provavelmente, a defrontar são ignorados.

Lamento, não ter tido grande esclarecimento quanto às interrogações que coloquei em comentário anterior.

Andorinha:

Gostaria que fosses mais explícita na tua pergunta. Sobre esta matéria não disse que pensava fosse o que fosse. Deixei algumas interrogações para as quais pretendo respostas que me ajudem a formar uma opinião fundamentada e não erigida em preconceitos ou vanguardismos.

Katerinna disse...

Isto de "ser feliz" não é fácil... Mas há que lutar para mudar mentalidades... ;))

CêTê disse...

Ena nem me lembrava! E apesar de ter dois dias "livres" (sábado e domingo, lol)calha mesmo bem! nem me lembrava ;P

Se importassemos algumas modas espanholas mas se fizesse um feriado Nacional (ou mesmo ibérico ;]) de cada uma fora do fds eu até me abstinha de postar. ;p (eram menos moscas a entrar e menos erros a aparecerem)

andorinha disse...

Jfr,
Peço-te desde já desculpa, porque não fui clara.
A pergunta que eu fiz era dirigida ao Fora de lei e não a ti.
"Essa questão não se coloca pois, por essa altura já o(a) desgraçado(a) do(a) adoptado(a) é tão ou mais homossexual que os infelizes dos "pais" ou "mães".
Ele tem este comentário em relação a um excerto do teu e foi em relação a isso que eu fiz a pergunta.

Eu sei que expressaste as tuas interrogações e não o que pensas sobre o tema, logo a minha pergunta não faria sentido nenhum:)
Acrescento, aliás, que acho muito "correcto" da tua parte quereres obter mais informação sobre o tema e concordo contigo quando dizes que posições por preconceito ou vanguardismo são de rejeitar

thorazine disse...

FDL,
Ser (humanos/animal) já é uma "panca" de todo! ;))

jfr,
há uns anos largos ser filho bastardo também poderia ser origem de problemas. Actualmente até a expressão caiu em desuso. São problemas a enfrentar, não a "esconder" ou a "adiar". Acredita que os homossexuais vão deixar de existir? Acredita que os homossexuais vão deixar de querer ser felizes e de querer ter uma família e filhos? Eu não. Por isso é que é preciso lidar com esses problemas, que na verdade estão nos outros se "sentirem incomodados" e não nos pais ou na criança. É um questão de educação.

E sabe, a "diferença" nem sempre trás desvantagens. Leonardo da Vinci talvez só foi quem foi por ter sido filho bastardo, por ser impedido de aprender a cultura romana e assim ter de repensar a sua própria cultura (e fazer renascer a cultura corrente).

Deve-se estar mais preocupado com o preconceito que podemos passar aos "nossos filhos" já que será isso que possivelmente irá arranjar problemas aos filhos dos casais de homossexuais. :))

JFR disse...

Thorazine

Ser filho bastardo mantém, para o filho, uma identidade com os demais: tem pai e mãe. Ser filho de um casal homossexual elimina essa identidade. Falta a mãe ou o pai. E aqui reside uma diferença substancial. Da qual desconheço os possíveis efeitos.

Quando o que está em causa são seres humanos, não penso que a solução "esconder" seja pior que "descobrir" ou que "realizar" seja melhor que "adiar".

E, como muitas vezes - e bem -, diz o Prof. as generalizações são perigosas. Daí que não façamos dos bastardos, Leonardos em potência.

Viva disse...

Boa noite pessoal

Bem a primeira preocupação que se me levantou a ler alguns dos comentários foi "será o facto da minha filha ser criada por mulheres (mãe e avó) fica com a sua sexualidade defenida (neste caso será lesbica) porque coitada não há homens em casa?

A segunda foi será que devo sair a correr de casa á procura de um homem heterosexual apontar-lhe uma pistola e obriga-lo a casar para a minha filha ter um exemplo masculino em casa?

