terça-feira, novembro 01, 2005

E os "culpados" pela música são...

... os suspeitos do costume: Noisy and Vic!!!!!! Yeahhhhh (como diria o Cocas dos Marretas:)))).

Lobices,
Tudo bem consigo?

33 comentários:

viktor disse...

No caso de não aparecerem os botões de escolha dos canais, por favor feche a janela do Murcon e abra uma nova, pois os botões tinham um problemazinho que já está resolvido, mas pode ter ficado na cache do browser.

Anónimo disse...

professor muito oibrigado pela musica que njos dá. tenho ouvido aqui coisas que há muito que nao ouço
obrigado

Julio Machado Vaz disse...

Anónimo (a) das 11.39,

Não me agradeça. Toda a música que se ouve há meses no Murcon se deve à amabilidade dos que aqui vêm e ainda por cima colaboram!

noiseformind disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
noiseformind disse...

Antes que me apedrejem pelo lado falacioso em termos históricos da palavra pátria, pessoal, pátria afectiva, entenda-se!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

noiseformind disse...

Oh Boss, eu ando-te a amandar mails para a box para indagar de locais do teu agrado para o repasto de 17 e nada. Será que é o errado? É que não me dá nenhum erro de envio nem nada :) é o que costumavas usar para responder aos mails para o "Amores..." Caso ande a laborar em erro tens o meu mail no meu perfil para rectificar. É que depois do estado em que deixámos o restaurante (E dos desacatos nos bares portuenses para onde o maralhal foi depois) suspeito que só nos limites do distrito é que encontraremos quem nos aceite (e Baião é tanto pátria de Camilo como de Eça, não é mau de todo)

Julio Machado Vaz disse...

Noise,
Mailei. Chegou?

Su disse...

.... isso é o q se chama dar-nos músca:):)))))))))))))eheheh
e depois a pergunta? tem nexo? tb podia ser: Bin td bem consigo?

jocas maradas

Su disse...

opssss apnhada novamente

noiseee tira sff esse rabo batido daí....assim até nos enganamos, merci mon bijoux

jocas maradas

Julio Machado Vaz disse...

Su,
É que o lobices tem andado desaparecido. Espero que por boas razões:).

Su disse...

ok pin ok

noiseformind disse...

Boss,
Chegou em perfeito estado de conservação. Nem se diria ter sido enviado por um (ilustre...) quinquagenário ; )))))

andorinha disse...

Agradeço mais uma vez aos "culpados".:)
Viktor e Noise, vocês são uns amores, são mesmo!

su,
Tu és mesmo marada.:))))))))))))))

Noise,
Que história é essa do restaurante e dos bares???
Deixámos tudo direitinho ou não fossemos nós murconianos civilizados.:)))
Mas no dia 17 podia ser noutro, sobretudo de mais fácil acesso para quem vai de Guimarães.
Já sabes que nesse aspecto sou um bocadito desorientada.:))))))))))))

Su disse...

eu sou marada andorinha , mas o noise , repara bem se tb não o é..olha só para aquele rabo batido q me dá nervos....além disso o lobo tá bem, e o bin tb
jocas maradas

Su disse...

e é spre a combinar jantares ... sem dar tpo para gente como eu:)))eu tb vou de avião..daaaaaaaaaaaaa
ehehehehe
jocas maradas

andorinha disse...

su,
Eu acho que nós os três somos marados, é por isso que nos entendemos bem.:)))

E quanto a jantares tens tempo, é só dia 17 de Dezembro. Não queres aparecer? (Tou a falar a sério)
jocas maradas

noiseformind disse...

Nós marados??????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????
Que tipo de calúnia foi essa Andorinha e Su? Eu tomo METADE do vosso lítio portanto quando muito posso ser chamado um amigo remotamente marado ; ))))))))))) looooooooooooool looooooooooooool looooooool
E além disso passo menos tempo na solitária ; )))))))))))

UGAJU disse...

Música? Murcon, você não faz outra coisa...

Anónimo disse...

Existe um país onde um cidadão de 81 anos depois de ter cumprido 10 anos de mandato como Presidente da República e de ter estado 10 anos de molho decide candidatar-se novamente para salvar o país de um fantasma, passando por cima de um amigo de longa data.

Existe um país onde três candidatos autárquicos com fortes probabilidades de vencer estão indiciados por processos fraudulentos e uma outra candidata a candidata com mandato de prisão emitido e foragida no Brasil, tem toda a cidade a aguardá-la tal qual D.Sebastião.

