sábado, dezembro 16, 2006

No rescaldo da infamante estreia:).

Ainda na Galiza, verifico que a brincadeira das produções murcon já está "no ar". Quero agradecer o desvelo do Viktor, do Pedro e de quem preferiu manter o anonimato. Quanto a mim, devo confessar que me deu gozo filmar isto, não se tratou apenas de provar a minha gratidão ao "maralhal". Vivemos tempos de sujeição escrava às audiências, o que limita as escolhas de temas e formatos. As produções murcon presentearam-me com o privilégio de associar livremente sobre o que me desse na gana. Por isso da próxima vez falarei de Ovídio, sem que alguém me peça para "apimentar" o programa ou convidar a estrela cadente do momento. O "programa" será mais curto, penso que 15 minutos é o tempo ideal. Mas, acima de tudo!, será espontâneo; artesanal; livre. Sem preço:)))))).

72 comentários:

blogico disse...

excelente presente de Natal!

não só este vídeo como também o anúncio de uma espécie de MurconTV :)

quando se trabalha por (e com) gosto é que se consegue qualidade audiovisual :) e nós murcónicos é que ficamos a ganhar.

cumprimentos a todos

lobices disse...

...aplaudo!...

Aspásia disse...

PROF.

PEDI AUTORIZAÇÃO À CARLOTA JOAQUINA PARA REPRODUZIR ESTE COMENTÁRIO DELA NO MEU BLOG. A CARLOTA, COMO OUTRAS PESSOAS FICOU IMPOSSIBILITADA DE COMENTAR NESTE SITE DESDE QUE, HÁ CERCA DE UM ANO, PARA O FAZER FOI REQUERIDA A INSCRICÇAÕ NO "BLOGGER".

---------------------
Anônimo disse...
Aspasia

Já tentei ver o video e fiz o registo tudo direitinho recebi a password e diz sempre que está incorrecto,não percebo nada de net e muito sei eu pois aprendi tudo sozinha.Mas é pena eu não comentar no blog do Dr no inicio era facil eu era anonima mas tinha o cuidado de assinar sempre o meu nome ,é que tem de ter em conta que nem todos sabem inglês eu sou uma simples enfermeira que só têm o 2º ano do liceu que na minha epoca era as habilitações que exigiam e tenho a especialização em obstetricia ,infelizmente que não aprendi inglês que tanta falta me faz ,mas sou competente na minha profissão e isso deixa-me feliz .Aspasia desculpe usar o seu espaço para este desabafo. E os comentadores do blog do Dr são pessoas com grandes conhecimentos.Será que a entrada é só para intelectuais ?

Um abraço

Carlota Joaquina

16/12/06 5:21 PM

----------------------
PROF.

EM FACE DESTE E DE OUTROS CASOS SEMELHANTES, SUGIRO QUE REABRA NESTE SITE E NO "JANTAR DO MURCON" A PERMISSÃO DE O COMENTÁRIOS ANÓNIMOS, EVENTUALMENTE PEDINDO PARA A PESSOA "ASSINAR" NO FIM.
PODE SER QUE HAJA ALGUMAS "FRAUDES"... MAS QUANTO A MIM SERÁ PREFERÍVEL ISSO A "PAGAR O JUSTO PELO PECADOR", COMO, NESTE CASO, A CARLOTA.

GRATAS PELA ATENÇÃO.

CARLOTA JOAQUINA

ASPÁSIA

Aspásia disse...

ERRATA:
"SUGIRO QUE REABRA NESTE SITE E NO "JANTAR DO MURCON" A PERMISSÃO DE COMENTÁRIOS ANÓNIMOS,"...

Aspásia disse...

PEÇO DESCULPA POR UMA INEXACTIDÃO.
FUI VERIFICAR O SITE DO "JANTAR DO MURCON".
AÍ SÃO, AFINAL, PERMITIDOS COMENTÁRIOS ANÓNIMOS, PELO QUE O ATRÁS EXPOSTO SE REFERE ENTÃO SOMENTE A ESTE BLOG, "MURCON".

andorinha disse...

Boa noite.

A brincadeira já está no ar e de óptima saúde:)
E precisa de confesar que lhe deu gozo? É que não se nota nada:))))))

E para não me tornar repetitiva:), acrescento apenas que subscrevo o que dizem o blogico e o Lobices.

Continue bem:)

Pamina disse...

Boa noite.

