sexta-feira, novembro 17, 2006

O Power-Point em 33 rotações.

Maria,
Estou a acabar a conferência para Santiago. Penosamente... A princípio não percebi porquê, facto não muito elogioso para a minha perspicácia! Velhos temas, slides novos, discurso remendado, de onde nasciam os solavancos? Do pano de fundo, é óbvio, o apóstolo coraria se nos visse por aquelas ruas. Eu inventava pretextos para me atardar na montra de uma livraria, só para te ver navegar à minha frente. Confesso que nunca percebi a obsessão apressada dos homens pela nudez. O seu tempo chega, quando as mulheres assim o decidem, concedeste-ma vezes sem conta. Mas antes..., antes havia esse andar ondulante, os jeans que te não davam um dedo de liberdade a partir da anca, o blusão curto que a sublinhava, o cabelo arrapazado de miúda gaiata, os tacões que ressoavam indolentes na pedra e exasperantes dentro de mim. Meia-volta, o sorriso, "assim me trocas pelos livros, Júlio? Quem me protegerá dos belos galegos?". Eu não, Maria, jamais acreditei em amores enjaulados; eu, não. Na Galiza, em Inglaterra ou no Inferno, sentir-me-ás o braço pelos ombros para mimar, nunca para reter. Naqueles tempos a decisão era tua, hoje ainda o é. Ainda... Porque estou cansado de te imaginar a sair de um avião, talvez seja melhor seguir em frente e recordar-nos pelas ruas de Santiago.

122 comentários:

Fora-de-Lei disse...

Extemporâneo ou não, eis a questão

Professor: depois de eu ter ouvido hoje, na TSF, um anúncio sobre a revista do DN do próximo Domingo, pergunto-lhe:

- Acha mesmo que o chamado "macho latino" continua a existir ?! Como é isso possível se aparece aqui tanto macho a defender, por exemplo, o casamento gay e a adopção de crianças por casais gays...

Sinceramente, eu acho que o "macho latino" deixou - há muito tempo - de proliferar por este país à beira-mar plantado...!

Fora-de-Lei disse...

"O Power-Point em 33 rotações."

E porque não em 45 rotações ? Exigências da Maria em termos de ciclo de resposta ?!

Fora-de-Lei disse...

By the way: a diferença entre as 33 e as 45 rotações:

http://www.serqueira.com.br/simorg.htm

andorinha disse...

Boa noite.

Valeu a pena a espera (a minha, claro):)))

Estes seus posts à Maria são de uma sensibilidade e ternura que me encantam e comovem, até.
E tanta sensualidade à solta...

E depois "...sentir me-ás o braço pelos ombros para mimar, nunca para reter."
É LINDO!

andorinha disse...

Fora de lei (12.06)

O macho latino desapareceu?
Só se for nos teus mais horríveis pesadelos.:))))))))))))))))))

thorazine disse...

Andorinha,
esqueceste-te da melhor parte: "Na Galiza, em Inglaterra ou no Inferno.."! Este inferno pode dizer muitas coisa.... :)))))))))

Julio Machado Vaz disse...

Fdl,
Pois eu acho que ele resiste muito bem! Quanto às 33 rotações era para simbolizar a dificuldade do processo, o raio da conferência nunca mais fica pronta:).

so_she_says disse...

Também gostei muito do "braço pelos ombros". Pena alguns gestos de ternura serem encarados como sinais de posse...

Bom fim de semana a todos.

alquimista disse...

"Ainda..." A ameaça velada.

"Seguir em frente" é compatível com o "recordar-nos pelas ruas de Santiago?"

O que doi mais, a incerteza da espera ou certeza da recordação?

alquimista disse...

...e já agora doutor, siga o seu caminho que os de Santiago já estão muito batidos...

Aspásia disse...

Prof.

Belo texto para repousar os neurónios do PPS que está a fazer...

Também reparo que está a abandonar um pouco o argumento de Manhattan, em que a Mariel ia para Londres, deixando o Woody... e a virar-se mais para o enredo de "Muros"...

Acho muito bem!!! Assim a pequena não corre o risco de se meter no avião... apanha a camioneta de Muros para Oporto y ya está...

Bom fim de semana, malgré o trabalhinho...

:))

andorinha disse...

Thora,
Cada um interpreta o Inferno como quiser...:)
Para mim quer dizer apenas, everywhere.

Aspásia disse...

FDL

BEM SE VÊ QUE O MENINO NÃO CONHECEU O PROF. NESTES TEMPOS... FOI CAPA DO Nº 1 DA REVISTA COSMO EM MAIO DE 1992...

MACHO LATINO INTELIGENTE 1

MACHO LATINO INTELIGENTE 2

A NOSSA QUERIDA MARIA CLARA É QUE LIGOU AO FILHO MUITO CEDO, ATÉ PARECE QUE O ACORDOU, A DIZER "Ó FILHO, CHAMARAM-TE MACHO LATINO INTELIGENTE!!!"

O ARTIGO TODO E A CORES SAI MUITO CARO... MAS SE RASTEJAREM MUITO, TALVEZ EU... FAÇA UM DESCONTO...

CIAOZINHO...

AQUILES disse...

Eu ia comentar a existência do macho latino. Mas como a Aspásia expôs a edição 1 da Cosmos, fecho-me em copas. É mais seguro.

andorinha disse...

Aquiles,
Essa teve piada, mesmo:)
Mas tu estás longe, podes opinar:)))

Até amanhã, gente:)

iuri disse...

Entendo que "sentir-me-ás o braço pelos ombros para mimar, nunca para reter." mas já fico um pouco reticente em relação a "Quem me protegerá dos belos galegos?. Eu não, Maria, jamais acreditei em amores enjaulados; eu, não."...

Que não podemos prender quem amamos é um dado real. Que o não devemos fazer por respeito a esse mesmo amor, também concordo.
Mas, infelizmente, acho que hoje em dia muita gente se refugia nesses lugares comuns e não vai realmente atrás do que quer.

Quem quer vai, quem não quer manda!
Um amor sem preserverança é um amor ciente?

fica a pergunta às 3:30h da manhã... :)

APC disse...

Especialíssimo!...
Agradabilíssimo!
A última leitura da noite, antes de dormir. Vou saciada de palavras. Gosto dessa primazia do sentir sobre tudo o resto, e pronto. Por hoje adio o Oscar Wilde... Não me foge da cabeceira! ;-)

andorinha disse...

Bom dia.

Iuri,
Penso que estás a confundir duas fases, digamos assim.
Há a fase da conquista e da sedução e aí tem realmente que se ir atrás de alguém :)e terá que haver perseverança, não se desiste à primeira nega.
Há depois a outra fase, se tudo correu bem até aqui, a fase do namoro em que existe o tal braço pelos ombros para mimar, nunca para reter.
As pessoas serão sempre livres de ficar ou partir.
Aliás, não havendo grades, sabe-se que o outro fica porque efectivamente quer, e não porque não se consegue soltar das amarras com que o ataram.
Não é uma sensação muito mais gratificante?