Pois é que segundo a opinião de alguns deste bloog a minha filha tem desde já a sua preferência sexual defenida, por impusição da sua situação familiar. CRIADA POR MULHERES. Hum é verdade mas nós somos a mãe e a avó e como tal já não há problema. E se ambas ou uma de nós fosse lésbica? Como é?

Tenho uma amiga criada nos EU por um casal homosexual masculino. A mãe biológivca dela abandonou á porta deles, com uma carta a dizer que eles seriam melhores mãe que ela alguma vez seria. Do pai biológico ninguém sabe quem é (e da mãe apenas desconfianças). Ela é heterosexual, como ela diz uma mulher a ela sexualmente não lhe diz absolutamente nada. Será que Betty deveria ser internada? Sim porque não é homosexual apesar de ter sido criada por um casal que o é.

Já agora, quantos (mesmo dos que escrevem neste blogg) podem afirmar que os seus progenitores eram verdadeiros heterosexuais????

E quantas crianças foram maltratadas pelos seus progenitores mesmo sendo estes heterosexuais? Eu por exemplo sou vitima de violência brutal doméstica (praticada pelo meu pai) e da ausência total de carinho maternal por parte da minha mãe que coisa que não tinha era institnto maternal (engraçdo que depois de eu ser mãe, tendo ela já 67 anos ela aprendeu a "ser mâe"), mas isso é tudo justificado porque ambos eram heterosexuais e eram os meus pais biológicos, é isso que se deprende de alguns comentários.

Pois eu não sinto, nem penso nada assim.

:(((

Katerinna disse...

Ando a ficar viciada com este blog... ;)))

beijocas!

Katerinna disse...

Os contos de fada deviam ter casais homossexuais... "e foram felizes para sempre...". ;))

thorazine disse...

jfr,
"Quando o que está em causa são seres humanos, não penso que a solução "esconder" seja pior que "descobrir" ou que "realizar" seja melhor que "adiar"."

Eu não penso assim. O ser humano só o "é" aliado à descoberta e à realização ou experiência. Não vão ser estudos ciêntíficos que vão ditar o que é ou não possível ou o que é "correcto", já que o ser humano é das criatura com mais capacidade de se adaptar às diferentes situações que são expostos. Para criar um filho basta amor e vontade, (penso eu..que até então só fui criado).

Em relação à identidade será um problema como tantos outros nas famílias ditas "normais", que como também já foi várias vezes referido, podem e têm que ser ultrapassados. Não acho que nenhum estudo ou ser humano pode saber o que outro (em que condições for) vai ser bem sucedido.

Não queria fazer de todos os filhos bastardos possiveis Leonardos, só mostrar que "ser diferente" nunca foi impedimento. Agora, procurar juntar o rebanho afastando as ovelhas negras é que acho errado.

Viva disse...

É verdade Katerinna

Ou pelo menos deviamos ensinar as crianças que os golfinhos são das maiores comunidades homosexuais, e que os celebres casais para toda a vida, são por norma (e não a excepção)casais homosexuais, e que apenas procuram o parceiro/a do sexo oposto para procriarem.

E que eu saiba os golfinhos são dos animais preferidos tanto dos pais como dos filhos. Enfim.

Mas o que me preocupa nas pessoas que têm este tipo de opinião, é muitos deles (as) são país e mães e não fazem a menor idéia de quais as preferências sexiuais que os filhos viram a ter, pois assumem desde logo que serão heterosexuais. E como tal quando algum vier a descobrir que o seu/a filho/a não é hetero, vão pagar umas consultas ao psocólogo e ao psiquiatrada, na esperança que os cure da "doença", vão aos bruxos e ás espiritas para afastarem o mal, vão-se culparem pois pensam que foram eles que erraram na educação, mas jamais serão capazes de dar ao filho(a) aquilo que é necessário. O seu amor, carinho, compreensão e manterem-se ao lado dele(a), e sentirem orgulho pelo filho(a) que têm.