Existe um país onde o único escritor galardoado com o prémio Nobel da Literatura vive no país vizinho.

Existe um país de onde é oriundo aquele que é considerado o melhor treinador de futebol da actualidade, cujo seleccionador nacional é estrangeiro.

Existe um país onde o maior sucesso nacional do ano é um disco de originais de um músico que morreu há quinze anos.

Existe um país onde os dois guarda-redes da selecção nacional são suplentes de dois guarda-redes da mesma nacionalidade nos respectivos clubes.

Existe um país onde o nome da mascote do principal evento desportivo alguma vez organizado começa por uma letra (k) que não faz parte do seu alfabeto.

Existe um país que só gosta dele próprio e da sua bandeira quando vem alguém de fora jurar a pés juntos que somos bons.

Esse país estranho é o meu país...

lobices disse...

...Caro Profe Júlio:
...diariamente passo por aqui; leio, rio-me um pouco, sorrio mas, principalmente, medito...
...medito em tudo o que tem sido dito em suaves tons ou gritantes sons...
...e os temas que têm sido debatidos "fogem" à minha apetência "literária" para os comentar...
...felizmente, não existe razão alguma para não o fazer mas não tenho tido a chamada "musa" para o fazer; inclusivé, no meu próprio blog, a "produção" tem sido escassa
...é o tempo, é a vida, são as limitações que nos coartam, na maior parte das vezes a vontade de efectuar muitas coisas; então, nessas alturas agarramo-nos com todas as nossas forças à única razão que nos dá alento para prosseguir: estou a viver um desses momentos e estou a agarrar-me a ele com todas as forças da minha Alma e do meu corpo, claro
...daí que, a minha atenção se "vire" mais para essa via e me retire dos itinerários complementares :)))
...não é falta de amor por todos vós, por todos os que aqui estão, por todos aqueles que apelidados foram de "murcónicos"; eu sou um deles com muito gosto e muita honra :)
...é mais a tal outra via que me está a preencher com imensa força e a dar-me o alento que tanta falta me estava a fazer...
...amar é, sem dúvida, o caminho
...prometo voltar
...um abraço respeitoso ao amigo Júlio e a todos os outros os meus abreijos
...como de costume, desculpem, lá o carrancudo bold

gonçalo disse...

Ouvi hoje o regresso do "O amor é..." na Antena 1. Valeu a pena esperar! O tema foram os "amores mortos", a sua idealização, a tendência inconsciente para "infernizar" quem está connosco no presente, usando o passado ou antecipando o futuro. Para quem vem habitualmente ao Murcon, o tema não é novo e já foi discutido mais do que uma vez, o que não lhe retira importância, muito menos interesse.

Mas, deixem-me ir ao acessório, que diabo! - também tenho direito... - até porque por vezes o acessório pode ser essencial. Quando ouvi o anúncio do regresso do Prof. JMV à Antena 1 percebi que o António Macedo iria ser substituído por uma senhora chamada Ana Mesquita. Com franqueza, não sei quem é((. Lamento a ausência do Macedo, mas devo confessar que adorei a voz da Ana, muito sensual((((((. Faço votos sinceros para que esteja à altura da sua voz(((((...a Ana, claro...

Nuno disse...

Como curiosidade,
para quem não conhece este interessante blog http://eroticidades.blogspot.com/ a autora publicou agora um livro onde na capa faz referência ao murcon e sua suposta utilidade para o camões se este fosse vivo:):)

Semiramis disse...

Para os Dj's com dois beijinhos:

http://www.anos60.com/brasil/chico_buarque/Chico_Buarque_Fado_Tropical.wma

Chico Buarque - Ruy Guerra/1972-1973
Para a peça Calabarr de Chico Buarque e Ruy Guerra

FADO TROPICAL

Oh, musa do meu fado
Oh, minha mãe gentil
Te deixo consternado
No primeiro abril
Mas não sê tão ingrata
Não esquece quem te amou
E em tua densa mata
Se perdeu e se encontrou
Ai, esta terra ainda vai cumprir seu ideal
Ainda vai tornar-se um imenso Portugal

"Sabe, no fundo eu sou um sentimental
Todos nós herdamos no sangue lusitano uma boa dose de lirismo...(além da
sífilis, é claro)*
Mesmo quando as minhas mãos estão ocupadas em torturar, esganar, trucidar
Meu coração fecha os olhos e sinceramente chora..."


