quarta-feira, fevereiro 14, 2007

A vitalidade murcónica:).

Aquele que considero o facto mais relevante da vitória do SIM, é a possibilidade de uma congregação de esforços, à volta de um objectivo, decorrente dos vários intérpretes da campanha: a maximização da diminuição dos abortos clandestinos.

A grandeza desse efeito - no novo quadro legal que o referendo determinará -, será directamente proporcional à quantidade das causas que se conseguirem enunciar. Só conhecendo as causas, se combatem os efeitos que as têm por origem.

Por pensar assim, decidi falar-lhe sobre uma possibilidade de utilizar o espaço Murcon - no qual, creio, participa um elevado número de gente informada, experiente, conhecedora e com capacidade crítica, tendo em vista dinamizar a acção, através do seguinte:

1 - Criação de um blog colectivo, gerido pelo Murcon, no qual poderiam postar todos os que se inscrevessem, para o efeito;
2 - A inscrição resultaria de um mail, enviado para a caixa do blog, e corresponderia a um post no blog;
3 - O conteúdo do post deveria corresponder ao tema pré-definido (no caso exemplo “As causas de aborto clandestino, pós referendo”) e seria da responsabilidade do Murcon a decisão sobre a sua adequação, ou não, para postagem;
4 - O blog não aceitaria comentários. Estes seriam sempre propostas de postagem. Ou seja, pretende-se que o blog não seja uma espécie de chat.
5 - Decorrido o tempo considerado suficiente (a definir) para a enumeração e discussão, seria proposta pelo Murcon a lista das causas a considerar em definitivo;
6 - Os intervenientes inscritos teriam oportunidade de opinar sobre a lista e qual o efeito legal que, na opinião de cada um, seria justificado para cada causa.
7 - Este e outros assuntos que viessem a ser objecto de actuação similar, poderiam ser discutidos, antes da elaboração de documento definitivo (post no Murcon, brochura?, folheto? opúsculo?, livro? das Produções Murcon,) por todos os intervenientes (num chat programado para o efeito? num encontro (Coimbra)? dois encontros (Porto e Lisboa)?
8 - Após o fecho de um assunto seguir-se-ia um outro.

Não me estendo mais. Ou, por último, até sugiro nome para o blog (O "Post it" dos Murcónicos).

Desculpe o tempo que lhe tomei. Cheguei a pensar colocar isto como comentário num dos post do Murcon, mas senti que poderia ser uma indelicadeza para consigo. Nomeadamente, se a ideia “pegasse” junto dos Murcões. Deixo, assim, ao seu critério o interesse e oportunidade da ideia.

Um abraço sincero.


P.S. Alguém sugeriu mais esta "loucura". Confesso que fiquei atarantado, mas, como habitualmente, a Nação se pronunciará:).

32 comentários:

noiseformind disse...

Desde que haja um nro mínimo de palavras e referência de fontes para argumentos técnicos ou estatístico... seria uma boa ideia. Umas espécie "seja Murcon por um post..." ou coisa parecida... ; ))))

andorinha disse...

Boa noite.

Atarantada estou eu:)))
É preciso um período de reflexão, até porque há pontos que precisarão de ser mais bem exclarecidos.

1- Criação de um blog colectivo - como seria feita a selecção de quem postaria o quê e quando.

4- O blog não aceitaria comentários.
Não me agrada a ideia. Perde-se o espírito de tertúlia tão peculiar a este espaço e que lhe confere vivacidade.

Os pontos 5 e 6 não entendi bem...

7- Este ponto poderá ser interessante, mas preciso de mais esclarecimentos:)

8- "Após o fecho de um assunto seguir-se-ia um outro."
Corre-se o risco de se deixar passar em claro assuntos importantes que entretanto perderam actualidade.

Pelos dados que tenho não sou a favor desta "loucura".
Substituir o "Murcon" pelo "Post it" dos Murcónicos é uma ideia que não me seduz muito.