Eu pelo meu lado, penso que a única coisa que jamais conseguiria perceber, apoiar, era se a minha filha se torna-se, numa assassina (e não estou a falar em legitima defesa).

Ou será que o "normal" seria antes assassino do que homoxesual???
Bjs

Viva disse...

jfr

Pois o problema é mesmo esse, o que são as familias "normais"????

E quanto ás excepçãoes neste caso, não muitas, mesmo muitas.

sabes eu sou heterosexual, mas tenho amigos(as) homosexuais, e já os acompanhei a locais como bares de disco onde os homosexuais eram 99% dos clientes. E sabes o que mais me fazia rir?? Era dar com o Sr. Director fulano tal, casado, com filhos, era encontrar o forcado fulano tal, também casado e com filhos ou no minimo já de casamento marcado com fulana tal, era encontrar o empresário mais conhecido do distrito, clro casado e com filhos, todos muito homens, (alguns pais de amigos (as) meus) em que o discurso em público na vida "normal" era todo contra os homosexuais, e depois nesses sitios estavam com o seu namorado, melhor amante, aos beijos na boca e a apalparem-se todos. Se visses a cara deles quando davam comigo.

E o engraçado, era que a primeira coisa a fazer era ver se eu era também homo, mas como tal não se verificava, nem imaginas o que usavam, desde tentar comprar o meu silência (e ofereciam boas quantias) a fazerem ameaças á minha integridade física, ou levatarem boatos, tudo valia, para cá fora no "seu mundo de senhores heterosexuais" chamais se saber a verdade. Quando descobriam que eu me estava burrifando para as suas preferências sexuais, e que não tinha nada a ver com a vida deles, deixavam me em paz e seguiam a sua vida como até aí.

Mas claro isso assim é que são familias "normais".

:)))))

João Mouta disse...

A homossexualidade é uma coisa estranha. Quase tão estranha quanto a vida.

Desde sempre me reconheço homossexual. A minha primeira memória remonta aos 4 anos de idade e, de tão marcante que foi, ainda a relembro vivamente hoje que passados são 41 anos.

Foi a "vida" que quis que eu casasse e tivesse uma filha, que embora (espero) viva e de boa saúde, eu perdi. E essa mesma vida deu-me outros filhos, não biologicamente meus, mas do meu viver diário.

Resulta da minha experiência, tanto enquanto filho, como enquanto pai, o sentimento de profunda estranheza sobre algumas ideias pré concebidas sobre a homoparentalidade.

Sendo eu filho de um casal heterossexual, irmão de um heterossexual, eu (como já referi) sempre me lembro de ser como sou – um indivíduo cuja orientação sexual preferência os indivíduos do seu sexo.

Enquanto pai constato, também, que a orientação sexual daqueles que garantem o desempenho da função parental em nada interfere com o desenvolvimento dos filhos.

Minto!
Sabe-se hoje que os adultos criados e educados por casais homossexuais são socialmente mais adaptativos e aceitam melhor, e com a devida naturalidade, as “diferenças”.

No parecer emitido pela Academia Americana de Pediatria defende-se que dois pais gays ou duas mães lésbicas podem proporcionar um desenvolvimento emocional, cognitivo, social e sexual das crianças equiparado ao desenvolvimento de filhos de casais heterossexuais.
A forma estrutural particular da família não influencia, portanto, o desenvolvimento da criança.

O conhecido pediatra Berry Brazelton também se pronunciou já no mesmo sentido, referindo não existir nenhuma pesquisa que diga que o desenvolvimento da criança, a sua sexualidade ou a sua futura competência, possam ser afectadas por viverem com um casal homossexual.