Isto digo eu a esta hora matutina, acabadinha de acordar e ainda sem a minha habitual droga:) matinal.

CêTê disse...

Bom dia! ;]
Os ppt são musas para sofridas almas que agonizam em esperas e hesitações. Um óptimo recurso para PSIs (digo eu).
Eu se alguma vez fizer análise vou levar o portátil para justificar o preço de uma primeira consulta. Ainda ando é a ver no mercado qual o melhor psi (lol just kiding ;]]]]]) e a estudar as deslocações.

Fora de birncadeiras- delicioso texto- a ternura e o erotismo num "registo" (é assim que se diz?) com que me identifico.

bjnh e que faça um "brilharete" E por falr em Diabo (;]) e PowerPoint e outros recursos usados na "venda" do nosso produto, permitam-me que publicite aqui o seguinte livro


"Certo dia, o Diabo entrou numa Agência de Publicidade e saiu com truques novos".

É dqueles livros que nos prendem no expositor- máximas novas, muito bem ilustrado, capa fantástica e preço pouco convidativo. Sim porque um livro caro tem de ter muito paleio (;P)
Do meu só ficou a capa amovível- o conteúdo emprestei-o e perdi-o. ;]

Se alguém mo quiser vender em 2ª vista eu compro!

Bom fds

Fora-de-Lei disse...

Julio Machado Vaz 12:38 AM

Estou a ver que, a pouco e pouco, o Professor vai ficando um autêntico especialista em slideware... ;-))

PS: já passou pelo hotel da Invicta onde está o Glorioso ?

moon disse...

Uf...

Este homem arrasa connosco. Isto pode lá ser...
Que dizer? Olhe, continue que vai muito bem (e a gente agradece!).
Agora percebo a minha falta de talento. Mais uma das injustiças do universo, quando distribuem os dons não sabem ratear... Ou então na hora eu devo ter precisado de ir à "casinha" e, a avaliar pelo resto, na altura devia estar com uma certa incontinência... Ainda bem que passou!:)))))

alquimista disse...

andorinha

"...Aliás, não havendo grades, sabe-se que o outro fica porque efectivamente quer, e não porque não se consegue soltar das amarras com que o ataram..."
Claro que é bom(e qualificar já significa estarmos a valorizar algo que deveria ser apenas substantivo)saber que o outro fica mesmo sem amarras. Mas não sendo estas tomadas no seu sentido literal, como penso que já não o serão nos dias de hoje, só fica quem não consegue derrubar as suas próprias grades...
Digo eu...(É assim que se diz agora, não é...?)

Fell me(na) disse...

" Que rosas fugitivas foste ali
requeriam-te os tapetes e vieste... se me dói hoje o bem que me fizeste, é justo, porque muito te devi.
Em sedas de afagos me envolvi quando entraste nas tardes que apareceste, como fui de percal quando me deste tua boca a beijar, que remordi.
Pensei que fosse meu o teu cansaço que seria entre nós um longo abraço o tédio que tão esbelta te curvava.
E fugiste... que importa? se deixaste a lembrança violeta que animaste, onde a minha saudade a cor se trava.

Fell me(na) disse...

Upss o poema é de MARIO SÁ CARNEIRO

cha.e.torradas disse...

E a "Maria" que tarda em voltar. Esperada, reinventada, recordada. Como deixou partir um amor assim? É dela que fala no seu Tempo dos Espelhos?
Se eu me chamasse Maria...
Ganhava asas nos pés, certezas no coração, e pedia que me aguardasse no cais de desembarque dos namorados amuados, perdoados(?) e muito queridos (só para não rimar:).
Fique bem, Professor.

andorinha disse...

Atorres,
"...só fica quem não consegue derrubar as suas próprias grades."
Não sei se poderemos ser assim tão lineares.
Nalguns casos poderá acontecer isso, mas noutros haverá toda uma coacção psicológica, chantagem emocional, sei lá...tanta coisa que pode condicionar a tomada de uma decisão.
E depois, infelizmente, há quem prefira viver enjaulado com um casaco de peles a viver livre e de jeans e T-shirt. Mas aí já existe uma escolha, para mim lamentável, mas escolha.

Tenho dito:)

sadistic_bastard disse...

Aqui,
só falta as bolachinhas "Maria" e um cházinho de camomila.
E o vento levanta-se tão suavemente
que já se descobriu a careca do virtual evangelista do sexo.
Naturalmente, a carruagem continua à vossa espera
para que Portugal seja um dia mais colorido.
Aqui,
a luz é imperfeita.

sadistic_bastard disse...

Só uma pergunta:
essa andorinha já arranjou marido?

Su disse...

gosto de ler e sentir...simplesmente li e reli
os "filmes " que fazemos são sempre tantos, não são?
jocas maradas

PAH, nã sei! disse...

Fez-me cantarolar:

"Hearts gone astray
Keeping up when they go
I went away
Just when you needed me so
You won't regret
I'll come back begging you
Don't you forget
Welcome love we once knew"

(Everlasting Love - U2)


Beijos "doces" ...

PAH, nã sei! disse...

Esqueci...

"Chefinho", sabia que arranhão de gato dá direito a "ganda" infecção, braço imobilizado, drenos e "montes" de antibiótico?
Eu fiquei a saber... :(

Pah... as miaus cá da casa fizeram-na bonita desta vez...

Katerinna disse...

"Porque estou cansado de te imaginar a sair de um avião, talvez seja melhor seguir em frente e recordar-nos pelas ruas de Santiago."

Não gosto de finais tristes...

iuri disse...

Cara Andorinha:
quando escrevi o post não estava propriamente a pensar em "fases" mas sim em situações, como discussões ou supostos mal entendidos, e outras tantas situações em que ouvi a frase "pensa o que quiseres", como um movimento abrupto de puro desleixo, sem qualquer tipo de perseverança...

E eu continuo a achar que quem quer vai...

Mas aceito a crítica e até concordo que " não havendo grades, sabe-se que o outro fica porque efectivamente quer, e não porque não se consegue soltar das amarras com que o ataram." Vê? final não temos perspectivas assim taõ diferentes. São maneiras paralelas de interpretar o texto, e isso enriquece sempre! :) Obrigada!

iuri disse...

Já agora aqui fica o meu gradecimento pela diligência que o Aquiles fez o meu diminuto blog, só par comentar o meu post :)
Penso que tenho uma resposta para si lá...

moon disse...

De regresso da night....

BRAGA, BRAGA, BRAGA!!!!!!!

Ah, mas não era isto que eu ia dizer...
Boa noite para todos, quentinha, aconchegada, fofinha:)

thorazine disse...

"Não gosto de finais tristes..."
O ser triste ou não é sempre relativo..

Se é o melhor para ambos, até pode ser feliz..

lobices disse...

...ao fim de 3 anos, hoje o meu blogue "morreu" mas, em contrapartida nasceu o meu livro
...abreijos

Aspásia disse...

ÃNDORINHA

EM DIRECTO NA ANTENA 1 RDP... O MIGUEL ESTEVES CARDOSO DEDICOU TE UM LIVRO... A MINHA ANDORINHA...