Em complemento seria outra história, ou seja, continuaria a existir o Murcon nos moldes em que todos o conhecemos e passaria a existir de uma forma mais espaçada o "Post it".

Deixo aqui esta proposta "louca" também.:)

Julio Machado Vaz disse...

Andorinha,
O Murcon ACABARRRRRR??????????

lobices disse...

...tecnicamente é possível criar uma "nova página" a este blog; estilo link para o Jantar do Murcon; sendo este Jantar do Murcon um "outro" blog, a possibilidade existe fazendo assim o tal "novo" blog "Post it Murcónico"
...sou a favor da ideia
...os termos de participação, como sou democrático deixo-os à imaginação de cada um...
..."venham-se" AS IDEIAS
:)))

lobices disse...

...ahh, e viva a Nação Murcónica

a disse...

Acho muito boa ideia. Talvez em formato de fórum. Mas é tb importante definir melhor os assuntos a tratar. Se se limita única e exclusivamente à legislação do aborto, ou se também a todos os assuntos que tenham directa e indirectamente a ver com este (educação sexual nas escolas, políticas de natalidade, planeamento familiar...).

Tb acho os comentários dispensáveis, havendo 2 ou 3 moderadores do tal blog/fórum, pode-se conseguir tratar dos temas importantes, filtrando as mesquinhices e bocas foleiras (que há sempre em qq blog com comentários).

Su disse...

prof...seja mais preciso..não será mais facil quem quiser envia por mail um texto que após sua aprovação seria postado aqui...............

opsssssss enquanto lia achei que estavam a criar "a associação dos humilhados e ofendidos" rsrsrs ainda imagnei ver os estatutos.........:)))))))

para postar basta o administrador aceitar um texto com cabeça tronco e membros...........o tema ..será escolhido por quem o escreve....daí existirem os marcadores:)))))))))))))

jocas maradas de marar

andorinha disse...

Júlio,
"O Murcon ACABARRRRRR"

Prega-me cada susto:)))))))))
Mas então será existirem os dois em simultâneo?
Em complemento acho óptimo, tipo algo do género do que o Lobices sugere, é isso?

E agora vou ver o Glorioso, com o susto até me estava a esquecer:)

thorazine disse...

E quem escolhe os textos a serem publicados? Dá para meter já uma cunha? ;))))))))))))

PAH, nã sei! disse...

AH!??

Não estará o "chefinho" a tentar safar-se da "trabalheira" que dá manter a casa arrumadinha?? :))))Hummmm...???

thorazine disse...

Bem..se for só a sobre a questão do aborto eu sou completamente a favor. Se for um género de compilação de textos ( quiça do movimento) acho que teria a sua função. Agora, se for uma mera extenção do murcon não sei se era útil, já que os comentários aqui já vão cumprindo a função de dar o espaço para os murcónios irem exprimindo as suas ideias.

Pamina disse...

Boa noite.

Quanto ao assunto do post, nos moldes em que o Lobices sugere também acho boa ideia.

Não tive oportunidade de ver ontem as declarações do Alberto Martins. Mau sinal, eu tinha ficado tão bem impressionada com o que o Sócrates disse no domingo, mas aguardemos a redacção da proposta de lei.

Fora-de-Lei disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fora-de-Lei disse...

"... congregação de esforços, à volta de um objectivo: a maximização da diminuição dos abortos clandestinos."

Ora nem mais... foi isso mesmo que me fez votar SIM sem grandes problemas de consciência.

Ameninadalua disse...

Boa noite!

Isto está-se a compôr!:)

Do "Dignífico Murcon" com a sua assídua cavaqueira para os especialíssimos ensinamentos do "Murcon à Beira Mar", passando então agora para a escrita que se espera criativa e ilucidativa das Edições "O Post it do Murcon" ...está-se sériamente a alargar horizontes nunca antes navegados na blogosfera:)

A sério que acho uma proposta muito bem esgalhada; pode efectivamente criar-se um espaço de produção de texto que duma forma organizada e estruturada, servir como conteúdo de informação para consulta e análise de determinadas temáticas que se acharem pertinentes e interessantes apresentar...