Na verdade, face ao conhecimento actual, não existe qualquer razão válida que conduza à evidência de que a homoparentalidade não pode construir uma verdadeira relação de filiação, e cimentar uma verdadeira relação de vinculação afectiva a crianças privadas de um ambiente familiar biológico estruturado e funcional, de modo a proporcionar-lhes estabilidade emocional e física, auto-estima e capacidade de auto controle, desenvolvendo capacidades cognitivas, intelectuais e de integração.

O que parece ser por vezes uma legítima preocupação com as crianças, não é mais do que mera ignorância. E o princípio do preconceito é a ignorância; por isso, há ainda, infelizmente, no nosso país, indivíduos com responsabilidade na matéria que pensam e afirmam que “mais vale uma criança passar toda a vida numa instituição ou em famílias de acolhimento à infelicidade de ser educada por homossexuais, sejam dois ou um.”

O que realmente interessa é termos a capacidade de subir ao nível das crianças e perceber que para uma criança o que é importante é ter uma relação de qualidade com os adultos que dela cuidam.
Deveria, e bem, talvez por isso, o nosso Legislador emanar Lei sobre a obrigatoriedade de competente emissão de “certificado de capacidade parental” antes de se autorizar qualquer um começar para aí a procriar.

Mas só fazemos isso, enquanto sociedade, aos pais adoptivos. Esses sim passam pelo crivo da avaliação. E os pais adoptivos homossexuais também, como é óbvio.
Estranho portanto a preocupação “bizarra” de quem, naturalmente, mal ou não convenientemente informado, olha para as crianças adoptadas por casais homossexuais como cobaias, destinadas ao fracasso e à “má-fortuna”. Como se uma cambada de estúpidos holandeses, dinamarqueses, islandeses, suecos, do Reino Unido e espanhóis, andassem por aí a brincar com a vida dos seus indefesos semelhantes.

Como bem refere Rudolph Schaffer “não existem provas” (interiorizem por favor), “não existem provas de que o desenvolvimento dos papéis sexuais dessas crianças (ou, a esse propósito, outros aspectos do funcionamento psicológico) seja afectado adversamente por esse motivo”, o de serem educadas por casais homossexuais masculinos ou femininos.

E o velho argumento apontado contra a adopção homossexual das alterações do comportamento da criança por via da sua discriminação não tem também justificação, pois se, num primeiro momento, a discriminação pode acontecer, a sociedade não pode compactuar indefinidamente com essa situação de injustiça e desigualdade social, tal como também sucedeu com tantas outras formas de discriminação, nomeadamente com a situação dos filhos de casais divorciados ou bi-raciais.

Há nisto tudo uma coisa que está, portanto, mal. É a incapacidade de alguns em agir com a necessária verticalidade de princípios, aceitando as diferenças, e permitindo, assim, que o elevadíssimo número de crianças institucionalizadas em Portugal não engrossasse por via de não permitirmos adoptar a quem tem amor para dar, apenas porque também amam alguém do seu próprio sexo.

Julio Machado Vaz disse...

João Mouta,
Olá, João, bem-vindo:).

Ameninadalua disse...

João Mouta

O seu post não podia ter sido mais abrangente na explicação; tocou em quase todos os aspectos que se cruzam com esta temática e tambem pela sinceridade com que se expos, devo dizer que senti o seu comentário como uma abordagem séria e despojada que como bem refere deve ser interiorizada e reflectida por nós...

E já agora insisto num dos argumentos: será mesmo justo ter criancinhas fechadas (e por vezes muito mal tratadas) em orfanatos anos sem fim, tendo alguem que se garanta disponível e de boa fé para os adoptar?

Bom dia

gabriela disse...

olá a todos!
Tenho estado a ler os vários comentários e eu sinceramente não entendo porquê tanto alarido em torno desta questão.eu fiz trabalho voluntário numa instituição que abrigava crianças provenientes da familias desfuncionais.E posso garantir que aquelas crianças dariam tudo para ser acolhidas por pessoas que cuidassem bem delas,que as amassem comos os seus verdadeiros pais não foram capazes.Se é um homem e uma mulher ou dois homens ou duas mulheres,é indiferente para quem o desamparo e a falta de amor e de aconchego é desde sempre uma realidade.
beijos

Fora-de-Lei disse...