JÁ YE OUÇO PIPILAR DE ALEGRIA...

BJS

CêTê disse...

Pah,
as melhoras. ;*



E as do felino também ;]]]]


lobices,
Parabéns pelo "parto".;]
E que um novo livro tenha uma gravidez tão bonita como a do primogénito.

Aspásia disse...

A1

NAO SEI SE DA PARA OUVIR EM DIRECTO POR ESTE LINK...

VÃO LÁ OUVIR... O MEC E O LIVRO "A MINAH ANDORINHA"

Ameninadalua disse...

Lobices

Foi com surpresa que recebi as notícias; a de acabar com o seu blog mas principalmente a da concretização do seu livro...

Acredito e pelo conhecimento que tenho de si mesmo que essencialmente feito a partir deste ambiente da blogosfera, que o seu livro terá a sua "cara" de pessoa sensivel e delicada mas onde tambem a sabedoria lhe dá o toque e o equilíbrio tão fundamentais à vida...

Desejo-lhe êxito com a sua nova escrita, esperando que lhe traga todas as alegrias que tambem nos temperam e tornam felizes o correr dos nossos dias.

Um abraço de parabens da

Ameninadalua

Aspásia disse...

ANDORINHA

EU AQUI A TRABALHAR PARA TI... DE GRAÇA E SEM SEQUER TER TOMADO O PA... SÓ MOI... SÓ MOI...

FICA BEM

:)

Aspásia disse...

LOBICES

JÁ DIGO ALGO DAQUI POUCO

ESTOU COM UMA HIPOTENSÃO DO JEJUM...

BJS;)

andorinha disse...

Bom dia.

Lobices,
Muitos e sinceros parabéns pela concretização desse teu sonho.
Fico com imensa curiosidade em ler esse teu "filhote", Quim.
Fica bem.:)
Beijo grande.

Aspásia,
Toma o pequeno almoço em paz, mulher:)
E há tantas andorinhas no mundo, como sabes que é para mim?:)))))))))))))))
Beijinhos.

JFR disse...

Um braço no ombro será só para mimar ou reter? Ou será, também, para não perder? Ou, ainda, para desfrutar em uníssono?

Onde a IURI diz "que não podemos prender quem amamos é um daddo real", eu diria "que não queremos perder quem amamos..."

Ameninadalua disse...

"assim me trocas pelos livros, Júlio? Quem me protegerá dos belos galegos?". Eu não, Maria, jamais acreditei em amores enjaulados; eu, não."

E eu tambem não...:)

Os "belos galegos" existirem mas e apesar disso continuar a sermos nós os escolhidos em liberdade é algo que me é demasiado precioso no Amor...É a prova mais autentica de que tudo faz sentido mesmo o continuarmos na luta diária de conquistarmos e merecermos o amor de quem amamos...

Mais uma vez gostei muito deste texto que não é mais do que uma saborosa "confissão de amor"...:)

Aspásia disse...

ACRÓSTICO REPENTISTA DEDICADO AO QUIM

Leio co´ alguma tristeza
O fim das suas visitas
Bem desejo, é, concerteza,
Irmão, continue as escritas...
Caro Lobices escrevinho
Esta ode, num pulinho...
Sorria... é o essencial!!!


UM GRANDE BEIJO E VOTOS DE SUCESSO PARA ESSA OBRA LUPINA!!!

Aspásia disse...

"LUPIANA" ???

;9=

Aspásia disse...

ATÉ LOGO...

VOU APANHAR MARESIAS...

iuri disse...

jfr:

grande verdade! E é exactamente por não querermos perder quem nos ama, que me ultrapassa quando nada se faz para que isso não aconteça.

Não me agrada de todo prender alguém, mas ver esse alguém ir-se embora, sem nada fazer ou dizer, corrói-me.
Já dizia Kurt Cobain "i'd rather blow out than to fade away"...

thorazine disse...

Lobices.
Ansioso. É como me sinto! Ansioso por folhear um livro da tua autoria!! :))

Muitos Parabéns!! ;)))))))))

thorazine disse...

Bem,
há dias falou-se no filme The Doors de Oliver Stone e agora lá está ele a dar na fox! ;))))))))

vareira disse...

O professor desculpe interromper os seus bloguistas, mas gostava de lhe dizer que hoje, no coliseu foi fantástico.O meu filho, músico em miniatura gostou e questionou logo quem o senhor era...mais um fã...

clave de sol disse...

Professor Julio Machado Vaz!!! Surpresa a minha quando o vi no coliseu... eu estava a tocar violino na orquestra do Norte e ouvi com muita atenção a sua história... Devo dizer que a abertura que escolheu não é das minhas favoritas mas é com grande admiração que vi a sua presença a cativar a geração mais jovem. Espero que cada vez mais hajam pessoas como o professor interessado em divulgar a música como forma única de expressão! Adorei...

Ameninadalua disse...

Boa noite

E já que se fala de música, aconselho os murcónicos que apreciem Beethoven e não só, a ver o recente filme em estreia chamado "Copiando Beethoven".

O artista em plena criação, a genialidade, conjugando com a extravagância do seu péssimo mal feito mas e principalmente ouvir coro da nona sinfonia em contemplação, resulta tudo numa enorme comossão que justifica largamente a escolha...

Julio Machado Vaz disse...

Clave,
Foi muito agradável ir ao concerto. Mas você não imagina como fiquei nervoso! Isto de tentar atrair e manter durante algum tempo a atenção da pequenada não é nada fácil... Na realidade, não escolhi "uma" peça, limitei-me a pedir Mozart. Pelo carinho que me desperta, pelo gozo que má e pela recordação dessa viagem a Praga com o João:).

Julio Machado Vaz disse...

Errata - me dá:))))))). (Vou analisar este lapso freudiano!).

thorazine disse...

Ai pois é! "Má" é um sinónimo de cânhamo-das-índias! :)))))))

Just kidding... ;)

Julio Machado Vaz disse...

Thora,
É uma hipótese um bocado longínqua, remete-me para Londres há 40 anos:). Em contrapartida, tinha acabado de ver um documentário na SIC sobre BDSM...

Aspásia disse...

Prof.

O seu lapso pelo gozo que má

deve-se ao banho judaico-cristão em que está mergulhado, o fazer associar gozo a... maldade - em particular, maldade feminina, visto ser "má " e não "mau"...

;>

andorinha disse...

Thora,
Tu és lixado, miúdo, sempre a provocares o Júlio.
Isso também tem que ser analisado:)

Aspásia disse...

Menina da Lua

Pois consta que o Copianço do Beethoven tem excelentes críticas... lá terei de jejuar do PC para poder ver o filme...

Mas pelo Ludeviguevan faço qualquer sacríficio...

:))

Aspásia disse...

Andorinha

Então a menina já fez os TPC... tão depressa???

Entretanto eu perdi-me na reentrada em Lx pela ponte Vasco da Gama... mas eu já sou perdida por natureza...