Não me ficaria bem elogiar certos aspectos, mas quanto ao conteúdo posso comentar à vontade: pois gostei muito da conversa.
"Ensinar com deleite", julgo que, segundo os clássicos, deveria ser o objectivo da boa poesia. Era o lema do meu professor de Filosofia (também um óptimo comunicador), como será certamente o de muitos outros professores, os bons. Penso que o pudemos ver ser posto em prática neste 1º programa e fico à espera do Ovídio com grande interesse.

Bom resto de noite e também um bom domingo para todos.

andorinha disse...

Errata: confessar
( ou ainda pensam que os profs não sabem escrever):)

alquimista disse...

Doutor

Vamos todos voltar a ovídio com muita atenção...

Pamina disse...

Alquimista (11.44),

Eheheh, ou direi mesmo, LOOOL!
Boa piada.

thorazine disse...

Podia ser na rotunda do Santo! :)))

Aspásia disse...

ALQUIMISTA

SUGERIA QUE ENTRASSE EM CONVERSAÇÕES COM O SEU HOMÓNIMO, QUE NÃO HETERÓNIMO, JULGO... ;))
CUJO BLOG É

HTTP://ALQUIMIADOSSONHOS.BLOGSPOT.COM

E TB SE CHAMA "O ALQUIMISTA".

ALIÁS CREIO QUE O PERFIL DELE TEM O ARTIGO DEFINIDO, SENDO ELE PORTANTO, UM NOME SUBSTANTIVO, ENQUANTO QUE O CARO AMIGO DE 3 ANDARES ACIMA, CARECENDO DE ARTIGO, PODERÁ SER QUER SUBSTANTIVO, QUER ADJECTIVO...

MAS TALVEZ MAIS IMPORTANTE SEJA SER... (E)VOCATIVO E IMAGINATIVO COMO TEM COMPROVADO E NUNCA ACUSATIVO OU IMPERATIVO...

;))

Viva disse...

Que belo presente, e eu que gosto tanto de presentes de Natal.

Bem aprendi que quando não me apetecer dar á bunda direi ao meu Futuere que estou numa de crisare, pois é assim que as boas maneiras mandam, e ele apenas tem futuere como deve ser pois é isso que se exige de um macho. Acham que pega? É que ás vezes apetece mesmo ser criasare e gozar o prazer apenas, mas logo o macho fica aflito não já a gente ter perdido o interesse nele. Irra.

Mas agora pergunto aos murcónicos aqui do blog, porque fogem tanto de falar sobre sexo, e logo num blog do JMV?? Os comentários são a agradecer, a elogiar mas de sexo, tá qieto.

Já agora faço a vontade á andorinha e vou falar do 69. Eu cá não gosto, pois detesto que me destraiam quando estou a Fellare e detesto que me destraiam quando me estão a fellare a mim.

Ainda bem que já são 1:19, assim não levo já na carrapeta.

Lollll

Aspásia disse...

TALVEZ UM DE VOCÊS PUDESSE PASSAR A AL-QUIMISTA, POR EX....

É QUE EU PARECE QUE PELO MENOS JÁ UMA VEZ VOS TROQUEI OS CADINHOS DO XAROPE DE ASA DE MORCEGO...

;9=

Aspásia disse...

VIVA

SUPONHO QUE UTILIZA O TEMPO VERBAL "DESTRAIAM" NO SENTIDO DE "NÃO ME TRAIAM"... VISTO QUE O PREFIXO "DES" COMO SABERÁ, TEM O SIGNIFICADO DE "OPOSIÇÃO"...

EU TAMBÉM SOU DA SUA OPINIÃO...
DESTRAIÇÕES, SIM... TRAIÇÕES, NUNCA!!!

;9=

Viva disse...

Aspácia

Destraições sim (ás vezes mas não naquele caso lol) traições NUNCA.

Aliás quando o pai da minha filha me ofereceu um par de cornos eu ofereci-lhe um par de patins sem travões. Lol

Aspásia disse...

VIVA DE NOVO

QUANTO AO RESTO QUE, E MUITO BEM VERBALIZA, COMO AINDA NÃO VI O VIDEO - MAS QUE IREI EM BREVE VER, POIS JÁ FUI ESCLARECIDA PELO PROF. ACERCA DE UMA DÚVIDA DE ORDEM PSICOTÉCNICA QUE SE ME DEPARAVA - LOGO ME PRONUNCIAREI SOBRE O QUE SE ME AFIGURAR...

*<;9>=

Viva disse...

Aspácia

Veja que vale a pena. A questão que eu falei aparece em segundo plano e a andorinha picou no mail anterior.