Viva 2:17 AM

Já me tinhas dito...

Fora-de-Lei disse...

João Mouta 4:28 AM

"Como se uma cambada de estúpidos holandeses, dinamarqueses, islandeses, suecos, do Reino Unido e espanhóis, andassem por aí a brincar com a vida dos seus indefesos semelhantes."

E como se o lobby gay não estivesse infiltrado em tudo o que é interessante para a "causa"...

Fora-de-Lei disse...

gabriela 10:46 AM

"E posso garantir que aquelas crianças dariam tudo para ser acolhidas por pessoas que cuidassem bem delas, que as amassem como os seus verdadeiros pais não foram capazes."

Tal e qual como as crianças da Casa Pia. Só que agora todos sabemos o resultado dos extremosos cuidados que tinham com elas. E escusa de vir daí o - mais que batido - argumento que pedofilia nada tem a ver com homossexualidade. Sinceramente, isso a mim não me interessa...

Maite disse...

Professor

Aviso já que este meu comment nada tem a ver com o seu post.

Mas vem em sequência de um comment da Cêtê ali mais acima que me chamou a atenção. No sábado folheei a Tabu (deixo-a sempre para ir lendo durante a semana) e imagine que nem dei pelo artigo em que fala de si e da sua querida Cantelães (casa). Já a conheciamos por fora e tal como eu escrevi, nessa altura, o que mais me encantou foi o seu enquadramento na paisagem. Mas ao vê-la por dentro o que mais me impressiona é o despojamento das formas e a simplicidade da decoração.

Agora deixe-me ter aqui uma "conversinha de pé de orelha" com a Gertrudes. Ó sra Gertrudes, penso que a senhora anda um bocadinho a negligenciar as suas tarefas. :) Então onde já se viu, só deixar duas bananas para o Professor comer durante o fim de semana???!!! :) e mais...deixar que ele, em Cantelães, onde imagino que a comida seja um ícone da região, utilize nada mais nada menos que esse horrendo electrodoméstico que é o micro-ondas. Olhe que nem parece seu...

Outra coisa Professor, a 5ª fotografia podia ter sido tirada de outro ângulo que agora no Outono deve ser surpreendente. Imagino a paleta de cores que pode observar dessas cadeiras de verga.

Bom dia para si e também para a Gertrudes :)

gabriela disse...

fora-de-lei

dá para entender que não lhe interesa..a questão central são as crianças.Precisamente porque todos sabemos como funcionam as instituições é que não faz sentido complicar a vida a quem pode e quer cuidar melhor dessas crianças,por exemplo os homossexuais ou as lésbicas que desejam adoptar uma criança.
O que eu quero dizer,uma vez que convivo de muito perto com algumas dessas crianças,é que é indiferente se os seus futuros pais são dois homens ou duas mulheres, o que conta para elas é a forma como vão ser tratadas.O que conta para elas é haver alguém que as ampare e ame.Acredite, elas não pedem mais que isso.

gabriela disse...

fora-de-lei
agora diga-me sinceramente pode afirmar que os homossexuais ou as lésbicas sao menos capazes de amar e educar uma criança?Já agora com que direito pode afirmar isso

Fora-de-Lei disse...

gabriela 12:06 PM

E eu gostava de saber qual é o direito que lhe assiste para afirmar o contrário ?! Deve-se achar muito especial de corrida..