;)
(Isto é só mesmo para a Andorinha... não tentem perceber...)

Aspásia disse...

Andorinha

E olhe que não se diz "lixado" mas sim "residualmente despejado"... olhe as aulas de substituição de Português...

thorazine disse...

Professor,
e há 40 anos, havia bons chás em londres? ;)))

Humm, será como diz mais ou menos a aspácia, a "maldade" depositada num dominador? :)) Mas a piada "naquilo" é mesmo o submisso ter sempre o poder. :))

Andorinha,
provocar? eu?? cNem pensar! Sou tão novo para ter razão.. hehehe :PP

thorazine disse...

Aspásia,
Achas mesmo que eu sou (ou deveria ser) "residualmente despejado"? ;((

Aspásia disse...

Não é esse o caso... mas prevendo essa eventualidade, para o menino eu arranjava uma frase mais finesse, tipo:

"Sumariamente reciclado"...

;))

Aspásia disse...

... sempre se protegia o meio ambiente!!!

ehehehe....

;9

andorinha disse...

Aspásia,
Claro que já fiz os TPC. Se demorasse mais tempo estava "residualmente despejada":)))))

E quanto a perderes-te, deixa lá, não acontece só contigo; estás a falar com uma perita:)

Thora,
Por isso mesmo, como não tens razão, não provoques.
A provocação é a arma de quem não tem razão. LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOl

thorazine disse...

Depos do "velhão" viria o "teenão"!

:))

alquimista disse...

Doutor, permita-me a intromissão

É só para referir que achei muito interessante a sua pequena entrevista à Notícias Magazine de hoje sobre o Machismo, em especial aquele naco que diz que os homens hoje têm “um medo inconfessável pelo menos de algumas mulheres…”
Claro que estas “algumas” são as inteligentes e as cultas, não necessariamente as feministas, com as quais a antiga “canção do bandido” já não funciona.
Para os homens da nossa geração, e para os interessados naturalmente, deve ser extremamente doloroso compatibilizar os ensinamentos de índole machista recebidos pela educação, e não só, e os princípios ditados pela razão. É uma fase de transição, mas que fará com certeza muitas vítimas… : ))))))

Aspásia disse...

Então e se o Prof. pusesse aqui uma ETBR???

"Estação de Tratamento de Bloggers Refilões" ???

Podiam reciclar- se... e tornarem-se Bloggers Bonacheirões!!!

thorazine disse...

Andorinha,
pronto, eu admito provoquei! :)))

Mas a provocação não é uma arma de quem não tem razão. Estás enganada (é verdade, eu disse-o!!) Há provocações positvas, que levam uma pessoa ou um sistema a repensar-se! (o que não quer dizer que as minhas futeis "postas de pescada" tenham os seus frutos, mas ao menos não morro de tédio! :))))

Aspásia disse...

Alquimista

Irei ver isso... tenho o DN cá em casa todos os dias, pq meu Pai o compra há 60 anos... mas quase nunca tenho tempo para o ler...


Quanto a esse suposto medo masculino pelas cultas e inteligentes... foi o que levou a que durante séculos a educação e o aceeso da Mulher à cultura fossem menorizados quando não mesmo proibidos... será que esse medo... afinal não terá fundamento??

Sem querer ofender os machos... ele não há fumo sem fogo...

As bruxas e mulheres de virtude sempre foram em maior número que os homens...

Agora mulheres alquimistas... aí é que e parece que a primeira foi a Madame Curie...

Ehehehe...

Aspásia disse...

... por outro lado... o Einstein era homem... mas a primeira mulher dele, uma russa de que me não lembro o nome, e colega de curso dele, fez um enorme trabalho científico também... mas ficou muito menos conhecida...

andorinha disse...

Alquimista,
Permite-me a intromissão:)
O macho latino é que tem "um medo inconfessável de pelo menos algumas mulheres."
Mas na entrevista não é feita referência a inteligentes, cultas ou feministas.
Têm é medo daquelas que " não se limitam a estar mais disponíveis nas "reservas de caça", mas se assumem como gente de obrigações e direitos inteiros. Incluindo o de caçar..."
Aqui é que está o busílis, muitos homens ainda não aprenderam a lidar com o facto de as mulheres também poderem caçar. Para eles era tudo mais fácil quando os papéis estavam bem definidos à partida.

Mas falar também em vítimas? Não exageremos...:)

andorinha disse...

Só uma adenda: claro que ainda hoje alguns homens têm pavor de mulheres cultas e inteligentes,( o que não abona nada em seu favor, diga-se de passagem), mas não é isso que é dito na entrevista.
O seu a seu dono:)

Aspásia disse...

Cá está...

"Sob o título Cartas revelam um Einstein dominador, o texto registra as seguintes informações: (1) Mileva Maric, primeira mulher de Einstein, era uma brilhante cientista sérvia que abandonou sua carreira para cuidar dos dois filhos do casal. (2) Em carta de 1914, Einstein teria dirigido a Mileva tratamento mais do que grosseiro ("Você terá de se encarregar de que minha roupa esteja sempre em ordem (...). Você deve renunciar a todo tipo de relações pessoais comigo(...). (3) Einstein mantinha um relacionamento secreto com sua prima Elsa Lowenthal. Outros meios de comunicação exploraram a informação de que depois da separação, Einstein jamais visitou os filhos."

Terá tido Einstein medo da inteligência de Mileva Maric?

Aspásia disse...

Andorinha

Vou então ler o artigo...
e tu tens de mandar um cartãozinho ao MEC a agradecer... (pelo menos o título do livro...)

;>)

alquimista disse...

aspásia,

aí está ! Você será uma das que os homens têm medo... :))))))

andorinha disse...

Thora,
Claro que não é. E os "Lol" são para quê?
Agora tenho que andar sempre a especificar tudo? Que trabalheira:))))
Há provocações( no bom sentido) extremamente úteis e oportunas.
E com as tuas "postas de pescada" também ninguém aqui morre de tédio:)
Houvesse por aqui mais Thoras e não se perdia nada:)

MTC disse...

Uma pessoa que me é muito querida escreveu um dia algo sobre o assunto e que penso vir a propósito:

Há homens e mulheres que estão do mesmo lado. Unidos, convictos, interessados, inquietos; debatendo os inconvenientes da rotina, do sabor e de valores adquiridos. Com maior ou menor densidade cultural. Mas vivendo, suspirando, aconchegando, recriando, desesperando, amando. Para estas mulheres e estes homens femeísmo e machismo não têm pés nem cabeça. Eles não crêem em conflitos de feminino e masculino, como também não tombam no logro de conflitos de gerações. Eles sabem que há mulheres e homens de 25, 35 e 74 anos, de um lado na barreira; e outros de tais idades, do outro lado.

A música de fundo não podia ser melhor... para quem ainda tem umas horitas de trabalho pela frente...

Boa noite para todos :)

fiury disse...

alquimista

o machado de assis acrescenta que "as melhores mulheres pertencem aos homens mais atrevidos".

alquimista disse...

andorinha,

permita-me intrometer-me na sua intromissão

Então onde está esse senso de humor? (atenção que este aparte não é para disfarçar falta de argumentação).