Eu estou a picar a ver se outros conseguem falar de sexo, pois parece que num blog do sexoologo mais famoso do país, é o tema que mais medo têm os comentadores que aqui postam de falar.

Aspásia disse...

OH VIVA...

OLHE QUE NÃO HÁ MAL ONDE ALGUM BEM SE NÃO CONTENHA...

A AMIGA PODIA TER APROVEITADO ESSE MATERIAL CORNÚPETO PARA ESCULPIR, SEI LÁ... UM PAR DE JARRAS! OU UM CASAL DE BIJAGÓS!

COMO SABE EM QUALQUER CASA DE ARTESANATO AFRICANO AS ESCULTURAS EM CORNO VENDEM-SE POR PREÇOS ASTRONÓMICOS...

EU SÓ ESPERO QUE OS RETIREM AOS POBRES BICHOS APÓS A MORTE NATURAL...

MAS O SEU CASO É DIFERENTE: FELIZMENTE A AMIGA ESTÁ BEM VIVA DA COSTA... OU DO INTERIOR, TANTO FAZ!!!

;))

Aspásia disse...

ENTÃO VOU VER A DITA FITA... NÃO SEI É SE TEM INTERVALO COM UMA MENINA DE TABULEIRO E SUMARIAMENTE VESTIDA A VENDER PINHOADAS...

;)

Viva disse...

Apenas me esqueci de dizer que queria colocar o i em vez do e no "des" mas eu sou mesmo assim. Não olho para o que escrevo e depois sai asneira grande. Mas como no trabalho tal não pode acontecer aqui na blogosfera deixo a coisa acontecer, (eu sei que é errado) mas enfim não me preocupo. às vezes dou por ela a maioria das vezes, só vejo depois de estar postado.

E sempre me posso desculpar com a deslexia.

Bom video

noiseformind disse...

Sou portanto o último a mencionar o novo tasco. Comecemos pelo princípio. Cortámos todas as cenas em que aparecíamos a interagir com prostitutas romenas (não que as brasileiras, ucranianas, venezuelanas e portuguesas sejam piores, mas tivemos um patrocínio romeno que estipulava que usaríamos apenas menina daquela nacionalidade e depois n nos pagaram termos usado as meninas e resolvemos tirá-las na montagem final). Fica tb dito que todas as drogas fumadas, ingeridas ou bebidas durantes os longos dias de filmagens estavam certificadas (foram fornecidas directamente do depósito da PJ do Porto e toda a gente sabe que eles só usam do melhor). Mais digo: a chuva que vêem é um efeito especial. Depois de labutarmos arduamente para promover a Roménia (e as romenas) durante 4 horas não nos apetecia nada ir lá pra fora para o frio e portanto metemos uma mangueira encostada ao vidro para parecer que estávamos diante de condições climatéricas adversas. O uso do nick "Thorazine" neste programa foi autorizado mediante entrega de umas sementinhas de marijuana e de um exemplar do livro "Marijuana Horticulture: The Indoor/Outdoor Medical Grower's Bible". O uso do nick Noiseformind foi conseguido mediante o contrato de publicidade à Roménia. Há ainda que acrescentar que a Sô Dona Paula Bobonne não está de forma nenhuma ligada a este video nem foi consultada sobre se aquele copo era, afinal o de vinho ou não. Mais digo que Ovídio será totalmente filmado contra um fundo negro onde só se ouvirá a voz do Boss. Afinal o gajo chamava-se Ovídio, não Visónis ; ))))))))))))

E pronto, são estas as notas de produção do primeiro (e, dependendo das ressacas de Natal e Ano Novo, eventualmente único) programa das ProduçõesMurcon ; ))))))))))


Aspásia,
Por favor manda-me a tua morada. Tenho um amigo nos Anjos da Noite que faz entregas de medicamentos ao domicílio 24/7. Assim já não precisas de te transformar na terrível criatura Aspásia Prontuário Orotográfico sempre que te acaba uma caixa e não há mais em casa. Já não tinhamos falado de não meteres comentários de ti para ti, mesmo que disfarçados de tentativas de de contacto com outros seres humanos? Do tipo: tu não metias comentários desses e eu não salientava o quão maluca, doida e passada dos carretos estás. Támos conversados? A vida já é demasiado complicada sem ter de passar por cima de metade dos comentários do blog para ler comentários sobre o post, por isso sê uma querida e não a tornes mais difícil. Mais difícil a mim, entenda-se, pq como se pode constatar o resto da malta adora-te e quanto mais escreveres melhor, o ideal era estarem aqui 40 comentários teus e 5 de outras pessoas. Mas como eu sei que tu me amas (e quem me ama é pq me quer ver feliz) faz isso por mim e tenta só comentar os posts, tá bem? Vais fazer isso? Prometes? Obrigada, amiga!!!!!!!!!!!! Espectacular ;))))