À semelhança dum outro blog de escrita criativa que tambem frequento, existem prè inscrições de pessoas que ficam "autorizadas" a escrever os seus respectivos textos.

Não me parece que haja sobreposição de ideias relativamente aos comentários do Murcon, pois os textos, duma forma estruturada, enquadrada e limitada (tamanho mas não em conteúdo)cumprirão objectivos relativamente a temas específicos a apresentar.

Essa informação poderá virtuosamente criar dinâmicas de opinião mobilizadoras de ideias e quem sabe de acções a desenvolver...

fiury disse...

com estas "loucuras" se faz a diferença.descompliquemos com muitas burocracias a nossa obrigação civica e avancemos.

andorinha disse...

Depois de longas horas de reflexão:))) e de ter lido as dicas do Quim, chego à conclusão que a minha "proposta" é idêntica à do post.:)))) Loooooooooooooool

Sendo assim, já vou dormir mais descansada:)

Até amanhã, malta.

Aspásia disse...

CURIOSA IDEIA...

COMO PASSEI A SER UMA FREQUENTADORA MAIS ESPORÁDICA DESTE ESPAÇO, PORQUE INFELIZMENTE NÃO TENHO O DOM DA UBIQUIDADE E TENHO VÁRIOS TRABALHOS URGENTES EM CURSO POR MOTIVOS DE ORDEM FAMILIAR, NADA TENHO A ANUIR OU CONTRAPÔR.
OS MAIS ASSÍDUOS DESTE ESPAÇO, NA ACTUALIDADE, SE PRONUNCIARAM E PRONUNCIARÃO.

CURIOSA TERMINAÇÃO DO AUTOR DA IDEIA - "UM ABRAÇO SINCERO".

UM PLEONASMO, DECERTO...

POIS HAVERÁ POR AQUI ABRAÇOS, NUM SENTIDO OU NO OUTRO, QUE O NÃO SEJAM OU TENHAM SIDO, PARA ALGUÉM TER O CUIDADO DE FRISAR A SUA SINCERIDADE?

APENAS UM PEWQUENO REPARO DE QUEM REPARA NAS COISAS PEQUENAS... E QUE DÁ A DEVIDA IMPORTÂNCIA A CADA PALAVRA.

UM ABRAÇO (SÓ) PARA SI, PROF., E PARA TODOS.

Aspásia disse...

"pequeno"

Migmaia disse...

Boa Noite,

Li e reli.Reiniciei o computador. E confesso,está para lá da minha capacidade de abstracção virtual...
No entanto parece ter lógica. Pois, desconhecendo as técnicas inerentes para a execução da “loucura”, parece-me que faz sentido sistematizar e organizar as ideias mais pertinentes. O que me parece acrescer consistência ao Murcon. Evitando-se a (também saudável) dispersão que aqui sucede. E citando a meninadalua “Essa informação poderá virtuosamente criar dinâmicas de opinião mobilizadoras de ideias e quem sabe de acções a desenvolver...”
Sem querer meter-me onde não sou chamado, e dentro das minhas modestas possibilidades, subscrevo (e apoio) a sugestão.

Saudações,

disse...

mais trabalho p'ró chefe ...

Manolo Heredia disse...

É assim: quando as holdings crecem muito há que criar sub-holdings.
Lol

me disse...

- excelente ideia! com afinações para melhor operacionalização, mas prometo escrever em breve por aqui as minhas sugestões, nad acomo as TICs nestas coisas.
- fixe!fixe! - contem comigo!

mezinha

Klatuu o embuçado disse...

Ainda ninguém inventou o provérbio: «Metes-te com socialistas estás fodido.»??