A minha referência à mulher culta e inteligente tem a ver com o facto de que, nesta "fase do campeonato" em que as regras estão a ser "revistas, actualizadas e melhoradas", a mulher que consegue não se deixar driblar pelo seu opositor (de circunstância, note-se)pode não ser simultâneamente culta e inteligente, mas tem de ser pelo menos uma coisa de cada vez :)))))) Depois, como bem refere "não se limitando as mulheres a estar disponíveis nas reservas de caça...mas se assumindo com iguais direitos, incluindo o de caçar", aqueles homens que no futuro (hoje?) são "vítimas" (voluntárias?) dessa caça terão de ser suficientemente esclarecidos e seguros de si, para aceitarem essa reciprocidade de comportamento...
E quem é esclarecido e seguro de si dificilmente não será culto ou inteligente. Como numa relação a dois o equilíbrio no dar e no receber é fundamental para o bom funcionamento da mesma ...

andorinha disse...

fiury,
Ora essa! Porquê?
E o que significa "as melhores mulheres"? Melhores segundo que critérios?:))))

PAH, nã sei! disse...

Boas noites a todos!

ANDORINHA,
"claro que ainda hoje alguns homens têm pavor de mulheres cultas e inteligentes"

Por vezes, "bela ave", questiono se já não será tempo de tanto "machos" como "fêmeas" se aceitarem. Sinceramente, essa questão de rotulagem já começa a fartar... Por vezes no limiar do preconceito.
E não é só uma questão de inteligência...(por exemplo, do "síndrome mulher divorciada...)

"muitos homens ainda não aprenderam a lidar com o facto de as mulheres também poderem caçar."

Lá está!
Sempre fomos caçadoras. Já deviam ter aprendido há muito...


ALQUIMISTA,

"Aspásia, aí está ! Você será uma das que os homens têm medo..."

Nem imagina o quanto esta mulher é um furacão!!! ;)))))))

fiury disse...

alquimista

a frase não é minha, terá que perguntar a algum especialista em machado de assis.
conheço algumas mulheres que considero pessoas interessantes, cujos companheiros(se calhar) apenas foram mais atrevidos.

PAH, nã sei! disse...

FIURY,

cá para nós, não estaria Machado de assis a "fazer-se a um naco"?? ;)))

PAH, nã sei! disse...

ALQUIMISTA,
"E quem é esclarecido e seguro de si dificilmente não será culto ou inteligente."

Perdoe-me o "momento de burrice aguda" mas não entendi...

fiury disse...

pah,
nã sei
nã sei:)))
...terei que aprofundar o assunto:)

alquimista disse...

pah

"Lá está! Sempre fomos caçadoras."

Eu diria de outro modo:

- Sempre nos deu muito prazer vos achar convencidos de que tinham sido vocês a caçar...

PAH, nã sei! disse...

ALQUIMISTA,

Não pense isso... olhe que não passa por aí. A caça, a existir, acontece de ambas as partes.
E se formos a ver, apenas nos deixamos cair na "rede" ;)


Pessoal!
Tenham uma santa noite, cheia de bons sonhos :)

alquimista disse...

pah,

está perdoada, todos temos direito aos nossos 15 segundos dessa coisa com que se auto-qualificou e que a minha presença iniciática nestas paragens me impede de reproduzir.

"Quem é esclarecido e seguro de si dificilmente não será culto e inteligente"

Então é assim: ser esclarecido é entender o que nos rodeia, ver em lugar de olhar, essas coisas...E para entendermos, para descodificarmos, temos de ter conhecimento e quem tem conhecimentos, sejam eles de que natureza forem, mesmo só os vindos da Natureza, é culto.
Inteligentes, para podermos relacionar, etc, etc. :)

PAH, nã sei! disse...

AH!! Afinal não sofri de "burrice aguda", foi mais miopia :))

Pois não tinha lido aquele "não" ali no meio... Pronto... não é miopia... é mesmo soninho...
Agradeço-lhe a cortesia de não se ter dirigido (com todo o direito :) à minha pessoa, usando a útil linguagem:
ó minha burra! Então isto é tão básico, que nem me vou dar ao trabalho :))

(olhe que estou a brincar... já estou numa de Andorinha e a justificar-me... não vá haver algum mal entendido... :)))

andorinha disse...

alquimista,
Permite intrometer-me na tua intromissão na minha intromissão:)

O senso de humor está cá, por vezes não reparo é nos smileys e então levo tudo à letra:)))

Então o teu primeiro post já foi uma interpretação tua das palavras de JMV; assim já faz sentido, pensei que estavas a referir-te ao que era dito na entrevista e lá não é bem isso que está escrito.
Em relação a este teu último post concordo, no essencial.
Sem dúvida que cultura e inteligência são factores importantes, tanto em homens como em mulheres e serão contributos essenciais para relações equilibradas e gratificantes.

"...para aceitarem essa reciprocidade de tratamento."
Não gosto deste verbo!:)
Eu diria, com uma conotação mais neutra, para lidarem duma forma "normal"e sem desconforto com essa reciprocidade de tratamento.
Se foi este o sentido que quiseste dar, estamos de acordo:)

Até amanhã, gente:)

thorazine disse...

"Quem é esclarecido e seguro de si dificilmente não será culto e inteligente"

Humm, não concordo. Quem é muito seguro de si e se acha muito inteligente vai olhar sempre para as ideias diferentes às suas com "superioridade" e pouco vai aprender. :))

Andorinha,
Não me estragues os trabalhos do ego feitos este fim-de-semana! :)))

Aspásia disse...

ALQUIMISTA E PAH

AGRADEÇO OS ELOGIOS... E TAMBÉM OS RETRIBUO...

... NÃO SEI SE AMBOS - TALVEZ A PAH - SE LEMBRAM DO "AFFAIRE BUFOLOGO", AQUI NA CAIXA DO MURCON...

POIS PRECISAMENTE A MINHA TEORIA É QUE ESSE PERSONAGEM FOI A MÁSCARA QUE UM HOMEM DE CARNE E OSSO USOU... PRECISAMENTE POR TER MEDO DE MIM... POR ME CONSIDERAR, COM RAZÃO OU SEM ELA SUPERIOR A ELE INTELECTUAL E CULTURALMENTE... E NÃO TER A CORAGEM DE ASSUMIR UMA APREGOADA PAIXÃO POR MIM, POIS, POR ELE PRÓPRIO SE CONSIDERAR O MÁXIMO, NÃO ADMITIU, COMO EINSTEIN, ALIÁS, QUE ALGUÉM, EM PARTICULAR UMA MULHER POR QUEM, PELO MENOS, SENTIU UMA ATRACÇÃO PELO QUE DELA (EU) CONHECEU ATRAVÉS DOS BLOGS... DIZIA EU, NÃO CONSEGUIU ADMITIR UMA SUPOSTA INFERIORIDADE SUA, NA SUA PRÓPRIA PELE E USANDO O SEU NICK "VERDADEIRO"... APENAS ADMITIU E ALIÁS DECLAROU PUBLICAMENTE AQUI ESSA PAIXÃO SOB O FALSO NICK DE BUFÓLOGO...