Viva,
Falar de cornos não é falar de sexualidade. A menos que tenhas enfiado os cornos no rabo do dito senhor ; )))))))))) E aí SIM!!!!!!!!!!! loooooooooooool loooooooooooooooooooool looooooooooooooooooool quanto à malta ter medo de sexo confesso que tive, duas vezes. Uma pq tinha eu 13 e ela 24; outra pq estávamos no telhado de uma casa, estava a chover e sempre que ela me cavalgava um pouco depressa demais escorregávamos um pouco mais pelo telhado abaixo.


Blogico,
Temos já um contrato com uma televisão com um interessantíssimo público: a PetTV. Uma televisão alemã que faz programas para cães, gatos, peixinhos vermelhos e iguanas ; )))))))))))


P.S. "Orográfico" é um erro propositado. É um pequeno sacrifício na escrita de bom português para meter um sorriso numa criança, mesmo que essa criança tenha 50 anos.

thorazine disse...

Noise,
;)))))))

Mudança de última hora: o livro tem de ser autografado pelo Cervantes senão irei usufruir do download já feito e reproduzi-lo durante a homilia de amanha !! :)))

Eu por acaso não posso invocar a propriedade intelectual do nick "thorazine" senão já ia sacar uns trocos! LOLOL

E as aulas de etiqueta? Era mesmo só brincadeira? ;((( LOL

noiseformind disse...

Bem... como imagino que n tens mais nenhuma obra autografada pelo Autor se lá dosser "Com Besos, Cervantes" chega, certo? ; ))))

As aulas de etiqueta foram um sucesso. Etiquetámos todos os móveis do Okastudio ; ))))))))

Carlota Joaquina disse...

Professor, parabéns pela sua actuação está muito bem e também felicito os realizadores .Agradeço a ajuda do Viktor que me deu instruções como devia de fazer para visionar o video e agradeço Aspasia ter-me resgistado aqui nos comentarios sem ajuda deles seria dificil ,Bem -haja aos dois .

Carlota Joaquina

CêTê disse...

Quem tem mesmo medo de falar de sexo?, viva?;O

Sendo o 69 o mote: é preciso realmente um sincronismo acrescido em particular quando as dimensões dos troncos envolvidos são um "petit" problema. ;)

PAH, nã sei! disse...

Tudo está bem... quando acaba bem... Não concordam?

Nada como a boa vontade, com umas pitadas de "época natalícia" e um toque de amizade!!


Beijos para todos...

andorinha disse...

Boa tarde.

Viva(1.19 e 1.35)

Mas quem é que aqui foge a falar de sexo? Tens andado distraída...:)

"Já agora faço a vontade à andorinha e vou falar do 69."
Essa agora!!!
Fazes-me a vontade porquê? Não tenho nada contra o dito número, mas nunca aqui abordei pormenores da minha vida sexual:)))))))

Noise,
:))))))
Ia escrever "ROFTLOL" que aprendi com o Thora, mas é demasiado, não estou a rebolar em lado nenhum, estou calmamente sentada.:)

"Mais difícil a mim, entenda-se, pq como se pode constatar o resto da malta adora-te e quanto mais escreveres melhor, o ideal era estarem aqui 40 comentários teus e 5 de outras pessoas."
Não sejas exagerado, miúdo:)
Não vi muita malta a falar com ela...

thorazine disse...

Noise,
o gajo acho que estáq de preventiva mas eu acredito nos "peers" do professor (não, não é Prostitutes Empowerment Education and Resource Society)! Sempre pode alegar que é material para estudos da comissão! ;]]]

thorazine disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
thorazine disse...

(Os almoços de família de domingo deixam-me "de rastos"! f#%&/$)

Ser de Roma é o que está a dar!! Resumindo o texto em poucas palavras podemos afirmar que no esteriótipo romano mulher que é mulher gosta de sexo anal! LOL ;]]

(Noise, gostei da barbinha! Já resecebeste o o conselho estético: "e se cortasses a barba???" Hoje em dia a barba passou de indicador de "sapiência" a "degeneração social"! LOLOLOL)

goncalo disse...