Não há criança nenhuma neste mundo que mereça ser educada por gente promuíscua, como é o caso dos homossexuais - nomeadamente dos homossexuais masculinos. Naturalmente, também há promiscuidade em alguns heterossexuais (homens e mulheres). E esses, tal como os homossexuais, deveriam estar proíbidos de educar crianças. É assim tão difícil de entender ?

gabriela disse...

o seu problema deve ter sido esse.

gabriela disse...

fora-de-lei
então os homosexuais são gente promíscua?olhe o preconceito!
è claro que ha promiscuidade entre homosexuais e entre heterosexuais também.Agora não me venha dizer q os homosexuais são promiscuos só pq são homosexuais.
è claro que quando me refiro a casais homosexuais que querem adoptar crianças estou a falar de pessoas obviamente equilibradas e com as condições emocionais necessárias para poder educar uma criança,que é coisa que as vezes falta a muito bom casal heterosexxual.
Em relação a sua provocação a minha resposta é simples não sou especial de corrida mas em relção a este assunto falo com comhecimento de causa.
As crianças precisam de sair das instituições super lotadas que pouco podem fazer para as formar enquanto pessoas.As crianças precisam de um ambiente estável,seguro,se há casais homosexuais ou não,com condições a todos os níveis para as educar porque não?porque são dois homens juntos?ou duas mulheres?São pessoas na mesma,acredite, já conheci vários(não se preocupe eles não mordem!!)e olhe imagine só..alguns são pessoas muito bem formadas emocionalmente e com certeza fariam um óptimo trabalho na educação de uma criança.

noiseformind disse...

Boss,
Apesar de não assinar a Addiction tenho há já vários anos presente no meu directórios de favoritos o estudo do Dr. Forsyth sobre tipologias de consumo e preferências musicais. Bom saber que não é em tudo que estámos atrasados 10 anos. Neste caso estaremos atrasados 8, no máximo ; ))))

Em relação ao paneleiro-fufíco dilema, já expressei que ele quanto a mim não existe. As pessoas são bons e maus pais todos os dias e não é por isso que vamos a correr tirar-lhes os filhos. Da mesma forma não vejo nenhum lobby gay como mais perigoso que o lobby dos produtores de sal da Ria de Aveiro. Os produtores de sal da Ria de Aveiro procuram o melhor para si e isso é que o seu sal seja protegido e haja apoios de Bruxelas. Os homens querem poder assumir publicamente a sua afectividade e nessa vivência terem todas as comodidades sociais dos outros homens. Nihil obstat a isso. Se defendo o direito a duas condições tão simples para um produtor de sal mais depresso o retirar do jugo que impede alguém de, estando inserido na sociedade, realizar-se. Mais, como membro da comunidade que os oprime e impede o acesso a essa realização sinto mesmo o dever de me integrar na luta pelos seus direitos. E acho que no limite é mesmo esse o ponto de chegada, pq não creio que somos todos tão hetero ou homo como por aí se canta. já aqui deixei os links para o estudo da universidade do Arkansas em que os sujeitos que demonstraram mais excitação sexual em relação a ponografia sexual a seguir aos próprios homens estavam no grupo classificado como... homofóbicos!!! ; ))))))))))) portanto, se não voltarmos para uma época de obscuridade intelectual, presumo que todos, todos, teremos o direito de nos deixarmos tentar por todas as tentações e viver todas as seduções não segundo aquilo que nos dizem mas segundo aquilo que sentimos.

Como exemplo na minha experiência pessoal tenho presente as mulheres e a facilidade com que, experimentando o prazer por via de outra mulheres num trio, conseguem facilmente colocar para trás os seus escolhos e objecções em relação ao contacto com outras mulheres e assumir que a desejam. Grande parte dos homens não o farão por outra via que não seja o medo de gostarem : ))))))) a forma como tanta malta fica passada dos carretos sempre que se fala em sexo parece uma espécie de medo de serem recrutados para as fileiras e de não quererem ser chamados.