Então o «grande» primeiro ministro diz que a coisa não será feita nos Hospitais Públicos????????
Ou seja, em vez das mulhers irem a Espanha... vem a Espanha para cá?????????????? Não há aconselhamento, nem psicólogo, nem assistente social, nem nada??????

Andei eu a melindrar velhas amizades por causa desta merda???? De um socialista pateta e ambicioso que apenas quis ser ele a reivindicar ter conquistado uma das velhas bandeiras da esquerda???????

Enfim!

Mas continuo a achar que lutámos por aquilo que é justo e racional!!
Não me voltemé a eleger o senhor Sócrates! Façam-me esse favor!!!

P. S. O último post de um velho senhor de Almada, homem do povo e nada burro!
http://jametinhastell.blogspot.com/

Viva disse...

Bem primeiro que tudo um bom ano de 2007 para todos vocês (eu sei atrasados mas só agora voltei)

Bem atarantada estou eu.

Bem daquilo que percebi parece-me interessante.

Quero ver se agora não estou tanto tempo sem entrar na net, assim pode ser que consiga perceber a evolução da proposta, sim porque com o tempo que me sobra não deve dar para mais nada.

Força Murcónicos.

Laura disse...

Tinha piada, Professor!
Mas era bom que os temas não fossem exclusivamente centrados no Aborto, senão os objectores de consciência não tinham voz...
Sou mais pelos traços de união, que sempre procuro em tudo por uma questão anímica: logo, sinto-me liminarmente excluída.
E não por si, mas porque não tenho por gosto estragar a festa ou simplesmente fazer guerra por prazer.
Logo, se o objecivo for continuar a militãncia do sim ( o que civicamente me parece correcto) volto cá em 2008, com pena somente por me privar da sua prosa!
Hélas, o Porto Canal que não dá em Coimbra...

(Angie)

CêTê disse...

A concretizar-se a ideia dava umas boa Sebenta!;) Mas começar por:“As causas de aborto clandestino, pós referendo” parece-me demasiado provocatório. Então o Aborto Clandestino não vai acaba? Não me digam que os nossos irmãos já roeram a corda!!!

maria estrela disse...

Se me é permitida a achega prefiro o actual modelo em que o mote é lançado pelo prof JMV.
Nos seus textos reside uma riqueza e ascendência intelectual e moral fundamental.
As reflexões a que os textos do prof. dão origem têm assim um fio condutor que, me parece, não deve ser perdido.

fiury disse...

ai cêtê

nem parece seu!))) qual corda?!
por alguma razão o prazo para reflexão e aconselhamento é dos mais curtos em vigor. se juntarmos a isso as condições do serviço nacional de saúde...se o assunto não fosse tão sério até lhe fazia um desenho...além de que para esse peditório já contribuí.agora é tempo de atacar na prevenção porque para grandes males grandes remédios.chame-lhe sebenta chame!:))))

fiury disse...

... que ainda acaba na dinamarca a dar aulas:))))

Cleopatra disse...

Acho a ideia muito engraçada, criativa e ...enriquecedora.
Mãos à obra.

Só não concordo com o bloquear comentários.

Isso tira o ar de tertúlia e tira-lhe a riqueza também.

APC disse...

Caros Professor [& all]:

Se a loucura é suficientemente louca para ter resolvido trazê-la até nós, é suficientemente louca para certos loucos a aceitarem! :-P

A ideia do Lobices também me parece bem: o Post-it murcónico como "apêndice" do Murcon, que será o pai da experiência. Os temas seriam os que fossem surgindo, desde que alguém se interessasse por trazê-los e o moderador considerasse pertinentes e com qualidade. No entanto, seria de haver comentários, uma vez que quaisquer artigos terão sempre, senão por que serem discutidos, muitas vezes por onde serem melhorados, não se devendo menosprezar a potencialidade de partilha de opinião e de crescimento colectivo que um espaço como este permite, a mon avis (i.e., "penso eu de que").

E agora um abraço! :-)