Caro Prof,

Gostei muito, espero que continue. É uma espécie de versão actualizada do programa do Prof. Hermano Saraiva.

Sobre o tema, é curioso que a cultura falocêntrica de que fala no vídeo explica as "liberdades" ou a flexibilidade que existe numa relação de amizade entre mulheres, como o dormir ou tomarem banho juntas. No masculino, essas práticas são ameaçadoras, talvez porque haja o perigo inconsciente da penetração??)). Isso leva-nos a outra questão interessante: por que motivo os homens sentem mais necessidade de provarem a sua masculinidade do que as mulheres a sua feminilidade?

Enfim, deixo aqui algumas pistas de reflexão, sendo certo que ameaçadores também se começam a tornar esses mails que lhe chegam com alguma frequência, com relatos "tenebrosos" de homens que, em idade tardia, descobrem novos desejos que podem ser sinais de uma nova orientação sexual. A vasta comunidade heterossexual, da qual ainda faço parte..., exige-lhe uma resposta que nos tranquilize a todos)))))))))))))))))))))).

andorinha disse...

Gonçalo,
Gosto sempre muito dos comentários que fazes e das questões que muitas vezes levantas.

"...por que motivo os homens sentem mais necessidade de provarem a sua masculinidade do que as mulheres a sua feminilidade? "

De provarem ou de afirmarem?
Porque são mais gabarolas e estão sempre em competição com os outros machos:)

Quanto à tua outra preocupação, ainda és muito novo para teres esses "receios":)))
Tu próprio dizes que são e-mails de homens já com uma certa idade...
portanto, podes estar tranquilo:)

Falando agora a sério, se em alguma altura da tua vida descobrires em ti uma nova orientação sexual, penso que a irás viver de uma forma pacífica e gratificante para ti e para o outro.
Pode ser que nessa altura ( estou a ser optimista, eu sei...) já não se rotulem as pessoas e elas possam viver livremente de acordo com aquilo que sentem.

Julio Machado Vaz disse...

Gonçalo,
Porque é mais "frágil":). A masculinidade é definida pela negativa, para ser homem temos de continuamente mostrar que não somos como as mulheres e os homossexuais. Em certas culturas os rapazinhos são afastados das mulheres em geral e das mães em particular até "serem homens feitos", por receio do efeito feminizante das mulheres. Quanto à convivência, basta ver como é mais pacífica a ida sistemática para férias de duas mulheres ou como a homossexualidade feminina desperta menos "interesse horrorizado/agressivo" do que a masculina.

CêTê disse...

"É uma espécie de versão actualizada do programa do Prof. Hermano Saraiva."...
tirou-me as palavras do teclado! ;]]]

goncalo disse...

Andorinha,

Obrigado.

Espero que tenhas razão, ainda assim- tenho de o admitir -, prefiro não a descobrir...É o peso da cultura...

thorazine disse...

Gonçalo,
"Espero que tenhas razão, ainda assim- tenho de o admitir -, prefiro não a descobrir...É o peso da cultura... "

Abdicavas desfrutar do teu verdadeiro "eu" pela satisfação de estares inserido num padrão, numa cultura? Ou não acreditas que conseguirias lutar contra a tua própria programação do "biocomputador"? :)

andorinha disse...

Gonçalo,
Entendo perfeitamente que sintas esse peso cultural. E é um facto que esse peso é maior para vocês, homens, do que para nós, mulheres.

Thora,
"Abdicavas desfrutar do teu verdadeiro "eu" pela satisfação de estares inserido num padrão, numa cultura? Ou não acreditas que conseguirias lutar contra a tua própria programação do "biocomputador"? :)"

Eu acho que este é o tipo de perguntas às quais não se pode responder em teoria. Só perante uma situação concreta se poderia dar a resposta, penso eu.

goncalo disse...

Thorazine,

Tal como te disse a Andorinha, este é daqueles assuntos em que é fácil fazer a pergunta e muito difícil dar respostas.

Se conseguiria reprimir os meus impulsos é coisa que não sei, sinceramente. Antes disso, teria de saber se queria ou não reprimi-los. Como tenho dito aqui, a discriminação deve ser uma enorme fonte de tristeza e admito que muitos não consigam lidar com ela.

goncalo disse...

Prof. JMV,

O seu comentário lembrou-me um episódio daquela que, muito provavelmente, é a minha série de humor preferida -Seinfeld- em que dois dos personagens discutiam o motivo pelo qual os homens adoram assistir a uma briga de mulheres. A dúvida desfez-se logo: "se calhar, é porque temos a esperança que acabem por se beijarem no fim..." É a velha questão do estímulo que as experiências lésbicas provocam nos homens.