A promiscuidade de uma população de homens está associada principalmente à exterioridade com que uma relação entre homens pode ser vivida. E faz todo o sentido! Pq investir numa relação que não pode colher todos os pequenos prazeres de uma relação entre pessoas de géneros diferentes? Outra questão fundamental é que a diferença em relação à monogamia entre homens e mulheres. As mulheres são, de acordo com todos os estudos que tenho aqui no disco, mais monogâmicas que os homens por questões sociais mas tb intrínsecamente ligadas à recompensa que o nro de parceiros acrescido traz. A teoria dos Jogos, quando começou a ser aplicada à psicologia, afastou de vez qualquer implicação numa vocação moralista para a maior monogamia da mulher. A mulher é mais monogâmica fundamentalmente pq mais parceiros trazem a dissipação das possibilidades do empenho neles em tratá-las com atenção devida ao prazer. O rendimento per cápita de homens e mulheres tb é decisivo nesta questão e mesmo dentro dos EUA as mulheres mais monogâmicas são as donas de casa e as mulheres mais promíscuas são as que ocupam profissões com uma forte componente de contacto social.

Portanto, sendo os homens mais promíscuos não percebo pq é que seria de pedir aos homens que fossem menos promíscuos. Além disso é ponto assente que a ausência de filhos dispõe as pessoas para uma vida social mais activa (70% dos casais swinger frequentes activos não têm filhos, já dizia Boucher em 2001). Ora isto tudo junto potencia uma maior actividade sexual, para mais padecendo as relações entre homens do problema do desiquílíbrio persistente entre os que desejam ser penetrados e os disponíveis para o papel de penetradores. Aliás, nos países desenvolvidos (dos quais Portugal por este andar nunca virá a fazer parte) há campanhas direccionadas para homens activos pois possuem um nro médio de parceiros of the chart. Mas o mesmo acontece com qualquer homem que esteja no noite.pt ou no Hi5 a engatar mulheres, e ninguém verá mal a vir ao mundo por isso.

Aliás, um homens que faz aleatoriamente sexo com 5 mulheres num mês e outro que faz o mesmo com outros 5 homens não apresentam maior diferença de que o facto de que o homem que faz sexo com 5 homens provavelmente está a fazer sexo dentro de uma poulle de escolha muito menor do que o homem que faz com 5 mulheres. E portanto é de uma distribuição matemática e não de um qualquer sentido de promíscuidade que vem o maior risco de contrair e transmitir doenças sexualmente transmissíveis.

Mas pronto... mais um passinho... bebo a isso malta, com Krugg e tudo ; )))))))))

(o uso de homens e mulheres e não de homossexuais e lésbicas ao longo deste texto é intencional, bem como o uso de sexo em vez de homossexualidade. E a partir de hoje nestas temáticas será sempre assim da minha parte)

noiseformind disse...

Só para lembra que...

JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM
JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM
JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM
JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM JANTAR DO MURCON 28 DE OUTUBRO NA PETISQUEIRA DO GODINHO INSCREVAM-SE PARA JANTARDOMURCON@GMAIL.COM

noiseformind disse...

Perceberam? Ou querem que explique outra vez? ; )))))))))))))))

Fora-de-Lei disse...

gabriela 12:59 PM

"O seu problema deve ter sido esse."

O meu problema é eu estar aqui a passar-lhe cartão...

blogico disse...

Já agora, se me permitem intrometer no debate música/drogas, pergunto: fazer parte de um rancho folclórico provoca o consumo de vinho verde? :)

Ou isso não é uma droga?
Não conheço o estudo em causa, mas se não aborda este género musical, não me parece completo. :))

INDIGENTE ANDRAJOSO disse...

musicas á parte...

neste passo a passo que é o amadurecimento da vida cívil é comum a sociedade se confrontar com questões "dificeis" pois colocam em causa a noção de normalidade, que não mais que um registo estatistico.

ha um processo identico nas crianças, que muitas vezes cruelmente excluem os "diferentes"

como poderá portugal debater este assunto?

muitas vezes é alegado que numa relação homosexual não ha amor para dar as crianças, digo que não, que ha muito amor muitas vezes mais amor que nos casos heterosexuais pois a luta e a vontade filtram os que relmente estao disposos a batalhar pelo amor

no fim fica o resto da sociedade a descriminar os pais e a as crianças, que o unico crime que cometeram foi fazerem parte de uma minoria estatistica, vamos ver...

noiseformind disse...