AMIGOS, HÁ MUITO QUE EU SEI QUEM É ESSE PERSONAGEM... É PENA QUE TENHA ASSUMIDO ESSE COMPORTAMENTO... MUITA PENA, MESMO...
É UM RAPAZ INTELECTUALMENTE BRILHANTE... NOMEADAMENTE POSSUI UM ESPÍRITO ARTÍSTICO E SENSO DE HUMOR NOTÁVEIS...

MAS, COMO SABEMOS, NÃO HÁ BELA(O) SEM SENÃO...

BUFÓLOGO SE LERES ISTO, MEDITA MAIS UM POUCO... RECONHECE QUE ERRASTE... E ESQUEÇAMOS ESSAS PAIXÕES QUE MAIS NÃO FORAM QUE DE TI POR MIM E DE MIM PELO TEU ALTER EGO (O VERDADEIRO)...

carolina disse...

professor, venho em busca de uma resposta enquanto pessoa familiarizada com os problemas amorosos dos adolescentes.e por ser pessoal, e ainda que por via email, será que me disponibilizaria um email onde lhe pudesse expor este problema que, sendo de mim mesma uma teimosa com uma enorme falta de capacidade de aceitar a perda de alguem que considero ser aquilo que realmente quero, me está a pôr os nervos em francha (sendo eu uma pessoa tao calma).obrigada pela atençao.

Aspásia disse...

...DIZIA EU, ESSAS SUPOSTAS PAIXÕES, QUE SE VÊ BEM QUE JÁ ESTÃO ULTRAPASSADAS... SÃO COISAS QUE ACONTECEM... E EU GOSTAVA QUE RETOMÁSSEMOS UMA CERTA AMIZADE QUE EXISTIA ANTES DO "BUFOLOGO"... ANTES AINDA DE OUTRAS PERSONAGENS DE MENOR DURAÇÃO QUE CRIASTE...

ASSUME-TE DE UMA VEZ POR TODAS... EM RELAÇÃO NÃO A MIM, QUE ISSO É DE SOMENOS IMPORTÂNCIA... VIVE, ASSUME O TEU PRÓPRIO CORAÇÃO, A TUA PRÓPRIA CABEÇA E CARA... ASSUME A TUA SABEDORIA NUNS CAMPOS, A TUA IGNORÂNCIA NOUTROS... ASSUME AS TUAS RELAÇÕES COM OUTROS ELEMENTOS DESTE CÍRCULO...

ASSUME A TUA PRÓPRIA VIDA, ENFIM...

REVÊ OS EMAILS QUE ME ENVIASTE... TU PRÓPRIO RECONHECESTE COMO BUFÓLOGO QUE ERAS O OUTRO DE QUEM EU TINHA UM Nº DE TELEMÓVEL...

QUANTO AOS NOSSOS BLOGS PARTICULARES, NÃO VALE DE TODO A PENA CONTINUÁ-LOS... O MEU TERMINA HOJE MESMO... SE QUISERES FALAR COMIGO, A PARTIR DE HOJE, USA APENAS O TEU VERDADEIRO NOME...

A NÃO SER QUE EXISTAM RAZÕES TERCEIRAS PARA QUE AQUI NÃO QUEIRAS SER RECONHECIDO... TALVEZ POR AMIGOS TEUS, COLEGAS, ATÉ UMA EVENTUAL NAMORADA, SEI LÁ...

TORNOU-SE EVIDENTE QUE A TUA APREGOADA PAIXÃO PR MIM NÃO ERA TÃO GRANDE ASSIM QUE TE DIGNASSES, DURANTE OS TEUS LONGOS FINS DE SEMANA, ENVIAR-ME ALGUMA MENSAGEM... MESMO COMO BUFOLOGO OU COM O NOME VERDADEIRO... QUER POR MAIL QUER POR TELEMOVEL... ÀS VEZES NEM SABIA SE ERAS VIVO OU MORTO...

FELIZMENTE JÁ VI QUE REGRESSASTE SÃO E SALVO DESTE "FIM DE SEMANA FORA"... REAL OU VIRTUAL...

ESTA É A ÚLTIMA VEZ QUE TENTO AJUDAR-TE...


****** PEÇO DESCULPA A TODOS E AO PROFESSOR EM PARTICULAR POR USAR ESTA CAIXA DE COMENTÁRIOS...

É QUE PENSO QUE ESTE CASO PODE SERVIR PARA AJUDAR A PREVENIR OUTROS SEMELHANTES...

FIQUEM TODOS BEM, AMIGOS... E NUNCA SE ESCONDAM... QUEM NÃO DEVE, NÃO TEME, DIZ A SABEDORIA POPULAR!!!

FICA BEM... EU QUASE IA A DIZER O TEU VERDADEIRO NICK, BUFÓLOGO, MAS APESAR DE TUDO, PENSO QUE O NÁO DEVO FAZER, EM RESPEITO AO QUE AINDA DE MUITO BOM EXISTE EM TI... E APESAR DE TUDO NÃO MERECES QUE A TUA BOA IMAGEM CAIA AQUI NA LAMA PERANTE TODOS OS FREQUENTADORES DESTA CAIXA... TENS UM BOM FUNDO, NISSO CONTINUO A ACREDITAR... HÁ PROVAS DADAS...

BOA NOITE PARA TODOS.

Aspásia disse...

CAROLINA


Permita-me ajudá-la.
O Email do Prof. é drjmv@netcabo.pt

Boa sorte para si.

iuri disse...

Aspásia:
não a conheço, mas já deu para ver que tem força pa dar, vender e ensinar muita gente...

Os grandes são sempre recompensados, pelo menos eu ainda acredito nisso...
Continue grande! :)

Aspásia disse...

Iuri

Obrigada e uma óptima noite para ti.

Beijinho :)

noiseformind disse...

Boss dixit,

"Confesso que nunca percebi a obsessão apressada dos homens pela nudez. O seu tempo chega, quando as mulheres assim o decidem, concedeste-ma vezes sem conta."

"Naqueles tempos a decisão era tua, hoje ainda o é."

Nem eu percebi a indolência de outros homens em relação ao corpo ardente que está vestido diante deles e da lassidão (e lassidez) com que o tratam. No fundo no fundo é um príncipe que olha para a sua princesa no cimo da torre. Ela está isolada, virada para ele, será só sua e n de mais ninguém. Portanto é esperar, mostrar um sorriso, ser atencioso e carinhoso e assim se destilarão os potentes químicos do sexo. Visão dolente mas aborrecida. Só a compreendo à luz do tal "medo do machista" e como substituição de um machismo activo. Adora-se e mete-se no altar, de novo numa posição em que a comunicação n é possível na plenitude. Antes na inferioridade, agora lá em cima, remedeia-se com nova posição toponímica velha questão de géneros e da(s) sua(s) relação(ões).