Aspásia disse...

BOA NOITE

GOSTEI DO NOVO "SEXUALIDADES III".
EMBORA COMO SEGUIDORA ATENTA, EMBORA NÃO VENERADORA ;) DO PROF., DESDE 1991, EU JÁ CONHECESSE AS HISTÓRIAS DO ESCRAVO ROMANO E DOS 2 PESCADORES. MAS É SEMPRE BOM RECORDAR.

UMA PALAVRA TAMBÉM PARA O BOM TRABALHO DA EQUIPA TÉCNICA.

CARLOTA

NADA TEM DE ME AGRADECER, EU É QUE ESTOU CONTENTE PELO SEU REGRESSO A ESTE "CAFÉ".

POR TER DE ME DEITAR BASTANTE CEDO HOJE, DESPEÇO-ME DESEJANDO A TODOS BOM INÍCIO DE SEMANA.

Lusco_Fusco disse...

Boa noite!
Agradeço, sinceramente, o presente de Natal. Está muito bom! Beijo ao Viktor e ao Peter, ao Prof um abraço e fico àespéra do próximo programa ;-)
Tudo de bom para todos
MJ

Viva disse...

Boa tarde

Andorinha na te piques assim mulher. Sabes a questão sexual ao contrário do que escreves nos 3 meses que venho ao blog murcon anda muito arredado. Pelo menos o puro e duro com o prof. diz. Na realidade tirando a questão da homoxesualidade ou unisexulalidade, nada mais vi por aqui escrito. Até podem o ter feito mas não desde setembro do corrente ano.

Qaunto ao escrever sobre a minha vida sexual, bem até o podia fazer, aqui ninguém mem conhece (não que me esconda) mas ou falo com amigas intimas (e pouco) ou falo com quem o pratico (e aí ás vezes muito), e falaria também num consultório do n/prof ou de um colega seu caso tivesse necessidade disso e dinheiro para pagar as consultas.

Agora gosto de brincar, inclusivé com o sexo. Aliás deve ser dos temas que melhor dá para falar (ou escrever) tanto sériamente como a brincar.

Porque afinal não será o sexo que faz este mundo andar. É que a maioria das criancinhas ainda se faz através de uma relação sexual, e mesmo as que recorrem ao banco de esperma, houve antes um macho que se teve de masturbar para dar o seu semen.

Por isso o sexo é mesmo a razão da existência dos seres vivos neste planeta.

Vou almoçar.

;)))

Bajoulo disse...

Aborto SIM

Pela sua SEGURANÇA, pela DESCIDA dos ÍNDICES de CRIMINALIDADE !

Abortar por opção, sabendo que já bate o coração de um criminoso ?

SIM, OBRIGADO !

www.riapa.pt.to

andorinha disse...

Viva,
Eu não me pico, o meu feitio é que é assim. Pode dar a ideia a quem não me conhece que me pico ou fico aborrecida, mas não; quando fico, digo-o de caras.
Mas não fui eu que falei no 69, penso que foi a Cêtê.
Claro que é sempre bom brincar com as coisas, incluindo o sexo; brincar com o sexo é ainda melhor:)

thorazine disse...

E brincar no sexo ainda melhor é!´Tenho semre ali o meu balde de legos prontinho.;)))))

Angie disse...

Ovídio? Boa!
O primeiro (?) igualitarista...
- Não era ele que na ARTE DE AMAR falava em respeitar o prazer da mulher e aconselhava a que se "fruísse" o climax ao mesmo tempo?
Nada de novo debaixo do Sol...

noiseformind disse...

Angie,
"- Não era ele que na ARTE DE AMAR falava em respeitar o prazer da mulher e aconselhava a que se "fruísse" o climax ao mesmo tempo?"
Isso era a revista Maria da semana passada na secção "Para Ela"

Thora,
Aqui a malta na caixa de comentários, que se amassa pouco, é sabido, dedica-se a longas alegorias sobre a coisa. Que é bom, que é divertido, que falam muito com o parceiro (o que ajuda pelo menos a passar a coisa de 5 minutos para 15), que o 69 é giro e tal. No fundo no fundo dão poucos pormenores pq já não se lembram muito bem dos detalhes da última vez, tanto tempo já passou ; ))))