Com avencas na caatinga
Alecrins no canavial
Licores na moringa
Um vinho tropical
E a linda mulata
Com rendas do Alentejo
De quem numa bravata
Arrebato um beijo
Ai, esta terra ainda vai cumprir seu ideal
Ainda vai tornar-se um imenso Portugal


"Meu coração tem um sereno jeito
E as minhas mãos o golpe duro e presto
De tal maneira que, depois de feito
Desencontrado, eu mesmo me contesto


Se trago as mãos distantes do meu peito
É que há distância entre intenção e gesto
E se o meu coração nas mãos estreito
Me assombra a súbita impressão de incesto


Quando me encontro no calor da luta
Ostento a aguda empunhadora à proa
Mas o meu peito se desabotoa


E se a sentença se anuncia bruta
Mais que depressa a mão cega executa
Pois que senão o coração perdoa..."


Guitarras e sanfonas
Jasmins, coqueiros, fontes
Sardinhas, mandioca
Num suave azulejo
E o rio Amazonas
Que corre Trás-os-Montes
E numa pororoca
Deságua no Tejo
Ai, esta terra ainda vai cumprir seu ideal
Ainda vai tornar-se um imenso Portugal
Ai, esta terra ainda vai cumprir seu ideal
Ainda vai tornar-se um império colonial


* a maleita foi cortada pela censura.

Cláudia disse...

NOISE e VIKTOR,

Parabéns e obrigada pelo grande som. Não apetece sair daqui...:))))

PROFESSOR,

"Os Suspeitos do Costume"...Grande filme, na minha opinião, com um papel fantástico do Kevin Spacey... E os Marretas... que saudades!

LOBICES,

ainda bem que amar continua a ser o caminho. ;)))

Beijinhos grandes para todos ***

moon disse...

Professor, ontem a sua quadra literalmentee "arrumou" comigo. De repente, achei que falava mais de vida do que de morte... Não "aguentei", cama! Mas o sono teimou em não vir... E as palavras ali a bailar...Já passou.

Noise e Viktor: Novamente grata ;))))).

Lobices: É bom vê-lo por aqui. Ando em falta para consigo. Foi o primeiro a publicar um comentário no meu Blog (quando existia, porque na ânsia de me "desblogar", asneirei e dei cabo dele) e nunca cheguei a agradecer a simpatia. Tentei no seu Blog (no dia de aniversário da sua filhota) mas não me "deixou" publicar nada não entendi porquê. Voltei a tentar e nada. Desisti.
Aqui fica a minha gratidão. Um sorriso para si!

Uma boa tarde para todos.

Jorge disse...

anda a circular pela net este email:
A Análise do poema de uma aluna de 16 anos, Maria Moraes da Escola da Rinchoa (Portugal) foi a seguinte:

"Ah Camões!
Se vivesses hoje em dia
Tomavas uns anti-piréticos
Uns quantos analgésicos
E Prozac para a depressão
Compravas um computador
Consultavas a página do Murcon
E descobririas
Que essas dores que sentias
Esses calores que te abrasavam
Essas mudanças de humor repentinas
Esses desatinos sem nexo
Não eram feridas de amor
Mas somente falta de sexo."

entretanto já encontrei na net uma variante que atribui a aluna a uma escola estadual Professor José Liberatti

achei engraçado colocar aqui devido à referencia a este blog.

Jorge disse...

falhou dizer que o poema supostamente é este:
"Amor é fogo que arde sem se ver;
É ferida que dói e não se sente;
É um contentamento descontente;
É dor que desatina sem doer"

Anónimo disse...

E esse poema, da dita aluna, merece destaque de capa no livro da Encandescente (como refere lá em cima, o Nuno Gongalves).

Anónimo disse...

Perdão: Gonçalves

Ameninadalua disse...

Noise (1 Novembro 4:04)

E eu a pensar que passava despercebida...:)))
Claro que tens toda a razão! eu apenas enunciei uma possivel receita e o pior é mesmo concretizá-la, até porque como referiu a Andorinha e o Fora de Lei:-cada caso é um caso. Contudo parece-me que se volta um pouco ao mesmo; amar faz milagres e respeitar os outros tambem faz abrir corações. O lobices que hoje nos visitou, tem dado imensas pistas no sentido de vermos a vida duma forma positiva,com verdade e em que acreditar é sempre possivel.
Já sei que a minha resposta não te satisfaz ...pois é! mas olha que não és só tu, andamos todos à procura de aprender a viver a melhor maneira de conseguirmos ao mesmo tempo, viver bem connosco próprios e com os outros.:)))

alexandre disse...