No fundo é uma escolha feminina feita sob indirecto pretexto. Pq as mulheres n fazem sexo pelo sexo, pq as mulheres precisam de um magismo qualquer determinante, pq as mulheres carecem de algo mais que a satisfação de uma necessidade. Tudo visões que encaixam igualmente para o mais empedrenido machista e para o mais pachorrento adorador platónico. E fazer das acções motivadas pelo desejo escolhas solitárias femininas é outra forma de encurralar a mulher na sua própria acção, de fazer a intimidade de novo um jogo de um para um e n de dois um para o outro ; ))))))))))))))))))

Boss,
Sejamos sinceros: a Maria gostou do pedestal onde a colocaste mas ás vezes precisa de um pouco mais de acção afirmativa e menos de declarações de intenções. Ou não reparaste na forma como se foi apagando o clarão que despertava sempre que dizias "arribo a Cantelães" aos poucos, vendo-te perdido em visitas, ao ver-se convidada para covil familiar e n para local de abandono de preconceitos de tempo e de corpo?

Mete-te no próximo voo low-cost para Inglaterra, lê na viagem o She Comes First, treina não falares muito sobre os precalços que a tua mente analítica descobriu na viagem, nada de "Como Vais?", nada de citar as últimas do dia a dia. Faz-te a ela sem pensar, nada de tirar roupa em separado, funde-te a ela, deixa que o seu suor te intoxique e perceberás em breve que o primitivismo é apenas uma forma de clarividência para tomarmos os nossos destinos by the horns ; )))

thorazine disse...

Noise,
resumindo: menos conversa e mais acção? :))

Aspásia,
há malta que mente sem maldade. Não te lembras daquele caso nos states de um tipo que era um mentiroso sem razão aparente? Desde o Liceu que falsificava documentos, entrou para o curso de direito estudando apenas duas semanas na prisão e entrou com destinção, usando um nome falso. Era um dos melhores alunos, foi campeão de atletismo universitário, era comentado por todos os professores todos por ser extremamente dotado. simplesmente não conseguia assumir a sua identidade. foi descoberto, e com muita pena dos professores o seu ingresso foi anulado e ele voltou para a prisão. Durante os anos seguintes da sua vida também forjou a identidade inúmeras vezes sem nunca ter prejudicado ninguém e excelente brio em tudo o que fazia. No final da sua vida foi diagnosticado por psiquiatras com uma patologia qlq, e refugiou-se por opção própria no deserto até hoje (penso ainda ser vivo) para não ter que enganar mais ninguém... :)

Ou seja, talvez o amor seja verdadeiro! :)))))))

Julio Machado Vaz disse...

Noise,
Receio que não seja assim tão simples. Pura e simplesmente não reconheço à nudez superioridade erótica sobre a sensualidade vestida:). Esta possui todas as potencialidades daquela e uma bem maior margem de imaginário.

thorazine disse...

O noise é um adicto de pornografia!! :))

O porno, ao contrário dos filmes ou fotos eróticos/cas, não deixam o espaço necessário para adicionármos as nossas próprias fantasias!! :))

O mesmo penso da nudez..(em certos casos, obviamente!!).

;)

pp disse...

Prof,
gostava de o ouvir falar(escrever) sobre inteligencia emocional.
Um bem haja para todos :)

thorazine disse...

Humm..ai isto é tipo "discos pedidos"?

Professor, podia depois dissertar sobre a importância da batata nos bolinhos de bacalhau? ;))))))))

thorazine disse...

pp,
estou a brincar. Não me leve a mal! ;)

Aspásia disse...

Noise

O amor até é verdadeiro!!! Eu é que não posso aceitar um amor (que aliás retribuí até determinada altura...) de um espectro...

Aliás o caso do Prof. com a Maria tem algumas semelhanças com o meu... ´só que aí há um amor verdadeiro do Prof. por ela... e ela é precisamente o oposto do Bufólogo... enquanto este tem um nome falso que encobre um homem de carne e osso... a Maria tem um nome verdadeiro... mas que abriga um personagem fictício!!!

De qq modo obrigada pela tua achega... que aliás entendo não ter sido dada apenas a pensar em mim...

Bjs ;)

Julio Machado Vaz disse...

pp,
Não sou um especialista em inteligência emocional, mas confesso-lhe que o pouco que li não me trouxe grandes novidades. Qualquer psi lhe dirá que o "racional puro" não existe e as receitas para as chefias bem sucedidas cabem quase todas no respeito pelo outro, na boa educação e no trabalho em equipa. Mas é óbvio que se trata de uma visão provavelmente simplista:).

Julio Machado Vaz disse...

pp,
Não sou um especialista em inteligência emocional, mas confesso-lhe que o pouco que li não me trouxe grandes novidades. Qualquer psi lhe dirá que o "racional puro" não existe e as receitas para as chefias bem sucedidas cabem quase todas no respeito pelo outro, na boa educação e no trabalho em equipa. Mas é óbvio que se trata de uma visão provavelmente simplista:).

Aspásia disse...

Não quero deixar de dar os Parabéns ao meu querido Carlos Paião pelos 25 anos de Play-Back

Fiquem bem.

thorazine disse...

Aspásia,
apesar de puto acho que já sou gente! :)

Mas fazemos assim: noise, ficas com esta e "no fim" ajustamos contas! :)))

thorazine disse...

Aliás, eu até já tenho personalidade jurídica!! :)) É escusado falares para os "papas"1 LOLOL

pp disse...

Prof, obrigado :)

andorinha disse...

Boa tarde.

Uma pausa e cá estou eu...:)

Thora (12.55)
"Não me estragues os trabalhos do ego feitos este fds."
As verdades devem ser ditas e se fizeste os TPC do ego bem feitos, ele não irá insuflar:)))

Noise (2.48)
"No fundo, no fundo, é um princípe que olha para a sua princesa no cimo da torre."
Não concordo nada, miúdo.
São apenas dois adultos que se olham com ternura e desejo e que estão no mesmo patamar.
Ser-se apressado é bom quando não há tempo para mais; de resto, curtir e prolongar o momento em que se dá e recebe prazer é muito mais gratificante.
Não vejo aqui qualquer ponta de machismo e não é por ser o Boss a dizê-lo:)
Um amigo meu costumava dizer que "a fruição da paixão termina no rasgar da blusa."
Claro que também acho um exagero.

Penso que estas nossas ( do Júlio, tuas e minhas) diferentes visões têm mesmo a ver com a diferença de idades; aliás já te tenho dito isso.

Concordo com o teu penúltimo parágrafo. A chama precisa de ser alimentada, palavras só não chegam:)
Se eu fosse a Maria já o tinha levado a agir ou já tinha agido eu.:)))))))
E depois não digas que as mulheres são passivas. Loooooooool

E agora, back to work.
Até mais logo, gente:)

Aspásia disse...

THOOOOORAAA!!!

DESCULPA LÁ PÁ... FOI A PRESSA!!! ERA PARA TI E NÁO PARA O NOISE CLARO...

