sábado, maio 27, 2006

Belo ponto de partida para a discussão.

"A sociedade contemporânea, individualista e céptica, resiste à intromissão do Estado na cama (e na morte) de cada um. Empurrar a direita portuguesa para essa cruzada serviria apenas para a desfazer e dar à esquerda a causa que lhe falta"
Vasco Pulido Valente, PÚBLICO, 27-5-2006

12 comentários:

Fora-de-Lei disse...

Quantos whiskies terão estado na base deste "pensamento"...? ;-))

noiseformind disse...

COMO SE VÊ NESTA NOTÍCIA, COM A RETOMA QUE JÁ ESTÁ A COMEÇAR, O DEBATE IDEOLÓGICO VAI COMEÇAR A ESFRIAR

Lusco_Fusco disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Lusco_Fusco disse...

disse...
Professor
Acho que vai gostar do modo como o apresentam numa certa feira do livro :))))
Veja este site ;-)
http://www.cm-vminho.pt/files/29/2984.pdf

Um abraço
MJ


PS Isto de escrever á moda do norte fere retinas, tive de excluir o comentário :)))

Angie disse...

Professor: então serve-nos uma iguaria destas e passa logo ao prato seguinte?
Sem nos dar tempo para falar disto?!
It's an injustice, it is.

CêTê disse...

FDL,
LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL

E depois de ter lido o post de cima apetece-me perguntar: afinal quem são os de Esquerda? Até já tenho saudados dos discursos (ainda que em vinil) do camarada Alvaro Tiago

apoucar disse...

Permita-m euma correcção, nessa coisa de o Estado não se não se meter na morte de cada um.

É que neste momento, deve ser o sitio onde o Estado se mete mais!

Veja a proibição do suicídio, da eutanásia....

Era bom que não se metesse,sim...

thorazine disse...

Pergunto-me eu se o Deus que considera que a vida é sagrada e não poderá ser tirada por um mero humano (no caso do aborto e da eutanásia) não considerará a morte também. Porque é que um mero humano, aos olhos deste Deus, pode prolongar a vida de um ser humano com técnicas medicinais? Porque talvez seja do interesse das autoridades religiosas viver!

Há quanto tempo é que Deus não fala com os Humanos? Desde a primeira páscoa, presumo. Então como é que as autoridades religiosas receberam "aprovação" nas técnicas médicas e "censura" em técnicas de terminio voluntário da vida?

Porque é que para tirar a vida está Deus, e só Deus. Mas para a prolongar mesmo o sucessor de S. Pedro recorreu "aos melhores médicos do mundo"!

Acho que era esta a minha questão que faria ao papa se tivesse oportunidade de lhe falar, em vez da típica "achas que Deus existe?"! :)))

thorazine disse...

Agora pergunto, só, se "pergunto-me eu" é um pleonasmo? :))

apoucar disse...

thorazine

Pois gostava de ter sido eu a escrever isso assim...

Assino por baixo.

thorazine disse...

E na altura da morte do Sumo Pontífice surgiu-me a questão qual o espanto do pobre homem se ao chegar "lá cima" se deparava com Alla, e era julgado com 20 virgens por ter liderado uma das maiores seitas de "pecadores" da sociedade do séc XX!

Não quero aqui ofender crentes, simplesmente demonstro a minha tolerância religiosa dando o benificio da dúcida a outras religiões! :)

Lisbatofanes disse...

Deviam dar ao Vasquinho uma reforma milionária,e estadia nas ilhas Virgens...
Longe daqui...
intromissão do Estado na cama...

Fantasias provávelmente Socráticas...
falar da morte de mansinho, entre aspas..

O estado da cama, o corpo amolecido, "morto", e uma cabeça que ainda imagina direitas e esquerdas de antigamente...

Alzeimiano (ou Limiano), no mínimo...