Aquele a quem amo é o mais puro reflexo da Natureza.
Suas mãos são fortes como a tempestade e tão suaves como a brisa do mar.
Seus olhos assemelham-se a grandes pedras preciosas,
Dois raros diamantes negros,
Se fosse usurpador, tê-los-ia já roubado,
guardados em meus tesouros, admirá-los a todo tempo.

Se fosse usurpador, ter-te-ia roubado inteiro,
Tu, por inteiro, és preciosidade.

Tua boca, amado meu, causa de inveja ao mais vermelho entardecer,
Quero tê-la sobre a minha, fusão a ti de minha efusão por teu amor.
Teu tronco, armação do mais nobre mármore, é como um jardim,
Plantação de flores, aromas sutis,
Repouso em que o cansaço de minha cabeça deseja descansar.
Tuas pernas, as plantas dos teus pés, fincados ao chão,
Suspensos sobre a terra, não andam, flutuam,
Pois que tu és ser angelical,
A mais fiel descrição da beleza.

A tua voz navega no éter como as aves, que se calam,
Ao te ouvirem dizer o que elas nem sequer sonham cantar;
É assim, tu não falas, cantas,
Cantas os mais belos cantares,
Calas os mais altos sons;
Os instrumentos musicais se curvam ante a ti.
Fala comigo, meu amor, meu amigo!

Os deuses, estátuas e heróis gregos não se comparam a ti,
Antes, oferecem nos teus altares os seus incensos.
Eros não conseguiu fazer que tu me olhasses,
Afrodite também tentou te amar,
E até ela tu fizeste naufragar no oceano turvo das paixões;
Pois tu és mais que Adônis, és mais que Apolo,
És os reflexo da Natureza,
És o amor em essência e pureza.

Em ti correm rios; por ti correm lágrimas.
Em ti voam pássaros; por amor a ti voam pensamentos.
Exalam-se de ti risos;... "eflui" de mim o chorar.

Nasceste feito árvore, de semente pequena, te tornaste grande;
Imenso, ocupas os espaços de minha mente.
Nasceste com o nascer da década, nasci ao teu encalço depois;
Pouco tempo é tanto tempo;
Tanto tempo custou te encontrar,
Muito tempo, sei, vai demorar:
Esquecer-te... Transformar-te em memória.
Tratando do tempo, um segundo ao teu lado,
Foi para mim eternidade de glória!

Reflexo da Natureza, extrema harmonia,
Ah, como eu gostaria...
De sentir o teu perfume noturno,
Teu mau cheiro normal de tua humanidade,
tu também és humano,
O mais belo e bom entre todos.
És amor, mas sei que, como todos, és também furor.
(Estes versos te enfurecem?)

Cheguei tarde ao teu encontro,
Alma mais veloz cruzou teu caminho, (cruzou?)...
Estás encaminhado em teu destino, (estás?)...
Já encontraste tua direção, (já?)...
Cheguei tarde. Cheguei tarde! Cheguei tarde?

Reflexo da Natureza, água cristalina que mataria,
Mataria a sede do morto que a ti se declara.
Teu nome não deve ser pronunciado,
As divindades não devem ter nome perante os mortais;
Morte e vida... não escolho nenhuma;
Escolhi a ti, mas, quem escolhe,
Sangra por não ser escolhido.

Encontro-me perdido em tua floresta,
Há três caminhos a seguir:
Viver sem ti, morrer sem ti, morrer por ti...
É isto, sou também da Natureza,
Mudei minha idéia,
Morrerei, tornar-me-ei pó,
Poeira ao vento que vai em tua direção,
E me encontrarei contigo em teu corpo,
Enfim estarei sobre ti, sobre:
A maravilha criada; o filho, o reflexo da Natureza,
A mais pura, doce e suave beleza,
Aquele a quem amo!

Anónimo disse...

Casamento gay na Arábia Saudita

Na Arábia Saudita também já há casamentos gay. Ainda no passado mês de Março decorreu mais um casamento gay neste país islâmicio. Porém, ao que parece, nem tudo correu bem: Os 105 convidados do casamento foram todos detidos e condenados a um ano de prisão. 35 deles foram condenados, como pena acessória, a ser chicoteados. Em alguns casos, o número de chicotadas chegou aos 2000.
Se essa lei se aplicasse cá a maioria dos políticos andava com as costas marcadas, durante o ano todo!

Este artigo teve a aprovação do Exmo. Comandante Guélas
Viva o Comandante Guélas
www.riapa.pt.to

katraponga disse...

Carrancudo é não ter o Boldices por aqui... :)