Em relação a os homens terem pouco medo de juntar gágeas criaturas no mesmo leito é sempre porreiro, com eles de permeio, obviamente. Porém, de todas as vezes em que presenciei em sessão infidelidade fêmea com mulher a reacção do homem foi exponencialmente mais devastadora e alucinada. Indignação suprema de quem não percebe que um pénis não pode competir, em condições de igualdade de habilidade dos possuidores dos ditos, com dedos, assim como uma multi-orgásmica nos dias de hoje não está para suportar o virar para o lado depois de mâcheo orgasmo (isto no Porto e Lisboa e mesmo assim em classe média-alta urbana com igualdade de vencimento nos elementos do casal. Este medicamento dispensa receita médica. Em caso de doença ou persistência de sintomas fora das regiões referidas consulte o seu terapeuta de casal). Ainda não encontrei (e já lá vão 342) mulher que tivesse mais prazer com o pénis que com os dedos, tal a diferença de locais a estimular que a via digital oferece. No entanto, quem tiver dados em contrário, avance com eles, somos um tasco em que se procura o enriquecimento intelectual dos participantes, creio eu...

andorinha disse...

Noise,
Dar pormenores aqui?!!!!
O melhor do sexo não é falar sobre ele, é fazê-lo.
E já lá vão 342 quê? Dias?:)))))))
Os meus dados pessoais no que diz respeito a estimulação via digital vs via peniana vão no sentido dos teus, portanto...venha a excepção que confirma a regra:)

alquimista disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
alquimista disse...

Noise

De momento não estou a ver nenhum sítio onde os dedos chegam que o pénis não possa chegar. O contrário, talvez...

noiseformind disse...

"De momento não estou a ver nenhum sítio onde os dedos chegam que o pénis não possa chegar. O contrário, talvez..."

Às vezes, confesso, apetece-me dizer aos meus colegas estrangeiros que a palavra portuguesa para frigidez, insatisfação sexual feminina e bovino é, simplesmente, homem :(((((( como é que bichos destes chegam sequer a ter uma oportunidade de se aproximarem de uma mulher, quanto mais copular? E quanto à hipótese de estas coisas se reproduzirem a ideia é, tout court, revoltante.

Caríssimo alquimista, tem toda a razão, do que elas precisam e de verga lá para dentro. Não se meta na mulher dedo quando o que encaixa lá bem é o piston de carne que Deus lhe deu. Estamos falados ; )))))))

noiseformind disse...

Como diz uma amiga minha: sexo com um português é quase sempre uma forma de bestialidade. Mesmo quando não são uns animais comportam-se como tal :)))))))

thorazine disse...

"piston de carne"

LOLOLOLOLOLOLOOLOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL!!!

Não imaginas a gargalhada que dei! E esta ainda a apanhei quentinha!!!

noiseformind disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
noiseformind disse...

Aliás, aí está uma coisa que um dedo definitivamente não consegue fazer em relação a um pénis... ejaculação!

noiseformind disse...

E depois é claro, fica-se com os dedos pegajosos aka sticky fingers

thorazine disse...

E não têm pressão sanguínea suficiente para depois de uma boa ejaculação (é um "suponhamos") latejar como não houvesse amanhã! LOLOLOL

Nem mesmo se depois do chuto não tirares o garrote..LOLOLOLOL

noiseformind disse...

A única forma de meter um dedo a letejar... é cortar uma boa porção dele... e aí partilha parte significativa do seu valor em relação ao falo para o homem. Se bem que dedo e falo raramente partilham máquinas de cortar madeira em carpintarias. Até doi só de pensar o bicho a empurrar um tronco contra o disco de corte... ai, ai, ai...

Se bem que cortando a pila ou o dedo podem-te sempre reatar. Não sei com que tipo de garantia em relação a ele se aguentar no coito. Com a agravante que o dedo tem só de lidar com a rejeição do tecido da mão. Pelo que tenho lido em algumas revistas da especialidade o aspecto de um membro re-attaché não é nada agradável e é coisa para ser castigada com jejum de sexo oral da parte da parceira por longos meses...

thorazine disse...

A propósito de "boa" ejaculação: há alguma escala? LOL

noiseformind disse...

Penso que é uma escala do tipo da do lançamento do dardo mas numa escala de cm em que conta a parte mais próxima do local de lançamento da mancha de maior dimensão. E há obviamente que respeitar a "linha de nulo" no momento de fazer o lançamento. Com a agravante clara de que no lançamento da langonha os ensaios que se seguem ao primeiro são muito mais curtos, seja qual fôr o atleta looooooooooooooooooooool loooooooooooooooooooool loooooooooooooooooooooooooooooooooool

thorazine disse...