Fatalmente o 69 calha-me a mim, pq?

andorinha disse...

Boa noite.

João Mouta,
Excelente testemunho.
Saliento a seguinte afirmação: "Sabe-se hoje que os adultos criados e educados por casais homossexuais são socialmente mais adaptativos e aceitam melhor e com a devida naturalidade as "diferenças".

Uma afirmação semelhante foi proferida por Gabriela Moita no "Estes difíceis amores".
Se nem as opiniões de gente abalizada na matéria, como o Júlio e a Gabriela, conseguem convencer os incréus, que poderemos nós fazer?:(

CêTê disse...

Os Marnotos não são lobbyfilícos- antes fossem! Mas... Antes o fossem.

thorazine disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Viva disse...

Boa noite pessoal

Fora da lei

Já te tinah dito....????

Ah ah ah se julgas que sou homosexual, tira daí o cavalinho, pois sou heterosexaul, e tenho amigas e amigos homosexuais, heterosexuais e bisexuais, e só não tenho trisexuais porque a nivel de sexo só há 2. Não tenho nem nunca tive qualquer problema de ser amiga de homosexuais, tanto que nunca tive problema de ser eu a levalos aos locais de encontro deles uma vez que era a única com carro e carta e não tinha medo de guiar em lado nenhum.

Deixa-me te dizer, eu e muitos adultos que foram filhos da violência doméstica tinham dado tudo por serem criados por homosexuais que os amassem.

Quanto ao caso da casa pia parece-me que andas a ver o filme ao contrário. É que se os tais senhores não tivessem a mania de quererem mostrae-se muito machos e tivessem assumido a sua homosexualidade nunca aquelas crianças tinham passado pelo que passaram.

Fica bem

gabriela disse...

Andorinha
ainda vai havendo quem entenda!
O mais triste de tudo é olhar todos os dias para as crianças e ver que são elas que pagam tão caro o preço da arrogância e da ignorância e do maldito e eterno problema do preconceito!
Que estes sites sirvam para pelo menos alertar consciencias!
Fiquem bem, eu vou olhar pelas minhas crianças!

Maria disse...

Testemunho por entreposta pessoa: tenho um grande amigo, homossexual assumidíssimo, que adoptou uma criança, single-handed, em Portugal.
Consegui fazê-lo porque o caso conjuga algumas particularidades:
1) a criança em questão, na altura com 3 anos, tinha sido abandonada à nascença, por uma mãe toxicodependente, e é seropositiva.;
2) viveu, até essa altura, numa instituição de acolhimento, e não constava sequer das listas de adopção (presumia-se que ninguém estaria disposto, muito menos interessado);
3) o meu amigo tem uma situação financeira muito confortável, soube da existência dessa criança e tratou de arranjar o melhor advogado de direito de família;
4) conseguiu também que a sua família alargada - pais, irmãos e sobrinhos - se envolvesse e manifestasse a intenção de proporcionar à criança um contexto familiar.

Passaram já 4 anos sobre a adopção. A criança que não tinha sequer direito a uma perspectiva de vida é hoje um principezinho, rodeado de amor e atenção. Cresce, saudável de corpo e de cabeça, e tem avós!

O meu amigo mudou radicalmente a vida que tinha para ser o Pai que essa criança merece. A criança sabe que é adoptada, já percebeu que não tem um pai e uma mãe como a maioria dos outros meninos, já percebeu que tem um problema de saúde que a condiciona e adora o namorado do pai.