CLARO QUE TENS PERSONALIDADE... E NÃO APENAS JURÍDICA PELO QUE JÁ SE VIU!!!

:))

noiseformind disse...

Boss,

Rebato tal classificação. Com a nudez o corpo está sempre mais próximo e real, a possibilidade de intimidade sexual é mais certa, e essa excitação deixa os parceiros (pelo menos o parceiro que toma a iniciativa do gesto de proximidade). A nudez tem a mesma superioridade erótica em relação à sensualidade vestida na medida em que o sujeito que está presente na situação. Isto supondo que não é intimidatória e supondo que é uma nudez DE FACTO erótica. Aliás, a forma como a luz vai saindo da vida dos casais à medida que o erotismo é esmagado pelo dia-a-dia mostra bem que a roupa é muito mais uma armadilha do que uma benesse. E estava a falar dentro da relação com a Maria e com o seu prosseguimento. A forma como o "muitas vezes" no teu texto depois funciona de forma simplista do corpo depois de descoberto, ou pelo menos de um entendimento simplista da nudez. Perante um corpo nú (e estou desde o início a falar de situações presenciais) há todo um conjunto de possibilidades que não há num corpo vestido. E a imaginação, sabemos pelo menos desde o "Archives of sexual Behavior..." Holandeses de 1988 que n tem a mesma capacidade estimulante que a presença de um corpo nú. Mesmo a masturbação realizada com anamnese de elementos ficcionais n provoca a mesma excitação no corpo que a realizada sobre factos sexuais reais (reais e bons, acrescente-se). Portanto, imaginar um corpo nú com o qual se interagiu com prazer é mais potente em termos de estímulo do que imaginar um corpo nú que n conhecemos , dentro de roupas. Este é o meu ponto de vista e será preciso uma grande volta na investigação dos últimos 30 anos daqui para diante para que eu o mude ; ))))))))))))) Até pq a dupla Camli/Gabrieli publicou sem grande oposição na Nature Neurossience os seus estudos sobre estímulos a partir de diversos tipos de imagens e as de sexo (e portanto de corpos nus juntos) obtinham, de ambos os géneros, respostas estratosféricas (se bem que esse estudo é mais conhecido por ter excluído as amigdalas do campo da análise de excitação humana) ; )))))

Thora,
Pornografia foreva!!!!! ; )))))))))))))) Nada mais agradável do que novidades no good old coitus. Aliás, a pornografia e a sua aceitação e integração é prova de uma sociedade avançada e culta. Quando o sexo deixa de ser da esfera do ideal e pode ser avaliado torna-se algo de deliciosamente criativo. ; ))))))))))))))

Andorinha,
Mau era. Quando alguém como eu escreve tanta coisa há sempre alguém que n vai concordar com alguma coisa. Mas realmente se vez aí igualdade e eu diferença é natural e tem muito pouco de etário. Tem apenas a ver com a forma realista e diária com que eu pratico o sexo, tendo-o como elemento estruturante de uma certa initimidade que n está na esfera da amizade MESMO quando há amizade. Até pq n se devia fazer sexo por favores e há muito quem o faça. Sendo assim... mas pronto. Volto para a minha torre. ; )))

Aspásia,
Eu n vejo que é que te tenha a dizer ou que te tenha a confidenciar. Portanto a minha achega não só não foi "apenas" como foi mesmo "de todo" sem ser para ti. Nada tenho contra ti mas tenho uma noção relativamente restrita de sanidade mental. Blame me. Como n sou umas das personagens que apareceram a conversa contigo para desaparecerem quando te apercebeste do absurdo do circo que montaste posso muito bem escolher com quem falar e a quem me dirigir.

thorazine disse...

Noise,
"E a imaginação, sabemos pelo menos desde o "Archives of sexual Behavior..." Holandeses de 1988 que n tem a mesma capacidade estimulante que a presença de um corpo nú."

Mas há um estudo que refere que o próprio cérebro não consegue distinguir os estímulos vindos do exterior dos estímulos originados no próprio cérebro, nomedamente da imaginação! Em que ficamos? :))

Logo à noite, qd chegar procuro isso.. :P

noiseformind disse...

Thora,
Se bem me lembro desse estudo chamava-se Matrix e é a minha triologia (e o segundo filme, o meu filme) favorita(o) ; )))

Aspásia disse...

NOISE

PENSEI QUE TINHA ESCLARECIDO QUE ME ENGANEI NO DESTINATÁRIO DA MINHA RESPOSTA E QUE ERA O THORAZINE, O QUAL ALIÁS NOTOU ISSO DE IMEDIATO.


QUANTO AO "CIRCO QUE EU MONTEI", DEIXA-ME RIR... SERÁ POSSÍVEL QUE ACREDITES NESSA POSSIBILIDADE?

NATURALMENTE PENSAS QUE, COMO TU TALVEZ FOSSES CAPAZ DE FAZER UMA HABILIDADE DESSAS, EU TAMBÉM O FUI...

PELOS VISTOS NÃO PERCEBES NADA DE INFORMÁTICA... NÃO TENS OLHOS PARA VER UNS IP´S NOS SITE METERS?

POIS EU TENHO OLHOS BEM PIORES QUE OS TEUS E MESMO ASSIM VI-OS... MESMO QUANDO ME DOÍAM OS OLHOS JÁ DE TANTO PC...

VI-OS... E REGISTEI-OS, CLARO... POR SI ACASO... É O MEU ESPÍRITO CIENTÍFICO. O MÉTODO EXPERIMENTAL, EM OPOSIÇÃO À ELUCUBRAÇÃO ABERRANTE, MAIS ESPECIALIDAE TUA...

DE QQ MODO EU NÃO PRECISO NEM TENHO QUE ME JUSTIFICAR PERANTE TI NEM PERANTE NINGUÉM...

SE ALGUÉM SAIU PREJUDICADO COM ESSA HISTÓRIA FUI EU E NÃO TU...

NÃO ESTARÁS É A QUERER, COM ESSA CALUNIAZITA, "AJUDAR" É ALGUM AMIGUINHO TEU? E NÃO ESTOU A AFIRMAR PORQUE NÃO TENHO PROVAS... ENQUANTO QUE TU AFIRMAS, DE IGUAL MODO SEM PROVAS, QUE EU "CRIEI PERSONAGENS"!!!

OLHA... VOU DAR-TE UMA OUTRA ACHEGA... QUEM É BOM A CRIAR PERSONAGENS, É POR EXEMPLO, QUEM TENHA UM CURSO DE TEATRO... O QUE NÃO É O MEU CASO...

SE NÃO FOSSE O TRABALHO E EU TER MAIS QUE FAZER DIZIA-TE OS IPS DE TODOS OS COMPUTADORES DESSE(S) PERSONAGEN(S)...

OLHEM, TRATEM-SE OS DOIS, ANTES QUE SEJA TARDE DEMAIS... O OUTRO DA PERSONALIDADE MÚLTIPLA E DA COBARDIA, E TU DA SEX-ADDITION E DA INCONVENIÊNCIA NO PALAVREADO...