"Se bem que dedo e falo raramente partilham máquinas de cortar madeira em carpintarias."

Sempre podes sofrer um "pequeno" acidente quando tentavas reforçar o ego ao inserires o pilau num pilómetro! LOLOL


"..coisa para ser castigada com jejum de sexo oral da parte da parceira por longos meses..."

Fia-te! Em tempos de crise até migalhas são pão..lol

noiseformind disse...

Há uma versão digital deste lançamento, vulgarmente conhecida (e se é vulgar o alquimista tem de a conhecer) como "sacudir a gosma" em que é feito um lançamento de uma determinada quantidade de sémen transferido para o arco entre o polegar e o indicador. Aqui não se trata de saber até onde vai o lançamento mas sim que percentagem fica na mão. Quanto menos ficar na mão, maior a pontuação. Um pouco como naqueles programas de cirurgia plástica: quanto menos dignidade ficar na pessoa, mais dinheiro ela ganha para cirurgias!!!!!!!!!!!!

thorazine disse...

E os ensaios que se seguem dependem da latejação (isto existe?) logo o dedo está em desvantagem, na escala!

noiseformind disse...

Essas das "migalhas são pão" trouxe-me à memória um caso em que uma cliente me perguntava quantos amantes teria de ter para se considerar satisfeita. 5 minutos aqui... 5 minutos ali... e quando lhe referi que a satisfação plena de uma musti-orgásmica orçava em coitos de hora a hora e meia (isto a ritmos elevados) desistiu de arranjar amantes masculinos e tratou de arranjar uma só feminina, que mais tarde passaria a sua companheira.
O que levaria à reformulação da comum frase "aquele gajo é um pão" para "comi aquele gajo que é um pão mas só me soube a migalhas" (aqui com a ambiguidade de migalhas poderem ser restos ao canto da boca da tal porra referida nas provas olímpicas descritas lá atrás)

Thora,
Do latejar... do latejar...

thorazine disse...

Nesses lançamentos têm de existir divisão entre concorrentes circuncisados dos que não são! O pessoal como eu, que têm o prepúcio está em desvantagens! No mínimo aplicar a formula para uniformizar os desvios! LOLOL

thorazine disse...

O melhor para a tua cliente era mesmo um implante de eléctrodos no cérebro ligados a um pacemakerm! lolol

noiseformind disse...

Au contraire... mas totalmente ao contraire. O prepúcio, puxado para trás da glande, funciona como um anel que exponencia a pressão com que sai o respectivo fluido. Um pouco como meter o dedo na mangueira, se é que consegues imaginar a coisa (o FDL diz já que se tentares imaginar com muita força ainda acabas gay, mas arrisca ; )))) ) looooooool

Aliás, a linha de nulo para os cincunsisos atletas é 5cm à frente dos incircunsisos...

noiseformind disse...

E pronto, com o comentário 69 me voy, hombre. Hasta e mete uma última frase de arromba (sendo que a expressão "de arromba" pode ser tanto com os dedos como com o pénis, na minha opinião... mas sabemos que isso não reflecte a opinião de todos os homens...)

thorazine disse...

À frente ou atrás?

Consegui imaginar o FDL a tentar não-imaginar e a não conseguir e logo de seguida a surgirem-lhe inúmeras questões sobre a sua própria sexualidade! LOLOLOL

Aproveito a boleia...

Vou rever o "Don Juan de Marco"! Imagino o prof no papel de "brando"! LOL

thorazine disse...

ou melhor, Don Octavio de Flores! ;)))))))))

andorinha disse...

Miúdos,
Isso não se faz!:)))
Isso são horas de tertuliar?
Só dois ociosos como vocês, o resto do pessoal tem que trabalhar.
Ainda não estou de férias, gente:(

Li agora e para além do humor que é típico dos dois, a brincar, a brincar, dizem coisas muito sérias e reais.

"Como diz uma amiga minha: sexo com um português é quase sempre uma forma de bestialidade. Mesmo quando não são uns animais comportam-se como tal :))))))) "
ADOREI!


"O que levaria à reformulação da comum frase "aquele gajo é um pão" para "comi aquele gajo que é um pão mas só me soube a migalhas"

LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOl

E a história dos "lançamentos"...vocês são malucos, definitivamente:)

Deixo aqui só um pedido: podem tertuliar a horas mais próprias para pessoas trabalhadoras?:)